Minha sogra vadia, puta e tarada 2

Oi galera vou contar pra vocês mais uma aventura que tive com minha sogra. Fui criticada no meu conto anterior(minha sogra vadia, puta e tarada) por não descrever minha sogra então vou falar como ela é:ela tem 1,65 meio magra com seios medios uma bunda gostosa e uma bucetinha raspadinha mas o que chama atenção nela é o cheiro de sexo e luxuria que isala de sua pele, mas vamos ao conto.Eu estava na minha casa e minha mulher tinha viajado pra casa de sua irmã era umas 9horas da noite meu telefone toca e era minha sogra me chamando pra ir em sua casa ,eu disse que não tinha jeito e se o meu sogro nos pegasse lá ,então ela disse que ele viajou e ela tava sozinha e tava fazendo uma surpresa pra mim.A mistura de tesão e adrenalina mexeu comigo e eu fui pra lá.Cheguei de fora da csasa dela e tava tudo apagado e liguei pra ela que me disse que era pra eu entra e deitar na cama dela e esperar e eu fiz.Tava com tanto tesão que só de sentir o perfume dela pela casa meu pau já ficou comom uma estaca de duro,deitei na cama fiquei pelado só esperando e ela entra no quarto vestida de mamãe noel(era vespera de natal) e me falou: –Mamãe noel vai te dar seu presente porque vc foi um menino muito safado e gostoso nesse ano todo.Ela veio pro meu lado e pegou meu pau e começou um boquete maravilhoso como se fosse sugar toda a minha alma e eu só gemia ,tava ficando louco e falei pra ela que ia gozar e ela mandou eu dar meu leitinho todo pra ela ,nessa hora o tesão veio com força e eu gozei litros na boca daquela vadia e ela bebeu tudo sem desperdiçar uma gota. Eu tava deitado na cama e ela veio me beijando com muito tesão e me falou no meu ouvido:vou te mostrar o que eu faço quando não temho você aqui, e saiu do quarto e voltou com um consolo até ai normal mas quando olho percebo que ela trazia sua cadelinha (uma dessas raças que não cresce muito e que era preta e branca).Ela tira a roupa e senta bem devagar no consolo e começa a subir e descer nele aquela cena fez meu pau ficar duro de novo e fui pra cima dela e ela falou que era só pra eu ficar olhando porque ela nem tinha começado o show.Voltei e sentei na cama de novo e ela ali na minha frente com im consolo na buceta e eu de pau duro,foi nessa hora que ela chamou a cachorrinha e passou leite condensado no grelinho,a cadelinha começou a lamber a buceta da minha sogra toda lambusada de leite condensado e seu suquinho que ja escorria de dentro dela.Aquela cena me deixou louco,minha sogra gemia feito louca mordia seus labios virava os olhos, foi quando ela anunciou seu gozo com um gemido alto e de puro prazer nunca vi uma gemer tanto,parecia que estava em transe.Ela se levantou meio cambaleando e deitou na cama, eu ja estava igual um jumento de tanto tesão,mas ela falou que precisava de um tempo mas eu não deixei poes ela de quatro e comecei a lamber aquela buceta já toda gozada,que delicia aquela mistura de mel de buceta e ainda com um pouco de leite condensado me atiçava ainda mais.Eu ia revesando entre sua buceta e seu cuzinho que piscava cada vez que eu colocava a lingua nele e minha sogra ja estava tambem com o tesão a flor da pele e me disse:Vai vadio rasga esse cu que ta te chamando poe esse cacete de cavalo nele me faz gozar pelo o cu.Fui pincelando meu cacete naquele cuzinho maravilhoso que piscava pedindo meu cacete dentro dele.Fui empurrando meu cacete devagar e minha sogra só gemia,quando passou a cabeça ela deu um gritinhie eu parei até ela acostumar com o volume la dentro(meu pau tem 20cm por 6cm de espessura) foi quando ela empurrou sua bunda contra o meu cacete e bati com as bolas na buceta dela e comecei a enterrar cada vez mais forte e ela me pedindo pra eu atolar tudo naquele cu.Naquela loucura peguei o consolo que estava em cima da cama e fui enterrando na buceta dela que ao sentir ela dentro ficou ainda mais tarada e gritava e eu só bombando seu cuzinho, mas uma coisa fez isso tudo ficar ainda melhor.Como minha sogra estava de quatro sua cadelinha que até ali estava apenas assistindo veio por debaixo da minha sogra (que estava com o consolo na buceta )e começou a lamber seu grilinho e foi nessa hora que minha sogra soltou seu lado puta e começou a falar:Isso vai acaba comigo meus tres briquedinho, quero gozar igual uma égua no cio,come esse meu cu que tanto chora por causa de uma vara,me deixa toda rasgada, me parte no meio com esse cacete no meu cu,eu quero gozar,eu to gozando.eu nessa hora janão aguentava de tanto tesão meu cacete doia e eu avisei que ia gozar e minha sogra falou:Goza,goza gostoso dentro do meu cu, quero que você goza muito,inunda meu cu com sua porra ,meu cavalo tesudo, mete forte que eu vou gozar tambem ta vindo,por favor não para, vou gozar até minha alma sair pela a buceta. Senti que o cu dela começou a apertar meu cacete com se fosse enforca-lo e seu corpo começou a tremer e tremer muito ela gritou:To gozandoooooooo e eu tambem gosei rios de porra naquele cu lindo.Ela apenas soltou seu corpo sobre a cama e eu ainda com o cacete dentro do cu dela e o consolo na buceta, sua cadelinha ja tinha saido debaixo,esperei meu cacete amolecer dentro do cu dela e tirei e vi quandi minha porra começou escorrer pela sua bunda ja toda vermelha e minha sogra só gemia olhei em seu rosto e vi lagrimas escorrendo e ela me disse que choro de tanto tesão.Dei um beijo nela e saido quarto deixando ela deitada na cama toda feliz.Quem quiser me adicionar é mistergialves@hotmail.com da proxima conto o meu caso com a minha comadre.