# #

Desejando minha filha 3

639 palavras | 3 |4.64
Por

Relato de como eu e minha filha nos aproximamos e de como as coisas esquentaram cada vez mais

Como disse anteriormente, eu já praticava sexo ora na minha filha, na época já com 15 anos.
Dormíamos juntos e aproveitávamos a ausência da mãe dela a noite para nos darmos prazer!
Minha postura era de ficar na minha, e deixar ela tomar a iniciativa! Ela sempre esperava a irmã dormir, e vinha pra cima de mim, me beijando e se esfregando!
Ela pedia pra pegar no meu pau e pediu pra ensinar ela a chupar. Eu ensinei. No começo ela não levava muito jeito, mas com o tempo aprendeu muito bem.
E ficávamos nisso, eu masturbando e chupando ela, e vice e versa! Nunca pensei em penetração, pois nao achava que ela estava pronta!
Passados alguns meses, a mãe dela deixou o emprego, e isso complicou muito esta dinâmica! Acabamos nos afastando um pouco, com alguns amassos rápidos mas poucas oportunidades que surgiam.
Depois que ela fez 16, acabamos elevando o nível dessa relação!
Minha filha mais nova entrou num curso das 19 às 21hs, e eu e minha esposa revezamos pra levar ela! O curso fica perto da casa da minha sogra, e normalmente vamos todos e ficamos por lá!
Uma noite minha esposa foi levar a menina sozinha e ia na sogra depois, e a Maria não quis ir junto! Já com intenção de ficar a sós comigo.
Assim que minha esposa saiu veio uma mensagem dela pra mim, com uma foto da bucetinha!
Corri pro quarto dela e nos atracamos.
Beijei ela com muito tesão dos dois lados.
Ela tava de top e shorts! Tirei os seios pequenos e pontudos pra fora, lambi e chupei com voracidade! Eu estava de samba canção e ela pegando no meu pau, falando que estava com saudades de me chupar, eu quase gozei ali.
Ela baixo minha cueca e caiu de boca. Parecia uma profissional, tive de fazê-la parar pra não gozar. Ela tirou o short dela, ficou de 4 na cama e pediu pra eu chupar. Ela é bem magrinha, alta pra idade, uma bunda perfeita e lisa. Eu passei a língua do clítoris até o cuzinho dezena de vezes, incrivelmente delicioso!
Ela ficava se masturbando enquanto eu chupava, então ela me falou algo que nunca havia dito:
– Pai, mete em mim por favor!
Quase gozei naquele momento! Não resisti, fiquei de pé e encostei o pau na bucetinha dela e fiquei pincelando, e ela gemendo e se masturbando.
Encostei a cabeça no entradinha, e ela disse, pode por! Fui forçando bem devagar, até sentir a resistência do himem, segurei um pouco desse jeito e ela disse: Vai!!!
Forcei mais pra frente e rompeu a membrana. Ela gemeu de dor e se afastou. Tinha um pouco de sangue na cabeça do meu pau. Abracei ela e expliquei o que havia acontecido, que era natural e que se ela quisesse parávamos por ali!
Ela ma abraçou, beijou e disse, agora vamos até o fim!
Fiquei beijando ela, abri as suas pernas e encaixei o pau novamente, fui forçando a foi entrando devagar!
Um aperto no pau que eu nunca senti.
Fui colocando até o final, e fiquei parada sentindo o maior tesão do mundo!
Nao queria me mexer pra não gozar!
Mas ela começou a se mexer e pedir pra eu continuar. Comecei o vai e vem e não demorou muito eu explodi!
Não consegui resistir!
Foi a melhor gozada da minha vida!
Continuei a meter sem tirar, e ela foi acelerando até gozar também!
Ficamos engatados por um tempo até nos separarmos. Saiu um litro de porra de dentro dela!
Perguntei o que ela achou e ela disse que amou!
Foi a primeira de muitas!!!

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,64 de 28 votos)

Por # #
Comente e avalie para incentivar o autor

3 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Skype: ric.silva2014 ID:xlpkchr9

    Novinhas de Brasília que queiram iniciar suas descobertas só mandar mensagem no skype para o professor.

  • Responder Jairo ID:1dxy7ep9s30f

    Parabéns Fabricio, são poucos que sabe o prazer de meter na bucetinha da filha novinha

    • @jeletronico ID:1dydx5l6yuei

      Quer conversar?
      @jeletronico