#

Seduzindo o homofóbico – FINAL

1324 palavras | 18 |4.14
Por

Ele estava deitado no meu ombro, respirando devagar. Todo lindo e cansado. Mas uma mão boba estava se esfregando no meu saco, fazendo carinho nasbolas

Olá, me chamo HDNA e antes de começar o conto gostaria de dizer que ele não é de minha autoria, este conto é do autor Whitechocolate, mas infelizmente ele foi deletado do site em que estava publicado, por isso estou publicando-o aqui. PS: vejam as perguntas no final.

No mesmo dia em que Eloísa saiu, a gente se deitou na cama para dormir, mas eu não consegui. Fiquei imaginando alguma armadilha que fosse estragar tudo. Só Benji me dando beijos, tomando minha atenção para si, só ele me tirou a ansiedade. A gente ainda tinha duas semanas lá na casa de praia, e já no outro dia sem nada de ruim acontecer, eu comecei a deixar cair a ficha. Eloísa não ia falar nada para ninguém. Benji tinha a enfrentado.
Na segunda noite depois do confronto, eu me virei para Benji na cama.
– Você percebeu que era Eloísa na foto no momento em que seu pai mostrou?
Ele estava deitado no meu ombro, respirando devagar. Todo lindo e cansado. Mas uma mão boba estava se esfregando no meu saco, fazendo carinho nas bolas. Quando eu havia perguntado por que ele gostava tanto de fazer carinho ali, ele admitiu que adorava porque era o lugar mais sensível e protegido do meu corpo, e que queria demonstrar o quanto ele adorava poder me tocar lá. Mais uma vez, Benji deixou claro o quanto ele valorizava intimidade. Ao ouvir minha pergunta, no entanto, ele parou de brincar com minhas bolas para olhar no meu rosto.
– Eu não sabia na hora – ele disse. – Mas fiquei na dúvida. Eu mesmo falei com meu pai, perguntei diretamente, e ele confirmou. Engraçado, naquele dia, ele mostrou a foto para se vangloriar, mas não do jeito que a gente pensava.
– Sim. – Eu percebi o que ele queria dizer. – Tudo que ele falou para nós naquele dia foi só um jeito de ele amaciar o próprio ego.
– Desculpa, – Benji disse de repente. – O que você disse na praia… Você tentou ir embora naquele dia e eu fui atrás de você. Eu devia ter te entendido. Entendido o seu medo.
– Eu te amo, Benji. Se eu voltei com você, se eu tô aqui agora, é porque eu confiei mais do que duvidei.
Benji me deu um longo beijo, que logo acendeu o nosso fogo. Sua mão desceu pela minha barriga novamente, repousando nas minhas bolas, e meu pau duro balançou para o lado.
– Eu não canso de chupar esse pau gostoso – ele disse.
Eu não sabia bem se aquele fogo todo iria continuar pelo resto da nossa relação, ou iríamos atingir um ritmo mais estável, então mesmo estando muito exausto, eu segurei na cabeça dele e afundei meu pau na sua boca. Tinha que aproveitar o momento. Sabia disso mais do que nunca.
No fim daquelas férias, quando voltamos para casa – Benji mais escurecido do que nunca, e até eu estava bronzeado – vimos que nada havia mudado. Minha mãe me recebeu, perguntando de tudo que eu não havia falado por telefone. Benji me mandou mensagens falando que Eloísa manteve a boca fechada e os pais não desconfiavam de nada.
Claro que não queríamos nos esconder para sempre, e para isso fomos formando ideias à medida que o tempo passou. Primeiro tínhamos que concluir a faculdade. Foi no início do último semestre que Benji logo indicou que nós precisávamos de bolsas para a nossa pós-graduação em estados diferentes. Éramos ambos estudiosos e podíamos conseguir algo juntos. Ele logo escolheu uma faculdade no sul do país cheia de oportunidades, e começamos a estudar como nunca, deixando até sexo de lado.
Foi durante esse tempo que o pai de Benji foi preso. Ele me ligou durante a noite dizendo que a polícia havia chegado na sua casa, algemando seu pai.
– Pereira finalmente prestou queixas e conseguiu provar todo mundo que havia batido nele. Minha mãe está maluca, procurando um advogado.
– E você? – eu perguntei, pois não queria falar nada que fosse deixar ele mal, por mais que por dentro eu estivesse feliz da vida.
Benji suspirou.
– Eu tô calmo. De certa forma, eu esperava isso. Havia boatos. Pereira saiu por aí dizendo que meu pai e ele tinham… se relacionado. Meu pai e minha mãe tão dizendo que é mentira.
Eu fiquei calado de choque.
– Hugo?
– Você quer que eu vá aí?
– Acho melhor não. Vou ficar com minha mãe por enquanto, cuidar dela.
– Tudo bem. Eu sinto muito. Por mais que eu ache que seu pai merece, eu não quero que você sofra por nada nesse mundo.
– Eu sei. Te amo, Hugo. A gente se vê.
Não foi surpresa para ninguém que a cadeia não segurou Dimitri por muito tempo. A reputação dele tinha sido manchada de certa forma, e isso o deixou bem murcho. Ainda assim, ele era perigoso e eu comentei com Hugo que poderia até piorar a situação, mas eu não estava mais com medo. Se Benji estava disposto a enfrentar o próprio pai, eu estaria do lado dele. Não importa o que acontecesse.
– Não vale a pena. – Benji fechou o livro na mesa da biblioteca. – Por que falar? Não devo isso a ele, especialmente se eu sei o que ele vai dizer. É burrice falar. O melhor é sair. Me afastar. Ficar com você. Ficar seguro.
Eu segurei na sua mão por baixo da mesa.
– Eu também acho.
– Então vamos estudar para conseguir aquelas bolsas – ele disse. Eu assenti.
– Hoje, lá em casa.
Benji sorriu. Eu estreitei os olhos.
– Estudar, Benji. Estudar.
Benji fez uma cara como se não acreditasse em mim.
Ele tinha razão. A gente não estudou quando chegou na minha casa, mas só porque ele tirou a roupa e ficou de quatro. Não tem como resistir aquela tentação. Um moreno bronzeado, de quatro na sua cama, se abrindo para você com toda a boa vontade do mundo. Eu me enterrei em Benji com força, surpreso pelo fato de que as coisas só pareciam estar escalando. Meu desejo só aumentava. Minha vontade de fazê-lo gemer mais e mais.
Meu pau encheu Benji de porra como já estava acostumado a fazer, mas em vez de entediante, ver meu gozo escorrendo do buraco me dava um orgulho imenso. Eu assistia o caminho da porra vazando do seu cu e quando chegava nas bolas de Benji, prestes a pingar, eu lambia. Benji gemia de um jeito que não se importava se soava feminino ou não. Era uma forma de demonstrar passividade também. Ele adorava ser passivo. E enquanto ele adorasse, eu ia adorar ser seu ativo.

Bom gente é isso, muito obrigado a todo mundo que dedicou o tempo pra ler e comentar no conto. Infelizmente eu não consegui recuperar mais nenhum conto do Whitechocolate fora os que já postei aqui no site, mas consegui recuperar algumas sagas do autor El Diablo que foram excluidos.

A pergunta que eu queria que vocês respondessem é a seguinte, eu tenho praticamente toda a saga de “Os Segredos do Meu Pai”, não sei se alguém já leu ou lembra dela, faltam apénas 03 capítulos da primeira temporada. Eu queria saber se vocês querem que eu poste mesmo faltando esses capítulos?
E caso não queiram esse que está incompleto, querem alguma dessas: “Gêmeos”, “Os Garotos do Rugby” ou “Ursos”?

Por favor, sei que é chato, mas tirem 1 minutinho para responder as perguntas.

⏩ O melhor site de desenhos animados pornô do 🇧🇷, HQs eróticas🔥

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,14 de 14 votos)

Por #
Comente e avalie para incentivar o autor

18 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Passivo ID:2qln33qra

    Poste tudo oque tem moço,por favor

  • Responder .... ID:1daiadje8i

    Eu queria tanto que vo e continuasse essa… Exitei muito pra ler, mas realmente adorei e anseio por mais.

  • Responder Asmodeuss ID:dlnwp9c8l

    Na minha opinião tudo que vc tem escondido aí deve ser postado mas se for pra escolher 1 seria os gêmeos

    • HDNA ID:40vpmcenxid

      Alguma razão específica para ela ser a primeira?

  • Responder Adorei a história ID:bemkk7xrzi

    Poste tudo maninho

  • Responder Gaelzinho_20 ID:40vou2ug209

    Mano, posta tudo hehe

  • Responder Gaelzinho_20 ID:40vou2ug209

    Caramba, muito bom. Li essa saga todinha de uma vez, não lembrei nem de comentar nos capítulos anteriores. Muito bom cara.

  • Responder admirador ID:40vom29km9i

    ontigado pelo conto excitante demais, HDNA! posta tudo que tiver incesto hehe

    • HDNA ID:h5hr4g6ic

      Kkkkk ok

  • Responder Yury ID:8efha5rm9a

    Gêmeos

    • HDNA ID:h5hr4g6ic

      Começo depois de “Os segredos do meu pai”.

  • Responder Liz ID:5u0xt7wnhl

    Posta. Os segredos do meu pai

    • HDNA ID:h5hr4g6ic

      Vou postar. Vou lançar um conto de faculdade antes e depois começo a lançar essa saga.

  • Responder luiz ID:dlns5khrd

    Vc tem muito bom gosto, o que vc decidir vamos gostar, mas vc poderia criar os capitulos quefaltam

    • HDNA ID:h5hr4g6ic

      Não acho que seria a mesma coisa, eu não saberia escrever os acontecimentos dos capítulos que faltam pois não me lembro e vocês com certeza notariam a diferença de escrita.

  • Responder Anônimo ID:41igu7w4m9j

    Posta todas kkkk

    • Lucas ID:g3jq4kghj

      Primeiramente obrigado por compartilhar esse conto. É maravilhoso! Segundo, como já comentaram aqui, posta todos se possível. Mais uma vez obrigado pelo conto. Acordar e ler um conto desses e dar aquela aliviada melhora muito o dia.

  • Responder Simplesmenteeu ID:19p3cevzl

    Posta todas. rsrsrs