# #

Minha iniciação, como arrancaram meu cabaço, quem tirou minha virgindade e quantos anos eu tinha

1554 palavras | 26 |3.80
Por

Minha história desde minha infância sofrida no interior de Minas até nos dias atuais e porque o meu interesse por meninos pre _adolescentes .

Oi meus amores , quero agradecer de 💗 a todos (todas) vocês pelo carinho com relação aos meus contos.
Bjinhos no 💗de cada um (uma ) .
Esse conto será diferente dos demais que publiquei até hoje, vou apresentar com todo prazer a minha historia.
Meu nome: Amanda Gomes, data de nascimento xx/10/90 , naturalidade MG , minha família: meu pai , minha mae , minhas irmãs Josiane (Josi) , eu , Luciana(Lu) e a caçula Ana Fabia (Fabinha) quando criança morei em uma colônia de uma fazenda zona rural ali naquela colônia tinha mais umas quinze famílias , ali era ao meio dos canaviais alias meu pai trabalhava naqueles canaviais para o nosso sustento , aquela região de Minas existem até hoje muitos canaviais , a escola que estudavamos era em uma casa próxima a fazenda ali tinha mais crianças . Minha mãe levantava as quatro horas da manhã todos os dias para fazer almoço porque ela ajudava meu pai naquele trabalho ela levava junto com ela a Fabinha eu mais minhas irmãs íamos para escola , tempos difíceis para minha família eu sempre cometava com meus pais em
que gostaria de ajuda_los , nesta época eu tinha 9 anos . Uma amiga de minha mãe arranjou pra mim um trabalho de babá na cidade era pra eu tomar conta de uma bebezinha de 3 anos a mãe a dona Lúcia
trabalhava em um supermercado ela era uma senhora excelente entretanto ela tinha um irmão problemático de 20 anos , trabalhava naquela casa de babá uma outra menina no período da tarde , eu trabalhava de manhã ,só em finais de semana que ia ver minha família, nesta época eu tinha 10 anos porém meu corpo muito desenvolvido parecia que eu já tinha 12 anos , olha só eu com 9 anos já tinha bucetinha bem peludinha e já mestruava.
Conforme eu disse o irmão dessa minha patroa era muito problemático , ele sempre vinha insinuando pra mim um dia ele no jardim da casa me pediu a buceta claro neguei e falei com a irmã dele que deu uma bronca nele que negou . Um dia pela manhã eu estava assistindo desenhos na TV me lembro muito bem assistia Tom Jerry , a bebezinha dormindo no berço , dona Cida a empregada tinha ido no açougue era praticamente atravessar a rua , tinham dois homens trabalhando na reforma da garagem e um rapaz cuidando do jardim , quando então o irmão da dona Lúcia foi chegando me agarrando eu uma menina de10 anos indefesa rasgou minha blusa e minha bermudinha fiquei somente de calcinha , eu gritei muito acordando a bebezinha ,os homens que trabalhavam na garagem juntamente com o jardineiro foram chegando arrancando aquele brutamonte em cima de mim ele quase me estuprou chamaram a polícia ele foi preso por tentativa de estupro, gente nesse ponto da minha história eu estou chorando muito eu sou muito emotiva.
Após esse acontecimento horrível voltei para casa fiquei abalada fiz algumas sessões com uma psicóloga (dra ) Solange na cidade tive um apoio sensacional da Sônia a professora que lecionava ali naquela colônia , alias a Sônia e a Solange as duas são irmãs e minhas amigas até hoje , com o tempo tudo indicava que eu havia me recuperado. Eu continuava querendo ajudar meus pais , então a sonia controlou um serviço pra mim em uma loja no shopping e também para minha irmã Josi porém em bairros diferentes , nessa época eu tinha 14 anos já era uma mocinha , meus seios ja desenvolvidos e claro a buceta peluda sempre gostei de deixar , a proprietária da loja um amor de pessoa minha amiga Lídia ,eu mais a minha irmã ficávamos na casa de nossa tia.
Quando completei 15 anos fui promovida passei a ganhar um salário mais comissões eu mais a Josi alugamos uma casa e trouxemos nossa família para cidade , meu pai foi trabalhar de pedreiro com um salário bem mais melhor daquele que recebia trabalhando em canaviais.
Lu foi trabalhar em um bar depois em uma farmácia a qual está até hoje , mais da metade do meu salário e das minhas irmãs passavamos para nosso pai muitas vezes ele não ficava querendo aceitar, entretanto nós ajudavamos nosso pai nas despesas com muito amor.
Fizemos muita economia conseguimos comprar uma casa em outro bairro, meus pais moram nessa casa até nos dias atuais.
Todos os dias saia daquela loja as 16 : 30 horas isto porque eu estudava a noite , como não era tão longe a distancia da loja que trabalhava até minha casa eu ia caminhando pelas ruas em um local eu deixava a rua entrava em uma estrada de terra com mato e sem transito, passando por ali chegava em casa mais rápido , tinha por ali um ferro velho com um galpão aos fundos sem ninguém por ali, exceto dois garotinhos negros de rua quando eu passava perto deles me chamavam de loira linda gostosa e diziam dá para nós um pouquinho sua buceta, confesso que comecei a sentir um forte desejo para dar a buceta eles dois e decidi a fazer isso.
Ao passar novamente ali os meninos como sempre me chamando de loira linda gostosa em seguida me pediram a buceta, falei que sim eles me levaram atrás daquele ferro velho e dentro de um galpão abandonado aqueles meninos pegaram uma espuma que eles brincavam deitei sobre ela tirei a bermuda fiquei somente de calcinha que eles tiraram ficaram encantados com minha buceta carnuda e peluda abri as pernas e dei eles um metia um pouco depois o outro eles faziam revezamento e me comiam gostoso , fiquei um bom tempo com eles metendo ali naquele galpão aqueles meninos ambos de11 anos gozaram gostoso e melaram minha buceta fizeram eu gozar , aquele momento e aquele dia foi a minha iniciação porém naquele dia eles não arrancaram meu cabeço ,eu tinha 16 anos. Depois daquele dia dei aqueles meninos negros mais vezes naquele mesmo lugar contudo eles continuavam sem arrancar meu cabeço , então em uma outra vez quando eles foram me comer falei pra eles socar com mais força , como de cotume um metia um pouco depois o outro eles socavam com toda força enquanto eu gemia rebolava com força ,em um dado momento sente que o pau daquele menino que me comia penetrava a mais em minha buceta doia um pouquinho o garoto também se queixou de dor falei para ele continuar socando porque eu continuava rebolando porque o meu cabaço estava se arrebentando, gente que delícia gozei o sangue escorreu então falei para o garoto que o pau dele arrancou o cabaço da minha buceta minha virgindade acabou naquele momento com aquele menino de 11 anos, ele gozou , ficou com sangue até pelas pernas , eu estava com uma toalha de banho na bolsa e com ela limpei a buceta tinha também uma torneira ali aproveitei lavei, o menino lavou o pau dele lameado em sangue, continuei dando aqueles meninos ali naquele galpão do ferro velho mais de um ano.
Quando completei 17 anos fui estudar na UFV , fiz enfermagem e posteriormente técnica de enfermagem , trabalhei nos dois hospitais lá na minha cidade Ponte Nova, entretanto continuava dando a buceta meninos de rua sempre foi a minha preferência até hoje,sempre tirava um tempinho e ia dar a buceta aqueles dois meninos la naquele galpão no ferro velho.
Ao completar 20 anos tive um namorado de 25 anos tentei fazer sexo com ele, mas quando vi o pau dele me lembrei do rapaz que tentou me estuprar quando eu tinha 10 anos me recordei de tudo o meu namoro não foi adiante . Em 2012 minha prima me trouxe para São Paulo aqui tabalhei em dois hospitais ,nesse que trabalho ja tem quatro anos, tão logo cheguei aqui arrumei um namorado de 22 anos mesma idade minha,ele me pediu a buceta neguei não quis fazer sexo com ele o nosso namoro acabou ele também não me dava valor , entretanto percebi que no sexo sentia e sinto prazeres praticando com crianças pre_adolescentes. Não nego ja dei a buceta e o
cuzinho muitos meninos de rua. Com relação a minha família minhas irmãs e minha mãe sabem dessa minha opção sexual, meu pai acho que ele não sabe , ajudo nos estudos da Fabinha minha querida irmãzinha caçula em breve será (dra) Fabinha . Em 2019 quando fui passear la em Ponte Nova voltei ali naquele ferro velho naquele galpão pouca coisa mudou ali , tenho um desejo e vou realizar de voltar ali e dar a buceta meninos de rua naquele mesmo lugar em que aqueles dois meninos negros ambos de 11 anos arrancaram o cabaço da minha buceta. Tá aí a historia da minha vida, agoro quero ler seu comentário leio todos a noite quando chego em meu apartamento .
O próximo conto vou retomar minha história com os meninos e ja tem muitas coisas pra contar .
Amo vocês ! Bjinhos no 💗 de todos(todas ).

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,80 de 20 votos)

Por # #

26 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Gozador19cm

    Vc sempre foi deliciosa pelo jeito…
    Adorei sua história , conheci umas mineirinhas que adoram umas safadezas…
    [email protected]
    Vou adorar conversar se vc quiser é claro…

  • Responder Lorrane Silva.

    Me emocionei com sua história , relato muito bom adorei .

  • Responder Chacal28

    Incrível experiência de vida, parabéns.

  • Responder Robson

    Muito bacana, e muito bem contada, realmente acontecimentos na infância pode mudar tudo

  • Responder Aninha Leles.

    Sua história é de muita comoção e descobri o pôr que da sua opção sexual por pré _adolescentes. Seja sempre feliz Amanda.

  • Responder mister k

    sua historia é incrível mostra bem como nossas experiencias podem nos marcar de forma traumática ao mesmo tempo em que,determinam nossas preferencias para o resto da vida.
    Não tem nada de mais alias esta bem claro que isto meio que determinou sua preferencia por pré adolescentes,mas não julgue todos os adultos pelo mal comportamento ou pela canalhice de quem acaba provocando traumas muito graves.
    Por mais graves que que sejam as feridas tanto no corpo como na alma podem ser curadas só é preciso muita paciência encontrar a pessoa certa para nos ajudar a lidar com isso .
    Realmente gostei muito de você gostaria de ser seu amigo para o que você precisar sem julgamentos pode confiar em mim podem parecer palavras vazias porque confiança tem de ser conquistada mas se você permitir é justamente o que quero fazer beijos no seu coração até a próxima minha rainha

    • Amanda Gomes.

      Olá mister k amei seu comentário sempre com palavras lindas que enchem meu coração de alegrias, pode considerar meu amigo, nós meus contos sempre aguardo seu comentário. Bjinhos meu lindo.

  • Responder FABIO

    achei muito bacana seu relato

  • Responder Grafit 21

    Ainda bem que el uma historia não um conto, so uma coisa que mim deixou encucado meter varias vezes com os meninos e não perder a virginidade, fasso a comparacão comigo cuando tinha 11 para 12 tirei o cabaço da minha prima de na primeira vez acho que com essa edade ja tinha como 13cm de pica, o você tinha o celo muito profundo, será Isso..😋

  • Responder Poliana : Psicóloga.

    Seu conto lindíssimo,Amanda continue fazendo o que te faz bem e transando com com pre_ adolescentes a faz bem ,nao tem mau nenhum nisso. Amei você se preocupar com sua família .
    Adorei você Amanda . Um beijo minha linda ! Tudo de bom !

  • Responder MARA

    PERFEITO SEU CONTO AMORE

  • Responder Rafael Eros

    Muito bom gostaria de conversar contigo pelo Messenger

    • Do inteiror

      Sempre um prazer em ler seus contos.

  • Responder Vadinho_SSA

    Bom dia Amanda, como vai?

    Sensacional o seu relato. Faço das palavras da Rafaella as minhas: opte por aquilo que te faz bem. Não existe crime tampouco pecado quando o desejo flui naturalmente, sem forçações.

    Desejo muito sucesso e prazer pra ti e suas irmãs.

    Sou louco por bucetas cabeludas.

  • Responder Zorro

    Eum gosto de todo tipo de mulheres mas com meninas novinhas e que gosto mais. Por isso entendo sua tara.

  • Responder Mario

    Amei sua historia ta certa em fazer sexo com pre adolescentes eles nao sao brutos como adultos

  • Responder Rafaella

    Linda estória. Sua opção foi boa. Se adultos te assombram, opte por adolescentes. Beijos e tenha uma linda vida. ( Pena que nao goste de chupar ppks ).

    • É o certo

      Não tem problema eu gosto kkk

    • Amanda Gomes.

      Oi! Rafaella muito objetiva e certamente em seus comentários . Obrigada linda , bjinhos

  • Responder gatomg

    Gostei, muito excitante, também sou de Minas, parabéns pelo conto bjos

  • Responder Elaine

    Moça amei sua história.

  • Responder Larissa Rodrigues

    Muito bom seu conto de sua vida.

  • Responder Deyse Aparecida.

    Amei linda sua história.

  • Responder Viper

    Adorei sua história, o bom que vc explica o pq do desejo que vc tem

    • Léo

      Vc não contou se fizeram dupla penetração em vc

  • Responder Aninha

    Pessimo