#

Realizei a fantasia louca do meu marido… e adorei

3205 palavras | 4 |4.53
Por

Meu marido queria ver outros paus me comendo.

Meu marido e eu somos leitores assiduos de contos eróticos, brincamos e nos excitamos lendo esses belos contos. Só nao gostamos dos contos onde citam menores de idade. Mas, vamos em frente. Somos casados oficialmente há 8 anos, nao temos filhos, eu tenho 30 anos de idade e meu marido 35. Somos tarados por sexo, gostamos de nos exibir, e ja fizemos sexo em varias oportunidades de maneira a sermos vistos. Quando viajamos procuramos ficar em hoteis onde possamos ser vistos dos predios em frente, e fodemos muito com as janelas totalmente abertas. Adoramos fazer isso e ficamos alucinados de tesao. Adoro chupar o pau do meu marido no carro, nas nossas viagens ou passeios e quando passamos por onibus ou caminhoes eu de joelhos no banco do carro e meu marido levanta meu vestido e mostra a minha bunda para os caminhoneiros, fico com a buceta ensopadinha. Mas uma fantasia do meu querido marido é me ver dando pra outro ou como ele mesmo diz ou pra outros. Tenho 1.60, 59 km bucetinha sempre depilada, cheirosa e bundudinha. sou morena clara e meu marido um tesudo de 1.80, 18 cm de uma piroca grossa que quando entra no meu rabo vai me arregaçando e eu grito, reclamo mas adoro. Nunca quiz a uma casa de swing, apesar de muitos pedidos do meu marido. Ele ja pensou em varias maneiras pra me fazer dar essa bucetinha, mas eu sempre fugi, apesar de ficar melada de tesao com essa fantasia louca dele. Meu marido tem 3 amigos que sao inseparáveis, eu e as esposas dos amigos tambem somos amigas e ja chegamos a desconfiar que nas saídas deles para a cervejinha eles devem ir para algum puteiro, pois segundo elas todos sao bem safados.
Sao amigos desde o tempo de solteiros, e fazemos reuniões e jantares com frequencia uns nas casas dos outros, as vezes vem somente os homens as vezes vem somente as mulheres, pois ficamos realmete super amigos.
Um belo dia os amigos vieram aqui pra casa pra jogarem baralho e beberem, eu preparei os petiscos, fiquei por ali um pouco com eles e pedi licença e fui pra cama. Quando eles foram embora meu marido veio deitar mas veio bem tarado. Me acordou me chupando. Ele me dá um trato especial, é um exímio chupador de buceta, ama e fica enlouquecido quando chupa meu cu, e eu gozo rapidinho com ele me siriricando e enfiando a linguinha no meu cuzinho, por isso esse rabinho esta sempre impecável. Tenho um tesao louco no cuzinho. Pelo menos uma vez por semana dou meu cu. Acordei sendo linguada no rabo, e ele falando, minha putinha, voce deixou os meus amigos loucos de tesao hoje. Voce com aquele vestido curto calcinha branca, todos viram a tua calcinha putinha, voce sentada meio de pernas abertas assistindo tv. e eles safados, filhos da puta de olho nas tuas coxas, depois que voce veio pra cama e a bebida ja havia subido pra cabeça os comentarios foram sobre voce, e as mulheres deles, das taras, e tesões de como fodem. o papo foi excitante. Elogiaram muito voce e todos sem excessao disseram que te comeriam com o maior prazer. No fim todos disseram que comeriam as mulheres dos outros. Bem ele me chupava e ia falando com a boca meio cheiakkkkkk, colocou o pauzao na minha boca, e disse que queria me comer de quatro. Lógico que eu obedeci. Ele abriu a minha bunda, me chupou o grelo por traz, e lambeu mais um pouco o meu cu, e disse, hoje eu quero comer essa bucetinha amor, tao desejada pelos meus amigos. e meteu pau. e ia falando, amor, que tesao imaginar outro pau entrando aqui. eu acho que ia ser o maior presente que voce poderia me dar…e eu ia entrando na historia e ia incentivando ele. Até que gozamos praticamente juntos e ficamos molinhos dando muita risada do nossa dialogo durante a nossa foda. Dormimos e no dia seguinte era um sábado, acordei com muito tesao, meu marido ainda dormia, e eu tarada, fui sorrateiramente tirando o lençol, fazia calor, e fui beijando o pau dele mole. Coloquei inteirinho na boca, e fui mamando, acariciando o saco dele ate proximo do cuzinho, ele adora, o pau começou a dar sinal de vida, o pau ainda com o gosto da minha buceta, pois nao costumamos tomar banho depois das nossas fodas, adoramos o cheiro amanhecido um do outro. Nossa, minha buceta babava de tesao, imaginando se ele realmente deixaria os amigos me comerem, eu ja estava pronta pra aceitar o que ele sugerisse. Ele acordou, acariciou os meus cabelos e disse isso gostosa, mama nesse caralho safada. acordou com tesao vadia, deve ter sonhado com outros caralhos, e eu menti, amor sonhei sim, falava e chupava aquele pau, aquela cabeça brilhava com a minha saliva. sonhei que todos os teus trez amigos me fuderam muito, acordei com a buceta ensopada, e falei fique quietinho quero cavalgar esse caralho, quero a minha buceta engolindo essa caceta, vai fique bem quietinho e sente a tua putinha rebolar nessa pau. me debrucei sobre ele, e o beijava, mesmo sem escovarmos os dentes, mas estava gostoso, so pedi pra ele acariciar a minha bunda e colocar um dedinho no meu cuzinho e deixar eu rebolar. Acho que fiquei uma meia hora esfregando o meu grelo e rebolando no caralho, ja sentia dois dedos no meu cu. E gozei…mas gozei muito. Saí do pau e mamei até ele encher a minha boquinha de porra. Nossa, caí desmaiada e adormeci novamente.
Quando acordei ele ja estava providenciando o nosso almoço, ele adora cozinhar. Ja era quase meio dia, acordei e chamei por ele, perguntando que horas eram ele veio e disse hoje nao tem café ate porque voce ja tomou leitinho hoje vamos direto para o almoço meu amor, mas antes deixe eu cheirar essa buceta que eu amo, e que pelo jeito vou ver ser invadida por outro pau, aí eu falei, acho que outros meu amor. Voce tanto insistiu, tanto me provocou que eu estou querendo. Me cheirou e deu uma chupada safada na minha buceta e foi pra cozinha. eu levantei e fui atraz e falei chupa mais amor. Ele disse só depois que eu te falar o que estou pensando.
Preparou um belo almoço, almoço de quem esta feliz e apaixonado. Tomei banho, ele ja havia tomado. E fomos a mesa para almoçar. E aí eu perguntei, qual era o plano, precisava saber se aprovaria.
E ele relatou. Isso minha gostosa é uma decisao, vai ter que ser assim. Ja que voce nao quer ir pra um clube de swing, vai ser muito comida aqui em casa mesmo. Confesso a voces que ele ia falando e eu apesar de ter gozado muito logo pela manha ja estava com a buceta molhada novamente.
Vou chamar a rapaziada para um baralhinho aqui em casa vou preparar uns comes e vou meter wodka neles. Vou dizer que o banheiro social esta interditado, que se quiserem usar banheiro tera que ser na nossa suite. Voce vai colocar um vestido bem curto e provocante e vai ficar bem atenciosa com todos e vai fazer de conta que esta bebendo bastante, mas na realidade nao vai. Aí la pelas tantas quando todos ja estiverem meio altos, e a turma bebe bem, voce faz de conta que esta bebinha e pede pra eu te levar pra cama. Eu te levo pra cama e voce vai deitar de maneira que quando eles passarem pra ir ao banheiro vao dar de cara com a tua bunda virada pra eles, vai colocar uma calcinha que fique atolada no teu rabo e vamos ver como eles reagem, eu tambem vou fazer de conta que estou bebado, e vamos ver o que rola, se eles nao te comerem pelo menos voce vai adorar ser apreciada bem de pertinho. que tal? Eu adorei a ideia peguei a mao dele e disse sente aqui, coloquei dentro da minha calcinha e estava melada, ele enfiou um dedo tirou e lambeu e disse, eu sabia que voce ia concordar. E assim fizemos. Na sexta feira seguinte. Ele os chamou e todos vieram lindos e cheirosos, parece que sabendo o que iria acontecer. Colocamos o plano em prática, e assim que o primeiro pediu banheiro ele deu a noticia a todos pedindo desculpas mas que teriam que usar o banheiro do nosso quarto. Tudo bem, eu totalmente provocante, todos me elogiando, eu me abaixava, eu sentava meio que descuidada pra mostrar minhas coxas, a calcinha todos tenho certeza viram. Acho o maximo o tesao que desperta nos homens ver uma calcinha né. E eu tomando agua tonica com limao e gelo e dizia que era gin tonica. Eles tomando wodka, whisky, cerveja, e o papo fluindo, até que la pelas tantas decidiram jogar. Eu ja dando sinais de que estava meio alterada, meu marido ria e dizia amor, feche as pernas, voce esta dando um show aí, ta pagando calcinha direto e eu dizia, ora amor, sinal pra esses teus amigos se inspirarem e chegarem em casa foderem as minhas amiguinhas que devem estar carentes. Pelo fatos de ser anos de amizade e convivio tínhamos total liberdade para falarmos sobre tudo. E por aí foi, até que fiz de conta que estava meio cochilando no sofá, escutei um amigo falar, ei a nossa amiga apagou. Meu marido muito carinhoso disse vou levá-la pra cama. Veio e fazendo de conta que me acordava e me ajudando a levantar me carregou pra cama, nao dei nem boa noite. Ao chegar no quarto, eu estava louca de tesao, meu marido deu uma cheirada na minha buceta e falou esta deliciosa meu amor. me colocou de lado com as pernas dobradas, bunda virada pra porta do banheiro, e bem na beira da cama. Do jeito que eu estava eu poderia ver pelo espelho as atitudes de quem entrasse. Olhou tirou uma foto com o celular e disse agora é contigo. Finge que esta dormindo e eu vou fingir que estou bebado. Passaram uns 20 minutos veio o primeiro. Quando ele entrou no quarto eu por baixo do meu braço, e como a luz do abajur estava acesa via a pessoa pelo espelho. Nossa quando ele entrou, levou um susto, parou deu uma olhada pra porta do quarto que estava meio aberta, meu marido nao fechou totalmente deixou somente encostada, ele se abaixou atraz de mim. olhou minha bunda bem de pertinho que eu quase sentia a respiraçao dele no meu rabo. Entrou no banheiro, mijou eu ouvia, e voltou, na passagem deu uma passadinha de mao de leve na minha bunda e murmurou alguma coisa, e saiu. Eu queria levantar e agarrar todos os paus que estavam na sala tamanho era o meu tesao. Meu marido disse que quando o amigo voltou pra sala estava palido, parece que assustado. Mas que nao comentou nada. Demorou mais um pouco veio outro, esse era o mais gato e o mais safado. A mulher dele comentava que era fogo pra conseguir apagar o tesao dele, que era pauzudo, tarado e louco por cu, que quando ela ia dar o cuzinho pra ele ficava a tarde toda com um plug no cu, pra ir laceando e nao sofrer na hora da foda, mas que ela adorava.
Quando ele entrou no banheiro ele soltou um uauuuuuuu, que delicia, passou rapidinho, acho que estava apertado, mijou de porta aberta, e voltou, se abaixou, beijou a minha bunda passou a lingua pelo lado da minha calcinha, e fazia hummmmm que tesao, nossa, sempre tive vontade de sentir o gosto dessa buceta, nao vou deixar passar, puxou a minha calcinha pro lado e meteu a lingua na minha buceta. gente eu queria gritar, ele foi direto, esfregava a cara, com uma das maos abriu bem a minha bunda e lambeu meu cu. e dizia que cuzinho delicioso, dava pra ouvir as vozes da turma na sala e eu ali com a lingua do amigo do meu marido no rabo. ele chupou um pouco colocou minha calcinha no lugar e foi pra sala. Meu marido disse que estava de pau duro so em imaginar o que poderia estar acontecendo. Dali a pouco veio o meu marido bem tarado perguntou em contei rapidamente e ele disse que tesao amor. vou fazer de conta que estou ficando mais bebado. Dali a pouco, escutei o papo de que estava na hora de irem embora. o meu marido disse, pô vao me deixar sozinho bebendo. O safado daquele chupador de cu, que tinha me lambido disse, eu nao tenho problema com horario hoje, vou ficar pra tomar mais umas e vamos ficar trocando ideias aqui. Dois foram embora e o meu marido ja falava com a voz meio embargada. Davam risadas, dali a pouco o amigo disse cara vou mijar novamente. O meu marido disse vá tranquilo, vou caprichar em mais umas doses pra nos. O cara veio, mas ja veio direto pra minha bunda. Eu estava na mesma posição, pelo espelho via ele abrindo a calca e tirando o pau pra fora, nossa gelei era um baita de um caralho, bem que a mulher dele falava, ele puxou a minha calcinha pro lado e eu sentia a cabeça quente o pau passando pela minha bunda, eu queria era abrir o rabo com as duas maos e mandar ele socar na minha buceta. mas ele deslizava, eu sentia o pau esfregando na minha buceta ele pincelava o pau na minha buceta, deu um empurradinha e dizia cadelinha esta melada, safada. deu mais uma cutucada tirou o pau guardou e saiu. Foi pra sala, meu marido brincou porra, mijou quantos litros, e ele deu uma boa risada. Ele comentou com o meu marido, a tua mulher esta uma delicia deitada atravessada na cama, que bundao heim. o meu marido fazendo de conta que estava bebado, dizia, ela adora mostrar aquele rabao dela, e contou algumas historias de quando andavamos de carro comigo mostrando a bunda. Ele contou pro meu marido que tinha tesao em fazer isso mas a mulher dele so era puta na cama pra ele e que tinha vergonha de se mostrar. Que ele tinha vontade de levá-la num clube de swing, que nao queria fazer troca de casais mas que queria foder ela na frente de outras pessoas, ele disse que isso o deixava tarado. O meu marido confessou que tambem tinha tesao de ir numa casa de swing mas que era pra fazer de tudo, troca, menage, que deixaria me comerem, mas que ele tambem comeria outras bucetas. Nisso escuto o meu marido falar nossa cara, essa ultima dose subiu, estou bebado, e davam risada. O amigo perguntou se ele nao sentiria ciume de ver outro homem me comendo meu marido disse que ia sentir tesao, que ja tinha me proposto isso varias vezes mas eu nao concordava.Falou acho que vou dar um porre nela e levar bebada pra putaria. Nisso o amigo disse cara, adorei ver a tua mulher de bundinha de fora la no quarto, esta uma gostosa. Meu marido ria, e ele continuou, deu ate vontade de passar a mao. meu marido disse vai firme, aproveita que ela esta bebada, desmaiada, so vai acordar amanha de ressaca. Aproveita que nao é todo dia. Ele falou esta falando serio, meu marido disse, vai, vai vai.
Não deu outra. ele veio com tudo. Agora com autorizaçao do meu corninho lindo. quando ele chegou eu estava ainda de lado, ele levantou totalmente o meu vestido e começou a tirar a minha calcinha, e e lógico que eu nao poderia fingir tanto que estava dormindo, ele teve que mexer comigo, e eu resmungava, amor, deixei eu dormir, e ele achando que eu estava pensando que era o meu marido ficou mais a vontade ainda. tirou a minha calcinha com todo cuidado me virou me deixando de barriga pra cima, abriu as minhas pernas e eu resmungava, e caiu de boca na minha buceta, e que boca, e que chupada, lambia meu grelinho com sabedoria, conseguiu levantar uma das minhas pernas e lambeu o meu cu. quando baixou a minha perna continuou me chupando a buceta mas foi enfiando um dedo no meu cu. nossa amo isso, eu piscava o cu, e falava amor, filho da puta estou com sono. e senti ele enfiando mais dedos no meu cuzinho. Caralho que tesao. Me puxou pra beira da cama novamente me deixou de lado como eu estava antes com a bunda bem na beira da cama e foi metendo o pau. puta que pariu, era mais grosso e mais comprido que do meu marido era realmente um tremendo caralhao, bem que a mulher dele falava. E foi enfiando, era carinhoso, tirava abria minha buceta lambia, e enfiava novamente, até que socou tudo, eu sentia me arrombando, pelo espelho eu vi quando ele enfiou o polegar na boca molhou e foi enfiando no meu cu. Eu nao aguentaria muito. e o pau pegou de acordo. Metia, sincronizava a foda. o pau entrava na minha buceta o dedo saia do cu. o pau saía o dedo entrava ate o talo, eu me sentia sendo fodida por dois caralhos. Meteu, meteu, tirava chupava, falava baixinho que tesao de buceta, quero te comer olhando nessa carinha bem acordada putinha. quero voce pedindo pica vadia, sei que voce gosta de falar fodendo. Meu marido comentava com os amigos isso. E me comia deliciosamente. Aí ele disse, voce vai acordar sentindo o gosto da minha porra. ele tirou o pau e o dedo me virou na cama de maneira que eu fiquei de lado mas virada pra porta do banheiro e passou aquele pauzao na minha cara. batia no meu rosto passava na minha boca e se masturbava e disse…agora vou gozar na tua boca, abre a boca, a minha boca ja estava levemente aberta, ele começou a gozar na minha boca, no meu rosto no meu cabelo, muita porra, e eu ali, lembro de ter dito, amor filho da puta, amanha voce me paga. deixe eu dormir. Ele me beijo a boca, cheia de porra, levantou a calça e saiu. Quando ele chegou na sala meu marido fingiu estar dormindo. Ele ainda tomou um gole, abriu a porta e saiu, deixando meu marido no sofá. Quando ele saiu meu marido deu um tempo trancou a porta, e foi correndo pro quarto. Quando chegou eu falei, me foda amor,,,por favor me foda. Ele disse quero chupar a tua buceta, eu falei, ela esta toda fudida. e ele disse fala novamente fala amor. fala que entrou outro pau nessa buceta fala, e eu falava, vai amor, lambe a tua buceta toda fudida, e depois vem beijar a minha boca cheia de porra, teu amigo gozou na cara e na boca da tua mulher, meu corninho lindo, vai chupa e vem me foder, quero o teu pau, quero sentir essa porra na tua cara tambem vem amor. me fode, fode fode a tua putinha. Adorei amor. Adorei.

⏩ O melhor site de desenhos animados pornô do 🇧🇷, HQs eróticas🔥

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,53 de 32 votos)

Por #
Comente e avalie para incentivar o autor

4 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Lageano-SC ID:g3j1nvv9j

    História perfeita. Adorei o conto.

  • Responder Ana Moreira ID:jl06gcg6i9

    História extraordinariamente excitante! Uma aventura maravilhosa para o casal e para o vosso amigo!
    Aposto que esta não foi a unica!

  • Responder Ander64 ID:44odpuywxik

    Olá Marilda. ADOREI o seu relato. Tenho 41 anos e mi há esposa 35, somos casados e estamos juntos desde os 15 anos de idade dela. Somos tarados e ela nunca cá teve outro homem. De uns 4 anos pra cá iniciei a ideia de sermos um casal liberal, ela teve bastante resistência e eu fui bem devagarinho nas nossas transas colocando a ideia. Agora apouco mais de um mês ela está com namorado fixo e está adorando a fase de safada e nosso casamento continua muito bom. Até escrevi as suas primeiras saídas aqui. Ainda quero arrumar uma esposa liberada e passar por essa experiência também com Bastante sigilo. Boa sorte a vocês casal!

  • Responder @OtenZ ID:g6200i8ri

    Muito bom