# # # #

Thais e tainá gêmeas competindo pra ver quem aguenta mais pt2

3247 palavras | 4 |3.62
Por

Ola caros leitores, tudo bem? Dando continuidade ao último conto se não leu, volta lá e leia pra não ficar perdido

No outro dia de manhã desci para o café só estava eu e minha tia, minutos depois meu tio chegou quase junto com a Tainá.

Tia Solange- cadê as outras ?

Tainá- a Thais estava usando o banheiro e Tamires não há vi

Tia Solange- chama elas para o café

Tainá corre e alguns minutos ela volta com cara de missão cumprida e a Thais vem logo depois Mesma camisola e fiquei imaginando se a calcinha era a mesma, meu pau ficou duro na hora lembrando, meu pensamento safado é interrompido pela Tamires que se jogou na cadeira ao meu lado. O café segue normal Tamires até conversar com os demais, e após o café eu lavei a louça e a Tamires secou e guardou, as gêmeas limpam a mesa e meu tio saiu para trabalhar, aos finais de semana ele faz plantão médico em outro hospital. A minha tia, vai até a dispensa e começa fazer uma lista de coisas, então terminado a louça voltei para meu quarto e liguei o not e comecei a jogar GTA San Andreas e estava fazendo missão de taxista quando minha tia entra, com a Tamires e fala

Tia Solange- Vou no mercado comprar algumas coisas, eu ia levar as duas mas tô sem paciência para elas me pedindo tudo, então elas vão ficar com vocês, ycaro não fica o tempo todo jogando, vai fazer alguma coisa lá fora e o mesmo vale pra você mocinha

Ela dá um beijo na nossas testas e acompanhamos ela até a porta e olhamos ela sair assim ela saiu com o carro olhamos um para o outro e damos de ombro de pouco caso, cada um foi para seu quarto ela colocou umas músicas e eu volto a jogar Thais e Tainá entra no meu quarto após Tamires expulsá las aos berros e bate a porta,

Tainá- a mamãe falo pra vocês brincar com a gente

Eu olhei para as duas e mostrei que estava jogando e volto a olhar para a tela, elas viram que não ia parar então Tainá vai mexer nos meus livros e Thais vem para perto de mim me vê jogando.

Thais- Depois deixa eu jogar também ?

Na hora pensei em tirar mais uma casquinha dela vendo que ainda estava de camisola então chamei ela para sentar no meu colo e ela subiu correndo já que o pai dela não deixava ela jogar no not delas nem no tablet pelas lições mal feitas. A princípio ela senta próximo ao joelho e a cada momento eu ia puxando ela para mais acima até que ela foi presa e brava se ajeitando coloca se em cima exatamente meu pau então enquanto ela está distraída vou puxando a camisola pra deixa lá com a bundinha de fora e consegui e reparei que ainda era a mesma calcinha e isso me deixou ainda mais excitado e ela dava uns pulinhos a cada vez que acontece algo com o carro que ela estava dando fuga na polícia 3 estrelas e aproveitando, até que vai com a mão até a bundinha e põe a mão no meu pau e depois volta a jogar olhando para os lado da Tainá que está jogando no tablet dela distraída. Determinado momento ela para de se esfregar olha pra mim sorrindo

Thais- Vamos jogar outro jogo ?

Eu- não tá bom ?

Thais- luta, você tem jogos não tem?

Então pensei em uma coisa melhor

Eu- que tal invés de jogar nos brincar de lutinha ?

Ela já ficou toda alegre e se levantou e me puxando e eu tentando esconder o pau quase saindo pra fora do short. Ela me puxou até a cama e cada um fica em uma Beira e do nada ela sobe e pula em mim fazendo os dois cair na cama assustando a Tainá que tira os fones

Tainá- O que vocês estão fazendo?

Thais- brincando de lutinha

Tainá- também vou brincar

Thais-espera sua vez

Ela faz bico mas fica esperando na cadeira enquanto Thais tenta me tirar de cima dela fazendo com que eu fique entre as pernas dela meu pau com a bucetinha que já tava molhada dava pra sentir. Ela debate e eu tava quase gozando quando Tainá pulou em cima de mim e faz mais pressão meu pau quase entra se não fosse a calcinha

Tainá- vou ajudar você irmã

Thais- isso aí vamos derrotar ele

Ela fala isso quase ofegante, porém ela sabia que meu pau estava esfregando na bucetinha dela, pois ela uma vez ajeitando ele com a mão quando ele saiu de cima dela de novo. Deixei ela sair e puxei a Tainá deitando ela de barriga pra baixo, Thais vem toda triste e fala

Thais- eu que quero ficar na parte de baixo de você primo

Eu- quero ver se a Tainá e mais forte que você depois você volta

Ela vem no meu ouviu e fala baixinho

Thais- você continua esfregando o seu negócio em mim?

Eu olhei, sabia que ela estava gostando da safadeza então concordo ela ela aproveita que a irmã largo o tablet pega e vai jogando e eu Tainá fazendo a zona toda, eu deitado em cima dela com pau em cima da bundinha dela esfregando e em um momento de descuido meu, ela consegue virar e enrola as pernas fazendo um nó na minha cintura assim meu pau e a bucetinha dela estava fazendo pressão, para ela era mesmo brincadeira, pois ela tentando me derrubar sempre nem ligava de se esfregar em mim ela queria vencer. Nisso meu pau começou a sair do short de tanto esfregar o short já tava molhado e então deixei ele sair e fica esfregando na barriga bucetinha e aonde mais ele ficasse e assim ficamos, tava gostoso até mesmo que era uma brincadeira para ela e Thais cansada de jogar fez o mesmo que irmã e pula encima de mim sorrindo

Thais- minha vez de ajudar você irmã

Ficou assim Tainá em baixo com as pernas abertas pela minhas mãos, enquanto eu esfregando o meu pau por dentro do short dela, me lembro que ela estava sem calcinha então fica pele com pele e Thais em cima de mim tentando me tirar de cima da Tainá, e ficamos assim por uns 3 minutos até que Tainá dá um pulo e diz “aí” eu olhei para ela então ela com uma mão vai até meu pau então me liguei que havia acontecido, estava com cabeça dentro da bucetinha dela havia entrado de uma vez só por conta de todo o suor e lubrificação da bucetinha dela fingindo que nao vi continuo a me movimentar devagar

Tainá- primo tá doendo para

Eu- o que ?

Ela então me empurrando me mostra que estamos engatados e então Thais também olha e fica admirando a cabeça do meu pau entrando saindo da bucetinha da irmã

Tainá- tá machucado não quero mais brincar

Me empurrando com os pés faz com que meu pau saísse de dentro, não havia sangue, então não atinge o hímen dela e ela sai de baixo de mim e volta a jogar um pouco com cara de choro. Já Thais não via a vez dela então ela fala baixinho

Thais- eu quero brigar do mesmo jeito que fez com a Tai

Eu estava pouco me importando com as consequências o tesao tava a mil

Eu- pra isso vai ter que tirar a calcinha também e prometer que não vai contar a ninguém que estamos brincando se não vou brincar mais e talvez vou até embora

Ela assustada me prometeu que não ia falar nada a ninguém e então tira a calcinha

Eu- vou fazer uma coisa aqui mas você tem que ficar quieta ok?

Ela concordou e eu caio de boca chupando ela lambuzando bem com saliva depois vou e posiciono a cabeça entradinha e vou fazendo um pouco de pressão até que começou a entrar, era apertado e então tapo a boca dela e vou enfiando cada vez mais até que sinto alguma coisa e olho para ela que se debate inteira e chorando muito tenta sair, .me abaixo até o ouvido dela e falo

Eu- você não queria brigar, agora aguenta o tamanho da brincadeira

E forcei até que senti romper e fui até o final, ela estava com 19 cm dentro dela bastante grosso, imaginando isso me deu mais tesão ainda já que não dava pra ver, então comecei a me mexer e olhei para o lado e Tainá tá distraída com o tablet e na visão dela estávamos brincando de lutinha e eu ficava falando para evitar suspeita dela

Eu-vai tenta sair, cadê a menina brava ?

Ela apenas tentando sair e chorando me empurrando mas era inválido os esforços dela e eu comecei a aumentar a velocidade e ela geme mais alto um pouco mesmo com minha mão abafando o som dava para ouvi ela pedindo para parar e chamando a irmã. Fiquei assistindo e metendo e alguns minutos ela não tá mais se debatendo fraca e sem muito vontade de sair e eu parei um pouco e vou até ouvido dela

Eu- se você ficar quieta e me deixar terminar a brincadeira faço sua lição e trabalho, mas tem que deixar eu terminar sem gritar

Ela balançou a cabeça que sim então fui tirando a mão da boca dela que estava toda vermelha de tanto que apertei e para abafar o som dos gemidos de dor, e comecei a me movimentar ela abre a boca achei que iria gritar, mas nao, geme e ate mesmo mexendo a bucetinha para levar ferro

Thais- no começo machucou muito mas agora não tá doendo mais não

Ela estava com uma cara de choro mas tentando mostrar que era mais valente que a irmã fica quieta então puxando ela para entrar mais e dou mais umas estocadas e gozo enchendo ela de gozo que chega esporrou pra fora ela e deito em cima dela e ficamos assim por uns minutos e depois a consciência veio e vi que já estava próximo da minha tia chegar se não tivesse chegado já

Eu- vamos tomar um banho, pois estamos suados demais

Ela balançou a cabeça que sim

Eu- Tainá vai pegar roupa pra vocês tomar um banho, pois estamos suados

Ela foi correndo e eu aproveitei para tirar a roupa da Thaís e levar ela para o chuveiro, pois mal conseguia se manter em pé passei uma água nela para tirar o sangue e porra que estava vazando e coloquei ela na banheira e corri para arrumar a cama, estava uma mancha enorme no cobertor, lençol e ao tirar um pouco no colchão do sangue que saiu dela, embolei tudo e joguei no canto e peguei roupas limpas para mim e tirei meu short sujo de sangue juntei com o vestidinho dela e coloquei junto as roupas da cama e virei o colchão a Tainá entra eu me escondo, pois ainda estava pelado

Eu- bom vai lá tomar banho vou ficar aqui olhando pra ver se vão tomar banho direitinho

E ela vai e eu arrumei a cama e vou até a janela e olho para ver se o carro já estava lá mas não estava então liguei para o celular dela

Tia Solange- alô

Eu- Oi tia, queria saber se já está chegando, ou se vai precisar de ajuda?

Tia Solange- acredita que o pneu furou, eu tô chegando agora no mercado então faz um favor e adianta a comida pra titia

Eu- pode deixar tia, eu percebi que estava demorando fiquei preocupado

Tia Solange- as meninas estão dando trabalho né ? (Risos) eu sei que é difícil, mas já tô voltando

Eu- ok então tia, até daqui a pouc….

Tia Solange- Ei este carrinho é meu …

Ela desligou o telefone na minha cara e eu volto a ficar mais tranquilo por uma parte e volto ao meu banheiro Tainá está comentando

Tainá – ta saindo um negocio branco

Entrei no banheiro ela estão na água e Thais meio que me chamou para olhar sua bucetinha vazando porra

Thais- primo, olha eu tô fazendo xixi branco, por será que é por que…

Eu- Não, é xixi não menina e que você não lavou direito a tá saindo sujeira

Tainá dá risada, pois a irmã tem histórico de não se lavar direito e apenas brincar e então elas olha pra mim pelado e a Tainá regala os olhos e Thais também, porém ela tá medindo o tamanho

Eu-posso tomar banho com vocês ?

Elas balançou a cabeça que sim e eu entro e coloquei a Thais no colo e vou passando sabonete nela

Eu- menina bonita tem que ficar limpinha

Ela dá risada e às vezes faço cócegas nela, ela mexendo em cima do meu pau que começou a ficar duro e tainá não para de olhar para ele.

Eu- Tainá você quer ver uma mágica?

Tainá- quero sim

Thais- também quero

Mas tem que prometer não contar pra ninguém ok?

Elas balançou a cabeça que sim e então eu pego a Thais levanto um pouco e faço ela virar de frente pra mim

Eu- vou fazer o meu pau sumir

E faço a Thais sentar nele de novo e entra tudo e ela ficou olhando então fico fazendo ela subir e descer e ela gemendo e logo a Tainá fica louca pra saber como fiz aquilo

Tainá- faz de novo, faz ele aparecer e sumir de novo

Eu pego tiro o pau que sai com bastante porra de dentro dela e enfio de novo mais forte e ela geme gostoso sorrindo e faço ela subi e descer mais rápido possível

Tainá faz comigo também?

Eu- sei se você consegue não, Thais aguento por que doi um pouco pra fazer isso

Thais querendo mostrar que era melhor que a irmã faz uma cara de eu consegui você não

Thais- é eu aguento mais que você

Tainá era boa em tudo, melhor que a irmã e não gostava que este título lhe fosse roubado e pelo espírito de competição ela fala

Tainá- eu vou mostrar que aguento mais que você Thais

Ela puxa a Thais pra trás e ela vai deslizando pelas minhas pernas até sair o meu pau por completo e tainá se senta no lugar dela por cima do pau

Taina- viu eu aguento mais que você Thais

Eu- mas eu ainda nem fiz a mágica

Ela fica olhando esperando eu fazer, então levantei ela e coloquei a cabeça na entradinha e fiz ela sentar começou a entrar ela tentando sair e reclamar de dor

Thais- Viu, não aguento nada nem sumiu nadinha eu ainda consigo ver ele

Tainá era muito competitiva, mesmo doendo ela continua tentando fazer entrar e eu amei isso, logo ela senta mais um pouco e sinto o hímen dela e ela não tá mais aguentando. Puxei ela para mais próximo e disse

Eu- vai deixar ela ganhar de você?

Ela balançou a cabeça que não caindo umas lágrimas

Eu- então desce com tudo que doi menos

Tainá- tá doendo muito não consigo

Eu-vou te ajudar mas lembre que é pra você ser melhor que ela viu

Ela balançou a cabeça que sim e eu me ajeitei melhor e dou um tranco com tudo pra cima fazendo meu pau entrar e romper o hímen de uma vez só

Tainá- tá bom tira tá doendo ….

Eu tampei a boca dela

Eu- shiii vai passar vai passar

Ela balançou a cabeça querendo sair mas eu a segurei firme e deixo ela ali por uns minutos até ela se acalmar e eu solto ela

Tainá- tá ardendo muito primo já ganhei dela ?

Eu- ainda não, vou fazer a mágica agora

Comecei a mexer e fazendo ela subir e descer devagar

Thais- eu estava bem mais rápido que isso

Tainá não querendo da o braço a torcer começou a subir e descer mais rápido e eu nem preciso fazer nada ela mesmo faz o trabalho e eu deixo até que ela era boa naquilo e ela fica assim ela desce com gosto ela também tá gostando, sinto que vou gozar e peço para ela acelerar e ela acelera e acabamos gozando juntos e ela deita no meu peito e ficamos assim por uns segundos até a thais nos lembra que ela também estava ali

Thais- então primo, quem foi melhor?

Eu-acho que deu empate, então vamos ter que fazer outra vez, mas não agora. Agora vamos tomar banho e sair, pois sua mãe já deve tá chegando tirei Tainá do meu pau que ainda estava super duro e sair da banheira me seco e visto, deixo Tainá toda mole e Thais brava pelo empate

Thais-vamos desempatar agora primo ?

Eu- agora não, depois e lembra que é segredo viu

Elas balançou a cabeça sorrindo

Eu eu vou para o monte de roupa suja pego e ainda pego as roupas da casa no cesto de roupas sujas e levo a lavanderia colo as roupas do cesto na máquina e ligo para já indo fazendo os processos e comecei a esfregar as manchas de sangue que vai saindo pouco a pouco até que não há mais nada em peça alguma, depois coloquei tudo na máquina e deixo lá e vou estende às outras terminando ali tirei minhas primas da banheira e mando ela ir brincar e lembra do segredo que não pode contar a ninguém e início o almoço. Estava quase acabando quando minha tia chega com o carro lotado de coisas

Tia Solange- ycaro pode me ajudar aqui

Eu vou correndo e começamos a carregar as coisas as meninas ajuda e logo Tamires também apareceu para ajudar e assim acabamos logo ali e minha tia sorrindo

Tia Solange- nossa, vocês lavaram as roupas e fizeram comida

Tamires- sim mãe, acho que ficamos no quarto apenas só brincando de lutinha

E ela me olha e levanta a sobrancelha

Tia Solange- muito bom vou sair mais vezes

E saiu rindo pra cozinha para ver o que tinha lá

Tamires me olhou e diz

Tamires- Lutinha priminho ou foi outra coisa hein?

Continua…

Por enquanto é isso logo mais continuo

Novamente me desculpa se ficou corrido e por conta que me mudei as coisas ainda estão se ajeitando mas logo mais trago a continuidade e novos contos

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,62 de 21 votos)

Por # # # #
Comente e avalie para incentivar o autor

4 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder YG ID:8ldl3wvxi9

    Muito obrigado 😊

  • Responder Anon ID:1csp7ehm8zp5

    Muito bom!!

  • Responder Leitor_cnn ID:8kr3i1920i

    Senti falta da Tamires tbm nesse tempo todos ela não viu e escutou nada passa ela e tia se bobear

    • YG ID:8ldl3wvxi9

      Minha tia quase não sai do seu escritório e como relatei no último conto, Tamires ouviu e viu parte do ocorrido… e me escravizou chantageando. Não tenho histórico de ter me relacionamento com mulher maduras.