# #

Minha infância com minha mãe

1506 palavras | 4 |4.08
Por

Mãe e filho, filho se descobrindo sexualmente com sua mãe, a primeira buceta foi da própria mãe dele

Vou contar minha história com meus pais , hoje estou velho já tenho 70 anos , tudo começou em 1951 quando nasci , morávamos na zona rural , meus pais eram colonos , onde moravamos não havia energia elétrica , era tudo na base de lamparinas a querosene , nossa casa tinha 3 quartos , sala cozinha e varanda , casa muito simples e de madeira , não havia porta nos quartos somente cortinas , lembro que era eu e mais duas irmãs em casa ,meu irmão mais velho havia se casado e foi arriscar a vida na capital , eu era o caçula , eu estava com 8 anos e dormia no quarto dos meus pais , quando meu pai viajava eu dormia na cama com minha mãe por ordens dela , ela alegava não gostar de dormir sozinha , meu pai era peão de boaideiro viajava muito em comitivas tocando a boiada de uma fazenda a outra isso durava no mínimo 8 dias as vezes 15 dias minha mãe não gostava pois sabia da fama de uns que gostavam de ir na zona gastar dinheiro com as putas , com 10 anos minhas duas irmãs foram morar na mesma cidade onde meu irmão morava , lá elas poderiam trabalhar e viver melhor , estava só eu e meus pais , minha mãe me teve aos 38 anos e depois de mim o médico fez laqueadura nela pra não ter mais filhos .

Mesmo só eu e minha mãe em casa meu pai não podia parar de seguir a comitiva pois era só o que sabia fazer , e onde moravamos não tinha muita coisa pra se fazer , nossa propriedade era pequena com apenas pasto umas 7 cabeças de gado sendo 4 vacas leiteiras dois bezerros machos e um touro , também tínhamos uns 10 porcos 🐷🐷 pro gasto e umas 30 galinhas e uns 10 galos 🐓🐓 , minha mãe não saia da roça por nada pois gostava de mexer na terra cultivando hortaliças e flores em volta da casa , tínhamos apenas um pedaço de terra boa bem Plaina pra plantar milho 🌽🌽 e feijão para o nosso consumo , claro que vendíamos o que sobrava , bem sendo feita as apresentações vamos ao começo da minha história com minha mãe .

Quando meu pai não estava em casa eu dormia com mamãe , ela era uma mulher muito branca de origem polonesa , seus cabelos loiros por demais , sua pele era coberta por sardinhas , minha mãe era baixinha mas bastante gorda , uns 1:58 de altura e seu peso era muito acima ,ela pesava mais ou menos uns 85 , 90 kgs , seus peitos eram grandes e já um pouco caídos , sua bunda era muito grande e suas pernas bem grossas , seus olhos azuis eram lindos, bem quando meu pai chegava eu dormia na minha cama no quarto deles , isso até meus 9 anos , eu as vezes estava acordado e ouvia uns barulhos e gemidos com sussuros dos dois , a cama balançava e as vezes o barulho aumenta e logo um silêncio dava fim em tudo , eu não imaginava o que era aquilo e quando estava só com minha mãe acabei comentando sobre isso , mamãe disse que era coisa de marido e mulher , que meu pai estava amando ela e era pra eu dormir e ficar quieto sobre isso .

Com 9 anos eu já dormia em meu quarto quando meu pai estava em casa , quando ele ia viajar minha mãe me chamava pra dormir com ela , eu na primeira vez disse que estava gostando de dormir no meu quarto , minha mãe muito brava disse , tu vai sempre dormir comigo quando teu pai aquele putanheiro estiver fora , não gosto de dormir sozinha , eu sempre respeitava ela pois do contrário ia apanhar valendo , lembro que as 20:30 já estávamos nos preparando pra dormir , minha mãe fazia sempre a mesma coisa , ela tirava seu vestido ficando nua pois não usava nada por baixo , a não ser seu sutiã pra segurar seus peitos grandes , mas a noite ela punha uma camisola e mais nada , eu via uma coisa muito peluda de pêlos amarelos mas na minha inocência não sabia o que era até meus 11 anos quando comecei a descobrir e minha mãe foi quem me ensinava .

Vou adiantar um pouco as coisas , aos 14 anos e ainda dormindo com minha mãe eu já ficava de cacete duro mas não fazia nada pois ninguém me ensinou eu era muito bobo imagina no mato em 1965 , foi então que começou a acontecer umas coisas diferentes , era uma sexta feira meu pai estava a uma semana fora só voltaria uns 7 dias depois , na hora em que íamos dormir minha mãe trazia um pinico e colocava embaixo da nossa cama pra mijar durante a noite pois não havia banheiro dentro de casa somente uma casinha longe da casa pra fazer cocô , bem minha mãe antes de deitar dava uma bela mijada que eu ouvia o barulho no pinico , eu sempre mijava mais tarde lá pelas 22 00 hs , nesta sexta feira minha mãe ao se deitar comigo me abraçou coisa que há dias não fazia e logo sua mão estava sobre minha bermuda , sem falarmos um palavra ela apertava e massageava meu cacete que logo deu sinal de vida , eu escutava ela gemendo e se contorcendo na cama , eu estava gostando de sentir sua mão no meu cacete , foi então que ficou melhor , sua mão adentrou meu calção e sem cueca ela agarrou meu cacete e mexia nele , ummm que bom , minha mãe então me perguntou se eu já havia batido punheta , está foi suas palavras , eu disse o que é punheta , ela então falou , a mãe vai ti ensinar, ela no escuro do quarto pegou uma pomada não sei o nome mas sei que ela passou no meu cacete e começou a subir e descer sua mão entorno do meu cacete , fez isso por uns 10 minutos e então pela primeira vez gozei gostoso , nossa que sensação maravilhosa , minha mãe me limpou com uma toalha , eu falei , mãe o que foi que saiu de dentro do meu pinto ? Minha mãe disse , isso é gala , os homens tem isso guardado nos bagos e é isso que eles colocam em nós mulheres pra fazer bebês , nossa eu disse , minha mãe tirou suas tetas pra fora e me mandou chupar os peitos dela , eu não sabia direito mas fui fazendo como ela pedia , em dado momento ela guiou minha mão até o meio de suas coxas e eu senti uma coisa quente e úmida , também tinha muito cabelo que mais tarde foi saber que era a buceta peluda da minha mãe , ela começou a falar , vai filho chupa as tetas da mamãe e brinca com minha xereca , teu pai aquele filho da puta me deixa trepando pelas paredes enquanto come estás putas em suas viagens , não vou mais passar vontades por causa dele , depois de uns minutos minha mãe gemendo soltou um líquido quente em meus dedos , hoje sei que se tratava do seu orgasmo enquanto eu chupava suas tetas e enfiava meus dedos em sua buceta , minha mãe voltou a segurar meu cacete que logo estava duro denovo , eu era novo 14 pra 15 anos meu cacete era pequeno uns 14 cm , foi então que minha mãe falou , vem filho sobe encima de mim fica no meio das minhas pernas , eu estava de calção só com o cacete de fora , minha mãe estava de camisola sem nada por baixo , ela guiou meu cacete pra sua buceta e falou , vai filho mete teu cacete na xereca da mamãe , meu cacete entrou gostoso naquele buraco molhado e quente , minha mãe me segurando na bunda me ensinava a mexer , eu entrando e saindo com meu cacete em sua buceta , ela gemia e se contorcia , a velha cama rangendo dos nossos solavancos , o tempo todo ela dizia , aii que gostoso isso filho come a xereca da tua mãe mata o fogo dela em dar a xereca , eu estava sentindo a mesma sensação de antes , eu estava prestes a esporrar dentro da buceta da minha mãe , foi quando ouvi ela falando , a mãe tá gozando no teu pinto aiiii uiii que delícia goza na mamãe vai meu filho gala minha xereca , eu não aguentei e galei gostoso sua buceta peluda , nossa era minha primeira buceta , minha mãe havia me dado sua buceta era inacreditável , sai de cima e me deitei ao lado dela , minha mãe falou , nossa quanta gala tá escorrendo de dentro da mamãe tu depositou bastante gala lá dentro, nos limpamos minha mãe antes de dormir deu uma mijada expelindo minha porra de dentro da sua bucetona cabeluda e gorda .

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,08 de 12 votos)

Por # #

4 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Paulo

    Delícia de conto

  • Responder Veronicca

    Meu deus, que vontade, to toda babada querendo uma pirocona na xoxota, que conto incrivel

  • Responder Bia 55

    Nossa que gostoso seu conto fiquei com minha buceta babada de tesão ao me colocar no lugar da tua mãe, e aí conta mais , já fez sexo oral nela ? Ela já mamou teu cacete hein , tua mãe alguma vez já liberou o rabo pra tu foder nos conte estou ansiosa beijos 💋💋

    • Jadson

      Oi p Eu pau ta latejando tá afim de da o cuzinho