O corno só vai saber quando ler !!! 2ª parte

Autor

Olá, voltei com a continuação do meu fim de semana com o meu gato moreno de pau lindo e gostoso, um pau reto, com a cabeça rosadinha e grande, gostosa mesmo, depois de transar na área de camping com um estranho nos observando e gozar muito, decidimos voltar para minha casa, então tomamos uma bela ducha e relaxamos para descansar um pouco, adormeci e acordei já tarde da noite, mas acordei com o Fernando me beijando, me acariciando e me deixando excitadíssima, a luz do quarto estava bem fraquinha, só na penumbra e isso me deixava muito fogosa, meu gato não deixou nem eu sair da cama e me serviu ali mesmo uma dose de whisky, bebi e comentei com ele, “esta com mal intenção, quer me ver bêbada porque ?”, ele então me falou que tinha uma surpresa para mim e queria que eu ficasse bem relaxada, então embarquei na sua onda e bebi um pouco mais, Fernando nem parecia que tinha transado comigo a tarde toda, estava com aquele pau gostoso muito duro e começou a me excitar com seu pau, passou ele várias vezes na portinha da minha xoxota, ela babava de tesão e desejo, me colocou de quatro e me fez delirar com seu pau entrando na minha xoxota e passeando pelo meu cuzinho, fez isso um bom tempo e me deixou molhada, meu macho me puxou para os pés da cama onde deixou minha bunda arrebitada para cima e eu com os pés apoiados em um puff, então ele me sussurrou no ouvido,” meu amor quero muito essa sua bundinha, mas quero comer ela nessa posição, quero que você permaneça assim até eu gozar, é uma tara minha quero comer você assim nessa posição”, eu só falei para ele que eu era toda dele e podia fazer o que quisesse, ele se posicionou atrás de mim e novamente me chupou, e então avisou que iria me comer e que eu não me virasse, eu então arrebitei mais um pouco o bumbum e senti ele me penetrar bem devagar, centímetro por centímetro, estava uma loucura nunca havia sentido seu pau assim tão gostoso, então senti ele forçar bastante os movimentos de entra e sai, ajudei jogando o corpo para trás gozei muito gostoso, nossa ele também não aguentou e gozou muito também, retirou seu pau e pulou na cama e começou a me beijar, achei estranho porque ele não estava suado,( quem estava me comendo era o primo ), ele me deitou de frente e começou a me penetrar, não demorou muito e gozou, e depois que gozou me perguntou se eu havia gostado da surpresa, não entendi direito o que ele falava, foi então que ele falou assim “ Paulo pode acender a luz e vem aqui que vou te apresentar minha cachorra gostosa”, nossa levei um susto quando vi o Paulo pelado dentro do meu quarto, ele era moreno de 1,70m cabelos bem baixo, corpo atlético e com uma rola maior que a do Fernando, me tremi todinha e me excitei mais ainda com aquela cena, dois homens nus no meu quarto, fiquei paralisada de medo, então Fernando me acalmou e falou assim, “você gostou da sua nova pica ? gostou de ser comida por um e observada pelo outro ?” aquilo tudo foi me excitando, o efeito da bebida estava passando, pedi mais uma dose e tomei em um gole só, olhei aqueles dois deuses na minha cama, e não resisti e cai de boca chupei muito mas muito mesmo aquelas duas rolas, me deitei sobre o Fernandinho para que ele me comesse a xoxota e mandei Paulo comer minha bunda, afinal de contas ele era minha surpresa e o meu cuzinho seria dele essa noite, gente foi minha primeira DP, amei de montão, o Fernando gozou muito rápido , o Paulo percebeu e mandou ele sair, ficou mais um tempo comendo minha bunda, ele enfiava tudo e eu urrava de prazer, aquele pau também era muito gostoso, então ele me virou de frente abriu bem as minhas pernas me deixou na posição de frango assado e inundou minha xoxota, e fez uma coisa que eu adorei, depois que ele gozou me manteve na posição do franguinho e chupou muito, mas muito mesmo a minha xoxota, gente gozei e apaguei, acordei no domingo com o quarto todo revirado e o cheiro gostoso de sexo no ar, cheiro de meus dois gatos, os lençóis estavam todos lambuzados de esperma. A noite de sábado foi inesquecível e essa e mais uma história que você não sabia meu corninho fofoqueiro kkkkk, dei para dois na nossa casa e nunca te contei e você nunca desconfiou, essa e a melhor parte de ser casada com um corno manso, faço o que quero e deixo ele super satisfeito com minhas aventuras , beijos a todos que leram este conto, depois tem mais …… Meu corno chegou em casa as 9h da noite de domingo e foi logo me bolinando e querendo me comer, RsRsRs, falei que estava exausta e com sono e queria dormir, nesse dia o corninho foi castigado, não me comeu e nem ficou sabendo de nada e isso me deixou com mais tesão, transar sem ter que contar para ele, fazer o proibido sem cumplicidade, hoje eu só conto para ele o que eu quero e quando quero, beijosssss.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,82 de 11 votos)
Loading...