#

nunca pensei que seria tão bom dar meu rabinho

888 palavras | 2 |4.08
Por

Depois do divórcio descobri o verdadeiro sexo

Olá.
Eu sou a Samara.
26 anos, 1.75, corpo malhado, uma bunda bem generosa e durinha, cabelos longos no meio das costas.
Eu casei com 21, virgem.
Meu ex marido foi meu primeiro homem.
Nunca vou esquecer a primeira noite, achei lindo seu corpo quando o vi pelado.
Não posso dizer que foi ruim, pois como ele foi o primeiro eu não tinha escolha.
Nosso casamento durou exatos 4 anos.
Não tivemos filhos.
Lembro que quando o vi pelado fiquei maravilhada com seu pau. Achei tão bonitinho e me satisfez durante o tempo que vivemos juntos.
Já estava separada a alguns meses quando recebi a primeira cantada de um amigo de trabalho.
Ele é muito simpático e está sempre sorrindo.
Primeiro fiquei em dúvida se aceitava ou não o seu convite pra sairmos.
Mais pensando bem no assunto, logo pensei.
A vida continua ! E aceitei seu convite.
Ele é um pouco mais alto que eu e muito forte, tem um porte atlético.
A minha intenção era de me divertir um pouco e talvez dar uns beijinhos.
A noite ele me pegou na portaria do prédio e fomos a um restaurante no shopping.
Ele então começou a me agradar me elogiando o tempo todo.
Eu não tinha muita expectativa de que algo fosse acontecer, e pra dizer a verdade, não estava muito a fim não.
Durante o jantar rolou uns beijinhos até muito gostosos.
Quando já estávamos pra ir embora ele me pegou no meio da praça de alimentação e me deu um beijo tão gostoso que notei que muitas pessoas ficaram olhando o que nós fazíamos.
Eu comecei a sentir que suas intenções eram de aproveitar a noite ao máximo.
Eu estava disposta a deixar rolar, e que acontecesse o que tivesse de acontecer.
Não foi surpresa nenhuma guando ele parou em frente a entrada de um motel. A essa altura eu já estava cheia de tesão, já tinha meses que eu não me deitava com um homem.
Logo entramos e chegando no quarto começamos a nos beijar e as carícias foram aumentando.
Ele começou a esfregar seu pau em mim, que já estava bem duro e saliente.
Enquanto nos beijavamos fomos tirando a roupa.
Quando já estávamos peladinhos e pude vê ló pelado e constatei o tamanho do seu pau fiquei de boca aberta.
Sempre pensei que meu ex marido fosse um homem bem dotado, mais aquele pauzao alí na minha frente era muito maior e bem mais grosso.
Fiquei imaginando como seria ter aquilo tudo dentro de mim.
Ele veio e começou a me beijar outra vez e foi me levando para a cama.
Quando ele se preparava pra começar a meter ele na minha buceta, cheguei a ficar com medo pois é muito grande e grosso.
Quando senti a cabeça entrar senti um incômodo que só tinha sentido na minha noite de núpcias.
Ele foi me invadindo e eu podia sentir minha buceta se arreganhando toda pra ele.
Não me lembro de ter gozado tanto como naquele dia.
Conforme ele fazia o movimento de vai e vem eu gozava seguidamente.
Eu estava me sentindo nas nuvens de tanto prazer.
Então ele tirou rapidamente e gozou nas minhas coxas.
Senti um prazer enorme vendo ele gozando.
Fomos para o banheiro e tomamos um banho.
Ao voltar pra cama notei que seu pau estava duro outra vez, então resolvi dar uma atenção especial e logo comecei a chupar ele.
É tão grande que não cabe todo dentro da minha boca.
Assim mesmo fiquei um bom tempo chupando ele.
Até que ele falou.
Agora é minha vez !
E se colocou entre minhas pernas e começou a me chupar.
Poucas vezes meu ex fez isso, e confesso que ele não sabia fazer tão gostoso quanto meu atual.
Gozei duas vezes com ele me chupando.
Logo ele me colocou de quatro e começou a enfiar na minha buceta por trás.
Nessa posição seu pau parecia ainda maior.
Em um determinado momento ele enfiou um dedo no meu cuzinho, enquanto socava seu pauzao na minha buceta.
Outra coisa que meu ex fez poucas vezes foi meter no meu rabinho.
Senti quando ele tirou da minha buceta e encostou seu pauzao na minha bunda.
Gelei !
Fiquei imaginando aquele pauzao enfiado no meu cuzinho.
Não ia ser fácil !
Mais não tive tempo de pensar muito pois ele começou a forçar sua entrada.
Logo a cabeça escorregou para dentro e arrebentou todas as minhas pregas.
Como estava difícil resistir sem reclamar.
Seu pauzao estava me cortando ao meio. Essa era a impressão que eu tinha.
Ele foi me invadindo e logo estava todo dentro e ele começou a socar ele até o saco.
Podia sentir que meu cuzinho estava todo dilacerado.
Doía muito mais eu não tinha coragem de pedir que parasse, afinal estava tão gostoso !
Assim ele acabou de me arrombar toda.
Quando senti seu pau pulsando e gozando forte dentro do meu rabinho, foi uma verdadeira realização.
Essa noite ainda transamos mais duas vezes.
Hoje eu tenho ele como um amante.

⏩ O melhor site de desenhos animados pornô do 🇧🇷, HQs eróticas🔥

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,08 de 12 votos)

Por #
Comente e avalie para incentivar o autor

2 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Comedor de viúvas ID:831i9l1d9c

    Que delícia mulher,deixa eu ser seu amante também,quero comer seu rabinho gostoso

  • Responder fina ID:7xcccyft0j

    Delicia adoraria fuder voce