#

Eu nem queria 2

657 palavras | 2 |5.00
Por

Ela voltou e eu quase completei o serviço

Oi gente naquele dia tive que acabar na mão mesmo tomei banho e me lembrei que não tinha pago o dia pra ela pensei bem se ela voltar amanhã eu pago , no dia seguinte eu estava tomando café quando a campainha tocou levantei da mesa puto mais era ela tava linda a danada de minissaia e um top que parecia que nem tinha seios deixei ela entrar e fui pro quarto ela falou não vai levantar pra poder arrumar o quarto hoje e dia de geral falei deixa pra manhã não estou bem ela olhou e disse o que você tem?
Respondi estou com dor nas bolas morou !
Ela riu e disse porque??
Porque ontem alguém se mandou e me deixou na bronha ela disse há que e isso deixa pra lá eu disse tudo bem vou te pagar o dinheiro de ontem e dei a ela 100 reais ela me olhou e disse mais e só trinta eu falei 70 foi pela chupada na buceta ela olhou o dinheiro e disse então e meu eu disse sim 30 e da sua avó ela ficou toda alegre e pulou na cama me fazendo cócegas e agradecendo eu fiquei na minha liguei a TV no canal porno e tinha um cara chupando a mulher ela véi e se encostou em mim levei a mão no meio da perna dela e fui puxando a calcinha ela nada disse entrei no meio e comecei a chupar a buceta dela puxei seu corpo jovem até ela se deitar não ia cometer o mesmo erro duas vezes, levantei as pernas dela no meu ombro e num gesto rápido fiquei com a pica dura e babando na bucetinha dela comecei a esfregar pra cima e pra baixo ela estava agoniada dizendo para não fais isso por favor tentou escapar mais eu estava esperando essa reação e encaixei a cabeça na entrada ela parecia pocessa tentando sair debaixo de mim comecei a penetrar bem divagar era muito apertado parecia ser virgem ou o muleque devia ter um pau muito pequeno quando consegui chegar no fundo ela perdeu as forças aí eu comecei a bombar dentro daquela bucetinha indo e vindo bem até na entrada e empurrava até me encostar naquele útero infantil ela só fazia grunhidos tipo haaan haaan aí ui e eu continuei aí ela enfiou as unhas no meu peitos e estocou o corpo e ficou mole aguardei um pouco e voltei a meter forte nela quando chegou meu momento mordi seus projetos de seios e colei o saco nela sentindo seu útero na ponta do meu pau comecei a lançar jatos forte de porra no ventre dela fiquei parado dentro dela mais meu tesão era grande aproveitando que ela está meio mole levantei suas pernas e coloquei os cocanhares no meus ombros e direcionei má cabeça do pau no cuzinho dela começou a me bater mais eu não liguei fui empurrando até encostar o saco na bunda dela ela não gritava mais gemia alto eu não estava nem aí enchi o cu dela de porra demorei um pouco dentro e tirei peguei ela no colo levei pro banheiro tomamos banho e falei hoje vc ganhou mais 100 tá bom ela disse rindo pela buceta sim pelo cu e mais 50 reais chamei ela de mercenária brincando paguei ela riu e disse que bom cuidar do senhor o poblema e se eu ficar grávida de novo eu falei fica em casa vou na farmácia e compra uma pílula do dia seguinte tá ela disse o que é isso? Expliquei ela disse poxa se eu soubesse disso ontem vc não tinha acabado na punheta kkkkkk só falei filha da puta e rimos juntos ela está comigo já quase um ano e fazemos sexo sempre as vezes tenho medo de dar merda mais ……

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 5,00 de 4 votos)

Por #

2 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Marcos Mondadori

    Historia legar, bom enredo sexo na hora certa concensual, sem violência. Muito bem narrado.

  • Responder Perereca azul

    Poxa que tesão valeu