# #

Eu motorista de uma escola de balé 1

439 palavras | 6 |2.65
Por

Eu sou alto, tenho 43 anos, acima do peso, olhos e cabelos pretos, um pau de 13 cm quando ereto e me chamo Matheus.
A primeira turma as meninas são baixinhas, tem 7 anos, peso na medida, cabelos e olhos pretos e uma bucetinha normal.
A segunda turma as meninas são baixinhas, tem 8 anos, peso na medida, cabelos loiros e olhos azuis e uma bucetinha como capô de fusca.

O conto começa quando me formei em Pedagogia, e não encontrando escola para trabalhar fui a uma escola de balé que a dona era minha amiga e pedi se ela conhecia uma escola que tivesse vaga de professor.

Ela fala:
Cecília: Meu amigo, olha escola não conheço mas se quiser pode trabalhar aqui como motorista o que me diz?
Matheus: Olha, já que não tenho emprego aceito.

Minha amiga me deu uma vã em que eu tinha que buscar e levar de volta meninas de 7 e 8 anos todas já com malha de balé que deixava suas bucetinhas marcadas na malha.

No primeiro dia fui a um prédio e peguei cinco meninas de sete anos e quando as vi estavam vestidas com a malha de balé marcando suas bucetinhas, logo depois fui a um outro prédio e peguei cinco meninas de oito anos e quando as vi estavam vestidas com a malha de balé sem marcar a bucetinha por elas terem a bucetinha como capô de fusca.

Na volta da escola as meninas vinham suadas das aulas, e então a malha ficava úmida na frente na região de suas bucetinhas parecendo que tinham mijado na malha.

Um mês depois, dona Cecília me pergunta:
Cecília: Matheus, o que achou do seu primeiro mês como motorista com s meninas de 7,8 anos?
Matheus: Olha Cecília, gostei muito deste mês mas porque algumas meninas vem com a malha deixando transparecer suas bucetinhas?
Cecília: As meninas que vêm assim já podem usar a malha sem calcinha, por isso as bucetinhas ficam marcadas.

Voltando ao transporte, num outro dia uma menina de oito anos fala que está com vontade de fazer xixi, e faltando 50 metros para chegar a escola dei a ela um pote de sorvete e falei:
Matheus: Pode mijar aí dentro, depois coloco fora.
Menina: Obrigado tio.

Ela sem ter outra solução, afastou a parte da frente da malha e fez xixi no pote e me devolveu ele cheio até a metade.

Na parte 2, contarei O QUE DONA CECÍLIA ME FALOU SE AGI CERTO E O DIA QUE CONSEGUI VER DE RELANCE A BUCETINHA DE 1 MENINA.

⏩ O melhor site de desenhos animados pornô do 🇧🇷, HQs eróticas🔥

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 2,65 de 23 votos)

Por # #
Comente e avalie para incentivar o autor

6 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Felipe ID:h5hmxp6ic

    Tu é péssimo, Piroca Gostosa, procure outro passatempo.

  • Responder Enrabo professor burro ID:19p3wwt0j

    Texto cheio de erros de português e tu é professor? Sei…

  • Responder Shumbaka ID:3ynzdhgdoic

    Tem uns cara que do nada tem que colocar xixi no conto… Isso deve ser trauma só pode

  • Responder Tarado por novinhas ID:g3iwbbiqm

    Fraco tomara que a continuação seja melhor

  • Responder Ingrid ID:bf9kspkt09

    Ah tá !
    Sei…rsrsrs

  • Responder ada ID:8ef2spjm9a

    Pelo jeito o cara voltou !!!!
    Desista ” Piroca Gostosa ” , você não tem jeito.