# #

Irmã e Padrastro de madrugada

972 palavras | 9 |4.27
Por

Depois de muito pensar, decidir contar o que eu vi e aconteceu aqui na minha casa. Me chamo Bruna, tenho 18 anos, sou uma menina tranquila, não sou de ficar saindo em baladas, festas, tenho poucas amizades. Tenho uma irmã que se chama Maria mais nova que eu e totalmente ao contrário de mim kkk. Ela gosta de festa, tem vários amigos e é mais extrovertida.

Meus pais são separados já faz um tempo, a minha irmã era recém nascida, quando minha mãe descobriu uma traição do meu pai e resolveu se separar. Minha mãe sofreu muito no começo da separação e somente após alguns anos ela começou a aceitar. Como eu era pequena, na época não entendia direito o que estava acontecendo. Logo após meu aniversário de 15 anos, minha mãe nos apresentou um homem e disse que era seu novo namorado. Marcos o nome dele, ele era bem mais velho que minha mãe, mas muito gente boa, sempre nos tratava com muito respeito, ele sempre buscava minha mãe no serviço dela e deixava em casa, sempre atencioso. Na época eu era menor ainda e como minha irmã estudava de tarde e minha mãe trabalhava o dia todo, ela teve que contratar uma pessoa para ficar de manhã com minha irmã e fazer almoço para nós.

Marcos percebeu que com o salário que minha mãe ganhava, acabávamos passando apertando o mês, porque além das contas do mês ainda tinha o pagamento de uma moça para ficar com minha irmã pela manhã. Ele então resolveu ajudar minha mãe.

Com o passar do tempo, Marcos foi aos poucos conquistando mais e mais minha mãe. Em menos de 2 meses, Marcos que antes vinha só nos finais de semana e durante a semana deixar minha mãe em casa e ia embora, agora estava vindo durante a semana e ia embora mais tarde e nos finais de semana começou a dormi em nossa casa.

Já tinha passado uns meses que Marcos estava dormindo em casa, quando vi algo diferente que me deixou curiosa. Era domingo pela manhã, levantei para ir no banheiro, quando estava saindo, no lixo do banheiro, tinha uma camisinha enrolada em papel higiênico, quase no fundo do lixo, puxei devagar e estava com muito gozo dentro dela. Enrolei de novo e deixei no mesmo lugar que estava, bem escondido. Fiquei curiosa, porque no quarto da minha mãe também tem banheiro e porque a camisinha estava no lixo do banheiro do corredor.

Fiquei o domingo todo pensativa, mas não falei para ninguém. Marcos foi embora e durante a semana ocorreu tudo normalmente como sempre, na sexta Marcos trouxe minha mãe do serviço e como de costume já ficou para dormi aqui. Então pensei em ficar acordada e tentar descobrir o porquê da camisinha no nosso banheiro sou se só foi um descuido dele.

Já era passado da meia noite, estava no meu quarto deitada e tentando não dormi de jeito nenhum kkkk. Escuto o barulho do quarto da minha mãe, depois barulho na cozinha e volta para o quarto da minha mãe, ela nunca levanta de noite, então deduzi que era ele que foi na cozinha. Passou mais um tempo e eu estava quase dormindo, escuto o barulho da porta do quarto da minha mãe de novo abrindo, olhei no meu celular era 03:30 da manhã, escuto os passos vindo em direção do corredor que dá no banheiro, no quarto da minha irmã e do meu.
Eu fingi que estava dormindo, abriu a porta, ficou um pouco na porta, acho que vendo se eu estava dormindo mesmo, eu tive que se manter calma e fingir dormi, para não perceber, não sabia se era minha mãe ou Marcos, fechou a porta devagar para não fazer barulho. Eu abri os olhos vi que já tinha ido embora, meu coração estava acelerado, fiquei quietinha tentando escutar o que estava acontecendo, levantei e fui até minha porta, escuto o barulho do quarto da minha irmã abrindo e logo em seguida fechando.

Não podia sair do meu quarto porque minha porta fazia um pouco de barulho, mas eu acreditei que tinha acontecido igual fez no meu quarto, abriu viu se estava dormindo e saiu. Resolvi deitar novamente e tentar dormi já era mais de 03:30 e não ia descobrir nada, quando estava quase pegando no sono, começo a escutar um barulho baixinho, coloco meu ouvido grudado com a parede e meu coração dispara, quase tive um infarte, escuto barulho vindo do quarto da minha irmã, barulho da cama, logo em seguida parou e escutei como se ela estivesse gemendo baixinho, ficaram um tempo assim e parou. Abriu a porta e saiu. Eu estava tremendo, Marcos estava pegando minha irmã escondido. Escutei o barulho da porta do banheiro fechando e as luzes do corredor apagou. Já era quase 04:20, não acreditava no que tinha acabado de escutar, resolvi esperar eles dormirem e ir no banheiro, estava quase amanhecendo, quando resolvi ir no banheiro. Abri a porta devagar do meu quarto, fui no banheiro, tranquei a porta e no lixo aparentemente não tinha nada, mesmo com nojo, puxei pro lado os papeis e bem no fundo, estava la, camisinha enrolada no papel higiênico, cheia de porra. Isso vem acontecendo já faz alguns finais de semana, mas eles não dão bandeira, ninguém nem imagina isso, eu fico ansiosa pra chegar no final de semana, eles sempre fazem de madrugada escondido.

Quando tiver com mais tempo eu conto mais do que esta acontecendo e já percebi…

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,27 de 33 votos)

Por # #

9 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Isaque ID:8kr13ylk0j4

    Pelo jeito, vc tbm está doidinha pra trepar com seu padrasto. Vai pra cima, espera ele entrar no quarto da sua irmã, e cai pra dentro…quem sabe rola até uma suruba.
    Se vc não estivesse afim de trepar com ele tbm, vc já tinha conversado com a sua irmã sobre isso, ou…já tinha contado pra sua mãe.

  • Responder DOM ORFHEU ID:46kpjo7y49b8

    pra mim vc esta é com inveja da sua irma pq se fosse o contrario ja tinha contado pra sua mae, vai logo e abre o jogo com ele e da gostoso tbm aposto que vc quer ser a cadelinha dele

  • Responder Casal cambirel crs e d4 ID:1v7e0gm4j

    Vc deve estar com vontade de fazer uma festinha com ele também..

  • Responder Silva ID:gsudr820a0

    Parece ser interessante os acontecimentos, aguardo novos relatos

  • Responder Carioca ID:830wz4jn8kq

    E assim mesmo, garota nova está com os nervos a flor da pele… a minha enteada tem 15a , mas com 13a já beijava ela e chupava a bcta cabeluda dela. Menina cheia de tesão a mãe desconfia mas nunca falou nada eu estou tratando ela de vagar para comer dps

    • Casada ID:2je68vnh0

      Delicia, ja comeu ela seu tarado gostoso

    • Popo027 ID:1v7e39eh7

      Tem que comer logo antes que de pra algum amiguinho

    • Carlos ID:w73wsk0ar

      Bota as duas para se chupar, sonho de consumo ter mãe e filha ao mesmo tempo com as duas se pegando tb

    • José Alexandre ID:5pbboqgczrd3

      Sou tarado em casada