# # #

Minhas filhas safadinhas 7

361 palavras | 0 |3.33
Por

Como já falei agora vou contar se as colegas de Amanda e de Larissa deram a bucetinha para seus primos, colegas ou amigos.

Um dia, eu chamei Amanda e Larissa e perguntei.
Matheus: Filhas, será que suas já serão a borboletinha para alguém como vocês?
Meninas: Não,elas ainda não pois dizem que foi muito e não querem ficar sem calcinha na frente de meninos.

Outro dia, Amanda tem um plano e me fala.
Amanda: Pai, sabe aquele teatro desativado no fim da rua?
Matheus: Sei, sim.
Amanda: Se você me ajudar alugando o teatro, posso fazer as meninas começarem a transar com os seus primos.

Assim, foi feito aluguei o teatro para um fim de semana pois daí teríamos mais tempo e tudo seria feito devagar para não machuca-las.

No Sábado, chegam as meninas.
Bruna, Sofia, Patrícia, Júlia e Mariana elas vieram junto co seus primos e daí Amanda fala.
Amanda: Colegas, como vocês já conhecem os paus dos seus primos acho que seria uma honra cada primo ttransar com sua prima topam?

Os meninos toparam na hora, já as meninas ficaram um pouco em silêncio e falaram.
Colegas: Já que não tem outro jeito de provar aceitamos.

Todas se deitaram numa cama que tinha la no teatro só de vestido sem calcinha e daí cada menino entrava no palco já de pau duro, levantava saia da sua escolhida e começava a penetra-la.

Depois de cinco minutos eles tiravam os paus delas e iam se limpar no banheiro e vem Amanda e fala.
Amanda: É aí colegas, gostaram do que faço com os filhos do amigo de meu pai?
Colegas: Adoramos, não pensávamos como é bom sentir um pauzinho dentro de nós.

Na escola, agora teria Minhas filhas e suas colegas se divertido com meninos da idade delas assim não causaria nenhum problema.

E os dias iam passando e cada vez mais as meninas estavao gostando de ter namorado que gostava de fazer safadeza com elas.

Na parte 8 e última, contarei como os meninos iriam penetrar elas e quando pretendiam engravida-las.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,33 de 3 votos)

Por # # #
Comente e avalie para incentivar o autor

Nenhum comentário

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos