# # #

Meu pai safado

895 palavras | 4 |3.83
Por

Quando eu tinha 10 anos de idade, meus pais enfrentavam uma relação conturbada. Eu era filha única. Então, minha mãe decidiu separar porque meu pai traía ela e também usava maconha excessivamente. Emeu pai não aceitava a separação, deixou claro que se ela fosse, que levasse apenas a roupa do corpo, que nem eu ela iria levar. E meu pai é funcionpario público, ganha bem e minha mãe dependia dele, não teria como me sustentar.

Ela decidiu ir embora, e eu fiquei com meu pai. Ele contratou uma moça pra fazer as tarefas da casa e comida pra mim. Ela também me levava e buscava na escola e era bem legal comigo, só que ela desistiu do serviço, porque meu pai tentou abusar dela enqaunto ela dormia a tarde. Só que ela não fez denúncia porque tinha medo. E meu pai era um cara bem safado, cansei de presenciar ele transando com outras gurias bem novas, entre 13 e 17 anos. Meninas que ele paggava pra comer. Não sei se ele sabia que eu via pela fechadura.

Então essas coisas despertavam uma curiosidade em mim, e já sentia tesão mesmo sem entender bem a situação.

Então um dia meu pai estava mexendo no computador e fui lá pra querer jogar, e ele não deixava… ele estava cheio de vídeos de pedofilia, e acabei vendo, mas fingir que nao vi… E o penis do meu pai tava duro, um volume enorme no short… subir nnele, e sentei bem em cima… ele tentou me tirar de cima, me colocar pro lado, porém, ele deixou que eu ficasse… então fiquei sentindo aquele volume bem bom… e sentia a vontade de me esfregar, mas não tive coragem…

Só que, meu pai teve, comecei a sentir as mãos dele percorrer minha coxa, e ele abriu minha perna e por cima do short pude sentir e ver o penis dele roçando minha vagina…
Então ele me tirou de cima dele e me culpou, dizendo que eu era uma sem vergonha igual minha mãe, que eu provavelmente daria muito desgosto, que sabe-se lá se eu ainda era virgem, ficou me xingando de tudo… E andando pela casa de penis duro… e fui deitar no sofá chorando, bem devagar, baixinho, estava com medo, não sei explicar… pra mim aqulo era normal , só não com uma menina tão nova…

E meu pai veio, me pegou pelo braço, me levou pro quarto dele, comecei a chorar, porque eu achava que eu ia aoanhar… mas não… ele me jogou na cama, tirou minha roupa, e disse ” É PICA QUE TU QUER? É ISSO QUE TU QUER? DESSE TAMANINHO JÁ AGUENTA ? ” E foi tirando a roupa dele, e abriu minha perna como se tivesse abrindo um frango, e começou a chupar… e mandou eu chupar ele, mas não quis, pra mim era muuito nojento.. e ele me põe na cama novamente e mete o penis… chorei de dor e ele não teve dó. Ele tirou minha virgindade na violência, estava drogado… e depois mandou eu ir tomar banho, jantar e dormir… E Fui, mas não conseguia dormir… Me sentia estranha e já era quase 3 da madrugada e ele chegou no quarto, parecia super sóbrio, mas veio bem carinhoso, pediu desculpas por ser grosso comigo e começou a me abraçar, me beijar, dizendo que eu era a princesinha dele… e quando vi, ele já estava de pau duro de novo querendo me comer, e eu acabei cedendo… eu até queria na real…

Entao dessa vez ele me fodeu carinhosamente e ozou dentro. Então a partir dali ele mudou, parou de fumar, começou me tratar muito melhor, porém, não mais como filha, ele me tratava como mulher dele, sendo que eu era criança… Só que eu gostava disso, porque eu sentia muita vontade de transar…

E nós começamos uma vida sexual muito ativa, a gente chegava a transar umas três vezes no dia. Ele era insaciável… E até meus 13 anos nós vivíamos assim, até que começaram a desconfiar e ele achou de arrumar uma namorada. E então quando ela ia pra casa dela, ele vinha pro meu quarto, só que ela engravidou, aí nasceu meus irmãos gêmeos, Yan e Ycaro. E eles não deram certo juntos, ela separou dele e continuamos de novo só nós dois, e foi minha vez de engravidar aos 15 anos e tive dois filhos com ele, o Jordan e o Orlan. E hoje vivemos ainda juntos, e ninguém sabe que meus filhos são dele, todo mundo fala mal de mim na rua, que meus filhos sçao filhos de vagabundos que não assumiram e que nem eu sei quem é o pai. Mas o pai dele é o meu pai. A gente vive normalmente como pai e filha na frente dos meninos,meus filhos tem o quarto deles, eu tenho o meu e meu pai tem o dele. Meu pai so vem a noitinha pra me fuder mesmo. E depois vai pro quarto dele, e pra piorar, to achando que to gravida de novo…. :0

Uso o telegram pra conversar: @Indiybh

⏩ O melhor site de desenhos animados pornô do 🇧🇷, HQs eróticas🔥

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,83 de 29 votos)

Por # # #
Comente e avalie para incentivar o autor

4 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder moreno ID:fi0at75hj

    telegram errado

  • Responder Dona Maricota ID:19p3wwt0j

    Minha nossa, que situação!

  • Responder Girrasole ID:1dak6pwtm0

    Vc deveria inicia seus filhos na vida sexual?

    • Jr ID:1dak6pwtm0

      Sim, isso é muito melhor e ela poderia ficar grávida deles.