# # #

Deixo meu sogro comer minha mulher

1048 palavras | 1 |3.91

Sou casado já a vinte anos, tenho a vida tranquila e tenho duas filhas de 11 e 15 anos. Minha esposa continua linda e chamando a atenção por onde passa, ela tem seios médios, bunda média pata grande, boceta lisinha e um cabelo preto cacheado, realmente muito bonita.
A 6 meses minha sogra veio a falecer, deixando meu sogro sozinho e uma filha que nunca casou.
Como minha casa é grande, eu convenci meu sogro a vir morar com a gente, mas ele também não estava muito bem de saúde e a filha dele não tem condições de cuidar do pai. Então eu e minha esposa temos que cuidar. Eu tenho um ótimo relacionamento com minha esposa e falo para ela de tudo que acontece comigo.
Precisamos dar banho no meu sogro e minha mulher não quis ir sozinha, eu levei ele até o banheiro e tirei a roupa, minha esposa começou a esfregar, lavou cabeça, costas e pés, lavou a bunda dele de qualquer geito, e pediu para eu lavar o pinto e saco do pai dela, eu sem problema coloquei sabonete líquido na mão e passei no saco do .eu sogro, desci até seu ânus e subi pela virilha, desci novamente massageando o saco e voltando para o ânus, ele ficou de pau meia bomba, eu peguei em seu pau e puxei a pele para trás, coloquei mais sabonete e voltei a esfregar, desci novamente para o saco e precionei seu ânus, ele ficou de pinto muito duro, eu voltei ao pinto e fiz movimentos para trás e para frente umas três vezes, minha mulher estava babando, pedi para ela me ajudar e ela assumiu meu lugar, enchaguou a bunda dele e o saco, puxou a pela para traz e lavou o sabão do pinto e enchaguou o restante do corpo, como não tinha roupas para meu sogro, eu enrolei uma toalha nele e levei para o quarto, deixei ele nu no quarto e pedi para esperar pela gente sem por roupas.
Voltei no banheiro e minha mulher estava tomando banho, foi eu tirar a roupa e ela me agarrar, metemos no banho, ela me agarrava, enfiava as unhas e metia com força, quase gritando.
Após o banho, ela saiu nua do banheiro, e dá de cara com seu pai, que observava tudo sem acreditar.
Ela ficou sem geito, escolheu uma calcinha e uma camisa grande e foi com o pai até o quarto dele.
No outro dia foi a mesma coisa, mas quando tiramos a roupa dele, já estava de pau duro, e permaneceu assim rodo o banho.
Lavei seu saco, seu cu e seu pinto de novo, desta vez precionei forte a entrada do ânus e entrou a ponta do dedo, e enfiei a ponta do dedo umas três vezes, parecia que ele iria gozar na minha mão, eu pedi para minha esposa enxaguar, e ela fez como no outro dia, mas eu aproveitei pars ensaboar ela dessa vez, molhei camiseta, cabelo, joguei shampoo, e passei a mão na bocets por baixo, já que ela estava abaixada. Levei o sograo no quarto e voltei para comer minha mulher.
No terceiro dia, meu sogro já estava melhor, mas ainda precisava de bastante atenção, eu tirei a roupa dele e levei para o banho, com ele de pé eu comecei pelo pinto dele, mas enquanto mexia, enfiei o dedo todo no seu cu, enfiei e tirei algumas vezes e minha esposa entrou no banho, ela retirou a camiseta ficando de shorte e sultien, lavou cabelo e costas, peito e barriga, lavou a bunda dele e segurou no pinto, puxou a pele pars traz e passou sabonete, eu peguei a mão dela e coloquei na bunda dele, peguei um dedo e coloquei na entrada do seu cu, precionei meu dedo e o dela, e entrou os dois, ensinei um movimento de vai e vem no ânus dele enquanto ela já batia uma punheta para ele, ela masturbo até ele gozar, só então tirou o dedo do ânus dele, enchaguou e coloquei ele sentado no vaso, pelado, agarrei minha mulher e tirei sua roupa, meti nela com força na frente do pai dela, ele olhando e sorrindo. Nesse dia minha esposa colocou apenas uma camiseta, sem nada por baixo pois minhas filhas já estavam para chegar, meu sogro estava muito animado.
Deste dia em diante, minha mulher dava banho todos os dias no pai dela, e masturbava para aliviar, ela me contou que seu pai pediu para ela chupar seu pau e ela acabou cedendo, e que todo banho ele pedia e que embora já pudesse tomar banho sozinho ela ainda o acompanhava toda tarde.
Na semana passada ela me contou, ele chamou ela para o banho, ela pediu para esperar e logo foi, eles tiraram as roupas e ela lavou o corpo dele chegando ao pinto, abaixou e colocou na boca mas não fez ele gozar, depois ele se colocou atrás dela e começou a esfregar o corpo dela, lavou pescoço, seios, costas e bunda, ala disse que o pinto estava duro o tempo todo e ele esfregava na bunds dela, ele passou a mao na boceta dela e forçou para que se curvar, eles passaram meia hora fazendo sexo no banheiro, meu sogro que estava mal, está mais forte que eu agora e minha esposa hoje estava me falando que antes do banho hoje, ele deitou ela na cama e chuppu a boceta da minha mulher, depois os seios e a beijou, enquanto cravava seu pau gigante na boceta dela, meteram tanto que perderam a noção do tempo e minhas filhas chegaram e pegaram os dois ainda no banho, de porta fechada, claro.
Bom eu não me incomodo com meu sogro em minha casa e comendo minha esposa, pois também não sou santo.
Eu incentivo minhas filhas a ficarem com pouca ou sem roupas em casa, também minha cunhada e minha esposa, já comi minha cunhada escondido umas duas vezes, como minha mulher com a porta aberta e em lugares que minhas filhas possam ver, somos uma família bem feliz.

⏩ O melhor site de desenhos animados pornô do 🇧🇷, HQs eróticas🔥

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,91 de 33 votos)

# # #
Comente e avalie para incentivar o autor

1 comentário

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Dexterasd ID:469cw6s6zri

    Conte mais