# #

Minha prima vez foi na mala do carro

953 palavras | 4 |4.60
Por

Oi como eu havia dito eram dois contos espero que tenham gostado do primeiro.
Só pra lembrar.
Me chamo Júlia tenho 17 anos sou do Rio de janeiro.
Sou morena cabelos compridos 1.65 de altura seios médios bundinha arrebitada.

Apesar do acontecimento que relatei no último conto eu ainda não tinha feito nada.
Só passei a me masturbar lendo contos ou vendo vídeos.

Eu tinha saído pra comprar algumas coisas pra fazer um trabalho de escola geralmente eu pessoa pra alguém chamar um Uber pra mim mas nesse dia aconteceu de eu ficar sem crédito nenhum sem ligação e nem internet.
Tentei fazer uma chamada a cobrar pra um primo meu que sempre pede mas não consegui.
Então fui pra perto de uma lanchonete que geralmente fica um monte de carro parado de Uber eles costumam lanchar ali ou ficar esperando corridas e as vezes fazem corrida por fora.
Então fui pedindo até conseguir um mas a maioria perguntava pra onde era e não queria ir talvez pq o valor seria baixo.
Foi quando conheci o Silvio ele era Uber também mas ele só tinha parado pra lancha e estava indo pra casa pós ele costuma trabalhar de madrugada.
Depois de insistir um pouco ele aceitou me levar.
Seu carro era grande daqueles que tem uns assentos dobrados na parte de trás.
Ele era muito sério mas conversava numa boa e era até um pouco engraçado.
Ele me deixou em casa e paguei o combinado.
No final de semana eu ia na casa de uma tia e por coincidência o Uber que veio era ele fomos conversando e tive a ideia de pedir pra ele ir me buscar ele aceitou e me deu seu telefone pra avisar quando eu iria.
Um tempo depois eu estava em casa sozinha já intediada e não sei pq mandei mensagem pro Silvio.
Ele retornou e ficamos conversando seu carro estava na oficina e ele estava em casa de bobeira.
Ficamos trocando mensagens e ele falou que iria se arrumar pra buscar o carro pós o mecânico ligou dizendo que estava pronto.
Derrepente ele perguntou se eu não queria ir no cinema e eu disse sim.
Ele disse que buscaria o carro e passaria pra me buscar.
Fui me arrumar não coloquei nada de mas só um vestido de alcinha e um tênis.
Ele chegou e fomos primeiro em um mercadinho comprar uns petiscos pra comer no cinema.
Passamos perto do corredor de bebidas e eu pedi pra ele comprar um vinho e cerveja que eu queria esperimentar ele relutou mas consegui convencer ele.
Ele também comprou queijo e salame.
Ele passou em um posto e comprou um pouco de gelo e colocou Tudo dentro de um cooler que ele tinha no carro.
Fomos pro cinema vimos o filme comemos o petisco e saímos.
Paramos em um lugar um pouco deserto ele abriu a mala do carro e sentamos ali e começamos a beber.
Como não estou acostumada logo não sentia o chão.
Começamos a nós beijar eu viajei naquilo e quando dei por mim eu já estava nua no colo daquele homem.m
Ele chupava meus peitinhos e alisava minha bucetinha eu estava completamente entregue ele mandou eu chupar seu pau e eu obedeci me ajoelhei e abri sua calça pela primeira vez eu vi e segurei em um pau eu nunca tinha chupado um mas me lembrei dos vídeos e fiz igual.
Segurei firme e passei a língua em todo ele comecei a sugar suas bolas e masturbava seu pau até ficar bem duro então voltei a passar a língua abri bem a boca e comecei a engolir cada pedacinho.
Ele segurava em meus cabelos e de vês em quando forçava minha cabeça pra que entrasse tudo na minha boca eu me engasgava mas voltava a mamar cada vez com mas vontade.
Ele segurou minha cabeça e gozou em minha boca me fazendo engolir sua porra quase toda um pouco escorreu pelo meu queixo.
Ele me colocou deitada no carro e abriu minhas pernas e começou a lamber e sugar minha bucetinha eu só gemia e me contorcia.
Depois de um tempo ele sobe beijando meu corpo e volta a chupar meus peitinhos enquanto esfrega seu pau na minha bucetinha.
Ele me puxou pra ponta e deu três estocadas fortes a última eu senti como se me rasgasse e seu pau invadiu minha bucetinha dei um grito alto de dor na hora ele rapidamente me beijou e ficamos parados por um tempo nos beijando.
Ele começou um vai e vem devagar mas ainda ardia um pouco mas logo foi passado.
Ele almentou as estocadas e eu já gemia de prazer ele segurou minhas pernas no alto e socava com força fazendo um barulho alto quando nosso corpo se tocava.
Ele me colocou de quatro apoiada no carro com as penas afastadas e continuou socando forte.
Tive um forte orgasmo me tremi toda e minhas pernas ficaram bambas ele me segurou e continuou socando senti sua porra enchendo minha bucetinha e gozei novamente.
Ele me segurou e me ajeitou no carro eu estava exalta.

Ele me levou pra casa e nem banho tomei fui direto pra cama bêbada e recém deflorada.

Depois disso já saímos mas duas vezes na última ele tentou comer meu cuzinho mas não aguentei e comecei a gritar pra por favor parar.
Mas vou tentar dinovo e depois conto como foi.

Espero que tenham gostado bjs…

⏩ O melhor site de desenhos animados pornô do 🇧🇷, HQs eróticas🔥

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,60 de 25 votos)

Por # #
Comente e avalie para incentivar o autor

4 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Moreno do mar ID:gsv3mjphl

    Olá Ju! Tudo bem? O que acha de conversarmos um pouco?

  • Responder DomMk ID:4adeq532d9j

    Excelente.
    Mulher tem o dever de dar prazer e servir o Homem, vocês nasceram para isso e somente aquelas que cumprem seu dever corretamente tem algum valor.
    São nada mais do que objetos sexuais para nós usarmos quando e onde quisermos, devendo sempre estar prontas para cumprir o seu dever e nos oferecer seu corpo.
    Implorem pelo mínimo de atenção nossa, pois humilhação e xingamentos são nada mais do que elogios e recompensas para vocês que, como boas Putas, só sabem pensar em pau e leite de macho o tempo todo, desejando ser recompensada com um belo estupro.

    Telegram: @Mk_Safad0

    • Nov.ju ID:xloried1

      Cara vc e um babaca.

  • Responder Gostoso pau ID:e8go5p20j

    Queres experimentar comigo pro cuzinho sou experiente?