# # # #

Comendo minha filha na frente da mãe

1072 palavras | 10 |3.98
Por

Me chamo Felipe, tenho 52 anos, moreno, amo novinhas, adoro esse site, me ajuda muito, tenho uma filha de 8 anos e uma mulher de 26 anos.

Minha filha Eduarda, aparenta mais idade que tem hoje, loira, cabelos lisos até a cintura, peitos rosas em formação, corpo normal, bunda grande e redonda e muito safadinha comigo. Sua mãe Valéria é uma ninfeta de 26 anos, loira de cabelos lisos, peitos pequenos e pontudos, buceta raspadinha e toda com pelinhos loiros por todo o corpo e a filha puxou dela a safadeza, pq ela é muito safada. Nossa filha foi crescendo eu e Valéria sempre lemos histórias de incesto e meninas ou meninos novinhos. Uma vez fomos num churrasco em um grande clube, Valéria ainda não estava grávida, eu estava com 43 e Valéria 17 anos, isso mesmo, era essa nossa idade e por ter uma condição muito boa, os pais autorizaram e as amigas morriam de inveja pela vida que ela levava. Nessa época já éramos safados, estávamos todos bebendo e tinha um casal de amigos que tinha um filho de 11 anos e uma filha de 9 anos, perto do clube tinha uma cachoeira e como éramos os mais animados eles queriam ir Tb, Alberto perguntou se tinha problemas? Disse que seria um prazer, entramos no carro, Penélope a filha de 9 anos, morena, cabelos lisos, corpo normal, só com peitos parecendo 2 bolinhas de gude, sentou do meu lado e Fernando, moreno, corpo atlético e não tirava o olho da minha mulher, foi atrás com ela. Valéria provocava mostrando as pernas, no caminho tinha uma estrada de terra e perguntei a Penélope se queria aprender a dirigir? Ela disse que sim e pulou no meu colo, ela sentou bem em cima do meu pau. Valéria perguntou se Fernando tinha namorada, se era virgem? Ele disse que já teve namoradas e tampou os ouvidos da irmã, disse que já transou com uma amiga da mãe. Valéria fez outra pergunta, e eu vc comeria? Lógico, vc é muito bonita. Enquanto isso na frente, Felipe alisava o corpinho de Penélope, que rebolava no meu pau e enfim chegamos. Estava deserto e falamos pra irmos só com a parte de baixo. Valéria falou pra irmos na frente que precisava conversar com Fernando, falei ok e fui eu e Penélope. Entramos na cachoeira, jogava ela pra cima e ela me abraçava, numa dessas abraçadas, suas pernas ficaram na minha cintura, ficamos sarrando, apertava sua bunda, perguntei se era virgem? Ela disse que não, mas não ia dizer com quem foi, tirei minha sunga, a calcinha dela e esfregava meu pau na sua buceta lisinha, ela no meu ouvido disse mete, mete devagar pois senti que é muito grande, fui metendo, beijando sua boca, tirei o biquíni da parte de cima e vi lindos peitinhos e cai de boca, metendo e chupando seus bicos. Continuei socando, sei que foi seu pai que foi seu primeiro. Acertou e vc vai ser o segundo pedófilo a fazer eu gozarrrrrr, que delicia de pau, goza na minha boca, enfiei, metia e gozei, ela me mostrou a porra na boca e engoliu. Se arrumamos e fomos pro carro, entramos e estava tudo em ordem, mas sabia que eles tinham transados. Voltamos pro churrasco e viemos embora, começamos a conversar e Fernando na verdade tinha transado com a mãe e Penélope com o pai. Transamos em casa, ela fantasiada de criança sendo nossa filha. Pai me ensina a ser safada igual mamãe? Claro filha, ela estava lisinha, deixa papai beijar a sua bucetinha, mas que fique entre a gente tá? Tá bom papai. Lambia e Valéria dizia isso papai, chupa minha bucetinha, aí pai estou sentindo algo estranho, está gozando minha filha e meti o pau, Valéria pedia pra gozar dentro e fazer nossa filha, gozei bem no fundo e Valéria engravidou. Nove meses depois nasceu uma loirinha.

Os anos foram passando, Eduarda nossa filha já estava com 8 anos e uma menina maravilhosa e safada como a mãe.

Eduarda era bem loira, provocante, peitos iguais a bolinha de gude, coxas grossas, bunda grande e redonda, buceta lisinha.
Valéria cada vez mais linda, 25 anos e mais bonita e gostosa que 18 anos.
Eu continuava inteiro, com os mesmos desejos, eu e Valéria sempre víamos vídeos e histórias de incesto e pedofilia. Teve uma festa de pijama aqui em casa com os amigos de Eduarda, eram 3 meninas e 2 meninos. Vamos detalhar as crianças :
Júlia, morena Clara, 7 anos, meio magra, mas uma delicinha.
Bianca, negra, 9 anos, toda gostosa.
Estefânia loira, meio gorda e não era bonita.
Edgar, moreno, 9 anos, magro.
João, moreno escuro, 8 anos, mas parecia 13 anos e não tirava o olho da minha mulher. Deixamos eles na sala jogando videogame e fomos pro quarto cheios de tesão, combinamos de dar boa noite Cinderela pra todos dormirem. Fomos na cozinha, pegamos uma coca cola, colocamos o Boa noite Cinderela e demos pras crianças.
20 minutos todos estavam apagados, minha esposa tirou os pijamas do Edgar e João e eu das Júlia, Estefânia e Bianca. Beijava as boquinhas, chupava os peitos, principalmente da Bianca, peitinhos pretos, buceta sem pelos com lábios vermelho, lambia e chupava seu clitóris, enquanto isso Valéria chupava o pau do João que era grande pra sua idade, ela pegou o pau dele e sentou em cima, começou a quicar e gemer, eu chupava, ouvia um gemido dela, mas a que eu queria, viria agora. Valéria continuou quicando e eu fui na Eduarda tirei seu pijama, fiquei alucinado com o corpo dela, lambi seu rosto, sua boca, seus peitinhos e Valéria gritou, faz ela mulher. Continuei chupando seus peitos e desci pra buceta onde me lambuzei e Valéria falava, isso papai deixa ela igual a mãe, deixei ela bem molhada, encostei meu pau na entrada da buceta e fui enfiando devagar, minha filha gemia e eu metia aos poucos, tirei seu cabaço, fiquei parado, quando percebi que ela se acostumou enfiei tudo, fazendo ela acordar, continuei metendo, Valéria gozou vendo a situação, veio pra junto, enquanto eu metia, Valéria beijava sua boca, mamava seus peitos e chupou seu clitóris fazendo ela ter um orgasmo gostoso. Valéria levou Eduarda pro quarto e eu vesti as crianças, deixando dormir e fui pro quarto.

⏩ O melhor site de desenhos animados pornô do 🇧🇷, HQs eróticas🔥

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,98 de 81 votos)

Por # # # #
Comente e avalie para incentivar o autor

10 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Ftdrf ID:8kquykbiqio

    Faz Golden shower

  • Responder Segurança ID:8cipw16r43j

    Gostei de conto assi,, Rápido e sem frescura. Parabéns me deu tesão.

  • Responder Nilramos ID:g62lwx8r96

    Adorei deve ter aproveitado mais no quarto, conta pra nós

  • Responder Pedófilo de BH ID:8ef2nnmt0i2

    Pedofilia é maravilhoso

    • Colcheia ID:muj7a6xv40

      Simmm

  • Responder Martins ID:41igiywmm9cm

    Já torei o cabacinho de uma menina de oito, e com o consentimento da mãe, uma mulata linda de 23 aninhos que adorava foder, tanto que perdeu o cabacinho aos dez com o pai de uma amiguinha dela, e engravidou do irmão de uma amiga aos 15. E daí em diante, não parou mais de foder, a safada gostava mesmo. E pra ela, qto mais liberal melhor. Ela dizia que não gostava de macho cheio de frescuras e tabus, que na hr do sexo tinha qto mais sem vergonha e mais putaria melhor. Ela adorava chupar meu pau na frente da filha, que a própria começou a incentivar desde cedo, muito cedo mesmo. Várias vezes ela estava chupando e chamava a filha pra brincar tbm, e botava a pequena pra chupar. Era demais, sentir aquela boquinha que mal conseguia abocanhar a cabeça da minha rola me chupando. Era fatal, bastava ela começar, que eu já gozava fazendo a guria se engasgar com a quantidade enorme de gala que espirrava na boquinha dela. E assim as coisas foram fluindo, até que um dia, estávamos na cama na maior farra, e menina então com oito aninhos, mas tinha uma xoxotona enorme de tão inchada que era, minha namorada olhou pra mim e falou, que a buceta da filha era bem maior que a dela qdo tinha aquela idade, e pelo jeito ela já aguentava uma rola. Ela parou de acariciar a xota da filha, ajeitou ela na cama, olhou pra mim, sorriu e falou.
    – vai amor…”quebra” esse cabacinho logo que eu sei que tu quer muito isso tbm…rsrsrs…
    Foi demais de bom. Mal botei a cabeça, a menina ameaçou um chorinho, mas foi confortada pela mãe, e assim eu fui metendo devagar até minha rola “sumir” todinha dentro dela. Não sou super dotado, são só 16cm de pica, mas acreditem, foi até o talo. Nunca gozei tanto qto naquele dia, e partir de então ela passou a trepar com a gente…literalmente. E qdo eu ficava sozinho com ela em casa, a gente trepava gostoso tbm, e qdo a mãe chegava, olhava pra ela, ria e falava que ela estava muito safadinha, se aproveitando do “namorado dela”. Foram seis anos nessa onda…

  • Responder @Rainha_da_Noite ID:3vi1xgbz49b9

    Excelente… Sonho em ter uma família incestuosa

    • Cris ID:5pbartu2k0a6

      Pode fala comigo no telegran @crispaiva

    • Raysp ID:gqau2apzkl

      Mto tesaoa mae filha juntas .

  • Responder Claudio ID:830zij9fic8

    Excitante, continua!!!!!!