Sou safada parte 2

12-08-18 Por 1 ★ 4.50

Ola a todos-hoje vou dar continuidade a 2ª parte do que se passou comigo e meu vizinho, um senhor de 50 anos que me comeu qdo eu tinha apenas 10 anos de idade e que me transformou na puta que sou hoje- qdo ele disse que tinha um amigo que queria me conhecer e que me daria muitos presentes se eu fosse boazinha, eu não tive duvidas, aceitei.- ele então me disse que eu jamais poderia falar com ninguem o que a gente estava fazendo e, nem mesmo com minhas amiguinhas eu poderia comentar.Qdo concordei ele falou que eu deveria ir na casa dele logo mais a noite para conhecer o amigo. As sete horas la estava eu, com medo e ao mesmo tempo curiosa- mais eles logo começaram a me mostrar o tanto de dinheiro que iriam me dar se eu fosse boazinha, e logo me esqueci do medo e me sentei no colo daquele velho gordo que queria me comer. Ele logo pediu pra que eu mostrasse minha xana pra ele e tbm o tamanho dos meu peitinhos. Tirei a roupa e deixei ele examinar tudo. Ele pediu pra que eu me sentasse novamente no seu colo e então senti que ele tinha o pau duro entre as minhas pernas. Gostei do calor e da sensação gostosa que estava sentindo, apesar de ainda ter tudo dolorido depois de ter sido fudida com violencia pelo caralho do meu vizinho. O vizinho ja estava com o pau duro e dizia que queria ver se eu era mesmo boazinha- mandou me deixar o seu amigo dar uma mamadinha em meus limõeszinho e ele disse que iria coloca los inteirinhos na boca, dai começaram a me mamar me chupar e a sussurar o qto era bom morder meu grelinho e nisso um metia o pau na minha boca e dizia me mama putinha do papai, vai mama gostoso, deixa eu encher sua boca com meu leitinho vai.. Apesar de n-ao conseguir colocar todo aquele pau na boca eu ia mamando naquela cabeçona enorme, enquanto o outro me mordia o grelo e metia o dedo na minha xaninha. Qdo viram que eu ja estava bem relaxada me colocaram de quatro e veio um com a rola e meteu na minha boca e o outro foi metendo na minha xota. Estava doendo e eu comecei a gemer de dor, eles pensavam que eu estava gostando e me chamavam de putinha gostosa e me apertavam os peitinhos. Eles ja estavam gozando e eu estava chorando de dor, pois ainda sentia tudo arder do dia anterior quando o meu vizinho me tirou o cabaço. Eles me levantaram e me mandaram ir lavar a xota e voltar pra me darem algo melhor ainda, então fui e qdo voltei os dois estavam tocando uma punheta e disseram que estavam preparando pra me comerem direito, porque até então só estavam brincando. Eu disse que eles tinham o pau muito grande e eu não aguentava deixar eles me meterem de novo porque minha xana estava doendo- meu vizinho foi buscar xilocaína e me passou com o dedo na buceta e no meu cu, e ai eu tive medo ao perceber a intenção deles, queriam meter na xana e no meu cu ao mesmo tempo, e um se deitou e me mandou sentar na rola dele, fiquei com medo mais mesmo assim fui devagarinho, como ja estava anestésiada não senti muita dor,e com ele forçando os meus quadris logo eu ja tinha aquela rola toda dentro da minha xana-ele me dizia- rebola nesse caralho bem gostoso que eu te dou 50 cruzeiros, e eu toda desajeitada ia rebolando naquele pau, tava doendo mais tava bom. Eu voltei a sangrar e ele ficou eufórico e dizia que meu himém era elastico, pois estava sangrando de novo- o outro ficou em pé na minha frente e meteu a rola na minha boca e me mandou passar a lingua na cabeça do pau pra lubrificar pois ele iria me meter no cu, fiquei com medo e pedi pra le não fazer aquilo porque tava doendo e eu estava com medo. Ele disse calma que eu só coloco a cabeça ta bom? Concordei e ele foi logo se posicionar atras de mim, foi colocando devagariho e eu pedi pra parar pois eu não podia com os dois, nisso ele me tapa a boca e da uma cutucada bem forte que faz desmaiar de tanta dor, qdo eu voltei a mimestavam os dois me bombando sem parar e dizendo pra mim gozar, tentei esquecer a dor mais era impossivel e eu fiquei quieta enquanto eles trocavam de lugar e continuavam a me comer. Nesse dia eu senti que que não era bom fuder e queria ir embora, mais depois que me lavei e vesti a roupa eles me deram dinheiro e ficaram me dando beijinhos. Disseram que eu não podia falar com ninguem e que no dia seguinte me dariam mais dinheiro, concordei e fui embora toda ardida e inchada, tinha a xana e o cu todos arrombadas por aqueles 2 velhos sacanas. Durante a noite fiquei em casa e nem sai pra brincar com a turma, e no dia seguinte eu nem fui pra escola, disse em casa que estava com dor de cabeça. A tardezinha o vizinho me chamou e pediu pra que fosse la lavar as louças, fui e ele ficou me bulinando e queria me comer de novo-como eu disse que não aguentava ele me deu o pau pra eu mamar e gozou na minha boca. Me deu mais dinheiro e eu fui pra casa e fiquei 3 dias sem ir la na casa dele. Passei sumo de mastrus nas partes machucadas e esperei desinchar pra começar a ir la de novo fuder com ele. E depois eu ja estava com tesão mesmo era no garoto de 16 anos que brincava com a turma a noite de pique esconde. Fiquei a fim de dar pra ele e comecei a me esconder junto com ele só pra me esfregar nele enquanto brincavamos. Depois eu conto pra vcs a cena de ciumes do meu vizinho qdo me viu brincando com o menino que eu tava a fim.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,50 de 20 votos)

Por

1 comentário

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos

  1. Yan

    Que delícia Kkkkk sem juízo mais gostoso