# # #

O antigo capataz da fazenda me deixou toda arrombada e dolorida

902 palavras | 5 |3.96
Por

Ele estava com tanta raiva do meu pai que me estrupou e me deixou toda arrombada

Eu sempre morei em área rural.
Meu pai tem uma linda fazenda.
Temos muitos animais e uma grande área que é dedicada a agricultura.
Meu pai descobriu que o responsável por boa parte do trabalho ( o capataz) estava desviando alguns animais.
Então ele foi obrigado a despedir esse funcionário.
Eu sempre adorei andar pela fazenda e conhecia bem a região.
Um belo dia estava voltando da escola, nessa época eu estava com 11, quase 12.
Como o tempo estava chuvoso e caía um sereno resolvi cortar caminho e para isso tinha que passar numa área que tinha um canavial.
Ventava muito também e estava frio.
Eu não conseguia ver a sede da fazenda pois as canas eram maiores do que eu.
Sabia que estava a uns quinhentos metros da casa.
Mais uns dez a quinze minutos estaria em casa.
Só não esperava que de dentro do canavial sairia o antigo funcionário do meu pai.
Ele parecia furioso por ter sido despedido, e antes que eu pudesse correr ele me segurou pelo braço e me puxou pra dentro do canavial.
Bem próximo dali tinha uma experiêncie de cabana onde os funcionários guardavam algumas ferramentas e podiam descansar um pouco.
Só que nesse dia não tinha ninguém no local e o antigo capataz sabia disso, pois estavam todos separando animais para serem vendidos.
Ele me deu um tapa na cara e falou.
Fica quietinha e me obedeça senão acabo com tua raça.
E nesse momento começou a arrancar minha roupa chegando a rasgar algumas peças.
Eu não conseguia me livrar dele.
Como eu me debatia muito ele pegou uma corda e começou a me amarrar.
No local tinha um pequeno trator e foi nele que ele me prendeu.
Eu estava nua pois ele já tinha arrancado minhas roupas.
Eu sabia qual era sua intenção !
Eu uma menina pura e virgem, é claro que ele queria se aproveitar de mim e se vingar do meu pai.
Tive medo que ele me tirasse a vida.
Como eu estava desesperada ele então falou.
Se você for boazinha e fizer o que eu quero, vou deixar você bem para que seu pai te encontre !
Eu não via nada que podesse fazer pra evitar o inevitável.
Foi nessa hora que ele começou a tirar as calças.
Fiquei horrorizada quando vi o tamanho do seu pau.
Era gigantesco e já estava bem duro.
Logo ele falou chupa ele e foi enfiando ele na minha boca.
Quase engasguei devido ao seu tamanho e a brutalidade com que ele fez isso.
Eu não via maneira de evitar tudo isso.
Então só me restava tentar sair dali bem e viva.
Já tinha visto casos na tv em que as meninas eram encontradas sem vida.
Ele forçava seu pau na minha boca chegando a ir na minha garganta.
Ficamos assim algum tempo.
Quando seu pau estava bem duro ele falou.
Hoje vou me vingar do seu pai com louvor !
E começou a forçar minhas pernas pra que eu as abrisse bem.
Então começou a forçar a entrada do seu pauzao em mim.
Ele foi invadindo minha buceta sem pena.
Parecia me rasgar toda.
Logo senti que ele estava me estourando o cabaço.
Ele tirava e voltava a enfiar seu pauzao a todo momento.
Meu corpo tremia, não sei se pelo medo ou por estar sendo estrupada.
Ele alisava meus peitinhos enquanto socava seu pauzao em mim.
Mais o pior ainda estava pôr vir.
Quando ele tirou seu pauzao de dentro da minha buceta e me fez virar de costas pra ele eu sabia que ele ainda não estava satisfeito.
Senti quando ele passou saliva no meu rabinho e encostou seu pauzao no meu cuzinho começando a forçar sua entrada .
Claro que senti dor, ardência e um grande incômodo quando ele enfiou seu pau na minha buceta.
Mais nunca imaginei que iria doer tanto quando a cabeça do seu pau entrou no meu rabinho.
Perdi as forças e minhas pernas dobraram fazendo com que seu pau saísse outra vez.
Mais não adiantou, ele me segurou pela cintura me fazendo erguer o corpo e começou a enfiar outra vez no meu cuzinho.
Parecia que ele estava me dilacerando a bunda.
A dor era tanta que eu não conseguia respirar direito.
Estava quase desmaiando.
E ele continuava a socar aquele pauzao no meu cuzinho.
O alívio foi gigante quando ele começou a gozar e soltou gemidos altos de prazer.
Quando ele tirou começou a escorrer leite pelas minhas pernas e pude notar um pouco de sangue.
Ele me olhou por alguns segundos e falou.
Agora estou satisfeito. Vou te deixar aí pra que seu pai te encontre !
Colocou novamente as calças e sumiu por dentro do canavial.
Quando meu pai me encontrou colocou a polícia e seus empregados procurando o sujeito .
Mais ele não foi mais encontrado.
Hoje estou com 19 anos.
Já superei tudo isso, mais foi necessário muito tempo para que eu tivesse coragem de me entregar ao meu namorado.
Hoje faço sexo com ele na maior tranquilidade, pois ele é muito carinhoso e está sempre comigo e me trata como uma princesa.

⏩ O melhor site de desenhos animados pornô do 🇧🇷, HQs eróticas🔥

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,96 de 28 votos)

Por # # #
Comente e avalie para incentivar o autor

5 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Pauzudo 19cm 25 anos ID:ona04j4xic

    Bom pra você ter sido estuprada nova, viveu bons momentos pelo jeito, agora só fazer seu melhor pra cuidar bem de seu namorado como deve ser

  • Responder Dasilva ID:2ql0b708k

    Um trsuma difícil de oidar, e wue bom wue hoje é uma mulher ativa e trm seu prazer livre desse pesadelo, parabéns pelo relato e desabafo!
    [email protected]

  • Responder vsf bando de arrobado ID:1se6a0qj

    cara, normalmente esses contos são homens que escrevem, é e tao nojento que alguém sinta tesão nisso. É algo, tao doentio ver tesão em estrupo.

  • Responder Carlos ID:bemljnsfic

    Top o conto gostei para caralho. Continua escrevendo assim

  • Responder Dark boy ID:8ef6vikm9j

    Bem triste… , mas que bom que você superou e segue a vida.