#

Minha primeira vez nua em público. Que medo

403 palavras | 13 |4.58
Por

O conto fala sobre minha primeira vez nua em público, no tempo do fundamental.

Meu nome é Marina. Hoje, tenho 25 anos, 1,60 alt, 55 kg, pele branca, cabelos castanhos. Seios e bumbum médios.
O meu relato se passa quando estava no fundamental 2.
Apesar de nova, já tinha minhas fantasias. Uma delas era me tocar em lugares públicos.
Estávamos sendo liberados da aula, por causa da greve de ônibus. Não tinham professores e alunos suficientes para valer a penas a aula.
Fui uma das ultimas a sair. Em vez de ir para a saída, fui para o fundo do colégio que dava em um parque. Tinha um buraco que dava para uma area verde, bem escondida. Como era bem pequeno, dificilmente algum dos professores ou funcionários iria passar por lá.
Pensei que era uma ótima oportunidade para realizar minha fantasia. Afinal estava com roupa de educação física, o que me facilitaria.
Atravessei e fui indo para dentro do mato.
Andei uns três minutos para dentro, ficando em um lugar que não dava de cara para o buraco.
Lá coloquei minha mochila no galho de uma arvore e fui tirando toda minha roupa.
Era a primeira vez que ficava nua em um lugar proibido. O gelo que vinha pela minha coluna, cada vez que ouvia um barulho.
Mais de uma vez pensei em me vestir e sair dali.
Mas conforme o tempo foi passando, consegui controlar melhor a ansiedade, fui andando para a direção de um dos muros. Fiquei atrás de uma arvore, olhando o movimento da rua. Dava medo, mas também tesão.
Tinha um barzinho na frente. Lá vi uns homens bebendo.
Fiquei me testando, tentando olhar para eles sem ser vista.
O estranho era que aquela ansiedade de ser vista, me deu um tesão.
Eu me tocava, olhando escondida para eles.
Era tão gostoso, nossa, gozar naquele lugar, vendo os rostos e torcendo (+ ou -) para não ser vista.
Gozei muito forte, que meu som quase me denunciou.
Fui com as pernas bambas de volta onde deixei a mochila.
Me vesti e fui saindo do colégio.
Eu aproveitei e passei no bar, para comprar um refrigerante. Aproveitei para cumprimentar os moços.
Eles não deveriam imaginar o que tinha acontecido e eu não sabia dizer porque estava fazendo isso.
Mas isso foi o que criou o meu vicio que tenho há mais de 10 anos.

View post on imgur.com

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,58 de 19 votos)

Por #
Comente e avalie para incentivar o autor

13 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Ann ID:1cuhm0xhvfz6

    Dps é estuprada e reclama ne

  • Responder Evelyn ID:2ql43bkv2

    Já fiz isso dentro do colégio mesmo

  • Responder junior ID:1ee83210el52

    boa tarde, seus contos são ótimos, fico a espera de suas publicações…

    • Marina exibida ID:81rcya6s8j

      Obrigada Junior. Espero logo pode lançar outro.
      bjs

  • Responder Mister Safado ID:y0slsngs35r

    Marina Exibida você colocou seu lado safada bem cedo hein!!!

    • Marina exibida ID:81rcya6s8j

      Realmente comecei essa vida bem cedo.

    • DjS ID:on90tu0hrc

      Oi Marina Exibida, será que a gente pode conversar, trocar uma idéia ?

  • Responder Marina exibida ID:g3ipwkdrq

    Quando puder, continuo meus relatos. bjs

    • Guilhe ID:8k438otbzm

      Ent em esse relato vc tunha uns 13 anos rs

  • Responder Anônima ID:81rxlerm9a

    Também praticamente nua nas pedras em tempo de escola,matava aula , ia para uma praia deserta onde tinha mais surfistas e menos banhistas.íamos atrás das pedras, ficava nua, levei muita rola do paquera e amigo e fui muito chupada por eles.

    Ai só de contar aqui deu tesão viu

    [email protected]

  • Responder Daniel ID:2pduuceyzk

    AMO esse tipo de coisa, sempre quis encontrar uma mulher para fazer isso com ela

    • Anônima ID:81rxlerm9a

      Estou aqui kkkkk

    • Mineiro ID:1ek15qnhj31i

      Anônima, onde moras?