# # # #

Relato das minhas experiências na infância

1475 palavras | 9 |4.32
Por

Minhas experiências na infância e adolescência com minha irmã e amiga

Olá a todos, me chamo Luiza não sou boa em me apresentar, gosto muito do campo, e atualmente moro em Portugal em uma cidade pequena, vim pra cá a um ano, conheci o site por um amigo e achamos legal contar um pouco das experiências, vou tentar resumir algumas coisas e já dizer que alguns detalhes das histórias, mesmo não conhecendo na época, hoje eu sei, então pra não ficar indo eu já vou esclarecer eles direto.

No meu bairro que era afastado tinha muita menina na idade da minha irmã, vou começar quando eu tinha 8 e ela 12, ela era magra mas bem mais alta q todo mundo, já rolava nas brincadeiras com minha irmã e as amigas com os meninos algumas coisas mais safadas, passar a mão nas brincadeiras, espiar, os meninos puxavam as calças um do outro , as vezes as meninas incentivavam falando pra um ir puxar, apesar de sempre tá vendo o pinto deles, as meninas sempre foram mais comportadas, mas criavam situações fazendo cenas.

Tinha essa menina, o quarto dela era fundo pra plantaçao de bergamota com a janela baixa, as meninas ficavam de camiseta e calcinha lá, sempre q eles vinham pela plantação dava pra saber mas elas não fechavam até eles apontarem na janela, e depois não trancavam.

Eu gostava que depois ficavamos conversando, e tinha dias que dormíamos só as meninas lá, e já tinha começado brincadeiras entre a gente, e falando de meninos e já tinha acontecido de siriricarem e uma das meninas fazer um carinho na minha buceta, eu gostava, sempre gostei que mexessem no meu cabelo também.

Já havia aplicativos de conversa mas SMS era mais comum, mas não usávamos tanto, já que vivíamos juntos, mas a noite mesmo quando não íamos dormir, minha irmã e as amigas colocavam em um site de Cam aleatória no Pc pra ficar conversando, e sempre começava em conversa e depois virava algumas coisas mais safadas, no começo ficávamos só vendo, comecei a gostar quando aparecia alguém mais velho, mulher ou homem, porque os meninos do bairro er legais e tinha as brincadeiras, mas eram lentos kk, e também nessas horas eu era mais incluída, porque não tinha aquela correria.

A primeira noite que fiz algo, eu tinha ficado também de calcinha, sempre tive as coxas grossinhas, eu fiquei de perna aberta e a amiga da minha irmã começou a passar a mão na minha buceta, as vezes descia perto mostrando a língua, e era um cara mais velho e uma mulher, que falavam que eram irmãos, nessa hora ela colocou a mão e tirou o pinto dele pra fora, nessa hora minha irmã veio de trás da cama e ficou do meu outro lado pra ver, a nossa amiga parou e brincou de chupar o dedo do meio, nessa hora a mulher desceu e começou a chupar o pinto dele, eu tava apoiando as mão pra traz e tava com vergonha de colocar na minha buceta, e tava querendo muito que ela voltasse a alisar, foi onde ela desceu e primeiro lambeu por cima da calcinha, depois puxou e lambeu , meu grelinho sempre foi mais pra dentro, mas gostei mesmo assim, pq minha irma começou a fazer o mesmo.

Depois elas tiraram a calcinha, ficar mostrando, e a mulher começou a dar pro cara, e eu queria ver tudo, pelo jeito elas tbm pq paramos e ficamos só vendo, aí a confecção caiu, e já partia pra outra pessoa, e com isso aparecemos sem calcinha pra uma pessoa do nada kkkkk.

Correram e desligaram e ficamos falando disso, se eram irmão, do pinto dele, do corpo dela, foram ver como crescer o peito kkk.

Na outra noite minha irmã chamou nossa amiga pra dormir em casa, só nos 3, queria ficar em cima delas mas tive q sair, quando voltei já era quase 10 da noite, fui pro quarto e achei q elas estariam no Pc, mas tavam só conversando, pra resumir, uma coisa puxou outra e já achamos motivo pra ficar passando a mão, mas dessa vez, rolou de todas nós chupar, foi quando nossa amiga começou a chupar minha irmã imitando chupar um pinto, pegaram um desodorante e imitaram um pinto, eu queria fazer tbm, e não demorou pra começarmos a usar o dedo.

Nessa hora eu gostei muito, depois disso ficava imaginando o pinto dos meninos, uma coisa que fazíamos era uma ficar de perna aberta e a outra no meio segurando as coxas como se fosse o homem metendo, e uma então ficava com a mão no meio com o dedo pra fazer o pinto.

E assim a gente começou a fazer muitas posições, comecei a gostar de ficar de quatro, isso porque a primeira vez era pra ver com o dedo, mas nossa amiga chupou meu cuzinho, eu arrepiei mas gostei, então eu gostava de ficar de quatro pra chuparem ele.

Quando ficava sozinha já ficava enfiando o dedo na frente e atrás.

A primeira vez com menino foi no natal quando uns parentes foram na casa da nossa amiga, foi uns dois meses depois que tínhamos começado, ficamos sem calcinha, e eles chuparam a gente, eles já tinham feito algo, estavam com 16 e 17.

Ficamos sentadas no escuro no murinho que descia pra parte baixa das bergamotas, e eles ficavam passando o pinto mas sem enfiar, mas tinha uma tampinha de terra no pé do murinho que eles ficavam escorregando e ficavam trocando, tínhamos q voltar mas um dos meninos e nossa amiga começaram a se ajeitar mais, eles tinham combinado dele enfiar nela, demorou um pouco, mas enfiou e começaram a meter e nós ficamos olhando, acho q foi uns 15 minutos.

No outro dia a gente foi e fizemos o mesmo, mas então a gente virou de costas, a minha irmã antes avisou que não era pra meter, ficou um passando nela e em mimas nossa amiga e o outro meteram de novo.

No outro dia fomos pra outro lugar e quando voltamos depois das festas de fim de ano, eles já tinham ido embora e no outro dia nossa amiga ia também ficar fora um tempo.

Quando voltamos, voltamos com parentes, e tínhamos que dividir os quartos, e quando saímos pra sempre com alguém, mas mesmo assim fazíamos algumas coisas minha irmã e eu.

Avançando um pouco, eu já tinha 9, e minha irmã 13 e já não estava tão magra, tinha entrado uma outra menina e um menino nas brincadeiras mas eles eram namorados, e a gente não ficava só fazendo essas coisas, mas já éramos acostumados então, as brincadeiras de mão dos meninos ficaram meio bobas, o engraçado é que como nós já fazíamos, a gente não ficava só pensando nisso, mas os outros meninos e meninas sim, mas ficamos mais grudados, pq era bem aberto tudo, então não tínhamos que ficar inventando desculpas, e aproveitamos mais, ver filme mesmo, sair essas coisas.

Foi quando minha irmã começou a falar mais do meu irmão, nossa amiga sempre falava de fazer com ele, mas falávamos de como seria com todos, e já tinha imaginado com meu irmão tbm, todo mundo meio que sabia, mas não era nada demais, hoje eu vejo que falam tanto da internet, mas era normal pra todo mundo pelo menos mais no campo os meninos e meninas fazerem , tanto que várias meninas já começavam a namorar e era normal minha irmã ficar conversando já com uns caras de 20.

Eu também gostava de conversar com homem e mulher mais velhos porque era mais legal, sempre acabava conversando com os amigos da minha irmã, em pouco tempo já tinha mais assim e os amigos do meu irmão do que os meninos, ficava com saudades , pq comecei de novo a ficar meio sozinha, mas só nesse lado, minha irmã e meu irmão sempre foram bem grudados comigo.

Meu irmão nesse ano voltou pra casa, porque no último ano da faculdade tinha pegado estágio na cidade do lado, e era mais fácil ficar em casa, e nessa época que aconteceu.

Minha irmã e eu acabamos por fazer a primeira vez com ele, e eu mesmo resumindo não cheguei na metade da onde queria chegar, sabia que ia precisar de duas partes, então vou tentar já escrever a segunda parte hoje, até então kk.

⏩ O melhor site de desenhos animados pornô do 🇧🇷, HQs eróticas🔥

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,32 de 19 votos)

Por # # # #
Comente e avalie para incentivar o autor

9 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Brunobjj ID:1a5th52xzrc

    Eu sou de Lisboa procuro gente para me relacionar

  • Responder Leon ID:44oehkaa6ia

    C-A-R-A-L-H-O
    Imaginei as garotas da LS na parte lésbica do relato.
    FODA!

    • Syriliom ID:4pggmfw1q

      Queria conhecer as da LS vi que é na Ucrânia, tem que acabar com essa Guerra até as LS estão sofrendo

  • Responder Marisa ID:830xmr68rc

    Bem confuso esse relato

  • Responder Luana ID:4pggmfw1q

    Nessa idade também costumava a brincar assim com nossa turminha da época, saudades desse tempo, sexo era algo que já íamos conhecendo de cedo de maneira natural, com as mães dizendo pra ir vestir camiseta com visita, ou seja, já sabendo e achando normal ter olhares, hoje não se pode nem falar mas ao mesmo tempo tudo é sexualizado, não dá pra entender

    • Caio ID:g61vcvov0

      infelizmente o mundo virou uma versao bizarra e chata dele mesmo

    • Brunobjj ID:1a5th52xzrc

      Oi Luana, vamos brincar juntos

  • Responder Nilramos ID:8d5i4j86ia

    Me relaciono com minha sobrinha desde quando ela só tinha 7anos, são 32 anos de cumplicidade e mesmo afastados ainda nos encontramos pra uma foda bem gostosa

    • Syriliom ID:4pggmfw1q

      Se são tantos anos assim, é porque ela sempre gostou, não tem como argumentar que não