# # #

Eu e minha priminha 14

408 palavras | 1 |1.80
Por

Agora contarei como laura perdeu seu cabacinho na festa de 12 anos.

Num belo dia, Laura estava de aniversário eu disse:
Pai: Laura, quem quer convidar para sua festa de aniversário?
Laura: Pai, pode ser meus colegas e minhas colegas da escola?
Pai: Claro que pode?
Então eu fiz no computador os convites rosa e azul, e coloquei os nomes delas e deles.
Elas: Júlia, Brenda, Amanda.
Eles: Augusto, Benício, Daniel.
Laura ficou com Evandro e Megan ficou com Fabiano.
No convite além do dia, hora e local tinha o traje que eles e elas deveriam vir a festa.
As meninas deveriam vir já vestidas de maiô com uma calcinha para depois da piscina.
Os meninos deveriam vir já vestidos de sunga com uma cueca para depois da piscina.
A festa correu tudo bem, e depois de todas as meninas e meninos terem tomado banho eu chamei Laura e disse:
Pai: Laura, vamos abrir seus presentes?
Laura: Pai, pode ser eu que escolha?
1º Júlia: um aparelho de DVD.
2º Brenda: um IPHONE.
3º Megan: um vestido.
4º Amanda: um IPOD.
5º Augusto: cinco biquínis.
6º Benício: cinco maiôs.
7ºDaniel: cinco conjuntos de calcinha e sutiã.
8º Evandro: uma pasta lotada de papéis de carta.
9º Fabiano: uma saia e uma camiseta.
10º Pai: um presente especial.
Quando todos foram embora da festa e Megan já tinha ido dormir eu falei:
Pai: Laura, agora é hora de te dar o meu presente;
Mas tem que fazer o que eu mandar tá?
Laura: Tá bom, pai?
Comecei tire os sapatos e as meias, tire a tiara do cabelo, tire o vestido, tire a meia-calça, tire a calcinha e deite na cama.
Com ela deitada eu tirei mus tênis e meias, tirei mina camiseta e calça, tirei minha cueca e deitei ao lado de Laura.
Daí disse:
Pai: Vou começar a fazer carinhos no seu corpo até chegar na bucetinha tá?
Laura só afirmou com a cabeça.
Comecei a fazer carinhos pela cabeça, barriga, pernas e pé, voltava subir e pulava a bucetinha.
Depois me ajoelhei no chão, abri suas pernas e caí de boca e sua xoxota e comecei a lamber e tomar todo aquele mel que toda pré-adolescente tem só quem já lambeu sabe.
Quando vi que gozou pela quinta vez, estoquei meu pau na bocetinha da minha filha, gozei lá dentro e tirei seu cabacinho;
Na parte 15, contarei o dia que engravidei minha filha e comi a bucetinha da irmã.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 1,80 de 5 votos)

Por # # #

1 comentário

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Odarox

    Que porra é essa que esse lunático quis dizer em? Mkkkkkkk