#

Criada na rola do meu professor

701 palavras | 5 |2.82
Por

Meu é Ana, Tenho 19 anos, 1,55 de altura, corpo magro, faço funcional 3 vezes na semana e academia a noite.

Vou contar uma que fez de mim a putinha do meu professor, um homem elegante, alto, sempre de boas vestimentas e aparentemente de uma boa índole. O sonho de qualquer mulher.

Tenho um salão de beleza, pequeno, poucas ferramentas… mas sempre bem limpo e muito aconchegante para as minhas clientes. Amo o que eu faço mas meu grande sonho sempre foi ser enfermeira. Durante o dia eu faço as unhas das minhas clientes e a noite eu vou para a faculdade. Lá foi onde eu conheci o meu professor Alex. Aquele que me fez de puta, metia sempre aquela rola na minha bucetinha, me comia todos os dias e mal falava comigo nas aulas.

Antes de levar o pau do Alex eu tinha uma vida sossegada , sem grandes aventuras, tinha muitas clientes e me dava a certos luxos durante a semana.

Eu sempre fui tímida para sair com homens, sendo assim, nunca namorei até conhecer o Alex. Mas eu confesso que hoje ele me fez gostar de levar rola toda a hora. Quando mais a pica for grande, grossa e cabeçuda.. mais eu gosto de levar. Bom ainda estou nas preliminares, agora que a história vai realmente começar:

Tudo começou logo no meu primeiro dia de aula, quando vi Alex sempre muito charmoso e bem apessoado. Como era meu sonho , eu estava bem serelepe e muito feliz na minha primeira aula na faculdade. Fui a primeira a chegar e o professor já estava na sala de aula. A aula começava as 19 hrs e eu cheguei às 18. Sentei na primeira fila de cadeiras e logo Alex veio até mim.

Alex deu uma ajeitada leve no pau enquanto falava comigo:

– Boa noite, princesa. Parabéns pelo primeiro dia de aula.

– Obrigada, professor.

– Você é daqui linda?

– Sim sim

– Tem namorado?

– Ainda não, professor.

-Agora você tem, mas é segredo.

Alex deu um sorriso safado e logo se retirou , pois tinha acabado de chegar dois alunos na sala naquela hora. Durante a aula eu tentei falar com Alex. Mas o mesmo me tratou com desdém e não me deu atenção durante a aula. Com tudo aquilo e eu já em casa, fiquei espantada, o que o Alex queria de mim?

No outro dia, cheguei no mesmo horário, Alex já estava na sala. Logo que cheguei, Alex se levantou, fechou a porta da sala e veio até mim:

– Boa noite, meu amor. Isso é hora de chegar? Você é minha aluna especial e tem que chegar as 17 h.

– Professor , mas a aula não é as 19?

– Você vai ganhar aula especial, Ana.

– Aula de que, prof???

– Aula de pica, Ana.

– Oi?? Não entendi, professor.

– Para de dar uma de inocente, Ana. Conheço essas vadiazinhas como você. Ontem foi seu primeiro dia de aula, me viu aqui e hoje veio no mesmo horário. Doida pra levar pombada nessa sua boca, pessoas como você tem que entrar na pomba logo no começo,pra ver se aprende algo na vida.

– Ao escutar aquelas palavras eu senti uma mistura de tesão e medo do Alex.

– Vai ficar aí só olhando? Além de puta é lenda.

Alex tirou aquele caralho pra fora, todo babado e já colocou na minha boca, dando estodadas leves e falando:

– Chupa sua cadeia, chupa essa pomba, olha a hora sua vagabunda, amanhã você tem que vim mais cedo para eu meter essa pica na sua buceta. Ficamos conversando e logo logo chegará alguém.

Alex não cansava, parece que queria me afogar com seu pau, com minhas mãos trêmulas comecei a pegar no seu pau, queria que tudo aquilo acabasse rápido. Enquanto Alex estava batendo com aquela pica inchada na minha cara, escutamos batidas na porta, tinha acabado de chegar dois alunos.

– Viu puta, agora chupa logo essa pomba , estão batendo na porta.

CONTINUA… Ajude-me a comprar um notbook e continuar com os contos diários. [email protected] o pix.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 2,82 de 11 votos)

Por #

5 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Marcos Mondadori

    Criada na rola do professor com 19 estando na Faculdade? Vc nem sabe o que é realmente ser ” criada” e dizer que vc foi ora Faculdade, não sei com foi que conseguiu passar no Vestibular.

  • Responder yy44

    ola quero sim

  • Responder Pix o caralho

    Caralho em,prefero me apontarem um berro na testa pedindo pix,teria mais emoção

  • Responder Sopa de macaco

    Conto merda e so querendo dinheiro facil, precisa melhorar e muito!

  • Responder Bhernar

    Um babaca, querendo dinheiro fácil.
    Vai trabalhar vagabundo.
    Até aqui tem essa raça de 171.
    Lixo…