Precisei ser trouxa pra virar puta!!

27-07-17 Por 2 ★ 0.00

Olá,meu nome é Aline,tenho 19 anos,morena da pele clara,1.69 de altura,bundinha e quadril grandinhos,peitos médios e durinhos…bom eu sempre fui estilo bem romântica e nerdzinha,falava que ia perder a virgindade só com 18 anos,mas eu me apaixonei quando tinha 16 anos e ele tinha 17,eu até pagava boquete pra ele e tal,mas ele me trocou por outra só porque ela deu a buceta pra ele e eu fiquei muito puta,sofri muito,mas umas 2 semanas tinha uma festa pra mim ir que foi até ele que tinha me falado dessa festa;Como eu era a única que estava sofrendo das minhas amigas eu até fui na festa mas fiquei sentada perto do bar,nessa festa eu conheci uma moça que tinha umas 29/30 anos,que falou várias coisas e uma delas foi pra mim parar de ser idiota,que eu era linda,tinha um corpo bonito,que era só malhar mais um pouquinho e sair bastante e dar muito que rapidinho eu ia esquecer ele,que era só tomar cuidado,usar camisinhas e pílulas do dia seguinte e pronto! Fui pra casa pensando nisso,cheguei em casa tirei a roupa e fiquei me autoavaliando no espelho e tal,acordei e falei logo a minha mãe que queria entrar na academia,ela falou com o meu pai e entrei no dia seguinte,comecei a malhar e ganhar corpo e tal,fiz amizades e tinha um cara lá que estava sempre nos mesmo horários que eu e fazendo as mesmas coisas e me observando de um jeito safado,eu que não era mais boba,quando ele tava na esteira ao meu lado fingi que me machuquei e ele acreditou e me ajudou,e desde então começamos a nos falar sempre,eu provocava ele na academia essas coisas,pegamos o número um do outro e marcamos de sair,ele me levou para um bar com sertanejo e pá,e tinha mais uns amigos deles,lá bebemos e ficamos bêbados e nos beijamos,que beijo gostoso aquele beijo lento que da um tesao da porra,então depois de alguns beijos ele me levou pra casa dele,cheguei e paguei um boquete delicioso pra ele,que pau gostoso,grande e grosso,na hora que ele ia me chupar eu contei pra ele que era virgem,ele disse que não tinha problema,que na hora de me comer ia devagar,ele me chupou tão gostoso,minha bucetinha apertadinha e molhadinha já estava pulsando,aí ele enfiou a cabecinha da pica dei um gritinho,era uma dorzinha misturada com prazer,ele começou devagar e depois foi acelerando e eu gemia muito,e ele me xingava de piranha,gostosa,batia forte na minha bunda,chupava os meus peitos durinhos,aí que delicinha…olhava pra ele com uma cara de safada e ria,depois ele gozou na minha boquinha e no meus peitos e eu gozei também,minha bucetinha ficou toda meladinha delicia. Depois fui pra casa toda dolorida mas foi uma ótima foda! Dormi lá com ele e acordei tomei um banho tomei café e ele me levou até a porta do condomínio do meu prédio,sorte que tinha falado que ia dormir na casa de uma amiga minha para os meus pais,então eles não desconfiaram.Desde então dei muito,inclusive virei bissexual,chupo pau e buceta,afinal os dois são deliciosos,já transei com amigas minhas e com aquela moça que me ajudou se é que vcs lembram que eu falei dela no início,mas isso eu conto depois! beijoss na piroquinha ou bucetinha de vocês!!

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(0 Votos)

Por

2 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos

  1. Gabriel

    Que delicia,quero gozar na sua boceta linda

  2. DUDU

    anota meu email [email protected] quero comer tua buceta e teu cuzinho minha kdinha.