# # #

Meu namorado, o entregador e o garoto

828 palavras | 2 |4.74
Por

Era uma manhã de sábado normal, meu namorado tinha passado a noite comigo na minha casa e foi uma das poucas vezes que ele demonstrou um apetite sexual a ponto de me deixar cansada no outro dia. Preparei o café da manhã pra ele antes de ir pro trabalho e meu sobrinho que sempre dormia as sextas na minha casa pra ir para o treino no campo aqui perto, mas nessa hora o gás se acabou, então os dois saíram e eu fiquei sozinha em casa. Decidi fazer uma faxina enquanto esperava o entregador chegar com o gás, ainda tava de pijama mesmo por ser mais confortável, um short curtinho fino e uma blusinha que eu tinha cortado em um top. Quando o entregador chegou, não tirou os olhos de mim, até instalou errado e saiu tão rápido que nem deu tempo de arrumar. Liguei pra distribuidora e reclamei, foi então que mandaram outra pessoa, um coroa que já tinha tido um lance comigo durante uma entrega. Quando ele arrumou as coisas, veio direto pra cima de mim, enfiou a mão no meu shortinho e começou a dedilhar minha bucetinha enquanto perguntava se eu continuava assanhada como antes, respondi que só quando era pra me divertir com a cara dos trouxas. Ele me virou de costas, baixou short e levantou minha perna pra cima da cadeira, deu dois tapinha na minha bunda e encaixou o pau na minha xaninha, começando a comer ela sem pressa enquanto me beijava no pescoço e apertava meus seios por baixo da roupa. Tava muito gostoso, mas ele não podia demorar, então acelerou o ritmo e gozou muito em mim, tanto que na hora em que o pau saiu, a porra dele melou o chão que eu tinha acabado de limpar, mas nem reclamei, apenas agradeci pelo serviço e ele foi embora, enquanto eu tive de limpar aquela bagunça antes do meu sobrinho voltar do treino.
Depois disso se passou uma semana e quando meu sobrinho saiu pro treino, um dos colegas dele veio até minha casa e mostrou uma foto minha enquanto limpava a porra do entregador no chão com a buceta toda melada, confesso que a foto ficou um tesão de se ver, mas na hora eu perguntei como ele tinha tirado e ele disse que havia ido na minha casa naquele dia pra pedir um pouco de água, mas se deparou com a cena e tirou a foto. Quando perguntei o que ele queria, pediu que eu pagasse 500 reais pra apagar a foto, recusei na hora e ele ameaçou postar, então permaneci indiferente e disse que se fizesse, denunciaria ele por extorsão e ainda avisei que a polícia não iria aliviar só por ele ser um moleque de 15 anos. Consegui deixar ele apavorado, mas toda aquela situação me deixou com tesão, perguntei se ele tinha batido alguma vendo a foto e ele me respondeu que várias vezes se masturbou olhando ela. Empurrei ele pro sofá e propus que pagaria pela foto de um jeito melhor que dinheiro, então desci o calção e a cueca dele até os joelhos e abocanhei seu pau com vontade, chupei com força, provavelmente era o primeiro boquete do coitado, então tive de me segurar pra ele não gozar, mas ele me surpreendeu com o pedido que fez pra comer meu cu. Tirei o pau dele da boca e perguntei o por que e ele disse que quando olhava a foto só conseguia sentir tesão olhando meu cu. Sorri e fui pro outro sofá, onde fiquei de quatro e levantei minha saia, como tava sem calcinha, ele viu tudo bem de perto e já veio pra cima, abriu minha bunda com as mãos e encaixou a cabeça do pau na entrada do meu cuzinho, colocando devagar até entrar todo e me abraçando pela cintura. Pisquei o rabinho no cacete dele e na hora o coitado gozou, muito por sinal, mas o safado não ficou mole, começou a bombar com força, só parou quando eu expliquei que pra fazer isso tinha de ir devagar e aproveitar, então o ritmo dele mudou, dando estocada suaves e espaçadas enquanto apertava minha bunda. Como tinha gozado a pouco tempo, dessa vez demorou bastante, até tirou o pau de dentro e pediu pra que eu piscasse o cuzinho pra ele, então pediu pra comer minha buceta também e eu completamente no clima sentei nele até gozar dentro de mim. Pedi pra que tirasse outra foto agora com a porra dele escorrendo da minha buceta e do meu cu, disse que era o pagamento dele, assim ele foi embora antes que meu sobrinho chegasse e eu fui me banhar pra tirar toda porra de dentro de mim.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,74 de 23 votos)

Por # # #

2 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Guilherme Se.

    Essa é a Cassandra que eu conheço, putinha safada boqueteira, que me fez passar o dia inteiro inteiro pensando em sadomizar seu corpo gostoso.
    Eu já prestei muitas homenagens a vc só de imaginar sua performance sexual com meu pau, imagina se eu tivesse algumas fotos e vídeos.

  • Responder Dick Vigarista

    Deixa seu sobrinho te foder tbm