#

Perdi o cabaço do cu! Agora marido quer que eu dê a tudo que é macho também

500 palavras | 0 |3.75
Por

OLha minha cara, finalmente com um cacete dentro da bunda! Tomei a decisão, perdi o medo e resolvi dar meu cu ao meu marido, que pede diariamente para ser corno.
Somos um jovem casal realmente casado. Tenho 24 anos e ele tem 30. ele sempre pediu para comer meu cu, mas nunca dei. Foi quando ele me mostrou o site de Selma Recife e descobri outro mundo de verdade (www.bit.ly/selmaprivacy E www.selmaclub.com ) confesso que estranhei tantas mulheres gostarem tanto de dar o cu e seus maridos compartilhando as bundas das esposas com novos amigos. Mas a curiosidade transformou-se em tesão. Fiquei com vontade, pois vejo que Selma e amigas gozam de verdade, mesmo urrando de dor. Mas minha surpresa foi maior quando meu marido pediu para que fizéssemos nosso perfil e falou que queria ser corno. que eu fizesse tudo com ele e com outros machos, igual às casadas do site. Então, topei, mas tinha de saber como era dar o cu. Vejam pela minha cara que estou tensa demais, já que até ontem meu cu era virgem e apertado demais. e ele tinha de fazer esse vídeo para mostrar a todo o Brasil, bem como mostrar a bunda que outros machos vão comer em breve.
Ele lubrifica bem o pau meu cu. Mas vai enfiando e a coisa dói demais. É muito duro e o cu parecia que não dava para se abrir tanto. Grosso demais! vou gemendo, como podem ver no vídeo. quando a cabeça passa, estoura meu cabaço e grito alto. que dor do caralho. Paramos para nos acostumar e depois ele vai entrando devagar. Olha, dá muita dor de barriga esse negócio de pau entrando na bunda. Mas vi que é normal no site e me entreguei ao prazer. Estava diferente e gostoso sentir um pênis em meu corpo, fora da buceta. Estava na minha bunda! A dor era diferente, a dor de barriga me deixava molhada, apesar da vontade de cagar. Ele começa a tirar e botar, aí falei que não dava para aguentar. tive de ir para o banheiro mesmo, amigos. Depois de cagar, me limpei e voltei, mas não adiantou porra nenhuma. Um troço desse na bunda, a vontade volta, mas aí ele não tirou e começa a socar. Começo a me peidar, chamar palavrão e o cheiro entregava que eu estava me cagando ali mesmo. que começo vergonhoso para um anal, mas o importante é que meu macho estava delitando de prazer e isso me relaxou, começo a me tocar e gozar. Ele falou que é assim mesmo e que os machos irão gostar que eu mele seus caralhos. Será mesmo, gente? O que li e me incentivou a fazer tudo isso foi aqui no site mesmo, em www.bit.ly/selmacontos22 pois vi que tem muitas casadas putas e cornos nesse Brasil.

View post on imgur.com

⏩ O melhor site de desenhos animados pornô do 🇧🇷, HQs eróticas🔥

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,75 de 4 votos)

Por #
Comente e avalie para incentivar o autor

Nenhum comentário

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos