# # # #

Meu Pai fez eu virar a mulherzinha dele

3573 palavras | 14 |4.64
Por

Depois que minha Mãe morreu, meu Pai ficou muito triste e sozinho, então resolvi cuidar dele.

CONTO FICTÍCIO

(Me chamo Gabriel, tenho 8 anos, sou baixinho, branquinho e tenho um corpo bem feminino, coxas grossas, bunda lisinha redondinha, pele macia, cabelos grandes, chegam a bater no meu ombro. Meu Pai se chama Paulo, ele é alto, forte, tem cabelo curto e é negro, parece um jogador de basquete, ele é enorme)

Quando eu tinha 7 anos, minha Mãe morreu. Depois da nossa perda, eu e meu Pai ficamos sozinhos em casa. Durante um ano inteiro vi meu Pai sempre pra baixo, triste, depressivo, não tinha vontade e nem ânimo para fazer mais nada. Ele só ia trabalhar por obrigação mesmo, para poder pagar as contas, cuidar da casa e comprar comida. Eu não conseguia mais ver ele daquele jeito.

Até que chegou o dia do meu aniversário de 8 anos, era um Sábado, meu Pai só trabalhava de Segunda a Sexta, era o momento perfeito para tentar fazer alguma coisa pra animar o meu Pai, tentar fazer ele sorrir ou fazer alguma coisa diferente.

Então pedi para o meu Pai comprar um sorvete pra gente comer, enquanto ficava no quarto assistindo alguma coisa. Minha ideia era passar o dia todo com ele para tentar animar ele de alguma forma. Ele comprou o sorvete, e fomos pro quarto, colocamos um filme pra assistir e ficamos comendo o sorvete.

Depois que terminei de comer meu sorvete resolvi me aproximar mais do meu Pai. Então cheguei bem perto dele, deitei minha cabeça no peito dele e coloquei meu braço em volta dele, queria ficar abraçadinho com meu Pai.

Estávamos assistindo um filme de ação, até que chegou em um momento do filme, que teve uma cena de sexo bem pesada, o ator no filme estava pegando a mulher de jeito, com força, era sexo selvagem, ele fodia ela enquanto puxava os cabelos, dava tapas na cara e na bunda dela, xingava ela, e ela gemia muito, falando pra ele foder ela mais e mais. Eu era bem novinho, e naquela época não sabia nada sobre sexo, era totalmente inocente.

Meu Pai não sabia que iria ter cena de sexo no filme, ele se assustou na hora, ficou procurando o controle pra tentar tirar do filme ou desligar a TV. Mas ele não viu que o controle estava comigo. E eu estava focado na tela da TV prestando atenção nas cenas, depois que ele desistiu de achar o controle tentou tapar meus olhos, mas eu já tinha visto muita coisa, e fiquei curioso sobre aquilo, até que falei pro meu Pai.

Gabriel (Eu): Pai, tira a mão do meu rosto, eu quero veer.

Paulo (Pai): Não filho, isso não é coisa pra sua idade, você não pode ver.

Eu: Mas Pai, o que é que aquele homem e aquela mulher estavam fazendo?

Pai: Eles estavam fazendo uma coisa que os adultos gostam de fazer para se sentir bem. (Quando meu Pai disse aquilo eu fiquei mais interessado ainda, porque tudo o que eu queria era fazer o meu Pai se sentir bem de novo).

Eu: Entendi. Eles pareciam estar gostando muito daquilo né? Principalmente a mulher, pelo rosto dela ela parecia estar gostando demais daquilo.

Pai: Sim, os dois estavam gostando, agora vamos mudar de assunto.

Eu: Pai…

Pai: Fala filho…

Eu: Você fazia isso com a Mamãe?

Pai: … (Meu Pai um pouco constrangido demorou um pouco pra responder) É… Sim filho, eu e sua Mãe, a gente fazia esse tipo de coisa.

Eu: A gente pode fazer também Pai? Eu e você? Parece ser algo muito bom. E como você disse, é algo que os adultos gostam e vamos nos sentir muito bem, eu quero fazer você se sentir bem Pai.

Pai: Não Gabriel, nós não podemos fazer aquilo. Aquilo é uma coisa que só adultos fazem, entre um homem de uma mulher.

Eu: Então dois homens não poder fazer isso juntos?

Pai: … Érr… Sim.. dois homens podem fazer juntos sim, mas não quero ficar falando dessas coisas com você, quando você crescer talvez a gente converse sobre essas coisas um dia.

Eu: Mas Paaii… (Eu falei de forma manhosa com uma voz bem feminina e abracei o meu pai com força, dessa vez jogando minha perna em cima dele também, ficando bem agarrado com ele)… Eu não aguento mais ver você triste, eu quero ver o senhor bem de novo, feliz. Se isso faz as pessoas se sentirem bem, eu quero fazer com você Pai… Deixa eu fazer o que a Mamãe fazia com você, quero te fazer bem do mesmo jeito que ela fazia Pai, deixa eu cuidar de você, por favor, deixa eu fazer você se sentir bem.

Pai: Não filho, nós não podemos…

Depois que meu Pai falou isso eu senti algo bem duro na minha perna, e vi que meu Pai estava com o pau duro. Como eu tinha visto as cenas do filme, eu vi a mulher fazendo algumas coisas, então resolvi tentar fazer igual, no começo, a mulher estava chupando a rola do cara, então tentei fazer o mesmo com meu Pai.

Primeiro me fiz de desentendido, fiquei pegando no pau do meu Pai por cima do shorts e fingi que nem sabia o que era, perguntei.

Eu: O que é isso aqui Pai? (Ele se assustou comigo pegando no Pau dele e disse)

Pai: Esse ai é o piu piu do Papai filho, tira a mão dai.

Eu: Nossa Pai, o seu parece ser tão grande e está tão duro, o meu não é assim.

Pai: É, quando você crescer ele vai ficar igual ao meu.

Eu: Eu posso ver Pai?

Pai: Não filho, melhor não.

Eu: Por favor, por favor, por favor, deixa? Só vou ver rapidinho, quero ver como o meu vai ficar.

Pai: Ai caramba… ta bom vai… mas é rapidinho, só olha um pouco e já vou guardar ele de novo.

Então aquele foi o momento, meu Pai baixou o shorts dele e aquela rola enorme de uns 20cm saltou pra fora com tudo, estava dura igual pedra, uma rola enorme, fiquei impressionado, na tela da TV era uma coisa, ao vivo é outra. Eu cheguei mais perto com o meu rosto pra ver melhor o Pau do meu Pai e consegui sentir o cheiro, achei aquele cheiro da rola dele muito gostoso até, queria até sentir mais de perto. Cheguei mais perto e segurei no Pau do meu Pai com minha mãozinha.

Pai: Eii! Tira a mão dai, era só pra você olhar!

Eu: Calma Pai, deixa eu sentir um pouco, quero saber exatamente como é, é rapidinho… Caramba… ele é enorme… o meu vai ficar mesmo assim igual ao seu? Uauu, ele é bem quentinho… é grande kkk, mal cabe na minha mão Pai rs. Segurei o Pau dele com as duas mãos e fiquei movimentando, sentindo aquele Pau enorme de cima a baixo. Até que meu Pai deu uma gemidinha que não conseguiu segurar “humm ooh” Eu olhei pra ele e sorri, vi que aquilo iria mesmo fazer bem ao meu Pai, então não perdi tempo, cai de boca no pau dele.

Coloquei a cabeça do pau dele na boca e fui tentando chupar, a rola dele não era tão grossa, então fui conseguindo colocar mais na boca, fui chupando e passando a língua. Meu Pai simplesmente ficou sem reação, ele não sabia mais o que fazer, ficou em choque. Eu estava chupando sem jeito então o dente pegou no pau dele algumas vezes… Depois de uns 2 minutos acho que meu Pai desistiu de me fazer parar, ele estava gostando tanto daquilo que resolveu deixar rolar.

Pai: Filho… oohh…. cuidado com os dentes, não deixa eles acertarem o piu piu do Papai que machuca. (Escutei o meu Pai e me esforcei ao máximo pra não deixar os dentes acertarem ele)

Eu estava mamando o pau do meu Pai bem gostoso, parecia uma profissional já kk. Eu ali no meio dar pernas do meu Pai com a rola dele na minha boca, eu estava gostando muito daquilo, principalmente sabendo que eu estava conseguindo fazer meu Pai se sentir bem, aquilo me deixou muito feliz, eu estava ouvindo meu Pai gemer por estar amando o que eu estava fazendo por ele.

Pai: Ooohh… Aii caramba… não acredito que isso está acontecendo… aaahh, mas está tão bom… não quero parar agora… ooohh… caralho… que delicia… que boquinha gostosa Biel… oooh.

Eu: Está gostoso Papai? Eu também estou gostando, é bem gostoso sentir ele na minha boca.

Pai: Sim filhinho, o Papai está gostando muito, agora continua vai, continua chupando a pica do seu Pai vai, que eu estou quase… oohh

Eu: Quase o que Pai?

Pai: Nada filho, só cai de boca no pau do Papai vai, vem cá. (Ele segurou minha cabeça com as duas mão, me puxou pro pau dele e fez eu voltar a mamar aquela pica).

Mas dessa vez ele começou a se movimentar, fazer movimento de vai e vem pra foder minha boquinha, eu achei um pouco estranho no começo mas me acostumei rápido e deixei ele a vontade pra fazer o que queria e fui tentando chupar o melhor que eu conseguia.

Então ele foi metendo e metendo e metendo na minha boca até que…

Pai: AAHH!! Porra… to quase… to quase… (Ele segurou minha cabeça com força e aumentou o ritmo) estava enfiando a rola na minha boca até o fundo, eu já não estava conseguindo respirar direito.

Pai: OOhhh! Vou gozar, vou gozar… olha filhinho, o Papai vai dar muito leitinho pra você agora, leitinho na sua boquinha, pode beber tudo ta? Agora tomaaa… toma o leitinho quente do Papai… ooohhh caralhooo, toma tudo toma aahhh!!! porraaaa….

Eu nem sabia o que estava acontecendo, gozar? o que era isso? depois meu Pai disse que iria me dar leite quente, onde? como ele iria fazer isso? Até que minha boca começou a encher, eu me assustei na hora, mas fui tentando engolir tudo, não consegui, porque não estava esperando por aquilo do nada, eu engoli o máximo que consegui e depois vazou pela minha boca, junto com o Pau do meu Pai, que ainda estava gozando muito, e foram mais um 4 jatos de porra na minha cara toda.

Pai: aaiii caralho… isso… toma tudo… que delicia… fazia tanto tempo que eu não senti isso… que eu não fazia isso… aahh, é bom demais.

Eu ali todo gozado, abri um sorriso por estar fazendo bem ao meu Pai, disse.

Eu: Está se sentindo melhor Papai?

Pai: Sim filho, muito melhor, obrigado.

Eu: O que é isso aqui na minha cara Pai? Eu engoli bastante, até que é gostoso, não achei ruim não.

Pai: Isso é o leite do Papai filho, quando o Pai se sente bem ele solta esse leite ai pelo piu piu.

Eu: É sério Pai? Aii, estou muito feliz que consegui fazer o senhor se sentir bem de novo. Muito mesmo, eu te amo Pai, quero fazer o senhor muito feliz. Vamos fazer de novo? Eu faço o senhor se sentir bem e você solta mais leite.

Pai: Não sei não filho…

Eu: Vamos Pai, quero fazer o senhor se sentir bem de novo… dessa vez vamos fazer aquela outra coisa que estavam fazendo no filme.

Pai: Que outra coisa?

Eu: Sei lá Pai, não sei exatamente o que era, na cena eles estavam pelados, o ator estava atrás da mulher, segurando na cintura dela e jogando o corpo pra frente, n entendi muito bem o que era, mas eles pareciam estar gostando muito, podemos fazer igual?

Acho que naquele momento o tesão tinha dominado o meu Pai completamente, ele nem pensou duas vezes, só respondeu.

Pai: Sim filho, podemos fazer igual sim, o Papai fazia isso direto com sua Mãe.

Eu: Sério Papai? Me ensina por favor, quero fazer exatamente igual a Mamãe, quero fazer tudo o que ela fazia com você Pai, tudinho.

Pai: Tudo bem filho, vem cá que o Papai vai te ensinar tudo. Primeiro… tira a roupa.

Eu e meu Pai tiramos nossas roupas e ficamos pelados no quarto.

Pai: Isso… agora deita na cama, fica virado pra mim, e abre bem suas pernas, deixa elas bem aberas pra mim, tenho q ver sua bundinha.

Eu: Assim Pai?

Pai: Sim bb, assim mesmo. Agora o Papai vai colocar o pau dele na sua bundinha ta bom? Espera só um pouquinho… (Meu Pai peguei um gel que tinha na gaveta ao lado da cama e começou a passar no pau dele e na minha bunda, passou na portinha e depois enfiou o dedo dentro do meu cúzinho com aquele gel gelado, eu me assustei na hora e falei)

Eu: Aiinn, que isso Pai?

Pai: Calma bb, isso é só pra não dor muito, vai aliviar bastante a dor, porque no começo dói um pouquinho, mas depois você acostuma e vai gostar, na verdade você vai gostar muito, igual sua Mãe, você vai gostar tanto que vai querer fazer isso todo dia com o Papai.

Eu: Sério? Então faz logo Pai, quero sentir como é.

Pai: Ta bom bb, se prepara tá? O Papai tem que colocar o pau dele inteirinho dentro de você, vai sentir uma dorzinha mas depois vai parar a dor e você vai começar a gostar. (Ele colocou o pau na portinha do meu cú e foi forçando pra dentro) conta até 3 bb.

Eu: Tá… um… dois… AAAAHHH!!! AAAHH!!! aaaaiiii! aaaiiii!! tiraaa, tira, tira, tiraa, aaiii Pai, está doendooo, ai minha bunda, aii aiii…

Pai: Calma bb, calma. já foi… o Papai já colocou tudo, eu falei que iria doer do começo, então é melhor colocar tudo de uma vez logo, se não você iria sentir essa dor aos poucos e iria demorar pra passar. Agora relaxa, fica quietinho e sente a pica do seu Pai no seu cúzinho sente, pisca ele pra mim pisca…

Eu: Aiii, aaii…. aaahh… tudo… bem… vou tentar… e começei a fazer um pouco de força e piscar o cúzinho pra ele, fui apertando o pau do meu Pai com força.

Pai: AAahhh! caralho… isso fiho, isso… assim…. que gostoso… ahhh… que delicia porra… Olha bb, como você quer fazer exatamente como sua Mãe fazia, tudo o que ela fazia, então hoje você não é meu filho Gabriel, você é minha mulher, hoje você vai ser a mulherzinha do Papai, minha filhinha Gabriela, ou melhor, Gabi…

Eu: Tudo bem por mim Papai, vou fazer o papel da Mamãe, vou ser a sua mulher, a sua esposa. Faz comigo o que você fazia com ela Pai, eu sou toda sua, faz o que quiser, o importante é que o senhor se sinta bem.

Pai: Tá bom amor, então se prepara que agora vou começar a movimentar, vou meter essa pica no seu cúzinho com força, vou arregaçar você assim como eu fazia com sua Mãe, agora eu sou o seu macho e você é a minha mulherzinha, minha putinha safada.

Eu: O que é putinha Pai?

Pai: Putinha são pessoas que fazem os homens felizes.

Eu: Aahhh! Então siiim, eu sou a sua putinha Pai, sou sua putinha, quero te fazer feliz, muito feliz.

Pai: Ah bb, você vai me fazer muito feliz, pode ter certeza disso… vou me aproveitar muito bem de você, vou te usar assim como eu usava sua Mãe, você vai me fazer feliz todos os dias aqui nessa casa a partir de hoje… Agora toma pica nesse cú, toma sua cachorra, sente a pica do seu macho nesse cú !

Meu Pai tirou a rola de dentro de mim, acertou a cabeçinha no meu cúzinho e depois enfiou tudo de novo e começou a meter, eu de frango assado embaixo dele com as pernas abertas e ele em cima de mim com o seu peso todo socando a rola no meu cú com toda a força, ele estava maluco, me fodia com muita força, nossos corpos fazendo barulho com as metidas, ele tirava quase a rola toda, deixava só a cabeça dentro e metia o pau todo de novo lá no fundo, até o talo. A cada metida o saco dele batia na minha bundinha, e o barulho dele socando a rola no meu cú ecoava pelo quarto todo, as batidas da virilha dele com a minha bunda era um barulho muito bom de ouvir.

Eu não sentia mais dor nenhuma, pelo contrário, aquilo estava gostoso pra caralho. Meu Pai me fodendo com força, parecia estar no cio, parecia um cavalo traçando a égua. Eu só conseguia gemer.

Eu: Aiii Pai…. que gostoso… não sabia que isso era tão bom… por isso que os adultos gostam tanto… ooohhh …. aahhh… aii, aaii, issoo …. oohhh… ohhhh… delicia… vai Pai… isso… mais forte… mais forte… mais fundo…

Pai: Aahhh putinha!… Não fala isso não que eu gozo putinha… caralho… que cúzinho gostoso… eu sempre quis comer o cúzinho da sua Mãe e ela nunca me deu… agora estou aqui, comendo o cúzinho da minha menininha, do meu bb. Esse cúzinho gostoso, rozinha, apertadinho… AAhhh… que delicia… caralhoooo, que cúzinho gostoso, oohh … ooohhh…. porra…. toma rola nesse cú putinha toma… Vou te foder até cansar, pede pro Papai de foder vai… pede pro seu macho comer seu cúzinho pede.

Eu: Me fode Papai, me fode com força vai… fode esse cúzinho fode… come meu cú, come o cú da sua putinha, mete essa pica no meu cú vai… ooohhh… aaii … aiii… isso… fode… mais forte… mais forte… issoo… come meu cúúú… caralhooo… que deliciaaaa… ooohhh… aahhh….

Pai: Quer mais forte? ok! Então toma! Sua vagabunda…. cachora… piranha… safada… toma, toma, toma, tomaaaa! Quer pica nesse cú? Então toma sua puta do caralho! Não queria sentir a rola do seu Pai nesse cúzinho, agora toma porra… toma rola nesse cú caralho… sua putaa!!! aaahhh caralhooo!! vou gozar porra!

Aquilo tudo estava gostoso pra caralho, eu estava gemendo demais com aquela rola no meu cú. Quando ele começou a me foder mais e mais forte, eu abracei meu Pai com meus braços e minha pernas, deixando a gente mais colado um no outro. Então ele foi fodendo mais, e mais e mais, até que vieram os primeiros jatos de porra no meu rabo….

Pai: AAAHHHH!!!! CARALHOOO!!! PORRA!!!! TO GOZANDO CARALHO!!! TOMA LEITE NESSE CÚ TOMA, TOMA O LEITINHO QUENTE DO PAPAI! AAAHH CARALHO, QUE DELICIA DE CÚ PORRA! TOMA PICA CARALHO, VAGABUNDA, TOMA, TOMA, TOMA…. OOOOHHH…. OOOHHH…. AAHHHH!!

Eu: AAAHHH!! QUE DELICIA PAI… FODE… FODE… FODEE…. DA LEITINHO PRA MIM, DA TUDO PRA MIM… OOOHH… OHHH… QUE DELICIAA… AAIINN… OOHHH… AAHHH… ME FODE… GOZA DENTRO DE MIM… GOZA… ISSOO.. OOOHHH… Enquanto meu Pai gozada eu ficava apertando o pau dele com meu cúzinho.

Pai: Ai caralhoo… que delicia de cú…. aahhh… Ai Gabi… Gabizinha… eu te amo…. que cúzinho gostoso… de agora em diante, você sempre vai ser a minha menininha, a mulherzinha do Papai. Nos dias de semana, sempre que o Papai chegar do trabalho vamos foder gostoso… e nos finais de semana, vamos foder o dia todo, em todos os cantos da casa, igualzinho eu fazia com sua Mãe. Você vai dar esse cúzinho pra mim todos os dias, como uma boa putinha satisfazendo seu macho. E o bom é que você não vai engravirdar kkkk, vou gozar sempre dentro de você.

Eu: Sim Papai, vou te fazer muito feliz, eu prometo, quero que o senhor seja o homem mais feliz do mundo, eu te amo Papai. Se é isso o que o senhor quer fazer, se é isso que vai te deixar feliz, então é isso que vou fazer com o senhor todos os dias, vou ser pra sempre sua mulherzinha, sua Gabizinha.
Eu faço o que você quiser Pai, te amo muito.

Meu Pai sorriu feliz por cima de mim, se aproximou e me beijou, me beijou com vontade, me agarrando todo. E disse…

Pai: Eu te amo amor… você é minha, toda minha.

Eu: Sim Pai, eu sou sua, sua mulherzinha, e vou te fazer muito feliz.

Já era tarde, meu Pai me pegou, me jogou pro lado da cama, veio por trás de mim e encaixou a rola na minha bunda. Ficamos agarrados de conchinha pelados e dormimos ali.

No dia seguinte… Meu Pai acordou com uma sensação estranha… Se assustou e olhou pra baixo, era eu chupando seu pau.

Eu: Oi amor… acordou? rs. Dorminhoco, eu queria te fazer uma surpresa rs.

Pai: Aiii caralho… e que surpresa gostosa em bb… acordar com essa boquinha gostosa no meu pau é a melhor coisa haha… Chupa vai, mama gostoso amor, toma o leitinho do Papai de café da manhã toma… aahhh…. isso putinha… que surpresa gostosa bb.

Eu: rs Eu não disse que iria te fazer muito feliz?

FIM

⏩ O melhor site de desenhos animados pornô do 🇧🇷, HQs eróticas🔥

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,64 de 36 votos)

Por # # # #
Comente e avalie para incentivar o autor

14 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder @Leosilveira2 ID:8kqyapw20k

    Que tesão. Que delícia. Quero um adulto assim

  • Responder Maxx! ID:3ynzguyzhr9

    Delícia de conto.
    @nalabuta
    Me chama

  • Responder @Lock2000 ID:h5hrdft0b

    Continua…post logo

  • Responder Veadinhodopapai ID:7121w1ak0j

    Com 10 anos meu pai realmente me comeu assim, forte pra caralho, afundou a rolona até o talo no meu cu mas infelizmente acabei passando muito mal depois, me deu muita febre eu lembro que fiquei 2 dias de cama sem aguentar levantar ele ficou com medo nunca mais me comeu. Mas eu lembro disso e ainda fico desejando a rola dele bem bruta novamente no meu cu, ele descontou toda raiva da traição da minha mãe em mim. Agora estou com 16 anos e ele nunca mais me tocou

    • Luiz ID:h5i094m9a

      Acho que vc deve conversar com seu pai deixar claro como vc gostou e agora vc tem condições de fazer sexo com ele sem sentir febre

  • Responder Yuri ID:gsudr7b09

    O pai tem direito, gozar no filho, fazer te mamar e socar forte
    Quem quiser troca ideia tele yuri1598

    • Lírio ID:2pe13yboid

      As vezes eu queria que o meu pensasse assim.

    • Sluttyboy ID:469cyuz08rc

      Queria que os homens na minha família fossem assim

  • Responder Lírio ID:2pe13yboid

    Amei!!! Ansioso para ler os próximos.

    • Lúcifer ID:8ef5gws8r9

      Fico feliz que tenha amado meu conto, estou escrevendo outros temas, mas logo vou mandar uma parte 2 desse.

  • Responder Andrezinho ID:g61zb7344

    Delicia eu quero senta assim na rola do meu padrasto e dos amigos dele antes de fazer 14

    • Lúcifer ID:8ef5gws8r9

      Que delicia rs

  • Responder Sla ID:1daicwpzrd

    Hmmmmm que conto perfeito, parabéns autor.. gozei pra crlh kkkk ficou mt bom,tava esperando esse conto

    • Lúcifer ID:8ef5gws8r9

      Fico feliz que tenha gostado e satisfeito em te fazer gozar bastante.

      Se quiser que eu escreve algum conto com tema específico é só pedir, estou começando a escrever outro agorinha.