3 Crianças sem orientaçao e sem supervisão acabam fazendo merda

Autor

Ola me chamo Chrystian, sou filho único, depois que meu pai morreu minha mãe comprou um imóvel com 2 casas, ficamos morando na casa da frente e ela alugou a dos fundos pra dona Marte e suas 2 filhas, Aline de 13 anos, e Ariane de 12, eu tinha 12 anos na época, estudávamos numa escola católica onde era super regrado, não se podia fazer nada, só podíamos ficar atentos a aula, os alunos pareciam meio que lunáticos, os meninos eram separado das meninas, era um chatice, eu já tinha me masturbado, já tinha cheirado a calcinha da minha prima, e vivia tentando ver a calcinha das meninas e das professoras, a tarde eu e as meninas ficávamos sozinhos, brincando, assistindo, jogando vídeo game, enfim, mas teve um dia estávamos vontando a pé da escola, e ouvimos uns gemidos, numa casa, ai eu subi numa lixeira e olhei através do muro, Aline e Ariane conseguiram subir e ficamos olhando um cara lambendo chupando a buceta de uma mulher, depois a mulher chupou o pau do cara, ai alguém nos viu e brigou com a gente, a lixeira quebrou e nós pulamos no chão e saímos correndo, em casa estávamos rindo do acontecido, ai almoçamos e e fomos pra minha casa pra assistir e jogar, mas Aline falou, gente vcs viram o cara só faltava engolir a mulher, e quando ela colocou o pinto no cara na boca, eu já fique de pau duro, ai ela falou, como será que é? vamos ver, eu já doido falei, simmm vaaammmmosss, ai Aline que estava de saia tirou a calcinha eu já peguei e cheirei, Ariane também, eu já de pau duro, ai Aline sentou no sofá e falou, Chrys, vem, eu fui já caindo de boca na buceta dela, lambia enfiava a língua embora apertada, mas com alguns pentelhos ralos, eu chupei muito até ela dizer pra eu parar, acho que ela gozou, pois saiu muito melado, depois foi Ariane, era mais lisinha a buceta dela, eu chupei, lambi muito, ela foi bem mais rápido, ai eu falei, muito bom, ela falaram sua boca ta fedendo ai eu falei, agora me chupem vamos ver como é Aline falou, Ri vai vc primeiro, e Ariane veio, deu um lambida na cabeça do meu pau, foi muito bom, depois foi colocando a boca bem na pontinha da cabeça, passava a língua bem de leve, eu já delirando, ai ela vai colocando a boca mais na cabeça do meu pau, e eu delirando não demorou e eu ahhhhh gozei gostoso, ainda não ejaculava, mas foi muito bom, até sentei na cama, eu nunca tinha gozado assim só na punheta mesmo, mas foi a coisa mais gostosa que senti, dai tomamos um lanche e fomos jogar vídeo game, +ou- umas 16:00hs Aline fala, vamos fazer de novo, e eu já afoito vamos agora vc me chupa, ela falou, ta bom, mas depois vc chupa a gente, eu sssiiimmm, ela sentou no sofá eu de pé, e ela lambeu eu hummmm ela deu outra lambida, e foi chupando aos pouco a cabeça bem na ponta, e ficava só ali, mas tava muito bom, ai Ariane falou poe mais na boca, ela colocou a cabeça do meu pau toda na boca, eu hummmmmahhhhhh e ela chupando passando a língua eu gozei muito, eu senti que saiu algo, mas ela nem falou nada, engoliu tudo, eu dessa vez quase cai no chão, humm como foi bom que chupada gostosa, ai elas falaram agora nos chupa, eu as chupei muito, senti o gostinho meio amargo do gozo delas, elas rebolaram na minha cara, Aline apertava minha cabeça com a buceta dela, a língua já tava toda enterrada na buceta dela, ela falou pra eu parar, eu notei que ela tava suada, ai Ariane tava com o dedo esfregando a buceta eu já tinha a chupado antes, dai eu fui ao banheiro lavei o rosto e depois eu beijei Aline e depois Ariane, naquela semana seria meu aniversario de 13 anos, estávamos a vontade sem nada pra fazer a tarde e resolvemos que iriamos fazer na cama com penetração, Ariane veio primeiro, ela deitou em fui em cima e encaixamo-nos eu fui bombando ela vai devagar que ta doendo, e eu fui bem devagar, eu já tinha lambido bem a buceta dela, não demorou e ela deu um grito, nos assustamos e ela saiu de baixo de mim e falou, acho que machucou, Li olha, Aline olhou eu também e estava sangrando e tinha sangue no meu pau também, ela chorando falou e agora, mas Aline falou, ah não e nada, deve ter ficado assim pois é a primeira vez, a professora falou na primeira relação pode sangrar mais sara logo, ela ficou mais calma, ai Aline falou agora vamos nós, eu já tinha lavado o pau, e deitei em cima dela e começamos a penetração, ela falou é doe um pouco, mas vamos devagar, e eu fui colocando devagar, até que entrou uma boa parte, fiquei bombando e ela rebolando, e gemendo, dai gozamos juntos, ela não sangrou mas tava cheio de porra, Ariane perguntou pq a minha sangrou? e a sua não? Aline falou, algumas não sangram mesmo, fica calma, ai no dia seguinte elas disseram que perguntaram varias coisas a professora, que explicou tudo, ai Ariane falou, agora vamos de novo, eu lambi, enfiei bem a língua na buceta dela, ela gemeu se contorceu ai eu fui em cima dela, entrou fácil ela nõa sentiu dor e começou a me puxar pra cima dela, eu fui bombando e gozamos muito ,e só ficou a porra escorrendo da buceta dela, Ariane fez 13 anos, Aline já estava com 14 e nós todos os dias transando, elas começaram a sentar com a buceta na minha cara, até que um dia Aline sentada em cima de mim, eu lambi, e senti algo meio adocicado estranho quando ela levantou tinha sangue na minha cara e os fundos dela todo cheio de sangue, ai ela falou, ah desceu pra mim, eu fui ao banheiro levei o rosto escovei os dentes, ai ela foi na casa dela e voltou com o absorvente na calcinha, e eu chupei Ariane, muito, no dia seguinte ela falou que desceu pra ela também, e todos os dias nós transavamos muito, ai que um dia Aline me punhetando com meu pau bem perto do rosto e sai um jato de porra direto na boca dela, ela engasga, e fala, áh o que fica na nossa buceta é porra sua, mas nós fazíamos sem nos importar com nada, até que um dia minha mãe chegou mais cedo, nós já estávamos a 6 meses transando todos os dias, mas nesse dia minha mãe chegou sem fazer barulho e eu e as meninas estávamos completamente pelados nos quarto, elas com a buceta já toda gozada, eu chupando os seios de Aline, ai Aline depois sentou no meu pau, eu deitado, e Ariane sentada na minha cara, eu ali derrepente só ouvimos minha mãe gritar o que é isso? Não deu tempo de nada, ela já veio me batendo eu tentei escapar mas não consegui, as meninas saíram chorando com as roupas nas mãos e na sala acho que se vestiram, e foram pra casa, minha mãe me bateu muito, eu depois tomando banho e ela brigando comigo, Muleque imagina o que a mae delas vai dizer, vcs já são adolescente imagina se elas engravidam, o que vcs vao fazer? quando a mae delas chegou minha mãe falou, as 2 apanharam, e eu acabei apanhando de novo, a mae delas foi em casa e falou com minha mãe, Neide, no caso minha mãe, elas já não são mais virgem e já são mocinhas, sera que estão gravidas? minha mãe falou, é provável que sim eu perguntei a esse muleque e faz uns 6 meses que tem relação, e agora, o que fazemos? a mae delas falou, é temos que ver se estão mesmo e cuidar das consequências, nós também fomos erradas, deixar eles sozinhos, devíamos ter pensado nisso, minha mãe falou é verdade, no dia sequinte levaram as meninas no médico e em poucos dias veio a confirmação estavam gravidas, minha mãe e a mae delas falaram é temos que manter descrição, não precisa falatórios, não demorou e a barriga delas começa a aparecer, nos mudaram de escola, nos mudamos também da cidade e nessa nova casa os bebes nasceram, dois meninos, saudáveis, eu tive que começar a trabalhar, e as coisas foram caminhando aos 16 anos eu já ganhando um salario razoável sustentando as 2 crianças as vezes tínhamos que dar uns perdidos em nossas mães pra transarmos, não demorou e as duas de novo gravidas, minha mãe ficou muito puta comigo, mas já estávamos mais crescido, aos 18 anos eu com 4 filhos duas mulheres o rei da cocada preta, me sentia realizado ganhando melhor ainda, Aline engravida de novo e nasce mais um filho, Ariana depois tem uma menina, a minha primeira filha mulher, hj aos 44 anos meus filhos já grande, Aline já faleceu a uns 12 anos devido a um câncer, minha mae também, a mae delas também, e os filhos de Aline hj chamam Ariane minha esposa de mãe, bom espero que gostem resolvi escrever esse conto, nunca acesei aki, essa é a primeira vez, acho que a ultima, mas o que li aki achei legal, muitos são fantasias ilusões, mas são legais sim, sei que é meio babaca esse conto, mas é verídico e espero que comentem coisas legais, valeu?

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,75 de 4 votos)
Loading...