# # #

Sendo abusada pelo o sobrinho P2 & P3

983 palavras | 10 |3.86
Por

Gente ele não tinha piedade de me e me torturava mesmo eu só queria saber que dvd era este que meu irmão tinha guardado

Oi sou a Lê uma puta safada gorda e com um bucetão.
Continuando a história, toda segunda, quarta e sexta, meu pai leva minha mãe no médico e o sítio fica só para eu e meu sobrinho. Como tinha falado antes a gente tinha construído a nossa casinha no meio do mato, quando meu pai foi novamente para o hospital com minha mãe meu sobrinho disse que era para a gente ir para nossa casinha se não eu já sabia o que iria acontecer.
Gente quando eu cheguei lá ele mandou eu ficar ajoelhada para chupar ele, fiz prontamente, não queria ser descobertar e a situação já tava me dando um pouco de tesão, fiz como ele mandou, quando ele colocou a rola para fora, parecia que ele não lava ela a uns dias, juro gente tava bastante fedida, foi quando ele olhou para me e perguntou se eu não ia chupar, gente ele deu uns tapas na minha cara e colou ela na minha boca e disse que hj eu iria a prender a ser a putinha dele.
Eu fiquei chupando por mais de dez minutos, foi quando eu senti um líquido quente na minha boca, acho que era gozo, mas depois disso ele começou a mijar e mandou eu engolir, era eu bebendo aquele líquido e ele me batendo. E ele me chama de tudo que era nome, quando ele parou de mijar disse que a surpresa maior ainda tava por vir, foi quando ele deitou no chão e abriu as pernas, gente ele tinha cagando e não tinha limpado, aquilo me deixou gelada da cabeça aos pés.
Foi quando ele perguntou o que eu estava esperando, era para eu limpar ele, mas com a boca, senti tanto, mas tanto nojo que quase vomitei, foi quando ele pegou a faca que ele sempre andava com ele e disse que me mataria se eu vomitasse ou não limpasse ele, chorei bastante e fui limpar ele, a merda era salgada, azeda e amarga, nunca senti tanto nojo e ele rindo.
Quando eu terminei ele disse que eu teria que me acostumar, pois além de beber mijo eu teria que limpar o cu dele cheio de merda. Era muito humilhante, mas de certo modo me dava muito tesão e eu era tão novinha, até uns anos atrás eu me ligava muito e sentia muita culpa por isso, mas hj eu entendo perfeitamente que o que ele fez comigo foi mais que certo e que eu merecia mais, afinal não passo de uma cadela que merece ser usada.

Parte 3

Quando eu estava me acostumando a ser sua putinha ele teve que ir embora, mas antes ele me fez sofrer muito

Oi sou a Le sou uma mulher gorda, preta e bucetuda.
Meu sobrinho sempre foi um sádico de primeira, ele me fazia de papel higiênico e de puta a toda hora que a gente estava só. Quando a gente tava na nossa casinha ele me mandava chupar ele e beber seu mijo, mas para me a pior parte ela lamber o cu dele cheio de merda. Porém teve um dia que ele trouxe uma garrafa cheia de xixi e disse que era para eu beber até a última gota, obedeci seria mente. O gosto era diferente do dele o cheiro também, enquanto eu bebia ele me beliscava e mordia meu corpo e batia bastante. No fim ele disse que o mijonera das vacas que meu pai criava, quase vomitei foi quando ele mandou eu deitar e empinar a bunda, gente ele meteu o pau dele no meu cu sem dó nem piedade e mijou dentro, quando ele tirou mandou eu aperta o cu e começou a bater na minha buceta com um pau depois de três pauladas bem forte não aguentei e soitei tudo, lembro dele rindo loucamente. Depois disso e adorava mandar eu ficar colocando coisas na minha buceta e sair andando. Dois bastante por não ter lubrificante e nem preparação alguma, nesta época me sentia a pior das cadelas, mas ele amava me humilhar.
Sei que neste meio tempo em que era a escrava dele ele chamou um amigo mais velho que nós dói e deficiente par me comer, gente neste dia foi judiação, ele tinha 15 e me comeu sem dó e o pau dele era grande demais, sei que Fernando pediu para ele mijar dentro do meu cu e depois chutou minha barriga, foi merda e mijo para todo lado e eles rindo, neste dia ele até me comeram juntos e o Fábio que era o amigo, me enforcou colocando o seu cu no meu rosto. Passei uma semana doente.
Depois desse dia eu e meu sobrinho só ficamos mais uma vez, neste dia ele me comeu bem direitinho, mijou na minha garganta, tive que limpar o cu dele, teve mijo no meu cu, minha buceta ficou inchada de tanta paulada e meu picos do peito em carne viva o que ele pode fazer para judiar de me ele fez , pois no outro dia ele teve que ir embora, pois meu irmão tava devendo agiota, ele foi morar em SP nunca mais a gente se falou e logo quando ele fez 12 morreu, tava vendo droga.
Sempre me senti muito culpada, por tudo o que ele fez comigo e por eu ter deixado e de certo modo gostado. Nunca entendi como crianças podem sentir tanto tesão e serem tão perversas. Algum de vcs já passaram por uma experiência parecida? Será que ainda encontro um mestre que me queira, mesmo depois de descobri está história?
Juro que não foi inventado tudo foi verdade do começo ao fim.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,86 de 7 votos)

Por # # #
Comente e avalie para incentivar o autor

10 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Alex 1 ID:on93s5mzr9

    Diga de onde mora é se tem email ou endereço de rede social deixe pare de ser uma gorda que de esquece fácil se coisas importantes.
    No próximo conto eu quero ver seu endereço gorda pretinha ví no seu primeiro conto que é negra então seja uma menina é não erre da próxima certo

  • Responder Mestre ID:2ql04gcd0

    Tem email gorda

  • Responder Sub_gorda ID:3ij1za54zrd

    Que delícia, vc iria bater o leite de outros machos na minha buceta

    • MULATO PAUZUDO ID:6stwyke20b

      Minha princesa. Se você fosse minha esposa.
      Você seria tratada como uma rainha. Eu te daria de tudo. O que você me pedisse.
      Roupas carro joias. Enfim tudo que uma mulher deseja.
      Mas em troca você teria que ser minha putinha.
      Você teria que me satisfazer de todas as formas
      Você teria que dar a sua bucetona pra um monte de machos . E teria que deixar eles gozar na sua bucetona.
      Todas as noites eu ia trazer homens pra casa pra ti comer.
      Você teria que dar pra qualquer um.
      Eu tenho uma fantasia.
      Desejo assistir uma mulher sendo estuprada por varios moradores de rua.
      Gordinha putinha tô tarado por você.

    • TELEGRAM: cafajeste000 ID:17c8ep04lcmx

      Chama no telegram pra ser usada puta,já q tu é do Maranhão

  • Responder Alex 1 ID:on93s5mzr9

    Oi cadela gorda que bom que vou tou a escrever onde esta seus endereços quero falar como você esto interessado em fazer você de escrava

  • Responder MULATO PAUZUDO ID:6stwyke20b

    Safada bucetuda você me deixa louco com seus contos. Meu pau tá babando de tesao sua putinha.
    Tô batendo uma punheta pensando nessa sua bucetona. Meu pauzao preto tá muito duro.
    Se você fosse minha esposinha, eu faria de tudo pra você ser a esposa mais feliz do mundo.
    Daria a você tudo o que você quisesse.
    Inclusive um monte de machos pauzudos.
    Eu arrumaria um monte de macho pra foder a sua bucetona e o seu cuzao.
    Eu ficaria assistindo . E depois que o macho gozasse na sua buceta eu ia ti foder cheia de gala do outro macho.
    Eu levaria você pra fazer gang bang. Com varios homens .
    Minha putinha gordinha safada.

    • Oliveira ID:ona23enxij

      Se vc for mulher mesmo e tiver afim de viver isso em família,eu topo real.

    • Sub_gorda ID:3ij1za54zrd

      Oi mulato, que delícia seria vc é de onde? Eu daria para quem vc quisesse sem nenhum problema. Desde que vc me amasse muito eu estaria ali só para servir vc e fazer todas as suas vontades. Gosto também da ideia de sexo ao ar livre feito uma cadela, vc me deixa muito feliz com seus comentários ❤️

    • MULATO PAUZUDO ID:6stwyke20b

      Oi minha rainha minha princesa.
      Você tá me deixando maluco.
      Tô com meu pauzao preto duro igual pedra.
      Meu pau é muito grande, por esse motivo é muito difícil ele ficar bem durao. Mas hoje ele tá igual ferro.
      Já bati 3 punhetas e gozei bastante, pesando em você.
      Tô aqui imaginando. Você vestida com roupas escandalosas. Aí a gente sai pelas ruas da cidade. Aí vamos fazer o seguinte.
      Todos os machos que a gente encontrar pelas ruas. Eu paro o carro. E você então oferece carona pro macho. Aí você é ele vão pro banco de traz do carro . E você dá a buceta pra ele.
      Mas tem que dá sem camisinha.
      Eu conheço uma praça abandonada, lá tem muitos moradores de rua. Vou levar você lá e vou botar você pra tranzar com todos.
      Eles vão te encher de porra.
      Depois eu vou meter meu pintao na sua bucetona melada de gala.