# #

Novamente com os casal gay

862 palavras | 3 |3.14
Por

Olá novamente, como disse no conto anterior eu ainda estava de férias e os meus novos amigos também, ficou combinado no dia seguinte mais uma ida a mesma praia, cheguei por voltas das 10:00 da manhã, estendi a toalha, tirei a roupa, pus os fones nos ouvidos e fiquei a apanhar sol. Nem me apercebi da chegada do Nuno e do João, estenderam logo a as toalhas ao lado da minha e também tiraram logo as suas roupas. ficamos conversando um bocado na toalha e depois fomos á água, que estava um bocado fria e os meus mamilos firaram logo durinhos 🙂
Já na toalha fiquei novamente a apanhar sol, enquanto isso o Nuno e o João aproveitaram para namorar um bocadinho, eu fiquei a ver aqueles putos de 20 anos a beijarem-se e a passarem as mãos pelo corpo um do outro, os seus caralhos estavam a dar sinal de vida e ao mesmo tempo cada um batia uma punheta ao outro, eu a olhar para eles estava a ficar excitada, não sei porquê, mas cada vez mais estava a gostar de ver dois gajos a comerem-se um ao outro. Devido ao dia anterior isto já não era novidade, mas hoje estávamos mais á vontade, como era dia de semana a praia estava quase vazia, isso também ajudava a que pudéssemos estar tranquilos. Como não havia mais ninguém por perto o João começou a chupar o pau do Nuno, eu acendi um cigarro e comecei a masturbar-me , estava mesmo voyeur a apreciar o show que eles me estavam a dar, acho mesmo que eles até se esqueceram que eu estava ali… Mas tivemos que parar, pois ouvimos alguém que se aproximava.
Como já era 12:00 resolvemos ir para caravana deles e fazer o almoço, depois de almoço, estávamos a beber o café, quando o João diz:
– Agora sabia bem era alguém mamar o meu pau.
Eu e o Nuno começamos a rir, o Nuno não se fez rogado e foi logo de joelhos satisfazer a vontade do João.
– Cátia, também te podes juntar ao Nuno… Disse também.
Eu bem mandada que sou juntei-me ao Nuno a chupar o caralho do João. Estivemos uns 10 minutos a chupar o pau dele, até ele se vir, ele nem avisou , o Nuno estava com a bola nas bolas dele e eu com o pau dele todo dentro da boca quando me encheu a boca, o Nuno mal se apercebeu, disse que também queria e veio beijar-me a boca. partilhamos um delicioso beijo esporrado…
Agora é a minha vez de ser chupada por duas bocas pensei.
– Meninos, a minha coninha precisa de atenção, não é só as vossas pichas que gostam de ser chupadas.
O Nuno como no dia anterior já tinha provado , depressa veio me chupar, enquanto isso o João ficou a ver o namorado a lamber-me, hoje já estava a correr melhor.
– Anda João, hoje vais saber o que é uma cona.
O Nuno sem eu esperar também incentivou o João a juntar-se a ele, com algum custo ele veio e juntou-se a nos.
– Agora chupem, hoje vou ser eu a aproveitar.
Lembrei-me de uma cena de um dos filmes que andei a ver e acendi um cigarro enquanto eles estavam os dois a escrever o alfabeto com a lingua..
Aproveitei aquele momento ao máximo, eles claro que pelo meio iam-se bejando, que tesão só de recordar, até fiquei com a coninha molhadinha.
– Então já que hoje provei a tua coninha, hoje também quero foder um coninha.
Uau ,o João hoje está doido, ontem não queria nada, mas hoje quer tudo.
– Anda, fode-me.
Ele um bocado desajeitado a procura do sitio certo, mas com uma ajuda minha começou com o vai e vem, o Nuno veio procurar a minha boca para eu o chupar.
– Vamos mudar de posição. Nuno deita-te.
O Nuno deitou de barriga para cima e eu em cima dele a fazer um 69
– João continua, anda fode-me a coninha assim por tras.
Eles perceberam logo a ideia, o Nuno chupava-me e alternava com o pau do namorado.
Até que o Nuno anuncia que vai se vir e 2 segundos depois o João também se quer vir.
Fizemos como nos filmes 🙂
Eu fiquei de com o João de joelhos e o Nuno veio-se em cima de nos , ele de seguida trocaram e o Nuno veio-se em cima de mim e do João. Eu fiquei com a cara, cabelo e mamas cheia de esporra quentinha, seguido de um beijo a 3, eu fiquei limpinha…
No resto da tarde aproveitamos para descançar e eles para arrumar, pois no dia seguinte de manhã iam para outro destino.

Esta foi talvez a aventura mais fora dos normal que tive, mas provavelmente a das que me deu mais prazer.
como mantivemos contacto, ainda nos voltamos a encontrar 3 anos depois, mas isso já é outro conto.

Beijos a toda(o)s.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,14 de 7 votos)

Por # #

3 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Quero_Pau

    Uau, que delicia! Sempre quis dar um beijho esporrado, deve ser algo delicioso.
    Vc é uma putinha safada, não é mesmo. Vou fazer vc chupar meu caralho, te encher a boca de leitinho quente e te dar um beijão delicioso. Depois vou fazer a mesma coisa com a coninha, vou fude-la e gozar la dentro, e voce vai sentar na minha cara es esfregar tua xota gozada.

    • Catiaatup

      Oi, safada é o meu nome do meio…
      Anda, gosto de homens assim.
      Beijo

    • Quero_Pau

      Me escreve, putinha. [email protected]