Ensinando a noiva do amigo

16-05-18 Por 5 ★ 2.75

Sou sócio do Clube HEBRAICA SP, mas como não tenho tido muito tempo, vou muito pouco, mas o que contato a vocês é como seduzir e dominar sem piedade, as maravilhosas mulheres brasileiras que temos.
Estava eu e um amigo de infância no clube e ele me perguntaram você continua dominando a mulher do próximo? Eu sorri e disse sim não consigo parar com isto, é mais forte que eu e já tentei diversas vezes e nada, já fiz terapia, retiro, cursos e outra diversas coisas e nada de resultado.
Para o meu espanto ele me disse quanto eu cobrava para ensinar a dominar, de você meu amigo não cobro nada – estamos juntos praticamente desde o nosso nascimento, e ele me contou o motivo, é que eu estou namorando a mais de 10 anos e agora que vou casar quero fazer coisas novas.
Você se importar em ensinar a dominar a minha namorada, eu disse a ele (meu amigo ela conhece a minha esposa e mais eu não coloco o meu sigilo em risco por nada). Tudo meu você poderia usar mascara, coisa assim ela não saberia quem é você, vamos marcar hoje as 18h nos jardins, ok…então perfeito !!!
As 18h estava eu na cobertura do meu amigo e ela entrou Nice 35 anos, 1,70m, 60 kg, cabelos castanhos claros compridos encaracolados, seios grandes, coxas grossas
Ele disse para ela vem aqui amor, coloca esta roupa e fique aqui no quarto e também coloca esta venda, hoje vamos realizar a nossa fantasia, ela disse mas como assim, eu quero escolher quem vai participar do ménage conosco, não será assim agora sou eu que mando.
Ela se arrumou e eu entrei no quarto soltei a parte de cima do vestido deixando ela com os seios a mostra ela perguntava quem é amor não é você eu te conheço, ela tentou lutar, ai eu dei tapa no rosto que a deixou tonta, arranquei o resto da roupa com violência e disse ”olha que tesão, olha a xota dela, que par de seios gostosos essa piranha tem”, ela implorava para parar não queria continuar e eu olhei para a poltrona onde estava o meu amigo – perguntei continua ou para…não esperei a resposta sua CADELA vamos ver como você vai reagir agora e começei a chupar xota dela e falava esta sentindo minha língua no seu grelo sua vadia ???? sente ela entrando e saindo da sua xota, lambia toda a rachinha, sugando o grelo e tornando a enfiar a língua – mandei ele levantar e colocar o cacete na boca dela, diz para ela o que ela é "chupa vagabunda" ela começou a chupar com má vontade eu mandei ele dar um tapa na cara dela e mandar ela chupar direito, começou a lamber como se fosse um sorvete e eu vi como ela estava a putinha toda melada, ela esta com tesão essa vadia olha só a xota dela como tá molhada agora você vai levar rola sua vagabunda primeiro eu esfregava a cabeça do cacete na entrada da xota, batia com o cacete na entradinha da xota em cima do grelo, ela cada vez mais molhada e já chupada com maestria o cacete do noivo e eu forçava só a cabeça, quando vi que ela estava pronto coloquei ele com uma só estocada ela sentiu a diferença da rola grande e grossa tocar seu útero, e comecei a meter com força a cada estocada eu tirava quase todo o cacete de dentro e enfiava de uma vez só, eu a xingava puta, vadia, safada e ela com as mãos amarradas acima da cabeça tendo a xota arregaçada e chupava o cacete do noivo, eu disse você viu como ela sabe o dever dela??? Agora você vai se preparando esta notando como ela é de verdade, ela é puta profissional da para ganhar muito dinheiro com ela se quiser, com este corpo e esta beleza feminina meu amigo é tudo maravilhoso, a cada palavra dita ela alternava em poucos minutos ela estava rebolando no cacete, viu que ele mesma esta mexendo percebeu??? Isso ta gostando puta, rebola no meu cacete sua cadela, vadia, piranha, elogia a sua cadela amigo, se quiser pode desamarrar ela – ela sabe quem manda nela agora, deita ai e manda ela subir em cima e encaixa na xota dela eu fui para cima dela e dei o cacete para ser mamado com ela me olhando chupa meu cacete com o sabor da tua xota sua vaca ela começou a chupar e eu disse o cu dessa puta é meu vou foder ela tentou reclamar mas fui segura pelo noivo, fui para trás dela e posicionei o cacete na entrada e fui abrindo caminho a força arrebentando as pregas agora ela estava sendo preenchida por dois cacetes, um na xota e outro no rabo, cadela esta sentindo tesão não estou sentindo você, ela apenas gemia, mandei o noivo da tapas na cara dela e eu complementava na bunda, dávamos tapas fortes na cara e na bunda, e xingavam de vadia, cadela, prostituta, mandavam rebolar como puta e quando ela diminuía o ritmo da rebolada levava tapões na bunda rebola puta safada, após maltratar e humilhar ela começou a cavalgar o cacete do noivo vontade, perdeu a vergonha, seios grandes balançavam violentamente, eu a peguei pelo cabelo e perguntei como se sente cadela- ela respondeu PUTA – SENHOR MUITO PUTA, ela se sentia a puta mais depravada do mundo, sendo currada por dois machos, com um cacete no cú e outro na xota.
Eu tirei do cu dela e vi a largura que ficou e fui para o banheiro lavar o cacete, o noivo tirou da xota e gozou na boca dela e ela engoliu toda a porra dele, ela gozou como uma CADELA.
Eu voltei e ela estava deitada eu disse a ela sua puta ainda não acabou agora é a minha vez de usar você inteira sua cadela loira, branquinha, filhinha de papai agora você jamais vai esquecer-se de mim e ela dizia o que você ver seu cachorro, o que vez fez comigo já não basta??? Nunca é suficiente !!!!ela o que eu mandava ela fazia – eu mandava ela pedir rola e ela pedia, mandavam ela falar que era puta e ela falava, eu me sentei na cadeira e mandei ela encaixar a xota no meu cacete de costas para mim e rebolar na minha rola, e ela obedeceu, ela abri bem as pernas e de costas para mim rebolava no cacete – ela tinha múltiplos orgasmos, tirei ela de cima amarrei os seus braços e coloquei de 4 no chão e fodi o seu cu ela urrava, igual a uma cadela,”vai fode a tua putinha, fode a minha xota, fode eu sou puta e gozando no cacete.
A desamarrei e fiquei em pé com o pau duro eu a puxei e encaixei o cacete na xota, ela instintivamente se pendurou no meu pescoço e com as pernas laçou as minhas costas olhei para o noivo e disse coloca agora o cacete no cuzinho desta vadia, eu já abri caminho para você entrar sem resistência ele veio e meteu no cuzinho, ela ficou no ar, pendurada pelos dois cacetes fodemos demais com muita vontade, quando estava perto de gozar tirei a venda dela e a coloquei de joelhos e mandei ela abrir a boca, neste momento eu tirei a mascara e jorrei no fundo da garganta dela, disse a ela agora temos um segredo, VADIA !!! me vesti e fui embora, ela foi do chão para cama e nua, esparramada na cama, com o corpo dormente, xota inchada e toda dolorida, o noivo ainda me ligou e me disse que ela estava no banheiro avaliando os estragos causados, perguntei se estava tudo bem, ele me deixou falar com ela, e ela me disse quero MAIS !!!

DOM JONAS

Contato: [email protected]

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 2,75 de 8 votos)

Por

5 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos

  1. Japonês Pintudo

    Daí você acordou né veado,MESTRE DOMADOR de rola

  2. Drear

    Ai vc acordou.

  3. Morena safada

    Ate eu ia pedir mais, q conto gostosoooo

    • Anônimo

      Rsrs

    • MESTRE_DOMADOR

      Rsrs, que bom que gostou