já nasci viadinho parte 2

10-07-17 Por 2 ★ 4.00

conforme contei no primeiro conto, (muito curto) o motivo desse primeiro conto foi só falar o porque eu ja nasci viadinho e sempre tem um babaca que mesmo lendo o conto de graça se acha o direito de meter o pau… mas tudo bem, sem magoas, mas a continuação…
quando cheguei na casa do walter, meu visinho, e corri para contar a ele que meu cusinho não doia mais, ele estava sentado no sof´e eu vi logo o piru dele ir ficando duro
tio eu posso brincar com ele um pouquinho, claro niquinho, (esse era meu apelido) eu me sentei ao lado dele e comecei a brincar e ele mandou eu turar meu calção e enquanto eu brincava com o piru dele ele ficava dedando meu cu que ainda estava bem inchado
tio eu posso beijar ele? pode sim passa a lingua nessa baba que você vai gostar, enquanto isso estou aqui examinando seu cuzinho, ainda está bem inchadinho, uma delicia
tio que bom que o senhor está gostando, eu gostei muito apesar da dor, e agora estou gostando muito de beijar e lamber ele, ta saindo um creminho salgadinho mas ta muito bom
tio eu posso engolir?
sim coloca a cabeça dele dentro da sua boca e chupa igual um pocolé…
ta bom tio, to adorando o senhor ficar enfiando o dedo, não está doendo nem um pouco, não para tio
continua chupando que vou te dar um monte de leito e voce vai engolir tudinho tá
ta tio eu quero, mas depois quero sentar nele novamente, ta bom muleque depois vou encher seu cu de porra novamente, quero ele sempre inchadinho assimmmmm
ta bo bom tio
que delicia esse caldinho, fica chupando vai tentando enfiar o máximo dentro da sua boca já já eu vou gozar
tio o que é gozar?
vai sair muito leite e você vai engolir tudinho para ficar forte
ta bom tio eu quero…
eu continuei chupando e ele dedando meu cu, ele ja enfiava 3 dedos e estava muito bom
derrepente ele gemeu alto, segurou minha cabeça e encheu minha garganta de porra, eu engasguei muito, saia lagrimas nos meus olhos, ficava olhando para ele totalmente entalado, com aquele piruzão na minha boca cheia de porra e ele continuava a gozarrrrr, gozou muito
quando eu consegui engolir tudo ele tirou o pau de dentro da minha boca ainda muito durão e sem tirar os dedos do meu cu mandou eu ficar alizando até ele descansar um pouco para enfiar tudinho no meu cu novamente…
eu não via a hora dele fazer isso e fiquei alizandooooo e o pau dele todo babado estava cada vez mais duro, tio o senhor que que eu chupe mais um pouco?
sim fica chupando que estou descansandooooo
eu chupei muito até começar a sair caldinho novamenteeee
ai os garotos me chamaram para brincar, ele foi na janela e falou que eu estava fazendo uma faxina no quarto para ganhar um picolé e depois eu ia brincar… voltou com aquele piruzão muito duro, me colocou de 4 e foi enfiando até o saco dele bater na minha bundaaaaaaaa, tio hoje ta muito melhor que ontem, não te falei muleque que você ia se acostumar e passar a gostarrrr
nossa tio ta bom demais o piru do senhor é lindo eu adoro ele
quero vir aqui todo dia se o senhor quiser
melhor voce passar a vir um dia sim outro não porque os seus amiguinhos e seus pais, vão acabar desconfiando
ah tio, mas gosto muito dele, quero dar só para o senhor
nada disso pode dar para seus amiguinhos também, vocé vai gostar muito e vai ficar mais gostoso para mimmmm
e assim foi minha vida dos 5 aos 8 anossss
eu dava em todo lugar e para quase todos no bairro
tinha um velho que tinha um piru muito grande e grossão, eu ia na casa dele quase todos os dias e ele enfiava aquilo tudo em mimmmm
eu adorava, e assim foi, eu cada vez gostando mais de pica, meus pais começaram a desconfiar, porque eu não parava em casa e minha bunda crecia muito, até que um dia minha mã me chamou para me dar um banho, falou que eu não estava tomando banho direito e ela ia me ensinar…
mandou eu tirar minha roupa, ficou peladinha também e entrou comigo no chuveiro, começou a me passar sabonete em toda a parte de meu corpo, e eu ali vendo ela com um bucetão muito grande pertinho da minha cara e perguntei, mãe a senhora quer que eu passe sabonete na sua coisa, ela quero sim meu anjo, me deu o sabonete e comecei a passar na buceta dela e ela começou a gemer e foi decendo a mão dela até minha bunda e logo estava enfiando o dedo no meu cu
eu falei mãe o que a senhora está fazendo
nada meu filho, só estou lavando seu cuzinho por dentro
nossa mãe ta muito bommmm, filho continua passando sabonete na coisa da mamãe
ta bom mas a senhora não para de enfiar o dedo no meu cuzinho
não vou parar nao filhinho
e foi assim que minha mãe começou a descobrir que eu adorava pica
nos outros dias ela fazia a mesma coisa e eu adorava, ela elogiava muito a minha bunda e falava do meu piruzinho que era muito pequeno
filho sua bunda estã cada dia mais linda e seu piruzinho tambemmm
voce quer que a mamão chupe ele um pouquinho
quero sim mamãe
ta bom filho vamos sair do chuveiro, nos enchugarmos e vamos pada a cama
mamãe vai te chupar muito e você vai me chupar tambem
foi ai que fiz meu primeiro 69
enquanto me chupava ela enfiava 3 dedos no meu cu e eu ficava gemendo muito, foi ai que ela me perguntou
filho seus amiguinhos brincam com sua bundinha linda
ah mãe, tenho vergonha de falar isso, que isso filhinho mamãe precisa saber para te proteger
ta bom mãe, desde novinho ele brincam com minha bunda e eu gosto muito
tem alguem maior que vocêque brinca também?
sim mãe, tem alhuns homens que tem piruzão e enfiam tudo em mim
dói muito filhinho?
no inicio doeu mãe mas fui me acostumando e passei a gostar muito
hummm, ele gozam lá dentro?
sim mãe, na minha boca também…
safados, mas se você gosta mamãe não vai achar ruim com você
obrigado mãe, ela estava com 3 dedos enterrados no meu cu e eu chupando a bucetona dela…
continua…

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,00 de 2 votos)

Por

2 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos

  1. Anônimo

    maaaaaaaais continuaaaa faz um da mae levando ele vestido de menina num bar cheio de safado pra comer eles

  2. Anônimo

    Lamentável ler algo tão mal escrito como esse conto.