# # #

Dono da mansão só queria novinho da favela

1284 palavras | 6 |4.20
Por

Nasci e cresci na favela real parque em SP q fica em meio às mansões do bairro Morumbi
Quando eu tinha 9 anos estava trabalhando no farol d uma avenida do bairro com um outro amigo que na época tinha 13 e derrepente para um carro bonito no posto d gasolina ao lado e esse meu amigo foi falar com o dono do carro de maneira q se conhece
Um minuto dps meu amigo atravessa d volta pra onde eu tava E ele me pergutou se eu tava afim de tomar banho de piscina e pelo fato do dia tá quente eu concordei d imediato msm sem saber onde
A gente foi até uma praça menos movimentada na rua de baixo já q meu amigo disse q um conhecido passaria ali pra buscar a gente coisa q n demorou nem 5 minutos e eu percebi q se tratava do mesmo carro q tinha parado no posto
Pra fazer a descrição eu sempre foi branquinho um pouco queimado de sol e magro e o povo sempre disse que pareço mais um boy do que favelado e modéstia parte sou bem elogiado pela beleza
Já meu amigo tbm era bonito mas diferente de mim ele tem pele morena tipo o tom do Neymar e o corpo era fortinho quase gordo e meio bundudo do cabelo encaracolado
Já o dono do carro se apresentou como alguém de 27 anos e era branco com tattoo e fumava maconha no carro de vidro escuro
Meu amigo disse q a mês dele já trabalhou na casa do tal rapaz por 2 anos e por isso eles já se conhecia das vezes q meu amigo ia ao trabalho com a mãe
Chegamos na casa e eu adorei tudo já q nunca tinha entrado numa mansão e o dono deixou a gente bem a vontade nos servindo lanche e refri
Uma coisa q me chamou atenção é q as vezes eu percebia os 2 cochichando mas até aí Nd de mais até eles inventar que iria na parte de cima da casa pra não fumar maconha perto de mim já q eu não curtia na época
Aquilo n tinha sentido já q meu amigo tinha costume d fumar na minha frente e até o dono da casa tinha fumado no carro
Passou uns 10 minutos e eu fui ver onde eles tava q já fiquei incomodado ali sozinho e quando subi eu escutei alguma coisa e entrei no quarto e n vi ninguém mas o barulho q era um gemido ficou mais alto
Fui até uma pequena varanda desse quarto q tinha vista pro fundo do quintal cheio de grandes árvores e percebi q tinha uma outra varanda ao lado onde meu amigo tava de 4 com os joelhos num tapete e o rosto numa cadeira e o dono da casa socando forte no cu do meu amigo
Como eles tava um pouco de costas e despreocupados eu pude ver bem a cena do pau entrando e saindo e lembro q fiquei até com certo tesão e em choque ao msm tempo
Sai dali e voltei pra piscina quando o rapaz disse q tinha gozado que q era pra limpa rápido pra eles descer logo e tbm ouvi alguma coisa sobre dar dinheiro que fui entende dps
Quando eles voltaram pra piscina eu tava numa espreguiçadeira fingindo q tava dormindo e quando me chamaram eu de imediato pedi pra ser levado embora e inventei q tava me sentindo um pouco mal
E assim foi feito o cara deixou a gente a uns 300 metros da entrada da favela
Na época eu era uma criança virgem mas já tinha noção q sexo entre homens era coisa de viado por causa das conversas de muleke q a gente tinha nas ruas e colégio
Durante um tempo eu fiquei evitando esse meu amigo de tal forma q ele chegava a me questionar e eu sempre arrumava uma desculpa
Passado se 8 meses depois do tal fato eu já tinha10 anos e naquela cedo do cara comendo meu amigo nunca saiu na minha cabeça e o pior é q as vezes eu ficava de pau duro pensando tanto no pau do cara como tbm eu chegava a dar umas analizada na bunda do meu amigo q era uma bunda bonita em um mlk bonito
Na tentativa de se reaproximar de mim ele vivia insistindo em me chamar pra trabalhar no farol e eu sempre dando uma desculpa até uma vez que ele me chamou e eu disse q iria com minha mãe pra casa d uma tia
Só que pouco tempo dps eu tinha ido trabalhar com outros amigo no farol do shopping Morumbi e mais tarde apareceu pra trabalhar no mesmo farol a amigo que eu tava evitando
Ele me maneira irônica me perguntou se minha tia morava ali e por isso eu passei o resto do dia bem sem graça
2 dias dps disso eu tinha chagado do colégio e tava sozinho a tarde em casa vendo TV no barraco q tava com a porta só encostada e Derrepente esse mlk q eu tava evitando entra em casa sem permissão me dando um susto
E aí ele me chegou cheio de questionamentos me perguntando o que aconteceu cmg desde o dia da piscina e eu falei q tava tudo normal e n tinha acontecido nd
Só q ficou nessa dele insistir e eu negar até q fui vencido pelo cansaço e resolvi falar o q eu tinha visto
E o pior q pra minha surpresa ele n ficou surpreso e resolveu abrir o jogo de vez pra mim mas antes me perguntou se eu tinha falando alguma coisa pra alguém e eu disse q n
Ele disse q confia em mim e sabe q se eu tivesse falado alguma coisa a fofoca ja tinha espalhado entre os mlks da favela

ELE: conheci aquele cara quando eu tava sozinho pedindo lance no Mcdonalds e ele foi simpática cmg me pagando o lanche e me chamou pra comer dentro do carro
Eu pedi pra ele me levar pra dar umas voltas e foi assim q ele entrou no assunto de sexo E tbm falou em dinheiro
No dia eu fiquei com medo mas a oferta de 50 reais era ótima
Sem contar q já ouvi falar de outros mlk q saia com homem pra ganhar dinheiro
No dia eu só chupei ele no carro e n achei bom nem ruim
O combinado era 50 e ele me deu 70
Fiquei muito feliz E disse q smp q ele quisesse Era só me achar ali
Dps disse a gente se encontrou mais 3 vezes onde fui na casa dele e acabei dando por 100 o q tbm aconteceu no dia na piscina
Dps daquele dia fui lá mais umas 10 vezes e até o Biel de 16 anos q é envolvido com bandido e tem namorada tbm há deu o cu por dinheiro pelo menos 3 vezes
E se vc tiver afim de ganhar um dinheiro assim e só me falar e a gente vai lá igual fui ontem
Só saber manter segredo

Ele disse isso me mostrou o dinheiro e tbm disse q pra ter certeza que eu conseguiria fazer as coisa
A gente teria q fazer o teste pra ver se eu ia passar
Aí meu amigo me mostrou outra nota de 100 e disse q o cara rico disse q aquela nota era pra mim
Mas pra isso eu teria q fazer de tudo com meu amigo ali na minha casa
Pra eu estar preparado pra caso quisesse ir ganhar mais com o dono na mansão

Contínua…

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,20 de 51 votos)

Por # # #
Comente e avalie para incentivar o autor

6 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Dennis ID:on93i0o8ra

    Caramba cara que conto massa. Cmg já aconteceu coisa assim nessa mesma região quando eu fiz amizade com um mlk de 12 anos
    Conheci ele no McDonald’s da Av Giovanni Gronch e no mesmo dia eu levei ele pra dormir em casa .
    O ele era de paraisopolis e eu na época morava em sto amaro. A gente começou a se encontrar bastante de tal maneira q acabei indo conhecer a bêbada da mãe dele q era uma relaxada e nem ligava muito pro menino.
    Com o tempo ele ja andava bem arrumadinho com as roupas q eu dei
    No réveillon de 2017/18 eu levei ele e mais 2 amigos dele pra passar a virado em um apartamento do meu avô em praia grande e lá eu comi os 3 e tbm fiz um comer o outro, foi 5 dias de putaria com uma ótima surpresa na última noite. Os meninos fizeram amizade jogando bola com 2 primos lá da praia. Esse 2 primos resolveu passar a noite com a gente no AP e aí os primos ficou sabendo das nossas brincadeiras e resolveram participar e aí virou surpresa.
    Tem muitos meninos mundo a fora afim de coisas assim e a família nem liga muito.
    E só ter paciência e achar a pessoa certa.
    Hj a mãe dele se juntou com um bêbado zuado e o mlk mora cmg.

  • Responder Tio Nando ID:25i6v1oissq

    Eu sempre via os mlk no sinal em SP, quando morava lá. Olhava, achava um mais lindo que o outro. Nunca imaginei que rolava isso, porque os via como heteros espertos para cair em conversas. O que me espantou no conto, foi não apenas saber que rola, mas também que o dinheiro era tão pouco rsrsrs. Eu pagava uma grana mais alta para um adolescente entregar seu corpo para minhas taras kkkk

  • Responder Luiz ID:3v6otnnr6ic

    Moleque besta melhor ganhar dinheiro dando o cu do que se envolver no trafego e morrer

  • Responder Herodes ID:w73hdtzm

    Quando eu tinha 10 anos me aconteceu parecido, um amigo de 12 vivia pedindo pra me comer, eu negava e ele continuava insistindo, dizendo que ia ser bom e eu ia adorar, só não podia contar pra ninguém, era segredo. Eu já andava até sonhando com isso e começava a querer dar pra ele, daí um dia ele veio me atentar de novo e não sei por que lhe perguntei “como vou saber se só dói um pouquinho mesmo” e ele começou a citar os nomes de vários garotos que eu conhecia e falou pra perguntar pra eles. Ficou nisso, eu podia ser criança mas não era burro, meu pai vivia dizendo “se fala dos outros pra mim vai acabar falando de mim pra os outros”, referindo-se a gente fofoqueira, que ele chamava de “leva e traz”. Tive que esperar até aparecer alguém em quem eu pudesse confiar, pois se o “velho” descobrisse me demolia a pau.

    • Lucas ID:1e8ffks1s2w5

      Eu conheci um mlk bem novinho na Av Jorge João Saad x Francisco Morato. No Morumbi. Ele era lindo. Branquinho, sem pelinhos no saco. Pintinho durinho média uns 7 centímetros.
      Nos primeiros dias ficamos apenas nos chupando. Aos poucos ele foi se entregando.
      Namoramos quase 2 meses assim.
      Eu pegava a BR-116 e andava até depois de Itapecerica. Parava numas estradinhas de terra.
      Ficávamos pelados namorando.
      Um dia consegui penetrar a cabeça do meu pau.
      Ele reclamou de dor, mas aguentou até em gozar. Nem bombei. Apenas fiquei parado sentindo seu cuzinho apertando meu pau.
      Dias depois criei coragem e fomos para um motel em Embu das Artes. Ele entrou escondido no porta malas.
      Transamos gostoso.
      O mlk viciou em namorar comigo.
      Um dia eu peguei ele em um sábado cedinho.
      Fomos para a praia. Passamos o dia e voltamos.
      Não era só sexo. Era amor também.
      Ele convenceu a mãe a deixá-lo viajar comigo.
      Ela liberou. Todos os finais de semana ficávamos juntos.
      Até que ele foi crescendo. Os pêlos começaram a aparecer. Logo estava gozando.
      Um dia conheceu uma menina e quis terminar comigo. Eu entendi de boa.
      Também não gosto de gozo.
      Quando começa a ejacular, perco o interesse

  • Responder Pdr ID:sd6stpxhk5i

    Bom dms