# # # #

Fui criada na rola do meu padrasto

756 palavras | 10 |4.44
Por

Bom, me chamo Lua (nome fictício), atualmente tenho 24 anos. Tudo o que vou relatar aqui aconteceu de verdade comigo.

Sou baixinha, tenho um corpo mediano com seios pequenos e uma bunda grande, minha pele é branquinha, tenho cabelos cacheados e ruivos.
Quando eu tinha por volta dos meus 7 anos minha mãe conheceu um homem que trabalhava viajando e logo se apaixonou. Mas, como ele estava em nossa cidade a trabalho logo teve que ir embora pra cidade dele que era São Paulo, minha mãe sem pensar muito foi atrás dele e levou eu e outras 2 irmãs que eram mais velhas que eu. No inicio foi tudo super tranquilo, eu só queria brincar na casa nova e não via maldade alguma no meu padrasto. Me recordo que uma vez ele estava fazendo cocegas em mim em cima da cama da minha mãe e eu toquei encima da bermuda dele que estava com o pau duro, fiquei curiosa e perguntei o que era aquilo e ele me mostrou o pau tirando da bermuda. Mas, acho que ficou com medo e não repetiu mais aquilo.
Quando eu já estava com os meus 11 anos, comecei a me interessar mais pela internet e adorava ficar horas no Orkut conversando com meus amigos da escola, e nessa época eu morava sozinha com ele e minha mãe e foi quando tudo começou. Ele saiu do trabalho e começou a passar mais tempo em casa, já que estava recebendo o seguro desemprego, e minha mãe trabalhava o dia todo, e como eu estava de férias acabava passando o dia todo com ele. De inicio ele começou a controlar quanto tempo eu ficava no computador, e até olhava meu histórico pra ver onde navegava. E eu estava entrando na fase de conhecer meu corpo, já me masturbava sozinha em casa assistindo os filmes pornôs que ele e minha mãe guardavam no quarto. Nem sei dizer se eu ainda era virgem, pois minha mãe tinha muitos brinquedos eróticos como consolos, e eu ficava me masturbando com eles, bastava ficar sozinha em casa que ligava o DVD, colocava o pornô e ia enfiar o consolo da minha mae na bucetinha, lembro que não entrava muito, mas eu me acabava de gozar nele. Nisso uma vez meu padrasto me pegou no flagra assistindo pornô no notebook que ele tinha me dado de presente. Ele abriu a porta do meu quarto com tudo e eu fechei a tela no susto, mas não fechei a pagina então o áudio da mulher gemendo continuou tocando e ele ouvindo já foi logo falando assim
– Ta assistindo pornô filha da puta?
Lembro certinho de como ele tinha dito pq ficou muito na minha cabeça esse dia. Eu não respondi, só ri sem graça… Ele abriu a tela e viu que o pornô era de uma mulher sendo abusada a força no sofá e acho que ele não se segurou a partir dai foi que ele enfiou a mão por debaixo do lençol e tocou minha buceta que estava ensopada, na época eu nem sabia se era errado, estava tão excitada que só queria gozar então fui deixando. Ele me levou pra cama da minha mãe e alí mesmo começou a me chupar e eu não tinha reação nenhuma, só ia deixando ele fazer o que queria. Nesse dia ele enfiou o pau dele no meu buraquinho e passou a me comer todos os dias.
Muitas vezes eu fingia estar dormindo enquanto ele me comia, pois tinha vergonha de admitir que gostava daquela putaria e ele sempre me dava muitos presentes e dinheiro em troca de me comer. Uma vez enquanto eu tomava banho, ele entrou dentro do banheiro e me colocou de quatro em cima do vaso e ali comeu meu cuzinho e foi tão gostoso que eu queria repetir sempre.
Ele me comeu até eu fazer meus 17 anos, e sempre foi tudo escondido da minha mãe, na frente dela eu chamava ele de papai e por trás ele me comia sempre que dava.
Só que minha mãe se separou dele então fui perdendo o contato com ele, mas sempre que precisava de alguma coisa eu ia atras… Ele me comia e dava tudo o que eu pedia. Sinto muita falta dele. Hoje em dia eu sou casada e mudei de estado para fazer faculdade. Caso queiram, eu posso escrever outros contos com mais detalhes das nossas transas.

View post on imgur.com

⏩ O melhor site de desenhos animados pornô do 🇧🇷, HQs eróticas🔥

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,44 de 34 votos)

Por # # # #
Comente e avalie para incentivar o autor

10 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Mestre ID:gipivg4v1

    Continua

  • Responder Júlia Putinha ID:81ritugb0k

    Nunca tive um padrasto, e o meu pai nunca fez isso cmg, mas por sorte fui criada no pau do meu cunhado e do meu primo que me estupraram e me ensinaram a ser mulher de vdd, agradeço a eles por terem me mostrado o meu lugar, amo ser adestrada BB por machos que não tem pena de putas inúteis como eu, minha única fincão na vida é abrir as pernas pro macho e deixar ele se aliviar o quanto quiser

    • Wagner ID:2qls5649b

      Que delícia. Conta mais.

  • Responder N.o.M ID:g3jqeufid

    No like vi uma menina de uns 12 anos elogiando um cara que postou um vídeo no qual ele se masturba. Nunca tinha visto isso na minha vida

  • Responder Dona Maricota ID:19p3wwt0j

    Esse mundo tá perdido mesmo. Que menina arretada de sapeca, dando pro padastro e botando chifre na própria mãe. Onde nós vamos parar?

  • Responder DomMk ID:4adeq532d9j

    Agradeça a ele Vadia, seu padrasto lhe ensinou qual é o dever da mulher desde pequena, podendo gerar um grande valor assumindo e aceitando a puta que você é.
    Mas infelizmente não o fez…. Que decepção.
    Mulher nada mais é do que uma fêmea inferior a nós, com o único propósito de dar prazer ao Homem e nos servir a todo momento, como boas Putas que só sabem pensar em pau o tempo inteiro.
    Estejam sempre prontas para nos servir, implorem para serem estupradas e depois agradeçam por serem usadas, pois é só isso que vocês merecem.

    Telegram: @Mk_Safad0

  • Responder Jr ID:s484o209

    Perfeito teu conto meus parabens , gostaria de manter contato com vc, se quiser meu email é [email protected]

  • Responder Patron ID:xbjxsi40

    Muito gostosinha, adorei este relato.
    Tenho uma enteada, mas quem sabe no futuro a gente se conheça melhor nesses pequenos detalhes… Ela me chama de papai tbm.
    Minha filha querida, eu a amo muito como amante mas quem sabe um dia a gente faça algo novo… Enfim, um dia é um dia…

    • Ivo ID:xgm12g8k

      Ótimo conto, gostaria de ler mais contos

  • Responder Gato Safado ID:3vi2jycg49j

    Queria uma enteada assim como vc pra eu fuder sempre que quiser