Criando uma taradinha

Autor

Bom, não tenho o costume de escrever mas veremos o que aconte…
Tudo começou quando me separei da minha esposa a 08 anos atrás, como tivemos duas filhas, ficou estipulado pelo juiz que ficariam comigo em finais de semana alternados. Minhas filhas tinham na época 07 anos (Alice) e 05 anos (Aninha). Desde os primeiros finais de semana, a Anna não queria ficar sem a mãe então eu respeitei a sua vontade e só trazia a Alice pra passar os finais de semana comigo. Alice adorava, pois tinha minha total atenção, nesses finais de semana era eu mesmo que cuidava dela completamente e logicamente dava banho também…
Ela nunca teve timidez comigo, e eu me aproveitava dessa situação, passava sabão em todo seu corpinho, mas ficava a maior parte do tempo mesmo era esfregando meus dedos naquela bucetinha lisinha, ela adorava tanto que até abria as perninhas pra facilitar eu ficar passando o dedo lá, visivelmente ela adorava aquilo, eu dizia que era pra deixar a pepeca dela bem limpinha. Com o passar do tempo passei a esfregar a bucetinha dela também quando ia vestir outra roupa no quarto. Em um desses banhos, eu fui de cueca, porque sempre acabava me molhando mesmo, Alice viu meu pau através da cueca molhada e enquanto eu esfregava sua bucetinha ela sem mais nem menos pegou no meu pau e me pediu pra "lavar" ele também, fiquei surpreso, mas achei legal. Ela como por instinto começou a me masturbar de acordo com que eu esfregava meus dedos na sua bucetinha, tava uma delicia e ela percebia que me agradava! Depois de algum tempo com essa rotina nos meus finais de semana com Alice, ela já chegava em casa querendo ir tomar banho, falei pra ela que ficava ainda mais gostoso se ela colocasse na boca, pra ver seu papaizinho ainda mais feliz ela fez com uma carinha de quem tava adorando, só conseguia colocar a cabeça do meu pau, mas era muito bom ver aquela minha menininha abocanhando meu pau, comecei a colocar meu dedo dentro da bucetinha dela pra ela ir se acostumando também, mas mal colocava a pontinha ela já dizia que doía muito, na primeira vez que gozei na boquinha dela, ela se assustou, mas gostou de me ver satisfeito! Com o passar do tempo eu já colocava ela pra chupar meu pau e virava ela pra esfregar meu pau na bucetinha dela, mas só esfregava e ela adorava sentir meu pau escorregando naquela rachinha… Ficamos nessas brincadeiras até ela ter completado 09 anos, aí as coisas ficaram mais quentes…
mas vou deixar pra próxima, isso se tiver Ibope nesta! Espero que gostem