# #

anjos inocentes 17

2969 palavras | 25 |4.40
Por

≠≠≠feliz aniversario Guilherme≠≠≠
Hoje era sábado, já se passou alguns dias, o Júlio já sarou do resfriado, o Thiago não tocou mais naquele assunto que gostava do Júlio, e nem daquele dia que ficamos nós três ele não falou mais nada, a gente quando se via conversamos naturalmente como se aquele episódio não tivesse existido, a minha mãe arrumou um namorado, um ótimo partido, eles já se conhecem a um bom tempo por trabalharem juntos no mesmo hospital, ele é médico e também é viúvo e tem uma boa condição financeira, ele é um pouco mais velho que minha mãe, más é um coroa bem enxuto, ele também é pai, seu filho único se casou recentemente, eles já estão se relacionando a pouco mais de um mês e estavam mantendo segredo achando que eu não fosse gostar, más pelo contrario, eu estou feliz por ela e torço para que deem certo, ele parece ser gente boa …más voltando ao que eu estava falando … hoje era sábado e era meu aniversario e o dia estava um saco, não acredito que todo mundo saiu bem no dia do meu aniversario, eu tinha pedido para minha mãe fazer um bolinho simples bem enfeitadinho, eu tinha até juntado um dinheirinho para comprar alguns salgadinhos e refrigerantes, eu ia chamar só o Gustavo com o Júlio e o Thiago mesmo, más eles me deixaram na mão, e minha mãe saiu cedo para trabalhar dizendo que hoje ela estava na escala lá no hospital, o Gustavo disse que teve que ir viajar com seus pais, apesar de eu falar pra ele a alguns dias antes que esse dia era muito importante pra mim, mesmo assim ele foi, fiquei muito magoado com ele, resumindo …ninguém lembrou que hoje era o meu aniversario, era pra ser o melhor dia da minha vida e estava um verdadeiro saco, todos me deixaram sozinho, Passava do meio dia, só me deitei no sofá triste assistindo televisão sozinho e acabei cochilando.
—GUILHERMEEEEEEEEEEEE……
—JÁ VOU PORRA, não precisa gritar deste jeito não.
—Gustavo!
—sim, sou eu, parece surpreso!
—claro né! Você disse que ia viajar com seus pais!
—más já voltamos.
—eita…que viagem rápida foi essa?
—é que o lugar que fomos não era muito longe, por isso voltamos rápido.
—eu estou feliz que você esteja aqui agora – eu disse passando meus braços por seu pescoço e lhe dando um selinho.
—hum! que gostoso esse beijinho, tem sabor de quero mais – ele disse.
—você sabe que dia é hoje meu anjinho?
—sim, hoje é sábado.
—HÁÁÁ ..QUE SACO – eu disse emburrado me separando dele.
—que foi meu Guizinho, o que foi que eu fiz?
—VOCE NÃO FEZ NADA GUSTAVO …ESSE É O PROBLEMA.
—há, não fica assim não meu Guizinho, vai toma um banho e coloca uma roupa bem elegante, vou te levar pra sair.
—sair?
—sim.
—e onde vamos?
—é surpresa, meu pai vai nos levar.
—tá bom, más eu preciso voltar rápido, por que quero chegar antes da minha mãe.
—tá, eu prometo, agora vai logo se arrumar.
—vem tomar um banho comigo? Vamos fazer um sexo rápido – eu pedi.
—não dá meu Guizinho, meu pai vai passar aqui pra nos pegar.
—tá …tá bom.
—vai logo – ele disse me ordenando.
—JÁ VOU..QUE DROGA PORRA.
—você parece meio bravo hoje meu Guizinho.
—E NÃO É PRA TAR?
Eu disse irritado indo tomar um banho rápido e me arrumar seja lá pra onde ele ia me levar…pelo menos qualquer lugar é melhor que ficar aqui em casa hoje nesse tédio, más tenho fé que ele vai lembrar do meu aniversario e pelo menos me dar os parabéns, tomei o banho mais rápido que pude, vesti um short e uma camiseta legal e coloquei um tênis que geralmente uso no dia a dia.
—já estou pronto – eu disse.
—não, não esta legal não, coloca outra roupa – ele disse.
—QUE DROGA GUSTAVO – eu disse bravo indo vestir outra roupa.
Vasculhei o meu guarda roupa e achei dois conjunto de moletom, um cinza que eu tinha usado aquele dia no parque de diversões e outro de duas cores vermelho e branco escolhi esse, coloquei um tênis vermelho e preto para combinar e dei uma ajeitada no cabelo.
—e agora ficou bom?
—lindo, maravilhoso – ele disse dando mais uma ajeitadinha nos meus cabelos com as mãos.
—vamos meninos – seu Luciano nos chamou ao estacionar seu carro em frente minha casa.
—oi seu Luciano – eu o cumprimentei ao entrar no carro.
—olá Guilherme, pronto pra se divertir muito hoje?
—é o que tem pra hoje né seu Luciano! Eu disse triste.
—há, não fica assim não, você vai gostar Guilherme, vai ser o melhor dia da sua vida, eu garanto – seu Luciano disse feliz.
—tá ..e aonde vamos seu Luciano? – eu perguntei curioso pra ver se ele falava.
—hei! .. eu já te falei que é surpresa – Gustavo respondeu no lugar de seu pai.
—tá … vamos então – eu disse desanimado.
A viagem não foi longa, demorou apenas alguns minutos quando seu Luciano entrou em um lugar cheio de chácaras, eu achei estranho…más eles não falavam por mais que eu perguntasse, seu Luciano dirigiu por mais uns dois ou três minutos até que encostou em uma chácara como muros altos e portão fechado, não dava pra se ver nada lá dentro.
—hei!, o que você está fazendo Gustavo? – eu disse ao perceber ele colocando uma venda nos meus olhos.
—eu já disse que é surpresa meu Guizinho.
— ai meu deus Gustavo, é o que eu estou pensando?
—vem, e você vai descobrir – ele disse me ajudando a descer do carro e caminhando com ele segurando minha mão pra não cair por estar de olhos vendados.
—ai meu deus – eu dizia para mim mesmo.
—pronto aqui já está bom, agora eu quero que você conte bem alto até três e tire a venda- ele disse pra mim.
1… 2 … 3… — FELIZ ANIVERSARIO GUILHERME — todos que estavam ali gritaram ao mesmo tempo, estava todo mundo, minha mãe os pais do Gustavo, o Júlio e o Thiago com suas famílias, mais alguns amigos da minha escola, outras crianças que eu não conhecia, devia ser da escola do Gustavo. todos me desejando feliz aniversario e em suas mãos segurando seus presentes para me dar, meus olhos foram se enchendo de lagrimas.
—vocês lembraram…. – eu disse muito emocionado.
—claro filho, você achou que a gente ia esquecer o seu aniversario – disse minha mãe vindo me abraçar que a abracei de volta.
O Gustavo veio e me deu um abraço muito apertado e gostoso, e o abracei de volta já chorando de tanta emoção.
—você acha que eu ia esquecer o dia mias importante da sua vida meu Guizinho lindo, minha joia preciosa, feliz aniversario amor da minha vida, eu ti amo muito – Gustavo disse sussurrando no meu ouvido.
—obrigado Gustavo, você não imagina o quão importante você é pra mim, eu também tia amo demais, há como eu tia amo tanto – eu também disse sussurrando no seu ouvido e chorando muito.
O nosso abraço foi muito caloroso, não tinha nada igual, acho que até o pessoal da festa devem terem achado meio estranho.
—Gustavo, acho que já está na hora de dividir o Guilherme com os outros convidados também né – seu Luciano disse sorrindo nos fazendo se separar.
—feliz aniversario Guilherme – disse o Thiago e o Júlio me abraçando e me entregando os seus presentes.
—obrigado a todos vocês por se lembrarem de mim, eu estou imensamente feliz, obrigado a cada um de vocês – eu disse enxugando as lagrimas dos meus olhos.
Todos ali me encheram de abraços e meigos, eu me sentia tão feliz que palavras não podiam descrever, recebi todos os presentes menos o do Gustavo, acho que a festa já era o seu presente para mim e isso me deixava imensamente feliz, os presentes eram simples más de coração, eu não ligava pra isso, só em saber que eles estavam ali e me amavam já era o meu maior presente que eu ganhei na minha vida, eles se juntaram e cantaram parabéns, chegou a hora de cortar o bolo, tinha duas velinhas, o numero um e a outra o numero dois, juntas formando o numero doze que era quantos anos eu estava fazendo.
—pra você Gustavo – eu disse ao cortar o primeiro pedaço do bolo.
—há, obrigado meu Guiz… quer dizer, Guilherme, eu estou muito feliz que você me escolheu– Gustavo disse emocionado.
Minha mãe não gostou, más eu dei o segundo pedaço pra ela, para o Júlio e o Thiago eu dei os dois pedaços ao mesmo tempo, cortei mais três pedaços e entreguei ao seu Luciano e dona patrícia e para a irmã do Gustavo, o resto, o pessoal foi se servindo sozinhos, o bolo era bem grande, acho que ia até sobrar, também tinha salgados e refrigerantes, tinha uma piscina enorme com muitas cadeiras, uma churrasqueira que os adultos não perderam tempo e já foram colocando a carne para assar, o tempo passava rápido, o Gustavo, o Júlio e o Thiago sumiram das minhas vistas, más após alguns minutos eu vi o Gustavo, vindo caminhando em minha direção trazendo em sua mão uma pequena caixinha embrulhada com papel presente.
—vem Guizinho, esse presente eu quero dar para você num local mais afastado, não quero que os outros vejam.
—pra mim…… – eu disse me derretendo por dentro.
—sim, vem, me segue.
A gente se disfarçou e despistamos o pessoal que divertiam muito, fomos caminhando pelos fundos da chácara onde tinhas algumas arvores, lá ninguém nos veria e nem nos ouviria, a chácara era bem grande e o local que estávamos era bem discreto.
—aqui já está bom, está pronto para receber o seu presente?
—meu maior presente é você – eu disse e o beijei.
—e você é o meu, aqui que eu comprei com muito amor e carinho pra você – ele disse e me deu a caixinha.
—o que é? – eu perguntei.
—abre e você vai ver.
Fui abrindo aquela caixinha, quando eu vi o que era quase tive um troço, ele tinha comprado aquele celular mais caro que eu vi na loja, meus olhos começaram a escorrer lagrimas e meu coração batendo mais forte do que já estava.
—Gustavo do céu! Isso é muito caro, por que você foi gastar tanto dinheiro assim comigo? Não precisava, como vou poder te retribuir isso um dia?
—com seu amor, só ele já é o suficiente para mim, e nada de recusar hein, eu tive que falar quase um mês no ouvido da sua mãe pra ela me deixar te dar esse presente.
—o meu deus, você deve ser um anjo real mesmo, como eu te amo tanto – eu disse e comecei a chorar em seu peito.
—calma meu Guizinho, não precisa chorar, eu fiz com muito amor, agora enxuga as lagrimas e vamos voltar para a festa.
—tá – eu disse e o beijei – quando íamos saindo dali eu ouvi um barulho um pouco mais ao fundo.
—você ouviu? – eu perguntei ao Gustavo.
—eu ouvi sim, será que são alguém da festa se pegando?
—vamos espiar pra ver quem é?
—vamos, más com cuidado pra não nos verem.
Fomos andando devagar na ponta dos pés para ver quem era que estava ali, ao vermos quem eram não pudemos acreditar no que nossos olhos presenciavam …o Júlio e o Thiago estavam abraçados se beijando na boca num beijo intenso, eu olhei para o Gustavo que olhava pra mim e pra eles com uma cara de surpreso assim como eu estava, fomos nos afastando devagar para eles não perceberem que os vimos.
—cara, que loucura, ainda não estou acreditando – eu disse com minha mão na boca.
—eu estou feliz por eles – Gustavo disse sorrindo.
—que bom que eles deram certo, más não vamos falar nada pra eles que os vimos, quando eles sentirem que podem nos contar eles vão – eu disse.
—eu concordo, é melhor assim.
—será que podemos ficar mais um pouquinho em baixo dessas sombras?, eu quero ficar um pouquinho mais com você a sós.
—claro, tudo por você meu Guizinho, hoje o dia é seu.
—me beija – eu pedi a ele.
—e você não tem medo que alguém nos veja? – ele perguntou.
—eu não ligo, só me beija por favor.
Nos abraçamos e iniciamos um beijo bem gostoso e romântico, era tudo de bom, não era um beijo tão intenso, más sim um beijo de amor, um beijo de duas pessoas incrivelmente apaixonadas uma pela outra.
—ai que fofo – Giovana irmã do Gustavo disse sorrindo nos olhando se beijarmos e nos pegando de surpresa.
—o que você veio fazer aqui Giovana? Gustavo perguntou gentilmente e sorrindo para a sua irmã.
—há, eu só vim para ficar um pouco sozinha e refletir, más ai eu encontrei vocês aqui, acho que vou voltar.
—pode ficar com a gente Giovana – eu disse sendo simpático a ela.
—não …podem namorar em paz ai, más antes eu queria fazer uma pergunta a vocês.
—pode perguntar – Gustavo disse a ela.
—por que vocês não se assumem?
—é complicado – Gustavo disse.
—pois eu não acho, as nossas famílias já sabem, não vejo problema as outras pessoas saberem também.
—é, más podemos perder muitos amigos – eu disse.
—más isso não precisa ser uma coisa tão ruim, pelo contrario, eu acho até que pode ser bom para vocês – ela disse nos fazendo ficar confusos.
—e o que tem de bom em as pessoas deixarem de ser nossos amigos Giovana? Gustavo disse se sentindo chateado com o que ela falou.
—por que as pessoas que vão deixar de ser seus amigos são as que não merecem as suas amizades, e os que são seus amigos de verdade mesmo vão ficar ao seu lado, vocês vão poder saber quem são os verdadeiros amigos e quem são os falsos ….pensem nisso meninos, eu já vou indo de volta lá pra festa – ela disse se retirando nos deixando em duvidas.
—é! Errado ela não esta – eu disse pensando em suas palavras.
—eu também tenho que concordar, desta vez ela deu um bom conselho – Gustavo disse pensativo também.
—lembra que você me falou aquele dia na pracinha que era tão bom beijar ao ar livre? – eu perguntei e o abracei ficando frente a frente com nosso lábios quase colados.
—é, eu me lembro sim.
—e você se lembra que também falou que seria tão bom namorar sem medo das pessoas nos verem?
—sim, eu lembro de tudo, más aonde você está querendo chegar?
—você teria medo de se assumir?
—medo! Nem um pouco, e você?
—eu também não, eu me sinto seguro com você ao meu lado.
—é um grande passo, você quer fazer isto? – ele me perguntou.
—se você quiser, eu tenho coragem aqui e agora– eu respondi.
—oi Guilherme e Gustavo, não sabia que vocês estavam ai? – disse o Júlio acompanhado do Thiago sem graça atrapalhando a minha conversa com o Gustavo.
—oi pra vocês, a gente está aqui namorando um pouco – eu respondi – e vocês o que estavam fazendo?
—hã? …não, é …é que eu e o Thiago fomos ali conversar um pouco sobre um assunto bem complicado – Júlio disse vermelho se sentindo envergonhado nos dando uma desculpa bem fraquinha.
—tá tranquilo pessoal, quando vocês quiserem falar mais sobre este assunto complicado estaremos aqui – disse o Gustavo os deixando muito embaraçados.
—beleza, a gente está voltando lá pra festa – disse o Thiago indo com o Júlio.
Esperamos um pouco e conversamos mais sobre esse assunto de se assumir e juntos decidimos … seguimos juntos de mão dadas sem medo de sermos vistos, a musica corria solta, os meninos e as meninas se divertiam, nossas famílias também, eu e o Gustavo fomos se aproximando, passando pelo meio deles e parando bem no meio do salão, eu abracei o Gustavo de frente e o puxei pra mim fazendo nossas bocas ficarem a centímetros de distancia, neste momento todos ali na festa pararam o que estavam fazendo e focaram suas atenções em nós, o medo tomava conta dos nossos corações, más estávamos decididos e não íamos voltar atrás, ou dava bom ou dava ruim, más qualquer das opções já seria um presente a nós dois, pois agora já estávamos prontos, já era hora do mundo saber e ser testemunha do nosso grande amor, eu o olhei nos olhos e se beijamos num beijo ardente e apaixonado, e enquanto todos na festa batiam palmas nos surpreendendo eu me sentia livre, eu sentia o gosto real da liberdade multiplicada mil vezes mais, liberdade para ser livre e voar neste dia muito especial para mim.

Meus amigos leitores, muito obrigado por chegarem até aqui, esse é o fim da primeira temporada…..em breve novidades…

⏩ O melhor site de desenhos animados pornô do 🇧🇷, HQs eróticas🔥

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,40 de 15 votos)

Por # #
Comente e avalie para incentivar o autor

25 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder greenbox amigobc ID:7xcdrlf8rd

    meus amigos e caros leitores não vou poder entregar a voces a continuação do Rafa E Lucas pois Rafa sofreu um acidente espero mais assim que ele melhora eu volto
    Obrigado Seila pelo seu apoio quem quiser saber noticias app wickr me greenboxamigobc obrigado a todos O menino de olhos verdes Rafa e Lucas nova vida

    • Rodrigo ID:5h7kac8i

      Espero que ele melhore

    • Leandro ID:bemkk7y0qi

      Torço de coração que dê tudo certo, para ele e vocês, fiquem bem,se for possível nos atualize, pois não falo inglês para ter esse aplicativo, melhoras, abraço a todos

  • Responder greenbox amigobc ID:7xcdrlf8rd

    Bom meus caros leitores como eu avia prometido a continuação da biografia O menino de olhos verdes pois bem tive que parar de escrever .Alguns acontecimentos de força maior
    o Rafa sofreu um acidente no inicio desta semana grave mais já esta fora de perigo
    até meu amigo Seila conversei muito com ele e agradeço pelo seu apo
    e quem quiser saber noticias é só pelo app wick me greenboxamigobc
    vou levar uns 6 meses para voltar a escrever o lucas esta bem

    • Seila ID:830zwlnxik

      demore o tempo que for necessário, A saúde de vocês vem em primeiro lugar. E não precisa me agradecer kkkk, pode contar comigo para tudo oque precisar

  • Responder Vitinhovipvp ID:gqb0tjk09

    ✅✅✅✅✅

    Bem… vamos lá né. Gostaria de deixar uma humilde avaliação desta obra. Não que isso seja necessário…. bem longe disso!! A intenção é sempre melhorar. 🖋

    Nesta história é perceptível a semelhança com o outro conto (Olhos Verdes – Greenbox). Em vários pontos isso fica bem evidente. 📕

    Senti um desenvolvimento muito rápido… de repente aconteceu né!!! Mas isso não foi um problema. Na verdade acredito que todos aqui estavam acostumados com as 888 páginas de Lucas e Rafael. ❣️

    💞 Realmente criamos um vínculo muito grande com aquela história porque conhecemos profundamente cada personagem meticulosamente descrito. Senti falta disso aqui. Mas, no geral, deu pra formar uma imagem de cada um, na trama de Paulo Cesar Fan Boy

    💙 O loirinho já chegou chegando viu…. sabia muito bem o que queria… e conseguiu!!! Não é nenhum santinho… Será que estamos vulgarizando demais este estereótipo loiro / olhos azuis / taradinho ❤️‍🔥 [kkkkkkk]. Já ando pelas ruas vestindo o personagem em todos os loirinhos que vejo. [Chega a ser engraçado]

    🤎 Guilherme também não demonstrou grande insegurança. Puxa vida!!! Só temos pais legais nessas tramas viu… Mas, se a intenção é fantasiar, então embarcamos!! Tudo bem.

    O episódio do estupro foi muito perspicaz e pontual. Acontece muito na vida real. E deve ser amplamente denunciado. ⭕️

    A lição sobre PRECONCEITOS foi top. As reviravoltas (Apesar dos claros spoilers) foram a cereja do bolo. 🔅

    A impressão que tive foi que havia uma obra bem extensa e nosso autor tratou de resumir drasticamente a trama….📚 Ohh Sr Autor!!!! Deixa eu lhe dizer: Não me importo de ler um capítulo com mais de dez mil palavras, viu!!! kkkkkkkkkkkkk

    Escreva mais…. muito mais…. Os detalhes que envolvem a trama nos envolvem. Não se obrigue a erotizar demais algumas cenas simplesmente pra saciar a sede pornográfica de alguns singelos leitores. 🫥

    Gostei da sua história. Vamos à próxima temporada né!!! Abraços. 🫡

    😘

    • Seila ID:g3jc2bkzm

      Cara, eu gosto muito dos seus reviews.sao muitos bons mesmo, você leva jeito para a coisa. Só queria dizer que eu faço das suas as minhas palavras também

    • Vitinhovipvp ID:gqb0tjk09

      Obrigado. Vou me aventurar na literatura em breve. Podem esperar histórias com um bocado de emojis. 🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣😘

    • Leandro ID:bemkk7y0qi

      Assino em baixo

    • paulo cesar fã boy ID:7121w172d4

      muito obrigado pela avaliação, eu fico muito feliz que minha historia causou tanto assim, VOU SEGUIR TEUS CONSELHOS E TENTAR MELHORAR MAIS, ME INSPIRAR MAIS, não é facil escrever algo tão complexo, …más ainda não acabou …vem ai uma segunda temporada contada pelo Thiago.

    • Leandro ID:bemkk7y0qi

      Hum,vai mudar os protagonistas, sei não,o Tiago e Júlio são coadjuvantes , um capítulo no máximo, tinha que ser pelo Gustavo, mantendo a mesma linha, só que mais detalhada, mas sem destoar, como vai ser, minha opinião

    • paulo cesar fã boy ID:7121w172d4

      leandro voce vai se surpreender, essa historia é real, os personagens a descrevaram pra mim por palavras, pena que não pude anotar, más esta tudo na minha mente …. guilherme, gustavo, julio e thiago são reais …. nesta segunda temporada cada um deles vai contar sua historia … porem é o thiago que vai prevalecer….. eu levei dois meses pra escrever esses 17 capitulos, vou melhorar e tentar fazer uma historia mais bem escrita, colocar mais detalhes, más vou demorar máis, … se eu for fazer isto pode levar mais de uma ano.

    • Leandro ID:bemkk7y0qi

      O que vai ser ruim, é ter que esperar, mas é isso ai, faça com calma, espero que dê tudo certo, potencial você tem, já sabe a fórmula, e a história é muito boa,te desejo sucesso (tenho certeza que vai ser muito foda a segunda temporada) , abraço.

    • Saulo ID:6stvzosc41

      Parabéns adorei os contos volta logo

  • Responder Marcelo ID:8d5hue520i

    Odorei esse final!

    Muito obrigado por compartilhar comigo!

    Já estou com saudades, espero a continuação dessa história!

  • Responder Hirinho ID:830zqz2b0i

    ai q fooofooo,pfvor nao demore a continuação rsrs

  • Responder Taylor ID:81rcz4joik

    Queria que tivesse a continuação no que deu o Tiago e Júlio, mas me conformo com Guilherme e Gustavo

    • Paulo cesar fã boy ID:7121w172d4

      Vc vai se surpreender muito quando lançar a segunda temporada…..até lá vai demorar no mínimo uns dois a três meses ainda

  • Responder Rodrigo ID:5h7kac8i

    AAA POR FAVOOR ESPERO QUE NÃO DESISTA DA SEGUNDA TEMPORADAAAA ESSAA HISTORIA ME DEIXOU TÃO ANIMADOOOOO, POR FAVOOOOOOOOOORR QUEREMOS MAIIIISS

  • Responder leo ID:fx71s2rhj

    eu gostei bastante!

  • Responder DAVI ID:81ritujd9b

    Ai meu Deusssss já quero a segunda temporada pra ontemmmmmm, isso tudo me deu um misto de sentimentos que a muito tempo eu deixo escondido. POR FAVOR NÃO DEMORA A POSTAR PELO AMOR DE DEUSSSSSSSSSSSSSSSS

  • Responder paulo cesar fã boy ID:7121w172d4

    proxima temporada previsto pra sair daqui a dois meses.

  • Responder Felipe ID:6stwyka7v4

    Nossa que top mal posso esperar pela 2 temporada

  • Responder Leandro ID:bemkk7y0qi

    Porra, tô com duas cachoeiras nos olhos, não acredito que amanhã não vou ter esse conto para,mas valeu por mais essa viagem

    • LL ID:4adeq532k0j

      KKKK eu tô assim também