# # #

Marido saiu e eu me aliviei com a filhinha

798 palavras | 16 |4.55
Por

Meu marido saiu com os amigos e me deixou sozinha cheia de tesao, tive que usar minha filha para me aliviar.

Meu marido era um filho da puta, eu estava no meu período fértil e só queria sexo.

Ele me deixou sozinha para sair com os amigos, e eu fiquei em casa cheia de tesão

E para piorar ele havia jogado fora todos os meus brinquedos sexuais, dildos, vibradores, foi tudo para o lixo porque ele era um maldito velho careta.

Eu era 15 anos mais nova que ele, tinha 35 anos, eu sou uma mulher de curvas, de seios e bunda grande e pernas grossas, não tenho barriga, tenho 1,65m, minha pele é morena bronzeada pois adorava ir a praia, meus cabelos são curtos na altura dos ombros e cheio de cachos em tons de castanho.

Me casei com ele porque minha família me obrigou, eu tive minha primeira vez com ele e logo nessa vez engravidei, fiquei com um ódio mortal dele, daquele bebê e da minha família, todos eles estragaram minha vida.

E hoje depois de tudo isso ele ainda me nega fogo.

Meu tesao era tanto que sentia minha buceta molhada, sentia a calcinha colar de tanta lubrificação já devia ter ali.

Levei uma mão até minha buceta e senti que estava mesmo muito molhada, comecei uma massagem suave, gemendo um pouco alto, resolvi tirar toda minha roupa, deitada na minha cama comecei a me enfiar dois dedos na buceta, eu delirava de prazer, fechei os olhos para sentir melhor enquanto me fodia com força.

Nisso nem reparei a porta do meu quarto ser aberta, minha filha Talita de 13 anos passou pela porta e eu tomei um susto quando abri os olhos, tentei me tapar, ela estava só de toalha e olhava pra mim meio assustada.

– Tata, que você ta fazendo aqui?

Perguntei meio apavorada ainda me tapando e ela tinha lágrimas nos olhos, com medo que eu brigasse pois proibi ela de entrar no meu quarto.

– Desculpa mamãe, só ia pedir para a senhora olhar a minha pepeca, está com um líquido estranho

Eu sorri e bati na cama para ela ir até ali, Talita por vezes parecia uma criança apesar de já ter corpo de adolescente, era magrinha, os seios começando a crescer, os cabelos compridos e loiros, olhos azuis lindíssimos, e uma bocetinha com alguma penugem.

Ela veio tímida e eu pedi pra ver o líquido, ela sentou e abriu as pernas, passou o dedo pela sua entrada e me mostrou, eu sorri, minha filha já estava lubrificando, não sei o que a deixou molhada mas definitivamente ela estava excitada.

Eu expliquei que aquilo acontecia quando ela via algo que a deixasse excitada, ela sabia de onde vinham os bebés então pude me poupar essa parte.

Talita perguntou o que eu estava fazendo e eu disse que também estava excitada e estava resolvendo isso, ela me pediu para resolver por ela também.

Uma onda de calor tomou o meu corpo, minha buceta piscou se fechando contra o nada e eu gemi, a ideia de iniciar a vida sexual da minha filha em outro dia seria doida mas hoje era uma ótima ideia.

Pedi a ela que deitasse e fui direto com a boca na sua bucetinha virgem, chupei, lambi, forcei a entradinha com a língua sem penetrar completamente, ela começou a gemer dizendo que aquilo era muito bom, eu sorria e chupava, levei um dedo até seu cuzinho, circulando e aumentando seu prazer.

– Chupa o dedo da mamãe, filha

Pedi e ela fez, com o rosto contorcido em prazer, levei o dedo úmido até seu cuzinho e forcei a entrada com jeitinho

– Ai ai mamãe, assim dói – Talita disse manhosa e eu pedi calma

Ela relaxou e eu adentrei mais o dedo, sem tirar a boca fa bocetinha dela, comecei um vai e vem lento enquanto brincava com o clitóris inchado e ela começou a se revirar na cama pedindo por mais

– Ai mamãe eu vou fazer xixi, para para para

Eu sorri e continuei, sabia que a sensação era o gozo vindo e não xixi

Ela então começou a tremer e gozou na minha boca, foi tão intenso que ela revirou os olhos e praticamente desmaiou de prazer ficando mole na cama

Eu me sentei ao seu lado e peguei sua mão, chupei dois dos seus dedinhos e forcei na minha buceta molhada, entraram com facilidade e eu movimentei os dedos de forma que entrasse e saísse com rapidez, com a outra mão apertei meus peitos e gozei deliciosamente nos dedos da minha filhinha

Fui até ela e deixei um beijo casto em seus lábios, cobri a nós duas e assim dormimos.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,55 de 20 votos)

Por # # #

16 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Carlos

    Usa uma calculadora antes de inventar proximas mentiras!!!! kkkkk

    • AnDest

      Hm, e você aprenda a interpretar, a mãe tinha 35 anos, era 15 anos mais nova que o próprio marido, ou seja ele era velho para ela, a filha tinha 13, não sei onde está a dúvida. E em momento nenhum disse que o conto era sobre uma história real, não estou aqui para enganar ninguém apenas para entreter.

    • Observador

      Cara carambaa… Ela 35 teve a filha com 22 logo 22+13=35 Porém ela 15 anos mais nova que o marido então 35+15= 50 logo marido 50 mãe 35 filha 13… Idade dos pais ao gerar a filha ela 22 ele 37…. Vai estudar mais e apreensão a interpretar texto e fazer contas o Carlos…

  • Responder Carlos

    VAMOS FAZER UMAS CONTAS AQUI!!!!!

    Você disse que ele tinha 35 anos e vc era 15 anos mais nova que ele: 35-15= 20 então vc tem 20 anos, mas tem uma filha de 13…. 20-13= 7

    Quer me dizer que vc engravidou com 7 anos??? kkkkkk

    • Cabron

      Ela tinha 35 anos, filho da puta burro e analfabeto. Aprende a interpretar.

    • AnDest

      Vamos aqui fazer uma interpretação de texto, a mulher tem atualmente 35 anos, o marido é 15 anos mais velho, não sei qual a dificuldade.

  • Responder Netoslz1

    Belo conto!

  • Responder Rafaella

    Lindo conto.. Beijos… !!!

    • AnDest

      Obrigada Linda, beijos.

    • Renata crente

      oi, leia o meu conto também, e bem excitanre, pesquise por pecado excitante, renata crente

  • Responder Toni

    Então o pai chegou e pegou no flagra as duas nuas. Tirou as roupas e meteu o pau nas duas bucetas meladas.

  • Responder Rola grande

    Caralho tenho muito tesão pra comer a bucetinha de uma criança que delicia tem ccruzsilva

    • Netto

      conta logo qero fode as 2

  • Responder Lopes

    Meu Deus que conto do caralho espero que tenham mais aventuras assim

    • Do interior

      Deu vontade de chupar as duas

    • AnDest

      Obrigada.