Dando para minha família

Bom, me chamo Poliana hoje estou com 19 anos. Sou morena, cabelos longos e com seios e rabo GG. Minha experiência com incesto aconteceu quando era bem mas novinhas ao 6 anos quando minhas primas e eu brincávamos de “casinha” pra quem olhava a brincadeira era bastante boba. Tinha duas primas mas velhas de 14 e outra de 16, a brincadeira se iniciava na noite depois que meus pais iam dormi e elas dividiam o quarto comigo. Lembro que eu passava a noite inteira mamandos os seios delas e chupando o cu delas tambem. Nao entendia muito bem porque acontecia aquilo mas hoje me dou conta que desde ali ja me entendia com mulheres também. Sempre foi assim mas chegou um tempo que elas foram embora pro interior e nao vi mas elas. Depois disso, aos meus 9 anos fui passar um tempo na casa de meus avós, onde meu avô começou a me tocar. Ficava confusa mas sentia aquela obrigação de me entregar a ele. Beijava minha boca e labiam minha buceta sempre que dava porque minha avó sempre estava por perto. Fiquei com aquilo na cabeça mas para mim achava normal, com os meus 11 anos comecei a ter seios grandes e comecei a menstruar. Com os 12 voltei para a casa de meus pais. Minha mae sempre saia por trabalhava num salao de beleza e ficava em casa meu pai, eu e meus irmãos mas novos. Certo dia eu estava deitada na rede do quintal quando meu pai veio e começou a falar comigo sobre várias coisas inclusive sobre namoradinhos. Naquele tempo era muito nova, e os adolescentes nao eram como os de hoje. Eu era bastante discreta com relação a isso, conversamos e foi quando ele saiu e eu dormi na rede. Quando acordei ele estava olhando pra mim e massageando minha buceta com os dedos, eu ainda era virgem pôs meu avô nao chegou a penetrar em mim. Fui deixando ele me tocar e ele disse que ia ser nosso segredo, que na vida dele ele tinha apenas duas mulheres que era minha mae e eu. Foi quando todos os dias ele vinha no meu quarto mamar meus peitos e minha buceta, foi devagar pois todo o dia ele me ensinava alguma coisa. Um dia eu estava no meu quarto e ele veio com seu pênis duro ja e disse que eu ja tava pronta pra ser sua mulher. Tirou minha roupa e começou a me mamar inteira, mas de primeira fez anal comigo e depois comeu minha buceta vem devagarinho e disse pra mim que isso sempre ia se repetir. Todos os dias na saida da mae a gente fazia sexo, e todo o dia eu ia aprendendo algo novo. E aos meus 16 anos fui dormir no quarto do meu irmão de 14 anos. Estava de ladinho quando senti sua mae tocando na minha bunda. Sem pensar duas vezes fui tirando minha roupa e ele com vergonha foi tirando a dele. Ele me comeu inteira, no dia seguinte contei para meu pai tudo que tinha acontecido pois ja nao tinha mas vergonha sobre falar isso a ele. Hoje estou com 19 anos e faço sexo com meus dois irmaos e meu pai. Sempre fazemos dupla penetração em mim. Acho prazeroso incesto, me sinto mas a vontade e me encho de prazer quando meu pai goza dentro de mim. Bom, esse foi meu conto real. Quero que voces deixem seus comentários p me saber oque acharam rapazes e mulheres.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,92 de 12 votos)
Loading...