Pessôa doente

Autor

Continua. Sou um pedófilo .
Depois daquele dia Val já não brincava mais no meu sítio ,e quando ia nadar dava a volta pela rua de terra .
Eu pôr um lado tinha gostado pela minha tara na Camila não .eu então. Comecei a olhar elas de longe com um binóculo quando elas estavam no lago eu espreitar me escondendo em uma pedra e de lá tinha uma bela visão da Camila .
com o passar do tempo em uma noite estreladas eu estava voltando para casa quando ao passar pela casa delas parei e olhando de dentro do carro com o binóculo vi elas brincando na parte superior da casa ,era ali o quarto delas ,é olhando em frente vi que era na direção da minha casa .
Voltei para casa correndo de lá procurei um ângulo que desse para ver o quarto ,mais não tinha era muito baixo quando olhando para cima me lembrei do sótão .
Subi como um louco no meio de tanta tranqueira.
De uma janelinha dava pra ver a casa delas só que o binóculo não dava um boa visão mais mesmo assim fiquei tentando ,foi quando eu me lembro que eu tinha um telescópio antigo que eu usava para ver as meninas dos prédios vizinhos quando morava em SP .
Fuçando achei e lá tava eu de volta e quando olhei deu pra ver elas perfeita alí no quadro delas .
E assim começa mais uma vez tava eu passando noites olhando elas .
Já fazia tempo que não tinha mais vida própria estava vivendo em função da minha doença.
Mesmo assim eu procurava me manter a uma distância segura para mim e pra elas .
Mais parece que o mundo conspira contra ti.
Em uma destas noite eu olhando as meninas só de camisola né deliciando nas pequenas curva da Camila eu noto um movimento estranho na parte de baixo da casa .
Eu voltando minha atenção alí percebi que 3 homem entrou aiter notei que tinha alguém caído no chão era o pai das meninas e deu pra ver quanto 2 deles agarrarem a mãe .
desci correndo com a intenção de interferir mais o bom senso falou mais alto e telefonei para polícia.
Depois voltei para o sótão e quando vejo o homem que tava procurando algo encontro às meninas deu pra ver que a Camila não parava de chorar foi então que este homem que na verdade não passava de um rapaz jogo a Camila em uma porta que devia ser o banheiro e pegou a Val ee puxando para cama tirou sua roupa rasgando e deixando ela nua .
E começou a estuprar ela ,confesso que né sinto envergonhado ,sujo e o pior ser da terra ,mais senti tensão vendo ela ser possuída assim é por incrível que pareça eu comecei a bater um punheta .
Não demorou muito eu gozei ,mais depois de gozar me deu uma depressão .eu nãoaguentava nem pensar no que tinha feito .
Nisto chegou a polícia mais a Val fico ali sendo violada por cerca de 30 minutos e eu nada fiz i melhor fiz aquela atrocidade de gozar está barbárie.
Então fui correndo para lá o policial pergunto se foi eu quem denuncio eu disse que sim.
Quando eu entro vi a mãe TD machucada e o homem caído era mesmo o pai .nisto desce da parte de cima Val embrulhada em um lenço tava TD roxa e a pequena Camila desesperada.
Veio uma ambulância buscar a família misto a mãe desesperada me agradece pôr tela ajudado e me pediu um favor se desse para eu cuidar da Camila está noite pois não queira levar ela pro hospital e assim foi ela que escapou dos estupradores caiu na minha mão a de um pedófilo.
Tentei não aceita mais não deu e eu levei ela pra casa no colo a coitada se agarra em mim TD suja tinha mixado de medo, pedi para ela tomar um banho para aliviar a tensão ela não queria ficar sozinha e eu acabei tendo que dar banho nela.
Eu quando tirei a camisola suja e vi ela TD nua ali foi eu que passei um aberto tendo que passar a mão naquele corpinho na hora meu pau levantou tava doendo de tanto tensão.
Depois levei para meu quarto onde terei deixa ela .
Mas ela disse ,não quero ficar sozinha tio deita comigo .
E eu fiquei ali com ela até dormir foi quando sem perceber eu estava passando a mão em seu corpinho e já tava na admirando sua xixotinha .
Me sentindo sujo sai e fiquei na sala até o dia amanhecer .

Graças a deus aguentei está noite de aprovação.