#

Primo tarado

939 palavras | 1 |2.92
Por

Tenho 35 anos moro sozinho.
Tenho porte médio (nem gordo nem magro).
Como moro sozinho tenho hábito de ficar seminu e as vezes nu dentro de casa.
Tenho as cochas muito próximas na região da virilha, por esse motivo eu uso shorts de malha apertado tipo feminino pra proteger essa região do atrito e evitar assaduras, assim fico pela casa vestido apenas com eles as vezes.
Meu primo vem sempre aqui pois mora próximo e sempre me faz companhia no vídeo game.
Ele sempre faz piadas com meu shorts mas finjo não ouvir pois a assadura é pior. Tentei outras formas de evitar a assadura mas essa foi a mais eficaz.
Ele tenta me constranger elogiando minha bunda e comparando com bundas femininas. Me faço de surdo e as vezes concordo com ele pra deixá-lo sem resposta.
A alguns dias ele me deu um tapa na bunda e disse que eu tinha um rabo muito gostoso e que deixava ele com tesão.
Eu disse que ele tava ficando louco e levei em brincadeira pois ele vivia fazendo piada. Até que ele me deu aquela pegada na bunda que senti seus dedos esfregarem meu buraco bem devagar, fiquei puto na hora, mas confesso que gostei de sentir aquele toque.
E ele repetiu aquilo e depois me deu uma encoxada que eu fiquei com muito tesão. Sentir aquele pau duro na minha bunda foi muito bom e eu já estava quase pedindo pra ele me foder. Até que ele me pegou desprevenido limpando o sofá e me segurou pela cintura apertando o pau duro contra minha bunda e disse que não aguentava mais de vontade de me foder e teria que ser naquela hora. Então ele se esfregou na minha bunda e rapidamente baixou meu shorts ao mesmo tempo que passava sua língua quente e úmida no meu rego e descendo até chegar no ponto entre as bolas e o cu.
Aí eu me deixei levar de vez, que delicia aquela chupada e eu já tava gostando de como ele chupava aquele ponto perto das bolas.
Não demorou muito e ele subiu deixando escorrer saliva no meu rego que senti escorrer pelo meu cu. Então me segurou com uma Mão pela cintura e a outra guiava seu pau na minha bunda. Tinha uns 18cm +ou- e não era muito grosso, eu vi depois.
Ele empurrou devagar até que senti sua cabeça entrar e depois foi forçando até que senti suas bolas me tocar.
Ao passo que começou a puxar e empurrar devagar sempre segurando minha cintura e apertando minhas nádegas. Disse que era o melhor cu que já tinha comido. Enquanto me fazia sua puta disse que aquela não seria a última vez e que eu me preparasse que ele ia me comer todo dia depois daquele. Começou a me foder com força e foi aumentando a velocidade e eu fui gostando de ter aquele pau dentro de mim, eu estava debruçado no encosto do sofá com a bunda empinada recebendo aquele macho com aquele pau delicioso ao qual ejaculou dentro de mim e ficou ali segurando o pau dentro de mim e apenas me ajudou a me deitar no sofá mantendo a bunda pra cima e o pau dentro dela.
Me fez leve massagem nos ombros e perguntou se eu estava bem. Respondi que sim sobre leve gemido e ele afirmou que ainda não tinha terminado comigo e que eu me aguentasse mais um pouco. Passava as mãos nas minhas costas e na minha bunda e logo senti seu pau crescer dentro de mim e me deu muito prazer aquela sensação e eu disse quase sussurrando pra que ele me fodesse gostoso de novo. Me perguntou se eu estava gostando e eu respondi que tava amando aquilo tudo.
Então ele me fez sua puta de verdade. Tornou a me comer ali deitado no sofá. Demorou um pouco mais pra gozar dessa vez. Mas gozou dentro de mim novamente.
Fomos ao banho e então tivemos a chance de nos olhar cara a cara.
Ele me abraçou e disse que nunca tinha ficado tão satisfeito com uma mulher quanto ficou comigo e que da parte dele nos seríamos um casal feliz.
Eu disse a ele que nunca tinha feito aquilo antes e que ele foi meu primeiro macho e que eu estava satisfeito mas meu cu ardia um pouco e eu havia gostado muito de ser penetrado por ele e que eu adoraria fazer de novo.
Dormimos juntos aquela noite, pela manhã acordei ele com meu primeiro boquete chupei mau pra caramba mas ele compensou me fodendo novamente.
Depois desse dia comecei a me depilar pra ele e só recebi elogios. Estou usando fio dental pra ele que fica tarado quando vê. Sinto muito prazer em ter ele dentro de mim, mas sinto mais prazer ainda quando ele me elogia como sua mulher. Me trata com carinho e respeito e age como se eu fosse uma mulher a satisfazê-lo. Sempre ejacula dentro de mim e eu amo receber seu gozo.
Me come em qualquer lugar da casa.
Ainda sinto tesão com mulheres mas estou muito feliz com meu macho. Adoro ser sua putinha.
As vezes peço pra dormir de conchinha com o pau dentro, então ele goza me abraça e assim dormimos.

Deixem comentários se quiserem saber mais.
Somos homens fora da cama mas na cama eu sou sua mulher com muito prazer.

⏩ O melhor site de desenhos animados pornô do 🇧🇷, HQs eróticas🔥

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 2,92 de 13 votos)

Por #
Comente e avalie para incentivar o autor

1 comentário

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder boneco ID:w72i68rj

    muito bom, preciso de primo assim.
    Tambem tenho muitas estorias com primos. me chama no email ;
    [email protected]