# # #

A Sobrinha orfã !

2380 palavras | 5 |4.67
Por

Thalia , uma garota linda , que uma tragédia na infância levou seus pais !

Thalia chegou pra nós aos 5 anos de idade ,
Uma menininha linda , amável , educada , porém traumatizada pela perca precoce dos Pais .
Sou Marcelo , 35 anos , casado com Victoria 29.
O irmão de Vitória faleceu com sua esposa em um acidente de carro na Br153 em Goiás em 2015, Thalia estava no carro ,masfelizmente ela sobreviveu, cabendo assim a minha esposa ficar com a guarda dela . Nesses anos de convivência muita coisa foi se alterando aos poucos .
Levamos Thalia por anos para acompanhamento psicológico, escolhemos os melhores ambientes para ela , como escola , ballet , natação, tudo pra ocupar sua mente e a fazer ter uma vida mais saudável possível. Não temos filhos ainda , então Thalia realmente preencheu esse lugar em nossa casa . Nós apegamos muito a ela e ela a nós .
Moramos em um AP em Goiânia , e em 2021 Victoria recebeu a tão sonhada vaga em um concurso realizado ainda em 2016 em uma cidade a 150 km de Goiânia , assim ela passaria 4 dias da semana fora de casa . Tenho uma distribuidora de peças automotivas , assim consigo encaixar bem meus horários para cuidar de Thalia , agora com seus 12 anos . As coisas começaram a mudar no final de 2021 , após 3 meses com Victoria alternando Goiânia e seu emprego no interior e eu tendo que organizar os jantares . Em uma noite estava na cozinha preparando tudo quando ouço Thalia as gargalhadas no seu quarto , fui ver o que acontecia , a porta estava apenas cerrada , a empurrei um pouco, e pra minha enorme surpresa havia uma garotinha de uns 13 anos com Thalia no quarto , elas estavam nuas , testando algumas peças de roupas de minha esposa . Fiquei estático , as duas ali se trocando , rindo como duas adolescentes despreocupadas com a vida . A amiga de Thalia era uma gordinha até que bonita , mas Thalia sim , era maravilhosa , já tinha reparado algumas vezes nesses anos como ela estava ficando bela , mas nessa hora fiquei realmente assutado com tanta beleza . Morena clarinha , seios crescendo pontiagudos , bumbum redondinho pequeno , cintura fininha , cabelos longos lisinhos, e quando ela se virou a sua xoxotinha veio a público para mim no espelho da parede ao lado , pouquíssimos pelos , um clitóris minúsculo, uma testinha inchada , a coisa mais linda que já vi .Nesses pouco mais de 30 segundos de pasma observação, pude memorizar cada pedacinho da flor que eu tinha em casa . E ao tentar sair dali sem ser percebido , deixei cair o pote de tempero que carregava comigo .
Thalia veio a porta pra ver o acontecido, e fiquei claro com muita vergonha . Mas sai dali com aquela visão do paraíso cravada em minha mente .
A amiga dela se foi , nem esperou o jantar , acho que ficou com vergonha tmb . Durante o jantar nos falamos muito pouco , mais tarde fui para a sala ver um filme , e a chamei para vemos juntos , quase com a certeza do não de sempre , pois ela preferia quase sempre ficar no Computador , mas pra minha imensa supresa , ela disse que sim , iria escovar os dentes e já viria .
Era umas 9 horas e ela sai do quarto, , com uma camisolinha de minha esposa , eu me assustei na hora , e comentei meio rude , está camisola é de sua Tia .
Thalia : Mas tio , essas roupas estavam no meu armário , ela colocou lá umas que ela diz nem usar mais , e eu gostei tanto , é tão boa pra dormir .
Apreciando aquela visão maravilhosa então concordei desde q ela não contasse a tia que estava usando a camisola , conheço minha esposa e ela ficaria bastante curiosa .
Então Thalia se sentou ao meu lado e apertei o Play pra tocar o filme .
Passado uns 10 minutos , Thalia interrompe o clima me perguntando se eu as vi no quarto mais cedo .
Eu : Sim meu anjo , eu vi sim , me perdoe , não sabia que estava acompanhada , e tão pouco que estavam despidas .
Então ela me surpreende com uma pergunta.
Thalia : O senhor achou ela bonita ?
Engoli seco , mas com o olhar fixo para Tv e sentindo ela me olhar de perfil , me virei de encontro a seus olhos e soltei uma resposta meio que fora dos meus princípios.

Eu: Olha minha flor , vcs ainda são crianças, são muitos bonitas ,mas fiquei encantado mesmo foi com sua beleza , como vc está se tornando uma menina linda .
Thalia : Nossa tio , sério , pois acho a Eduarda tão bonita , e eu sou tão magrinha .

Eu: Não meu anjo , vc é linda , perfeita , se fosse pra namorar uma de vcs , com certeza escolheria vc , agora vamos focar no filme .
Depois de uns 10 minutos, Thalia se encosta no meu ombro, e pega no sono . Em outra oportunidade a levaria para a cama normalmente, como feito em outras ocasiões, mas desta vez não , a camisola deixou a mostra um seio maravilhoso em crescimento, as perninhas meio que cruzadas pela posição não escondia por completo as curvas maravilhosas de minha doce menina . E não resistindo a tentação comecei a acariciar seus cabelos , bem de leve , fui correndo as mãos pelo seu corpo , uns 15 minutos nesta lenta sensação de fronteira entre o libertinagem e o o amor parental . Logo ela se aconchegou melhor , ficando quase de bruços , escondendo os seios , mas expondo sua bundinha , esperei uns 5 minutos , e logo comecei a correr a ponta dos dedos levemente sobre suas costas , chegando a suas pernas , passando por cima da bundinha redondinha e durinha , no vai e vem dos dedos acabei puxando aos poucos a camisola para cima um pouquinho de cada vez , na ansiedade e medo de que ela não acordasse. Na quinta ou sexta vez deste lento movimento dos dedos sua bundinha veio a tona , e nossa que supresa , ela não usava nada por baixo … Que maravilha , linda , perfeita . Fiquei passando os dedos desde suas pernas , até às costas , passando bem pertinho de seus orifícios , a senti ofegante e parei por um instante. Quando ela se jeita outra vez , me assustei ,mas a saga continua, ela fica com o resto muito perto de meu pau já latejando de tanto tezão , quando em um ato de total loucura , Tiro minha vara pra fora do short , e o encosto levemente em sua boquinha, o movimento e chego mais perto de sua boca , fazendo com q a cabeça já toda melada toque seus lábios , e fico assim por uns minutos , leves toques , até q sinto uma saliva tocar meu pau , me ajeito para olhar e a vejo com a boca meio aberta e de olhos fechados , isso me parecia um sim para aquela loucura , e aos poucos coloco a cabeça na boca pequna dela , fico punhetando lentamente com a cabeça dentro , não demorou nem dois minutos , e gozo em seus rosto . Ela meio que que automático passa a mão , nesta hora tive quase a a certeza q ela fingia dormir , mas por via das dúvidas a levei para seu quarto e a deixei dormir .
No outro dia acordei atrasado, nem tomamos café juntos , e logo saímos e a deixei na escola .Passei o dia pensando na M.. que fiz , mas tmb me perguntando se ela queira aquilo .A noite chega e ela não saiu do quarto até q a chamei para o jantar , desta feita já preparado pela colaboradora quem vem em casa 3 vezes por semana . Jantamos sem quase nós falarmos , e quando terminamos de organizar a cozinha ela me surpreende ao perguntar se vamos ver filme hoje , e digo automáticamente que sim , que se ela quiser . Ela diz sim , que vai se escovar e já volta .
Fui tomar um banho rapidinho, e ao sair nem da tempo de me vestir e a ouço me gritando da sala
Thalia : Tio…. Que filme o senhor quer ver hoje ?
Chego a sala ainda de tolha a vejo maravilhosa, com uma saia dessas do tecido bem leve , e uma blusinha cortada na tesoura, toda solta ,.mostrando as laterais dos lindos e pequenos seios . Fiquei com pau latejando, quiz voltar pra me vestir , mas ela me amarrou com a conversa sobre qual filme ver , acabei me sentando e ela se sentou ao meu lado, chegamos a um acordo e ela já rodou o filme , desligou a luz da sala e se deitou no meu colo . Com uns 10 de filme rolando ela já dormia no meu colo , se mudou de posição ficando virada para cima com perna dobrada e a outra esticada , expondo totalmente seu pacotinho , desta feita com calcinha , não demorou muito pra começar a acaricia-la , passando uma mao em volta do seio esquerdo e a outra em sua pernas , deslizando os dedos levemente sobre sua calcinha , e muito de leve acariciando sua xoxtinha por cima da calcinha de algodão , pude notar a apesar de olhos fechados , sua respiração foi mudando , foi ficando mais ofegante , mas.continuei lentamente , o o meu pau empurrando sua nuca , e um seio já totalmente fora da blusa , começo a acariciar o biquinho , ela foi ficando ofegante , notei em meio dedo da mão direita que a bucetinha dela molhou a calcinha , meus pensamentos estavam a mil ,as dúvidas foram se acabando, e realmente tive a certeza q ela planejou aquele momento , mas não tinha coragem de abrir os olhos , e eu só queira curtir esse momento insano . Lentamente enfiei a mão por dentro de sua calcinha , fui descendo centímetro por centímetro da testinha com ralos pelinhos até chegar na rachadinha , e meu dedo foi surpreendido por uma lubrificação extrema , ela estava muito ofegante , quase se contorcendo, quando meu dedo começou a penetrar aquele orifício apertadíssimo, e acariciar um clitóris minúsculo , sua bucetinha apertava meu dedo a cada tentativa de penetração. Ela fingia dormir e eu fingia que acreditava nisso , quando ela instantâneamente soltou um gemido e se trancou com as pernas, ela gozou , e por um minuto ficamos quase sem respiração. Foi quando tentei acorda-la pra levá-la pra cama , e ela resmungando disse não , e se virou ficamos com a boca quase no meu pau e uma mão na minha perna , uma perna dobrada bundinha pra fora da saia , eu não aguentava mais , queria gozar , precisava disto . Resolvi abrir a toalha , e conduzi sua mão até meu cacete duríssimo, mão tão pequena ficou cheia com meu tezão extremo , fiquei segurando a mãozinha dela no meu pau , e fui conduzindo até sua boca , e que desta vez estava toda aberta , soltei sua mão pra ver no que dava , mas ela continuou a segura-lo , entao segurei sua cabeça e a ajeitei pra ficar uma posição melhor , quando senti a cabeça do meu pênis se encaixar naquela boquinha , então ela me masturbava e colocava o que podia na boca , era uma sensação insana . Minha bebezinha me fazia um boquete único .Nao demorou e eu gozei na boca dela, gozei estrondozamente , vi que eles desfarçadamente limpou a boca com a toalha , passado uns 3 minutos , me levantei cuidadosamente e coloquei uma almofada para conforta-la . Fui aí banheiro e lavei , coloquei um short e voltei a sala , e la estava ela de bruços no sofá ainda , com a bundinha pra cima , uma perna dobrada , fiquei viajando naquela cena , meu pênis logo reagiu , não resisti e me ajoelhei ao seu lado , tirei sua calcinha lentamente. Coloquei uma almofada em baixo de sua barriga , ela fingia q dormia , pude ter certeza por ter me facilitado esta tarefa . Ela se ajeitou e abraçou almofada, com a bundinha empinadinha e logo comecei a beijar e chupar cada pedacinho, um cheiro maravilhoso, jamais tinha visto algo igual , chupava sua xoxotinha já ensopada , abri sua bundinha com as duas mãos e chupava seu cuzinho loucamente, metia a língua dentro o máximo que poderia , ele se contorcia toda , ofegante e resmungando deliciosamente, com meu polegar dentro da xoxtinha e a lingua cuzinho ela se mexia lentamente , já não aguentava mais , tinha q penetra-la , e tirei meu short , e apontei no seu cuzinho a cabeça melada do meu pau , não estrava jamais daquela maneira , entao comecei a brincar com seu cuzinho, com muito cuspi e melado de sua bucetinha comecei a introduzir um dedo , continuamente e intensamente e depois dois dedos de uma vez , era lindo ver seu ânus laceando com dois dedos meus , entrando até às metade , e ela resmungando de dor , mas sem uma reação negativa contundente, entao acho q agora sim , posso tentar penetrar plenamente este rabinho maravilhoso, tiro os dedos me ajeito em cima dela , e ela prontamente se ajeita melhor , ficando mais firme pra suportar meu peso de 80 kilos e meu pau não enorme ,.mas muito grosso , então coloco a cabeça e vou deixando meu peso fazer o resto , sinto a que a cabeça entrou ,.pois seu anel cobre toda ela em um aperto jamais sentido, e ela foi relaxando e algum tempo logo senti minhas bolas encostadas em sua bucetinha , então comecei um leve movimento de subir e descer , e como era gostoso , seu cuzinho antes apertadinho se transformará em um cuzão gostoso , e fui aumentando o ritmo e ela urrava mordendo a almofada , e não durou 5 min e gozei como jamais em minha vida , nunca comi o cu de minha esposa , e agora havia estourado o de minha sobrinha ( filha), quando tirei pude ver o rombo , nossa como ficou lindo aquela bundinha pequena mas com um buraco enorme , cheio de porra , e aos pouquinhos foi se fechando . Me levantei calmante, desliguei a tv , dei um beijo no rosto dela , e fui pro meu quarto tomar um banho e dormir aliviado . No outro dia incrivelmente não demos uma palavra , a não ser um frio bom dia . E tem sido assim até os dias de hoje eu sei quando ela quer e ela sabe quando eu quero , sempre sem muitas perguntas .

⏩ O melhor site de desenhos animados pornô do 🇧🇷, HQs eróticas🔥

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,67 de 30 votos)

Por # # #
Comente e avalie para incentivar o autor

5 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Robson moreno ID:gsu9jbm9k

    Que delicia de conto …A safadinha sabia fazer no escondido ….gostei muito do conto !

  • Responder Simpatico amoroso ID:830zm6ti8j

    Ual Rafa parece que vc fica 24 hs no cnn, quero te conhecer sem compromisso, Tem como?

    • Paulista ID:g3iv6t9v4

      Rafa… vc curte o cnn,já vi vários comentários seus

  • Responder Rafaella ID:7xbyxpzfi9

    Bem contado..
    Beijos !!!

    • P.Rogério ID:19p1j2ud3

      Ia adorar fazer com vc….