# # #

Chifrando muito meu maridinho com um coroa muito roludo

1005 palavras | 10 |4.39
Por

Me chamo Isabelle, 24 anos, conhecida como Belinha, sou casada, meu marido tem 27.
Sou branquinha de cabelo liso tom de mel, olhos verdes, sou magrinha, peitinhos pequenos e bicudos, bundinha empinadinha, tem gente que diz que pareço uma garotinha de doze ou treze anos por causa da minha aparência.
Desde cedo sou muito viciada em rola, perdi minha virgindade com 11 anos no celeiro do sítio do meu avô com um filho de um funcionário, ele tinha 16 anos, quase todos os fins de semana eu dava pra ele no celeiro, isso rolou por uns três a quatro anos, depois ele e o pai foram embora pra outra cidade e nunca mais o vi.
Desde então eu venho sendo uma devoradora de rolas, metia com vários machos e minha família sempre achou que sou santinha.
Até que me apaixonei e casei com meu maridinho lindo.
Tudo ia muito bem na minha vida, a gente trepava todos os dias, e eu tava satisfeita e feliz. Até que veio uma proposta de trabalho que meu marido não pode recusar, pois o salário é o triplo que ele ganhava, só que pra isso precisa ficar 15 dias fora de casa, e isso mexeu comigo.
Nossa vida mudou pra melhor, carro novo na garagem, casa em condomínio legal e tal, mas a falta de rola tava me matando.
No início era muita masturbação, usei pepino, abobrinha, cabo da escova, chuveirinho e gozava gostoso mesmo, mas minha xaninha queria rola de verdade.
Tem um vizinho aqui do lado que tem cinquenta e poucos anos, bonitão ainda e charmoso, é divorciado e mora numa casa linda com piscina, vive desfilando de sunga no gramado, não dava pra deixar de reparar no volume enorme, ele é tipo metido a garotão, cafageste mesmo, me comia com os olhos e nem disfarçava, sempre soltava uma piadinha quando me via, eu não me importava e achava até divertido e nunca me queixei com meu marido.
Teve um dia que eu tava subindo pelas paredes de tanta vontade de trepar, faltavam 9 dias pro meu maridinho voltar, tava calor, era um sábado, meu vizinho tava bebendo cerveja na piscina com uma sunga branca que deixava o volume da rola mais evidente, sentia minha xaninha piscar, eu tava na sacada e joguei uma letrinha do tipo “Que vida boa einh vizinho, sabadão, piscina e cerveja gelada”, ele sorriu e me olhou com cara de safado, e falou: Porque você não desce aqui e aproveita comigo ? Tem bastante cerveja, vem vizinha, me faz companhia.
Dei uma de doida e aceitei a proposta, coloquei um biquíni fio dental e desci pra piscina do coroa.
Ele me deu uma cerveja e ficamos batendo papo, ele me comia com os olhos, dava pra ver através da lente dos óculos, bom de papo e divertido ele foi me deixando a vontade, me contou sua vida inteira praticamente, com o efeito da cerveja eu fui me soltando e ficando mais atrevida, pedi pra ele passar protetor no meu corpo, ele aceitou de imediato e suas mãos firmes de macho experiente começaram deslizar sobre mim, foi uma verdadeira massagem pelo meu corpo, minha xaninha já tava molhadinha de tesão e a visão daquela rola dentro da sunga ali pertinho me deixava mais tarada.
Tomei coragem e perguntei se ele sabia guardar segredo, ele com maior cara de safado falou que sim, então falei na cara dura: Essa massagem tá me deixando louquinha de vontade de fazer uma loucura gostosa, se você prometer guardar segredo a gente podia entrar um pouquinho e você podia me mostrar sua casa, o que você acha ?
Mal falei e ele já foi me conduzindo pra dentro, já foi me agarrando e arrancando meu biquíni, me beijou na boca um beijo demorado e passando a mão na minha bunda, beijou meu pescoço e chupou meus peitinhos, meu corpo todo tremia, abaixei a sunga dele e saltou uma rola enorme cheia de veias e cabeçuda, muito dura, latejando, caí de boca e mamei naquela rola linda desesperada e faminta. Ele me jogou por cima dele e fizemos um 69 delicioso, ele literalmente fodeu meu cuzinho e xaninha com a língua e gozei na boca dele.
Fiquei de quatro e pedi pra ele socar a rola e apagar meu fogo, ele pincelou o cabeção e meteu sem dó me segurando pelo quadril, eu gemia, gritava e rebolava na rola, ele puxava meus cabelos e dava tapinhas na minha bunda, eu gozava na rola dele, ele me chamava de putinha, cadelinha gostosa e socava sem parar, dizia que meu maridinho era corno e eu era a putinha dele, eu ali fodendo feito uma puta no cio, se acando na rola.
Sentei em cima e quiquei muito naquele pau enorme e grosso, rebolei, soquei feito uma vagabunda, ele me xingava e apertava devagarinho meus peitinhos, nem sei quantas vezes eu gozei naquela rola montando.
Depois ele me botou de pernas arreganhadas por cima dos ombros dele e me enterrou até as bolas, ele metia sem parar, eu já tinha perdido até as forças, sentia as vezes que ia desmaiar de tanto gozar, finalmente ele gozou, despejou um litro de porra dentro da minha xaninha, foi tanta que escorreu de pernas abaixo.
Fomos pro chuveiro e ficamos nos beijando e se esfregando por um tempo. Voltamos pra piscina e bebemos o resto das cervejas e almoçamos.
Passei a noite inteira com ele, e fodemos muito em todas as posições, eu nem sabia que podia gozar tanto como gozei.
Desse dia em diante fiquei viciada na rola do meu vizinho coroa gostoso. Virei a putinha dele, e ele virou meu macho comedor.
Agora vivo torcendo pro meu maridinho viajar logo e os 15 dias demorarem muinto pra passar, são 15 dias de prazer extremo com meu coroa safado, meu macho fodedor da rola deliciosa.
Beijo a todos que leram.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,39 de 31 votos)

Por # # #
Comente e avalie para incentivar o autor

10 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder jurandir ID:1esvbmv3lc7r

    como seria bom a mh mulher ter um vizinho deste pra socar ela seria bom de mais

  • Responder Filho ID:1etu74yfcc3p

    Piranha

  • Responder Fabio ID:1cwbgjlqvgkl

    Tenho 52 anos moro sozinho como minha vizinha a Claudia casada quase todos os dia ela vem na minha casa tesão de mulher seu conto é quase a minha história com a Vizinha

    • Jorge ID:beml3mpxib

      Olá, boa tarde amigo, tudo bem contigo? Bom, lendo este seu comentário, também posso falar o mesmo. Por incrivel que pareça, também tenho 52 anos, moro sozinho, aposentado e, como minha vizinha casada quase todos os dias e ela vem em minha casa quando ela quer meter comigo, e quando o marido dela viaja (trabalha em outro Estado) e só vem a casa deles a cada 60 dias, ela vem em minha casa pala manhã e a noite, uma baixinha fora de série, bocetuda, lisinha, morde o pau com a xana e deixa a gente louquinho cara.

  • Responder Esposo orgulhoso ID:1edv41uiyu16

    Minha esposa e seu estilo uma verdadeira puta na cama anda com buceta latejando, arrumou um macho desde agosto de 2023 vai fazer um ano agosto 2024 ele come ela de todo jeito. Ela me contou q antes desse já era doida p trepar com ex namorado þouxe o ex p nossa casa logo no início do casamento depois pegou outro. Eu falei então vc trepava com outros desde início do casamento então vc é puta mesmo. Liberei ela hoje ela trepa com um cara fixo, sente desejos de trepar cara do uber e outro colega dela e ela já me falou quero o do uber só porquê ele me falou q trepou com 3 mulheres uma de manhã, uma a tarde e outra a noite aí ela falou vou pegar o do uber quero ver se ele é bom de cama vou trepar o dia todo. Ela já falou p ele vou clicar e rebolar bem gostoso e mamar seus ovos e seu pau. Também me pediu p dormir no motel com ele. Falei p ela se vc aguentar pica vai.

    • Aninha ID:1dfpcg9hb8jf

      Adorei seu conto muito excitante gozei tocando uma siririca gostosa

    • Fern Coroa ID:1dmznbp1el6d

      Tenho 57 anos e tenho meu vizinho no mesmo patamar que é meio tolinho, mas tem uma namorada linda, ruiva, branquinha, cerca de 27 anos, ela é muito simpática e sedutora, um dia nos cruzamos no elevador e ela me encarou muito tempo eu não resisti e elogiei muito sua beleza. Ela parece que gostou pois desde então ela sempre fica me olhando e sorrindo mesmo na presença dele. Um dia ele não estava em casa e ela veio me perguntar se podia dispensar café que tinha acabado então eu convidei para entrar e fomos na cozinha ela pediu para ver a casa para comparar com a do namorado, quando chegamos no quarto eu não resisti peguei ela beijei aquela bica grande e linda ela retribuiu e fui acariciando ela tirando a roupa dela ficou peladinha linda com aqueles pezinhos ruivos sentei ela na cama e ajoelhei e chupei aquela buceta deliciosa e fiz ela gozar na minha boca depois tirei a roupa e me deitei por cima dela me ajeitei e meti nela bem gostoso e fofo ela muito até ficarmos os dois muito suados. Agora sempre que precisa e o namorado não está ela vem a minha casa se consular com o coroa gostoso como ela fala.

    • Wal ID:1ddn9sw67ur6

      Aninha vc e de onde?

  • Responder Rnikit ID:w71g9chm

    Muito bom,eu sou corno de um coroa a mais de 10 anos, e realmente os mais velhos sabem fuder uma mulher novinha e casada,e posso lhi dizer que é muito bom ser corno manso de coroas

  • Responder Jorginho zangi 1075553328 ID:1dgxi4bf4gld

    Vizinho sortido, queria uma vizinha assim gostosa safada e putinha pra comer todo dia, minha rola ficou muito dura e molhadinha aqui.