# #

As novinhas do colégio – parte 12

2269 palavras | 3 |3.67
Por

Estava trabalhando em alguns processos da empresa, quando recebo uma mensagem da Thaís.

Thais: Estou triste!! Você me esqueceu!! To sentindo sua falta meu gato!!
Eu: Oh Thais, me desculpa, está muito corrido ultimamente.
Thais: Está nada!! Você veio aqui em cada transar com minha mãe que eu sei!! Eu quero também!!
Eu: Então eu vou ai!!

Combinamos o dia e lá eu fui.

Mandei mensagem avisando que estava indo e ao chegar me deparo com a Thais com um micro short e uma blusinha sem sutiã. Assim que entro na área da sua casa ela já me agarra com um beijo e diz.

Thais: Que saudade eu tava de você!! Meu gostoso.
Eu: Eu estava com saudade também
Thais: Estava nada!! Quero que prove que estava me comendo gostoso…

Assim que entramos na casa dela encontro a Larissa deitada no sofá de short e uma camiseta normal, e assim que ela me ve ela diz.

Lari: Humm, veio ver a Thais!! Ela estava com saudade já.
Thais: Mãe, você não ia fazer compra? Olhando para a mãe com o olha de “Sai daqui logo”
Lari: Verdade!! Estou indo… e deu um leve sorriso e levantou do sofá, ao chegar na porta ela disse.
Lari: E Vi, fode ela bem gostoso, ela merece!!
Thais: Mãaaae!!
Lari: Eu sei que é isso que vão fazer, não nasci ontem….
Eu: Pode deixar, vou deixar ela cheia…

Assim que ela saiu mal eu pisquei a Thais já estava pelada, e veio pra cima de mim me beijando intensamente enquanto tirava minha roupa.

Thais: Que saudade eu tava de você!! Ela sabe a filha que tem, eu quero que me foda muito…
Eu: Vou te foder bem gostoso…. e fomos para o quarto dela, mal entramos ela me empurra para cama e já vai montando em cima de mim, me beija e começa a me beijar pelo corpo até chegar no meu pau.

Thais: Vou te deixar louco….e já agarrou meu pau punhetando um pouco e já começou a chupar forte, ela chupava com tanta vontade, lambia, até chegou a engolir ele quase todo, eu gemendo de prazer e tesão, meu corpo tremia a cada engolida.
Eu: Isso minha gostosa…me chupa assim!!

Ela me chupou por uns bons minutos, até parar, olhar para mim e dizer.
Thais: Agora é sua vez de me chupar gostoso…. eu achando que ela iria deitar na cama, não mesmo!! Ela começou a subir por cima de mim até chegar com a buceta no meu rosto, então sentou em cima da minha boca…

Comecei a chupar sua buceta inteira e ela se contorcia de prazer e eu podia ouvir seus gemidos
Thais: Aiii meu gostoso, chupa mais!! Que delícia sua língua…. eu afundava a língua dentro da buceta dela e sentia seu mel escorrer e eu chupava todo ele.
Depois de alguns minutos com ela sentada em cima de mim se contorcendo de prazer ela levanta e me puxa junto da cama.
Eu: Hum, o que minha gatinha quer?
Então ela colocou uma perna aberta em cima da cadeira que tinha no quarto dela deu uma inclinada em seu corpo, apoiando em uma mesinha, tipo de escritório, deu uma empinada na bunda e disse.
Thais: Come minha bucetinha!! Come…

Me ajeitei por trás dela e dei umas pinceladas na buceta dela que estava encharcada de tesão até que encaixei na entrada da buceta e fui enfiando devagar, a cada centímetro que entrava ela ia gemendo e dizendo.
Thais: Aiii que pau gostoso…me fode com força… Assim que entrou todo comecei a bombar forte, mas não muito rápido, ela gemia alto de prazer e seu corpo tremia a cada bombada.
Eu: Que saudade dessa bucetinha apertadinha….
Thais: Come que é sua…
Eu socava intensamente e ela gemia cada vez mais…
Thais: Mais rápido!! Gostoso!!
Aumentei o ritmo das bombadas socando até o fundo. Estava louco de tesão, aquela buceta é bem apertadinha.

Depois de alguns minutos eu puxo ela para trás e digo em seu ouvido.
Eu: Fica de quatro… e ela responde.
Thais: Quero de ladinho…
Eu: Então vem….

Ela deita de lado na cama e eu agarro sua perna e dou uma leve levantada, dou umas pinceladas na entrada da buceta e ela diz.
Thais: Enfia logo…
Eu afundo o pau e já começo a estocar forte e rápido, então abaixo sua perna deixando a buceta ainda mais apertadinha, ela geme como uma louca e eu soco forte, agarrado em sua cintura.

Depois de alguns minutos metendo nessa posição eu sinto que vou gozar e digo.
Eu: Vou gozar minha gostosa… ela gemendo responde
Thais: Vem por cima!! Quero te ver gozar…

Se ajeitamos na cama e já vou afundando o pau nela, ela desce a mão até seu grelo e começa a se masturbar junto com minhas estocadas, ela geme alto e sinto seu corpo começar a tremer.
Thais: Estou perto gostoso!! Goza em mim goza!!
Aumento o ritmo das bombadas e meu corpo começa a tremer inteiro sinto meu pau começar a pulsar e gemendo eu digo.
Eu: To gozando!! Então jatos e jatos de porra enchem aquela buceta apertadinha, enquanto ela me vê gemer e tremer de prazer ela gemendo diz.
Thais: Goza!! Assim não para!!! Eu vou gozaaaar!! Seu corpo estremece de prazer e sinto sua buceta se contrair e relaxar algumas vezes em um orgasmo forte e intenso, ela agarra nas minhas costas e me puxa pra baixo.

Deitamos abraçados na cama e ela me diz.
Thais: Estou fazendo igual minha mãe
Eu: o que?
Thais: Não tomo mais remédio, ela disse que faz diferença, e hoje senti mesmo, gozei muito forte!!
Eu: Não tem medo de engravidar?
Thais: Não muito.

Trocamos mais alguns beijos e fui embora.

Uns dois dias depois estava no trabalho e recebo uma mensagem da Júlia, a irmã da Heloísa.

Ju: Oi Vi, lembra de mim? Eu sou a Júlia a irmã da Heloisa.
Eu: Claro que eu lembro minha gatinha. Tudo bem com você?
Ju: Tudo bem sim!! Então, queria te ver, estou com saudade do que fizemos, foi muito gostoso!!
Eu: Quer que eu vou ai agora?
Ju: Pode ser, estou sozinha aqui em casa, você sabe onde é?
Eu: Sei sim Ju, estou indo.
Ju: Eba!!

Chegando na casa dela, ela estava de shortinho e uma blusinha comum, assim que entrei ela me abraçou e disse.
Ju: Estava com saudade de você!!… então começamos a se beijar e eu sento no sofá e ela senta no meu colo de frente para mim, ela começa a tirar a blusinha e depois o sutiã saltando para fora seus peitos pontudos e com o bico já duro de tesão, eu desço até seus peitos e começo a chupar os biquinhos e ela começa a gemer de prazer, foi então que gemendo ela me disse.
Ju: Vamos no meu quarto…
Assim que entramos no quarto dela ela tirou o shortinho que estava ficando toda pelada e veio para cima de mim tirando minha roupa também, assim que eu estava pelado ela disse.
Ju: Senta na cama… eu sentei e reclinei meu corpo para trás, deixando meu pau, que já estava duro como pedra, bem na frente dela, e ela já foi logo agarrando e começando a chupar, ela chupava com muita vontade…
Eu: Isso minha gatinha, chupa assim vai….
Então ela começou a punhetar e sorriu para mim, e puxando a pele da cabeça para baixo ela começou a chupar e lamber só a cabeça, me deixando maluco de tesão.

Depois de alguns minutos me chupando, e chupando gostoso!! Eu só pensava em foder aquela buceta forte, foi quando ela me disse.
Ju: Quero que chupa minha buceta… ela deitou na cama e abriu bem as pernas, deixando aberta aquela buceta gordinha e já toda molhada de tesão, já fui logo dedilhando seu grelo e enfiando a língua dentro da buceta.
Ju: Aiiii que delícia isso!!! Não para!! Chupa assim!! Em meio aos gemidos dela sentia sua buceta escorrendo de tanto tesão, ela gemia alto e se contorcia toda a cada enfiada de língua.

Depois de alguns minutos chupando, lambendo sua buceta e dedilhando seu grelinho levanto e começo a passar meu pau na entrada da sua buceta e ela diz.
Ju: Quero que foda minha buceta igual a outra vez!! Quero sentir seu pau mexendo dentro de mim!!
Eu: Com prazer minha gatinha.

Começo a enfiar meu pau devagar, ela geme a cada centímetro que entra, até que finalmente entra inteiro, ela está muito molhada, entrou bem fácil. Começo a bombar num ritmo mais suave, só que o mais fundo que conseguia, ela gemia forte e sua respiração ofegava a cada estocada. Depois de algumas metidas ela diz.
Ju: Mete mais forte!!…. Eu aumento o ritmo das bombadas, e ela geme ainda mais e mais alto, a cada bombada sinto escorrer o líquido da sua buceta, ela estava encharcada de tesão.

Depois de alguns minutos socando forte e ela gemendo alto, eu pergunto a ela.
Eu: Quer vir por cima de mim?
Ju: Quero!! Mas como faço?
Eu: Eu te mostro.

Eu deitei na cama e ela subiu por cima de mim, encaixando a buceta bem em cima do meu pau, então pedi para ela levantar um pouco e com a mão segurei meu pau e encaixei na entrada da buceta e comecei a passar meu pau na entrada da sua buceta e ela gemendo disse.
Ju: Assim tá gostoso!!… Então com a outra mão agarrei em sua bunda grande que estava bem empinada e então disse.
Eu: E assim? É mais gostoso?…. Nesse momento puxei ela para baixo fazendo meu pau entrar inteiro dentro dela, ela gemeu alto e disse.
Ju: Assim é mais gostoso ainda!! Mas como eu faço agora?
Eu: Sabe dançar funk? Sabe rebolar?
Ju: Sei sim!!
Eu: Então rebola gostoso!!…. Assim que ela começou a rebolar começou a gemer alto e forte, e a cada rebolada eu sentia o líquido da sua buceta escorrer em mim e sentia também meu pau bater no fundo da sua buceta, ela gemendo muito disse.
Ju: Tá gostoso…. Aiiii que delíciaaaa!!…. E começou a rebolar ainda mais forte, ela gemia muito e seu corpo todo tremia a cada rebolada e ela rebolava muito gostoso, mesmo sem experiência, era um tesão do caralho.

Depois de alguns minutos com ela rebolando gostoso eu digo.
Eu: Vamos de quatro… e ela gemendo muito responde.
Ju: Nãaaoo…quero assim… disse isso gemendo muito, então agarrei ainda mais forte em sua bunda e dei uma leve levantada afundando ainda mais meu pau dentro dela e aumentando o ritmo das reboladas.

Ela gemia, seu corpo tremia inteiro de prazer, então senti meu corpo todo tremer e sabia que iria gozar.
Eu: Vou gozar gatinha… ela gemendo me respondeu
Ju: Vou gozaaaar também….

Mais algumas reboladas e sinto meu pau pulsando e assim que o primeiro jato de porra começa encher a buceta dela, sinto sua buceta se contrair inteira e sinto ela esguichar em mim muito líquido, e quando o segundo jato de porra enche mais o fundo, a buceta dela se relaxa e volta a contrair e enquanto eu continuava gozando muito ela se contorcia de prazer, jogando seu corpo para frente, ela gemendo e tremendo de prazer grita.
Ju: To sentindo!! Seu pau tá mexendo dentro de mim!!!

Gozamos ao mesmo tempo, e com meu pau ainda encaixado dentro dela ela se deita sobre meu peito e me beija.

Ju: Foi muito forte!! Que foi aquilo!! Eu senti minha barriga se mexendo muito e senti seu pau mexendo dentro de mim outra vez!!
Eu: Você teve um orgasmo muito intenso minha gatinha, e enquanto sua buceta se contraia toda eu enchia você de goza!!
Ju: Eu amei, quero mais!!
Eu: Sempre que quiser minha linda.

Se arrumamos e assim que chegamos na sala ela me abraça e beija e enquanto se beijávamos a Heloísa chegou da escola e ao ver nós dois suados e a irmã descabelada ela olha para nós dois abraçados e diz.

Helo: Vocês transaram né… a Júlia mesmo nervosa disse.
Ju: Eu chamei ele aqui, estava com saudade e a gente transou
Helo: Você gozou dentro dela né?
Eu: Gozei e saiu muito e ela teve um orgasmo muito forte também.
Helo: Vocês são dois doidos, e se ela gozou forte assim é porque deve estar no período fértil!! Eu vou comprar o remédio para ela.
Ju: Que remédio?
Eu: Para você não engravidar de mim.
Helo: Isso mesmo!! Agora você, fica avisado que vai ter que transar comigo muito mais, porque eu também quero.

Dei mais alguns beijos na Júlia e fui embora. Passou uma semana e a Helo me manda mensagem dizendo.
Helo: Você continua sortudo, eu dei o remédio para ela e não deu certo, ela vomitou ele, mas hoje cedo desceu para ela!!
Eu: Ainda bem mesmo!!

Continua

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,67 de 3 votos)

Por # #
Comente e avalie para incentivar o autor

3 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Anderson ID:muirj5nhk

    Sem graça

  • Responder Anonimo da Galera ID:1d3jngalqys1

    Muito fantasioso

  • Responder Marcelo ID:on97uyfzrj

    Repetitivo