As mulheres de 2 amigos cornos

11-07-18 Por 2 ★ 3.42

Ola galera, resolvi escrever meu primeiro conto, na realidade meu nome é Lindomar, mas devido eu não ser la essas coisas me apelidaram de Feiomar, eu entrei numa empresa como menor aprendiz, me desenvolvi, todos gostavam muito de mim, la tinha o Jorge e o João, eram vizinhos e amigos desde de a infância, e justamente eles me apelidaram, mas eram super legais, os mais divertidos e também os mais tiradores de sarro, o ano era 2014, eu com 16 anos, o tempo passou os chefes gostaram de mim e pediram pra me efetivarem, quando completei a maioridade fui efetivado, fizeram até uma festinha pra mim, e nessa festa foram as mulheres de Jorge e João, além da festa da efetivação eu fui escolhido como o melhor funcionário do mês, todos me cumprimentaram, me elogiaram, as colegas de trabalho, e também Lucia, a mulher de Jorge e Luana a mulher de João, elas tinha 30 anos, e eram mulheres lindas, eu não era feio, mas também não era bonito, era normal, cabelo liso, moreno da pele clara, magrelo, estatura mediana, sem muitos atrativos, mas Lucia e Luana vieram me abraçaram, normalmente, os dias passaram eu tirei a CNH, e certa vez estava saindo de um estacionamento com o carro do meu pai, e vi Lucia e Luana com sacolas pesadas, e estava começando a chover, eu parei e ofereci carona pra elas, elas aceitarma e entraram no carro, Luana sentou no banco do carona e Lucia atraz, Luana estava com um saia até os joelhos, ai fomos conversando elas me convidaram pra ir a casa delas com o marido delas, eu falei que qualquer dia iria, mas chegamos a casa delas a chuva estava bem fraca, ai Luana saiu com a saia todo enfiada na bunda, e Lucia falou.
Lucia. Deixa eu tirar a sua saia de dentro.
Eu olher disfarcei, mas Lucia percebeu, ai ela se levantou e falou,
Lucia. Espera vou tirar a minha também, essa saia só entra ai.
Eu também olhei e Luana percebeu, eu desci ajudei a tirar as sacolas do porta malas ,e levei dentro da casa de Lucia, e depois na casa de Luana, onde me ofereceram água, me convidarma pra ficar os caras logo chegariam ,mas eu achei melhor não, elas pegaram meu contato, e eu fui embora, passaram alguns dias e Luana me ligou.
Luana. Oi tudo bem, Lindomar, sabe não gosto do apelido que meu marido e Jorge colocaram em vc, Lucia também acha um brincadeira de mal gosto. mas deixa eu te perguntar vc disse que nos deu carona a meu marido e ao Jorge? Eu respondi.
Eu. Não, estava tão atarefado nem me lembrei. Ai ela perguntou.
Luana. Mas não lembrou de dizer ou não lembrou de nós?
Eu. Não lembrei de dizer, também achei que não teria necessidade de dizer.
Luana. Foi bom não dizer mesmo, os vizinhos aqui disseram que nos viram descendo do carro de um cara, e João e Jorge ficaram nos infernizando com perguntas, eu estou ligando em meu nome e no de Lucia. ela depois te liga também. mas não fale nada. como vc falou não tem necessidade.
Ai se passarma mais alguns dias e Lucia me ligou.
Lucia. Oi tudo bem? a Lu te ligou né? Eu pedi a ela, pois sabe naquele dia da carona Jorge já entrou em casa brigando comigo, ai foi a casa de Luana e falou tudo pro João que brigou também com ela, inventamos que sabíamos que vc era taxista, só estava sem o plaquinha pois seu condutaxi estava vencido, e eles acreditaram, depois de brigar conosco e saírem pra beber, nos deixando sozinhas,
Eu falei que era uma pena eles serem grotesco com elas, pois eram além de lindas excelentes pessoas, ela agradeceu, e falou que iria me ligar mais vezes, e pediu pra não falar nada da nossa conversa com eles, ai eu sai num sábado depois do expediente, os caras combinaram de ir jogar bola, me chamaram mais eu não quis, e fiquei pensando nelas, poxa eu sozinho, as 2 provavelmente em casa sozinhas, bem que podiariamos conversar, Eu estava numa fase ruim de mulher, não tinha esquema com nenhuma, ai resolvi parar o carro e ligar pra Lucia,
Eu. Ola tudo bem? Fiquei pesando como pode os caras irem jogar bola e deixar as mulheres em casa sozinhas. Ela esta junto com Luana, e ela colocou o celular no viva vóz.
Oi gato que bom que ligou, eu estou aki com Luana, como vc diz sozinhas, vendo TV, enquanto eles la jogando bola, só voltam la pelas 2 da madruga, bêbados, e nós temos ainda que atura-los.
Eu. Ah é de fato lamentável, eu nem quis ir, pois sabe estou na depre, numa fase bem ruim de namorada, não tenho conseguido nem ajeitar um encontro.
Elas. Ah bebe, não fica assim, tem casas de fakcilidades por ai.
Elas falaram rindo, mas eu falei. que não me estava afim disso, mas de mulher mais ponte firme,
Elas. Foi uma brincadeirinha, pois nós também estamos afim de cara ponta firme, pois nossos maridos, na boa, merecem e um bom par de chifres.
Ai elas cochicharam alguma coisa, e falaram.
Elas. Vem aqui, conversar com a gente, vc deixa o carro no estacionamento que fica na rua de traz, e 24 horas e é bem barato, assim consolaremos vc e vc nos consola.
Eu aceitei na hora, nem pensei na merda que poderia resultar, mas fui la, quando cheguei achei que poderia ser zueira delas, pois desci do carro deixei no estacionamento, e quando estava passando na esquina resolvi ligar pra elas, elas falaram.
Elas. Oi gato, vc veio mesmo. que legal, vamos sair pra ver se a barra esta limpa e vc entra te daremos o sinal.
Eu mal podia acreditar, esquema com 2 casadas, mas estava super empolgado, cheguei perto, não havia ninguém na rua, Luana saiu, olhou e me chamou, entrei rápido, ela fechou o portão, e me cumprimentou com um beijo na boca, ai entrei na casa e Lucia me beijou na boca também, e falaram sobre eu me esconder num comodo de bagunça caso suegisse algum dos maridos que já deviam estar meio bêbados. ai na sala, eu sentei, fiquei meio que sem saber o que fazer. ai Luana falou.
Luana. Bom podemos nos consolar pois estamos precisando nós e vc.
Lucia. É afinal se os maridos não estão vc esta e tem que consolar a gente.
Ai Luana já começou a tirar a roupa, eu ali com 2 mulheres, achando tudo perigoso, um sonho, estava bem atônito, mas entrei no jogo, já fui pegando em Luana, e Lucia já veio também eu já comecei a pegar nela, tiraram meu pau pra fora, ficaram brincando uma dizendo que era dela, a outra dizendo que era dela, ai meu pau já duro, elas tiraram par ou impar, e Lucia ganhou, me levou pro quarto eu já pegando nela, ela tirou a roupa e me puxou pra cima dela ,eu meti bem gostoso na buceta dela, comecei com movimentos leves e fui aumentando conforme a intensidade da coisa e gozamos juntos, Luana entrou e falou que agora era a vez dela, mas Lucia falou. pra ela deixar pelo menos eu descançar, mas ela falou. enquanto descança chupa minha buceta. eu mesmo exausto ajoelhei e fui de boca na buceta dela, chupei muito, ela ficava me pedindo pra linguar mais ali ou la eu eu seguia o que ela me pedia, ai ela segurou bem forte minha cabeça contra a buceta dela, e gozou, até gritou, eu com o pescoço doendo, e ela já toda suada, ai Lucia vem e me pede pra chupar a buceta dela também, eu deito na cama com a barriga pra cima, ela vem senta na minha cara com a buceta, e eu chupo, ela rebolava na minha cara, e eu só mandando língua pra dentro, e ela também gozou muito, ai tomamos uma cerveja, e Luana me pediu pra meter nela, fomos pro quarto e eu meti gostoso, e gozamos muito, ela falou que já fazia 4 dias que estava sem dar a buceta, e Lucia fazia 5 dias, ficamos na sala dançando, eu pegando na buceta de uma e da outra, passando a mão nelas, elas falaram que já pensaram em dar pra mim desde o dia da carona, pois elas eram costureiras, e tinham comprado muitas coisas ligaram pros maridos que disseram que iam jogar e não dava pra busca-las elas estavam irritadas com eles, e resolveram dar pra mim pois eu as ajudei, depois de algumas horas, elas falaram que era melhor eu ir, pois eles estavam pra chegar, ai combinamos de sairmos qualquer dia, pra transarmos, elas saíram verificaram a o bom e que a energia da rua acabou tudo ficou escuro e eu sai sem despertar comentários, e antes de sair passi a mão na buceta das duas. no dia seguinte um domingo eu liguei pra elas, que disseram que os caras chegaram carregados, e estava dormindo, mas ficava ruim de nos encontrarmos, ai combinamos pra outro dia, na segunda feira, eu consegui que mudassem o horário do meu trabalho pra tarde, e falei com elas, que ficaram felizes pois assim poderiamso nos encontrar e transar, eu entraria as 16 horas e sairia a meia noite, tudo estava no esquema, assim que me mudaram de horário combinamos de nos encontrar as 13 horas, eu as levei em minha casa pois meus pais trabalhavam o dia todo, e eu já tinha levado uma namorada minha, eles não se importavam, pois eu sou filho único, as levei la e transamos gostoso, chupei uma enquanto metia na outra, depois metia em uma, era muito bom, mas depois comecei a me encontrar com uma depois com a outra, ficamos assim por uns 6 meses, mas Lucia descobriu que Jorge estava com papo com uma mulher na empresa, é claro que fui eu quem falou, e apresentei provas de que estavam combinando saírem, ai eles combinaram, e eu combinei com Lucia de leva-la pra pegar os 2 no flagra, eu e Lucia chegamos no local onde eles tinham combinado, pois alguns caras da empresa sugeriu tal motel pros dois irem, e eu estava la com Lucia, quando vimos o carro dele, Lucia desceu, assim que estavam na porta do motel ,eu escondido é claro Lucia aparece, Jorge tenta explicar, mas Lucia tira a mulher do carro a rasga a mulher toda na unha, e aranha Jorge todo, a briga feia, Lucia chegou a cortar na unha o canto do olhos da mulher que sangrou muito, ai ela foi onde eu estava, Jorge ficou socorrendo a mulher, e eu levei Lucia pra casa, elas haviam tirado algumas fotos nossas transando, ai ela resolveu cortar a parte do meu rosto e quando Jorge chegou as roupas dele estavam na rua, todas rasgadas, como a casa era dos pais dela, ela chamou o pai dela que fez Jorge sair, depois ela falou com Jorge que estava traindo ele já a um bom tempo e mostrou as fotos, com o meu rosto cortado, Jorge pediu demissão de empresa e caiu na bebedeira, João parou de sair pra jogar bola e passou a das mais atenção ao Luana que se arrependeu de tê-lo traído, e parou de dar pra mim, em 2017 eu e Lucia nos encontrando escondidos, ela já separada a 6 meses e resolvemos assumir nosso namoro, todos na empresa diziam que eu era quem estava pegando a mulher de Jorge, mas eu sempre neguei e nego até hoje, pois ainda estamos namorando, mas nos últimos 2 meses Luana embora esteja bem com o marido que agora é evangélico, começou a dar pra mim de novo, já saímos 8 vezes e transamos muito, eu e Lucia as vezes eu durmo na casa dela, ou ela vem dormir aqui, na minha casa, onde trago Luana também, bom a historia é essa espero que gostem, desculpem os erros,

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,42 de 12 votos)

Por

2 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos

  1. Drear

    Ai vc acordou ne, kkkk esse conto alem de mau elaborado, tem trechos que são cópias de outros contos por favor vc pode enganar a uns e outros, mas não se engane vc não é escritor, é plagiador e se acha (gabola).

  2. do sul

    Nos conte o que achou do conto…que conto retardado