Irmão mais velho me ameaçou contar que eu dava pra irmão mais novo dele e me comeu também!

Autor

Eu já com 9 anos , era lisinho , bundinha empinadinha de tanto dar pra meninada da rua e pros vizinhos de vovó ,onde eu passava os fins de semana , já que meus pais haviam se separado.Tinha cabelos loiros cor de mel , lisinhos e cortados de franjinha , que balançavam quando eu corria . Era travesso, gostava de fazer cabaninhas e brincar no mato, ir em bicas d’água , desbravar lugares inusitados , buscar aventuras . Me sentia muito livre nesses momentos . Tinha um magnetismo grande , e com isso atraía os meninos pra me seguirem nessas aventuras , eu sempre liderando . Nessas minhas jornadas pelos matos proximos e as vezes até um pouco distantes de casa , eu passava pelos rapazinhos de uns 15 a 17 anos q jogavam bola nos campinhos improvisados de terra e eles sempre me olhavam e não falavam nada com medo de meu irmão mais velho q era fominha de bola e lider deles brigar . Assim que eu estava com os outros moleques no mato , já com cabana aramada , sempre em barrancos ou próximos a árvores , que era meus lugares prediletos , pra facilitar a construção desses abrigos improvisados onde eu era rei e os meninos faziam tudo q eu mandava .Aos poucos eu cismava de que eles tinham q buscar mais galhos , folhas grandes , ou algo que desse pra deixar a cabana mais bonita , mas na verdade estava mesmo era brincando de casinha.Então colocava meus ” maridinhos”, rsrs , geralmente uns 5 ou 6 meninos de uns 10 ,11 anos , pra buscar o material de construção.Cada um ia pra um lado
e eu ficava tomando conta da casa e limpando , decorando com pedrinhas , florzinhas , e tal.
De repente ouvia vozes chamando meu nome , quando olhava eram os rapazes do campinho. As vezes 2 , outra hora 1, até 3 .Perguntavam o q era aquilo e eu explicava que era uma cabaninha pra brincar e esconder da chuva caso ela viesse e as vezes vinha e derrubava tudo , rsrs. Pediam pra entrar pra ver e eu deixava , nessa hora eu me sentia rainha do pedaço, rsrsr . Vendo aqueles homens jovens , mas já com corpos definidos pelo esporte , pêlos nas pernas ,voz grossa , volume no short que até hj me lembro na maioria das vezes de nylon , que era moda , de todas as cores , aqueles q tinham um forro , lembram? Então , até hj tenho um tesão nesses shorts porque me lembram dessa época .Iam entrando na minha cabana e ela ficava apertada deixando eles bem coladinhos em mim . eu adorava , e empinava minha bundinha já piscando , chamando aqueles paus cheios , pra dentro de mim . Meu cuzinho implorava por porra quente , e não era pouco , tinha fome .Em minutos os rapazes começavam me roçar , e um punha na minha boca enquanto o outro cuspia e atolava sem dó no meu rabo . Que deliciaaaaa, que saudade,!!! Eu tinha uns 3 ou 4 machinhos safados desfrutando daquele menino que teve curso de gostosura e já não sabia mais viver sem sentir um macho gozando . As vezes os garotos voltavam e viam , mas não entravam ,ficavam olhando ou iam embora e eu nem ligava pois eram pequenos pra mim q desejava ser dominado e destruido por picas . Em pouco pouco tempo que pra mim pareciam segundos , pois queria sempre mais e mais , me deixavam cheinho de porra , que até escorria de dentro de mim na hora q tiravam seus cacetes . Limpavam com as folhas da cabana e iam embora rindo e satisfeitos e só diziam pra mim… Não conte nada viadinho , senão não ganha mais !!! Eu com receio de que isso acontecesse , guardava segredo , e enquanto meu cuzinho ainda estava ardendo , ficava mais quieto em casa , mas com 1 ou 2 dias , já ia de novo pro mato .Dentre esses , tinha um em especial , que vou chama-lo de Dam. ainda é , pois ainda o vejo , mesmo q de forma virtual , mas vejo.Um moreno jambo , nariz grande , pêlos negros , boca carnuda, na época uns 18 anos , que era meu preferido. Tem um pau torto , de cabeça brilhante de uns 20cm e grosso na base , e bagos grandes , que gozava litros em forma de jatos , varias vezes , o q me deixava apaixonada por ele . Sempre q Dam , me via dando sopa , me metia sua piroca gostosa , era guloso e as vezes me enrabava de manha e de tarde . Eu gostava tanto dele q desenvolvi estratégias de driblar os garotos e olhares curiosos e me ensinuava pra ele , era só sair a rua e balançar suavemente minha bundinha , como uma patinha , que ele rapidamente entrava em alguma construção , beco , moita , na casa dele no quintal , nos barrancos , qualquer lugar pra me enrabar e me encher todinhooo. Ah como eu amei aquele moço!!!
Dei pra ele uns 4 anos , dos 7 aos 11. Um belo dia , a tarde , sai como quem não quer nada ,olhando pro vazio , ninguem na rua ,que tédio . Resolvi então ir no campinho ver se tinha alguem . No caminho senti q estava sendo seguido , olhei para tras e vinha o irmão mais velho de Dam. Também moreno , lindo , alto , forte , sobrancelhas super grossas e desalinhadas , o q fazia com que ele tivesse cara de mau . Uns 25 anos , era o Dam mais maduro , mas sempre tive medo dele por sua cara de mau e por era mais velho e xingava do irmão fazer aquilo comigo . Continuei subindo em direção ao campo e olhando despistado pra tras , ele entrou numa trilha um pouco abaixo e pensei q ele ia noutra direção. fiquei tranquilo. Assim q cheguei no campinho , esta deserto , não sei onde foi parar a turma . fiquei desapontado e comecei descer outra trilha q dava numa arvore velha q ainda existe e tem uma linda vista do centro de minha cidade , já q fica num alto bem no centro . Quando comecei descer e ninguem mais podia me ver tive um susto. Tonho apareceu do nada , já estava na arvore como se soubesse q esse era meu destino.Assim q o vi seus olhos brilharam , meu coração disparou e tentei voltar , me virei e fui subindo mas ele em segundos já estava atras de mim , andando normalmente , mas com passos largos pra não me assustar.Chegou sorrateiro e apertei o passo como uma preza em fuga e ele como um predador falou com voz mascula… onde vai Danny? Porque ta correndo? Respondi atoa . Assim q dei uns 5 passos ele disse …Me dá esse cuzinho gostoso? dá?
Eu disse não!! Ele …porque? Eu …tenho medo!! Ele …De que? Falei … vc é mau!! Ele …Eu? Porque criança, o que te fiz ? Eu …vai me bater , vc é bravo , tenho medo!! Vai me machucar !! ele disse … a última coisa q eu quero na vida é te machucar !! Falei não faço issonão , como se ele não soubesse e todo o bairro , rsrsr. Ele então falou… mas pro Dam , vc dá? Se não me der vou contar pro seu irmão e ele vai te arrebentar!! Chorei e parei na trilha tremendo , ele se aproximou , passou a mão suavemente nos meus cabelos e disse … prometo q coloco só a cabecinha , rsrsr , e se te machucar eu paro na hora , te prometo , não tenha medo . Eu então sem dizer nada entrei numa moitinha , já frequentada por mim . e ele atras , Lá chegando , tirou a camisa , jogou ela no chão aberta e disse … sou bonzinho, até coloquei a camisa pra vc sentar ! Sentei e fiquei olhando pra ele sem camisa . Um lindo homem feito , peito peludo , sem barriga , moreno , cara de mau ,um espetaculo de macho pra quem sabe admirar.
desceu a bermuda desbotada e sem cueca caiu de dentro dela uma tromba chocolate ,cabeçuda , grossa e cheia de veias salientes , reta e rija , parecia uma escultura rodeada de pelos negros e maduros q exalavam um cheiro de macho fascinante que me hipnotizou de imediato.Fiquei ali parado imóvel , com olhos arregalados de criança carente , mas q já tinha desejos próprios e uma boquinha q mesmo sem dizer nada, salivava ate escorrer de desejo , o que deixou aquele homem louco , mas mesmo assim se conteve e conduziu a situação . olhou para os lados conferiu a barra , viu q estávamos camuflados pela vegetação e ele poderia realizar seu feito sem ser surpreendido enrabando um garotinho loiro . Me pediu pra chupar e eu disse q não gostava , na ocasião eu ainda não tinha esquecido o trauma da primeira vez , mas realmente ainda não tinha a dimensão do prazer do sexo oral. Então ele me virou na camisa suavemente , me colocou de 4 mandou eu ficar como um cachorrinho. Obedeci prontamente com medo dele , tirou meu shortinho com cuidado , me deixou nu.Eu não olhava mas já tinha experiência pra saber q ele lubrificava seu pau com saliva
e se preparava para possuir um lindo rabo jovem e tenro.Passou cuspe na minha bundinha , além do cuzinho, mas em toda ela, como se tivesse querendo deixar tudo escorregadio , caso eu tentasse desviar daquela pica enorme e sedenta.Se ajoelhou por tras , eu morrendo de medo dele e se encostou na minha bundinha q mesmo assustada já piscava e atraia como um imã , aqueles pentelhos tão adultos e lindos .Então sussurrei baixinho…Só a cabeça!! Ele disse ta bom , eu juro!! relaxei na posição q ele me colocou e pus minha cabeça no chão para admirar por baixo aquela cena q meus olhinhos se deliciavam ao ver . Parecia um sonho real!! Senti uma pressão firme , porém q não machucava , pelo contrário,eu sentia minhas preguinhas já levemente delatadas , tipo estalando , como se tivesse desabrochando , uns clics q era gostoso demais !! Aos poucos ele deu uma leve estocada , senti q abriu mais e ardeu um pouco , dei um pulinho e ele disse … Tá doendo ? quer q eu pare? sussurrei… Nãoooooo Ele disse … ja foi a cabecinha , pode mais um pouquinho só? Respondi só mais um pouquinho!! Ele pos mais uns 5 cm . Gemi . ele como se não quisesse espantar sua presa ficou ali com paciência e calma , mas eu podia sentir sua respiração e seu pau latejar e queimar . Fechei meus olhos , comecei a rebolar devagar e ele gemia mais alto . De repente deixei minhas pernas deslizarem por baixo dele e segurando nas coxas dele me deitei trazendo-o junto de mim. Na hora q deitamos um sobre o outro , aquele macho gostoso escorregou sua pistolona grossa pra dentro de mim . Senti tudinhooo, aquela delicia de homem todo pra mim , todinho meu . Rebolei como a Gretchen.Fiz tudo o q me ensinaram até então , mas nunca antes havia sentido tamanho prazer . Poia aquele homem do qual eu tinha ”medo” , era um ser doce , carinhoso demais , e nesse momento ele começou meter com força sem machucar , só me dando imenso prazer e falava no meu ouvido… Entrou tudo , tudoooooooooooo!! Que bundinha gostosaaaaaaaaaa!!!!!!!!!!! Estava quase enlouquecendo de pensar q meu maninho tinha tudo isso e eu não . Te amo , nunca mais vou te esquecer , meu sonho de bundinha , Deliciaaaaaa, aguentou tudo do seu tonho!! Vou te encher de porra meu viadinhoooo!!!!!!!!!
E me inundou , gozou como um cavalo , muito mais jatos q o irmão mais novo e muito mais delicioso e amoroso . TE amo Tonho !!!!!! Quero você outra vez !!!!!!!!!!!!

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 5,00 de 2 votos)
Loading...