# #

A Primeira Vez que Vi e Mamei a Rola do meu Sobrinho

1335 palavras | 5 |4.70
Por

Essa foi a primeira vez que meu sobrinho e eu bebemos excessivamente e rolou um delicioso incesto gay

Boa noite, amigos !

Após gozar tantas vezes lendo os contos de vocês, hoje também decidi compartilhar uma situação totalmente inesperada que ocorreu comigo à alguns anos atrás com meu sobrinho.

Eu tinha meus 29 anos e meu citado sobrinho devia ter na época seus 23 por aí, loirinho, corpo magro, 1,80 de altura, entroncadinho… ambos trabalhávamos durante toda a semana e quase sempre combinávamos de chapar nos finais de semana…tomar umas cervejas e F1…

Um dia desses tomamos todas e até aquele momento nós só tínhamos tido a experiência de comer duas meninas, cada um com uma, em quartos separados, eu nunca nem tinha visto a piróca dele nem nada disso, sempre bem másculos

Ele já havia comentado diversas vezes comigo que queria fazer menage com uma ou duas mulheres no mesmo quarto que eu, troca de casal e etc, ele sempre com aqueles assuntos de pegador se gabando das conquistas… porém ele sabe que já transei com uma travesti extremamente linda e feminina à tempos atrás em Itatinga e uma determinada vez quase rolou de sairmos nós dois com uma trans linda da minha cidade e no final não acabou dando certo e ficou por isso mesmo…

Por fim, passamos a noite bebendo e trocando idéia, saímos do bar pra vir pra minha casa, isso já de madrugada, então o chamei pra dormir aqui ou ele se auto convidou, não me recordo muito bem… ambos loucos que estávamos de wiskhey com energético e cerveja… como sempre ambos pensando e comentando um para o outro que faltou uma bucetinha pra fechar com chave de ouro a noite, kkk

Chegamos, enrolei um baseadão e deitei na cama e ele no colchãozinho velho que tinha em casa justamente pra ele dormir quando colasse em aqui, pois minha cama era de solteiro…

Começamos conversar baixo pois não moro sozinho, falando de putaria e fomos pro xvídeos, cada um com seu celular, após queimar unzinho…que foi o gatilho pra rolar o que rolou à seguir.

Papo vai, papo vem, comecei a explorar a mente dele e os fetiches e comecei a falar de travestis, mas que fossem femininas e comecei a mostrar umas que eu sempre gozava vendo os vídeos e tal, que era uma experiência diferenciada e que um dia ele deveria experiementar também… falei pra tentar ignorar as rolas, meio com receio de me mostrar muito gay pra ele e queimar meu filme como tio.
Logo começo a ouvir aquele barullhinho de punheta, e o shorts de tectel roçando o tecido e sinceramente inicialmente fiquei bem encabulado. Perguntei pra ele:

– Alemão! Vc tá socando uma? Não creio, ta louco mano?! Tá na estiga mesmo, hein

Ele: C é loco mano, tesão demais…

Cheguei a pensar sériamente naquele momento em mandar ele cair fora da minha casa, me senti desrespeitado, sem jeito, sem moral, mas no grau em que eu estava, acabou despertando meu tesão e curiosidade de ver aquele pau durão gozando lindamente… continuamos compartilhando um com o outro o que assistíamos, eu continuava com as travestis e ele nos pornôs héteros e o nosso tesão foi ficando cada vez maior

Queria ver aquele pau, mas não sabia como chegar perto, ou usar alguma desculpa para aproximar, pois eu estava longe, só tinha a luz da TV ligada e não clareava tanto… quando de repente ele me lança a seguinte frase:

– ô alemão, (ambos somos loiros de olhos claros) o jeito é você dar uma mamadinha no “Pai”, hein?!

Meu coração gelou, sem saber o que responder ou como reagir, respondi:

” Se for recíproco, quem sabe…

Ele riu e à partir daí aguçou ainda mais meu desejo de chupar aquele pau, fiquei tarado e comecei a me levantar da cama, mostrando os porn’s até que ele me pediu pra eu colar ao lado dele, porra, foi a deixa, levantei e logo sentei ao lado dele bem pertinho com as costas encostadas na cama e ele ao lado com a rola durona de fora, e com o shorts abaixado até o joelho… Meus amigos, que pau lindo e gostoso, ele tem uma ereção perpétua, é incrível em ver que o pau dele fica como rocha, duro, rosado e grande… um pau muito gostoso mesmo

Aquela cena linda dele se masturbando ao meu lado, e eu sem tentar soltar a franga naquela rola de
imediato, tirei meu pau pra fora também, mas não sou dotado, fiquei até me sentindo um pouco envergonhado ao comparar com aquela vara monstra, kkkk

Finalmente criei coragem e botei a mão naquela piróca deliciosa, rígida e babona, comecei a masturbar bem gostoso, frenéticamente pra cima e pra baixo, apreciando no tato cada centímetro daquela mangueira, com a cabeça rosadinha toda pra fora, fiquei um bom tempo batendo pra ele até que caí de boca, não me aguentei, não resisti e cedi à aquele lindo mastro, que sensação maravilhosa, era como um tronco em minha boca, era tão duro, que eu chupava até bater no fundo da minha garganta, tentando engolir inteirinho e o pau nem se quer se dobrava, era como pedra, que sonho aquele momento, só quem chupou um pau novinho assim sabe como é a intensidade da ereção…
Quando chupei aquela trans que comentei acima, nem de pau duro ela ficou, portanto até então nunca tinha provado uma rola de verdade e viril como essa, tudo que eu mais queria naquele momento era tomar cada gota do leite que sairia das bolas do meu sobrinho

Acariciava aquelas bolas com os pêlinhos muito bem aparados, mas não cheguei a chupá-las pois a posição não estava muito favorável, mas engolia aquela pica cheirosa até engasgar e dar aquele reflexo de ânsia, mas não tirava da boca nem por um instante, ia até bater final de curso, queria leitinho de toda maneira, à qualquer custo. Mamei, babei, cuspi e deixei ela toda meladinha e a melhor parte é que ele demorou pra gozar, deu pra curtir e apreciar muito aquele boquétinho, virei uma verdadeira putinha na rola dele, saciando meu desejo proibido alucinadamente, mamava com maestria, com certeza ele ficou surpreso com a técnica e o desejo ardente do titio, kkk

Chegou uma hora que ele pediu pra eu masturbar ele enquanto mamava, ao mesmo tempo, fiquei com a boca até na metade do pau e iniciei uma punheta, notei que era o anúncio discreto de uma futura e ansiada esporrada que iria dar muito em breve..
Fiquei alguns minutos nessa pegada, até que senti aquele leitinho quente, meio grosso, pouca quantidade, puts, fiquei tímido por um momento e fingi que estava com nojinho meio que cuspindo o leite, mas na verdade queria lamber até a última gota daquela leitada

Bati mais um pouquinho pra ele e logo vi que estava sensível após a gozada e parei, logo ele guardou a piróca, acabou o assunto e ambos dormimos ou fingimos que dormimos, pensando em tudo que acabara de acontecer, que loucura foi aquela… nós tivemos nada mais, nada menos que um incesto gay, kkkkk

Pela manhã, eu estava deitado com a bunda pra cima, “dormindo”, ouvi ele se levantando e só falou baixinho que ia pra casa dele, concordei, despedi e nem saí da posição que estava, não sabia nem o que dizer, onde por a cara, pô, mamei meu sobrinho, tomei uma esporrada na boca, imaginem só o clima que ficou

Por fim, esse conto se encerra, mas ainda tivemos mais duas experiências após isso, a útima e mais recente foi agora no Natal de 2023, punheta e mamadinha rápida, mas conto na próxima pra vocês. sz’

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,70 de 23 votos)

Por # #
Comente e avalie para incentivar o autor

5 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Beto 20 03 2023 ID:5h7kjd9i

    Que delicia de conto muito bem elaborado tudo acontece para um bom momento eu nunca tinha mamado uma rola até meu amigo mostrar a aquela giboia no carra uma cabeça enorme grossa aí ele pediu pra eu bater uma pra ele respirei fundo a boca encheo de água aí comecei a punheta lo aí perguntei a ele se podia chupar ele disse claro parecia que eu era um chupador profissional um bezerro faminto ele se torcia e dizia porra que boca gostosa do caralho tu chupa muito gostoso cara e fodeo na minha boca finalizando com vários jatos de leite quente só não tive coragem de engoli mas deixei ela limpinha tirei até a última gota de gala foi muito gostoso da próxima vez eu experimento para saber que gosto tem

  • Responder Nelson ID:8cio2sam9k

    Espero que na próxima você goze também. Afinal a mamada era pra ser recíproca.

    • Marcelo ID:gqawlg0d2

      Conto muito bom, continua tá top

    • Alemão88 ID:3wcny9e41

      Na próxima vou tentar colocar ele pra mamar também, todas as vezes que chupo o pau dele fico tão extasiado com a situação que por fim, acabo nem ligando de ele não cair de boca, quando ele vai embora eu gozo alucinadamente.

  • Responder Morenotara ID:funxtr5m2

    Delicia me chama no telegram @felipe6969