# #

Coroa virgem, minha primeira vez

725 palavras | 5 |4.25
Por

O dia que perdi minha virgindade com um travesti hiperdotado.

Tenho 70 anos e ja faz muito tempo que fiquei brocha, por mais que eu tentasse o pau não queria mais levantar.
Eu então resolvi que irir virar o disco, mais dar para quem?
Peguei meu carro e sai pela noite e passando por uma rua onde era ponto de travestis,
avistei uma mulata alta de corpo perfeito e linda de rosto e peensei comigo, é com esta que eu vou. Parei pergguntei o preço e se tinha local e ela disse que atendia em moteis ou drive.
Ela entrou no carro e fomos a um motel que havia proximo dali.
La chegando, tiramos a roupa e neste momento pensei en desistir quando vi o tamanho
daquela pica, era monstro, tinha uns 25 cms. de comprimento por uns 12 cms de grossura.
gr ossuraosu
Aquilo era enorme parecia um tubo de veneno de matar pernilongo, grande e grosso.
Eu ja havia falado com ela que eu queria fazer ums experiencia mais eu não perguntei
a ela o tamanho do dote.Percebendo a minha exitaçao e o medo que eu estava sentindo
ella me tranquilisou dizendo para eu relaxar pois ela tinha muita experi~encia e que não iria
me machucar.Mesmo com todo o medo que eu sentia, peguei aquela jeba nas mãos e
comecei a punhetar com as duas mãos devido ao tamanho exgerado daquilo.
Ela mandou que eu ficasse de quatro e pegou o ky e lambusou o meu rabo e o seu pau.
Encostou a cabeça da pica bem no meu cù e pude sentir algo parecido com uma maçã
empurrando minhas pregas para dentro. A caabeça passou e pude sentir o meu cu se abrindo
como uma couve flor.Fiquuei meio que extactico para não gritar, aquela pica descomunal parecia que ia me dividir ao meio. ela pediu me calma e bem devagarinho foi enfiando aquilo tudo em meu cu que até então era completa,mente virgem. trinquei os deentes, pois minha vontade era de gritar me desvencilhar e sair dali correndo, mais tudo foi em vão, ela era muito forte e me segurarava e ia enterraando aquela jeba, ceentimetro por centimetro dentro do meu rabo. Em deeterminado momomento pensei que havia entrado tudo, passei a mão por baixo e percebi que havia entrado somente a metade ou seja uns 12 cms. Pedi pra ela parar mais ela não me ouviu. e me disse: Voce não queria pica, toma pica, vai ter que aguentar tudo.Implorei, choerei, mais ela estava irredutivel, continuava enterrando devagar e compassivamente aqquela benga no meu rabo. Aquela altura eu já não sentia mais dor, meu cu estava arreganhado e eu eu me sentia como egua debaixo de seu garanhão. Relaxei e ela deu uma estocada mais forte batendo com suas bolas na minha bunda. Neste momento eu ppercebi o quanto macho eu sou, aguentando uma pica daquele tamanho. Confesso que isto não é quaalqquer viado que aguenta, muito menos eu que até aquele momento era completaamente virgem, nunca havia nem brincado com outro homem. Relaxei e ela começou a socar lentaameente e foi aumentando o ritimo, tirando até a metade e colocando tudo novameente. Me entreguei totalmente, abri bem as pernas e decidi que deveria relaxar e gozar e gozei 3 vezes sem mesmo colocar a mão no meu pau.Sabia que estava sendo arrombado, que o meu cu nunca mais seria o mesmo, mesmo assim me entreguei e rebolei naquela pica imensa e dei pra ele matando aquela vontade que eu havia guardado por tanto tempo.Só então ela gozou dando tapas na minha bunda e me chamando de puta arrombada, vagabunda fudida e dizendo que ia encher o meu cu de porra e encheu de verdade.Quando ela tirou a pica pra fora, pude sentir uma cachoeira de porra a escorrer pelas minas pernas. Foi muito dolorido mais foi maravilhoso, nunca pensei que eu pudesse aguentar 25 cms de pica grande e grossa daquele jeito. Hoje continuo dando pra ela, mesmo porque fiquei arrobado e nunca mais encontrei outro pau daquele tamanho. Agora ficou bem mais fácil, já não sofro tanto como da primeira vez.Hoje me sinto capaz de enfrentar algo até maior e se tiver alguem que tenha algo maior que este entre em contato comigo

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,25 de 12 votos)

Por # #
Comente e avalie para incentivar o autor

5 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Maduro casado ID:bemlpa6yv2

    Sou casado com mulher mas com homem gosto de ser o viado na relação sexual.
    Tenho 72 anos de idade e faz mais de ano que sou VIADO fixo de um negão pauzudo gostoso que tbm é casado com mulher.
    Da o CU é um prazer INDESCRITÍVEL, mesmo fazendo mais de ano que ele me come mesmo assim eu ainda sinto muita dor no CU viu.
    Quero fazer amizades com você, adoro fazer amizades com passivos maduros.
    Quer ter meu zap mando meu e-mail pra você
    [email protected]

    • Kaka ID:1ejgrnjd274u

      Olá. …gostei muito….sou passivo branco 50tao discreto…

    • Beto ID:h5hqyy6ib

      Oi tenho 60 anos casado a 44 faz uns 35 anos que não pego num belo cacete sinto muita vontade podíamos juntar está tara por pintos e nos satisfazer ois dois adoro chupar um pinto quase não lembro do gosto adoro chupar um cuzinho muito lamber tudo me depilo no pau e no cu quer conversar comigo meu lindo

  • Responder Anônimo ID:1e5htn0hcckj

    Nada como uma picona e tudo amo

  • Responder Osvaldinho ID:1e8gb6n6lbn6

    Gostei queria uma pica dessa no meu cuzinho