Virando corno

Olá, tenho 23 anos, formado em administração e atualmente trabalhando com eventos empresariais em Belo Horizonte.
sou Victor e minha namorada Patricia de 18 anos (nomes fictício) para ficar no anonimato.
Fui convidado para organizar um um evento de 4 dias em um hotel que tinha acabado de ser inaugurado.
Ia precisar de 12 meninas para a recepção e dentre elas minha namorada.
No 1° dia vi que um coroa ficava de olhos na minha namorada e em um momento foi conversar com ela e vi que o papo tava bom, eles riam e pereciam felizes.
A tarde nada comentei sobre o homem que ela estava de conversa, queria ver onde isso ia dar.
No outro dia novamente vejo os dois conversando mas a seguir chega outro homem, também coroa mas esse era um negro grande e forte, parecia aqueles jogadores de basquete.
O homem anterior era mais claro, uma boa barriga e careca.
Durante o intervalo eles ficaram juntos e a conversa fluía muito bem.
Tive uma ideia, ia arma uma jogada para ver até onde aquilo ia chegar.
Como o hotel tinha acabado de inaugurar na parte mais alta algumas suítes ainda faltavam coisa para serem liberados para os hospedes.
O gerente me ofertou um desses, que suite grande, tinha quase tudo só faltava mesmo ligar a energia e uns toques.
Disse para minha namorada que no outro dia a tarde eu teria que fazer umas coisas externas e só voltaria as 18 horas, no final do evento e durante a tarde ela poderia descansar na suite.
Logo apôs o almoço eu fingir que sai e entrei pela garagem e fiquei na suite em uma ante sala que dava para ver o quarto todinho.
Fechei a porta de ligação e subi em uma mesa de trabalho, afastei um bloco de gesso para ver melhor.
Não demorou muito e vi minha namorada chegando, ela foi logo tirando a roupa e indo tomar banho, se assustou no inicio, afinal não tinha energia e a água estava fria.
Apôs o banho a safada tirou da bolsa uma calcinha vermelha e um sutian rosa e vestiu, ficou um tesão.
Passados alguns minutos os dois coroas chegaram e foram logo pra cima dela com vontade.
Tiraram a roupa e a safada caiu de boca nas pirocas deles, e que pirocas, as duas eram enorme.
Durante umas duas horas minha namorada foi fodida de tudo que é jeito, chupou, deu a buceta, deu o cu e ainda fez DP.
Tadinha, ficou arrombada e cansada de tanto levar rola.
Antes deles irem embora ela ainda fez um boquete duplo, os dois esporram na boca e ela engoliu tudinho.
Só para terminar, eu toquei umas 3 punheta vendo aquilo.
Esperei eles saírem e sai também, apareci no salão como se estivesse chegado naquele momento.
Minha namorada tava muito cansada, me pediu logo para a levar em casa.
Depois disso descobri que a vadia gosta de coroa, já deu para o tio, o amigo do pai e até para um cantor de forró.
Continuo corno e feliz.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 2,00 de 1 votos)
Loading...