# # # #

Fim De Semana Das Garotas

4182 palavras | 2 |4.36
Por

Hoje trago a vocês o conto enviado pela Amélia onde ela conta sobre o seu primeiro sexo lésbico e também da iniciação da sua filha de 8 anos no sexo.

(Obs:Os contos narrados aqui não são de minha autoria são de pessoas que tiveram a experiência relatada no conto mas mao tem coragem de postar a sua experiência e então essas pessoas me enviam os seus contos e eu conto as historias delas aqui no site alterando apenas os nomes dos envolvidos para não expor ninguém.
Sempre no inicio dos contos irei apresentar o meu nome como SexyBoy já que não pretendo revelar o meu verdadeiro nome.
E se você leitor tiver uma experiencia sexual que não tenha coragem de postar aqui no site você pode me mandar ela no e-mail:[email protected] que eu irei postar aqui no site, só peço que antes de me mandar a sua historia/conto altere os nomes dos envolvidos para evitar exposição ou problemas para eles. Não me enviem contos que contenham Scat pois acho nojento e não irei postar.)

Olá SexyBoy o meu nome é Amélia e eu tenho 30 anos, eu sou casada com o Vicente que é 10 anos mais velho do que eu e tem 40 anos e temos uma filha de 8 anos que se chama Luna, quando conheci o Vicente eu tinha eu tinha 17 e ele 27 anos, nos conhecemos no clube onde as nossas famílias frequentavam, no caso dele ele já frequentava sozinho, bom as vezes ele ia com a família dele, quando nos conhecemos começamos a conversar e fomos ficando cada vez mais amigos, eu adorava conversar com o Vicente principalmente por ele ser mais experiente do que eu, a também porque toda adolescente adora um cara mais velho, eu perguntava se ele namorava ou se era solteiro e ele me disse que já tinha namorado mas havia terminado pois ele e a antiga namorada discordavam em muitas coisas, ele também perguntava se eu estava namorando e eu dizia que não que nunca tinha namorado a sério só ficado mesmo sem compromisso, com o tempo nós fomos nos aproximando mais até que ele disse que estava gostando de verdade de mim e pediu para ficar comigo, e eu que também estava gostando dele aceitei e nós ficamos pela primeira vez eu uma adolescente de 17 anos e ele já um homem de 27 anos, depois daquele dia nós passamos a ficar quase todos os dias que nos víamos no clube, até que ele me pediu em namoro e disse que tinha certeza de que eu era a mulher da vida dele, eu que também estava toda apaixonada por ele aceitei na hora, ele então disse que só me pediria em namoro para os meus pais quando eu estivesse com 18 anos pois eu estando com 17 anos ele tinha certeza que os meus pais não iriam deixar a gente namorar, então até eu fazer 18 anos nós namoramos escondidos, quando eu estava com 18 anos ele finalmente me pediu em namoro para os meus pais que deixaram a gente namorar, mas o meu pai pegava bastante no pé do Vicente por ele ser mais velho, dois anos depois o Vicente me pediu em casamento e eu aceitei, nós nos casamos e no meio do ano seguinte eu descobri que estava grávida o que foi uma notícia que deixou eu e o Vicente muito felizes pois nós iriamos construir uma família feliz, dois meses após eu completar 22 anos a minha princesinha Luna nasceu, ela era uma menina linda, 8 anos se passaram e nós continuava-mos uma família uma família feliz, Luna agora tem 8 anos e é uma menina linda, branquinha, cabelos castanhos claros e lisos, olhos azuis que puxou do pai dela, super meiguinha e tem um corpinhho lindo, o meu marido é branco, cabelos castanhos claro quase loiro e liso que ele sempre usa raspados nas laterais e atrás, olhos azuis e um belo corpo malhado pois adora uma academia além de um pau que não é de tamanho sobre-humano mas também não é pequeno, eu sou branca cabelos ondulados e castanho escuro quase preto, meus olhos são verdes, tenho um corpo malhado pois também gosto de ir na academia, os meus peitos são médios pois eu não quis colocar muito silicone e a minha bunda também é no ponto pois eu malho bastante os glúteos, eu e o meu marido sempre gostamos de melhorar cada vez mais o sexo para não deixar a nossa vida sexual cair na rotina, mas como a vida as vezes é um pouco corrida sempre acaba caindo e é ai que vem os finais de semana que a gente viaja que nos ajudam a dar uma esquentada na nossa vida sexual mesmo a nossa filha estando junto o que não é problema pois ela sempre tá dormindo na cama de solteiro ao lado enquanto nós transamos na cama de casal do quarto de hotel em que estamos, eu comecei a perceber que o meu marido transava com mais vontade e animação quando a nossa filha estava dormindo no quarto com a gente não só nos hotéis como em casa também, me lembro de uma noite que estava chovendo e trovejando bastante e a nossa filha apareceu na porta do quarto bem na hora que nós íamos começar a transar e pediu para dormir na cama com a gente por estar com medo dos trovões, e então depois que ela dormiu nós acabamos transando ali mesmo do lado dela claro sem fazer muito barulho para não acorda-lá, e eu nesse dia percebi que o meu marido estava metendo com muito mais vontade do que das outras vezes e parecia que ele estava com muito mais tesão, eu então comei a pensar e não tive mais dúvidas de que aquele tesão a mais que o meu marido estava sentindo era por causa da nossa filha, aquilo era estranho e surpreendente mas eu tinha certeza que o meu marido sentia tesão pela nossa filha, mas eu nunca tive coragem de perguntar nada para ele pois eu não saberia como agir dependendo da resposta dele, todo mês a gente escolhia um final de semana para viajar e relaxar, e dessa vez escolhe um final de semana que iria ser maior pois teria um feriado na segunda feira seguinte, então nós poderíamos viajar na sexta a noite como sempre fazíamos e dessa vez voltar só na segunda feira ao invés do domingo, meu marido então fez a reserva no hotel que nós iriamos ficar, como sempre ele avisou que nós chegaríamos na sexta a noite por volta de umas 23h mas que dessa vez nós ficaríamos até a segunda feira a tarde, ele fez essa reserva com umas 3 semanas de antecedência, dois dias antes de nós irmos viajar o meu marido chega do trabalho e diz que não poderá mais ir viajar comigo e com a nossa filha, ele conta que terá que fazer uma viagem de negócios pela empresa para se reunir e tentar fechar negócio com um possível novo investidor lá da França, pergunto para ele se ainda dá para cancelar as reservas que ele fez para a gente e ele responde que sim mas que eu não iria cancelar pois eu deveria viajar mesmo sem ele para aproveitar o final de semana prolongado, ele então sugere que eu chame a minha amiga Ayla para viajar comigo e com a nossa filha no lugar dele, a Ayla era a minha melhor amiga desde que a gente tinha uns 10 anos, a Ayla hoje é uma mulher linda, Loira, cabelos lisos e compridos, olhos azuis, tem os peitos grandes por causa do silicone, uma bunda no ponto e um corpo bem malhado pois ela é professora de educação física e trabalha numa academia na qual ela já é quase a dona, concordo com o meu marido e digo que vou ligar para a Ayla para ver se ela topa, ligo para a Ayla que topa o convite na hora, o dia da viagem finalmente chega e nós viajamos no carro da Ayla, como o litoral não era tão longe de casa só levamos 1h40 minutos até chegar lá, pegamos a chave do quarto na recepção e subimos para o nosso quarto, Luna estava toda falante com a tia Ayla modo como ela chamava a Ayla, naquela noite nós apenas pedidos um serviço de quarto e ficamos as três juntas ali vendo tv e depois fomos dormir para aproveitar o sábado, no dia seguinte tomamos café e já fomos direto para a piscina do hotel, a praia estava um pouco cheia então nós achamos que seria mais tranquilo ficar na piscina do hotel mesmo, entramos as três na piscina e brincamos um pouco lá, Luna estava usando um bikini rosa dela com desenho de estrelinhas que ela adorava, eu estava usando o meu bikini azul claro e a Ayla estava usando um bikini prata que deixava ela muito sexy, depois de um tempo brincando na piscina nós vamos nos deitar um pouco nas espreguiçadeiras, Luna fica brincando com um outra menina que ela conheceu lá, depois de um tempo nós vamos ao restaurante do hotel para almoçar pois a Luna já estava reclamando que estava com fome, após o almoço nós vamos dar uma volta na praia pois a Luna estava querendo muito ir até lá, durante a volta na praia conversamos com umas pessoas que nos contam sobre um luau que teria aquela noite na praia, voltamos ao nosso quarta e ficamos descansando um pouco lá, a noite vesti-mos os nossos bikinis que já estavam secos graças a secadora do hotel e vamos até a praia ver o luau que nós acabamos não gostando muito e resolvemos voltar para o nosso quarto, a minha filha já com sono pede para dormir na cama de solteiro onde a Ayla estava dormingo pois ela diz que eu me meixo muito durante a noite e ela queria dormi na cama de solteiro sozinha, respondo que tudo bem e a Luna se deita na cama de solteiro ainda de bikini e dorme rápido, e eu e Ayla ficamos na cama de casal e começamos a conversar, e Aly pergunta se eu gosto de massagem e eu digo que sim, e ela então pergunta o que acho de ela fazer uma massagem em mim e diz que eu não vou me arrepender se eu deixar, percebi que Ayla estava com segundas intenções mas eu não me importei pois eu meio que já estava sentindo tesão pela Ayla desde que a vi naquele bikini prata e então eu topei, Ayla então pega um óleo da sua mala e começa a me massagear, e que massagem boa, ela vai massageando todo o meu corpo, e depois de um tempo ela fala que tem um jeito da massagem ficar ainda mais gostosa e que para isso eu tenho que tirar a parte de cima do meu bikini, eu que já estava com muito tesão apenas respondo que tudo bem e tiro a parte de cima do meu bikini, Ayla então volta a me massagear e começa a passar as mãos nos meus peitos, Ayla já cheia de tesão começa a me beijar, era o meu primeiro beijo numa mulher, Ayla então começa a chupar os meus peitos, eu vou apenas me deliciando e aproveitando o momento, ela vai chupando todo o meu corpo até chegar na minha buceta, Ayla já louca de tesão tira a parte de baixo do meu bikini e começa a chupar a minha buceta, e como era gostoso aquilo, eu gemia pra caramba, depois de um tempo Ayla para de chupar a minha buceta e tira a parte de cima do bikini dela e volta a me beijar na boca, depois ela se deita na cama e eu começo a chupar os peitos dela, era a primeira vez que eu chupava os peitos de uma outra mulher e eu estava adorando, e então começo a chupar todo o corpo da Ayla até chega na sua buceta, eu com muito tesão tiro a parte de baixo do bikini de Ayla e começo a chupar a buceta dela, naquele momento eu finalmente entendia porque os homens gostavam tanto de chupar uma buceta, era muito bom, depois de um tempo chupando a buceta da Ayla voltamos a nos beijar, e como era gostoso sentir o meu corpo colado no dela, e então nós iniciamos uma bela tesoura, nessa hora nós gemia-mos bastante de tesão com as nossas bucetas coladas uma na outra, depois de um tempo ali naquela tesoura nós olhamos para o lado e vemos uma coisa que nos pega de surpresa, a Luna estava acordada e estava nos assistindo, no começo do sexo nós achamos que ela estivesse dormindo pois nós olhamos para ela e ela estava virada para a parede e então nós nem olhamos mais para ela e nem sabíamos o quanto ela tinha visto, Ayla saí da tesoura e vai até a cama de solteiro falar com a Luna, ela fala para a Luna que ela deve ser uma boa menina e guardar segredo e não contar daquilo para ninguém inclusive para o pai dela pois aquele é um segredo de garotas e que deve ficar só na noite das garotas, Luna diz que não vai contar nada para ninguém e que sabe guardar um segredo, Ayla diz que a Luna é uma boa menina e que merece se divertir também, ela dá um beijo no topo da cabeça da Luna e depois pega na mãozinha dela e a leva para a cama para se juntar a gente, falo que aquilo é loucura e Ayla diz que a Luna já tem 8 anos e meio e que naquela idade por experiência própria as meninas já sentem tesão, Luna então se deita no meio da gente e Ayla começa a passar a mão nos peitinhos na bucetinha de Luna por cima do bikini, Ayla então dá um selinho em Luna e depois começa a ensina-lá a beijar, eu nessa hora começo a tocar uma siririca vendo as duas, Ayla então tira a parte de cima do Bikini da Luna e começa a chupar os peitinhos dela que ainda eram retinhos pois ela só tinha 8 anos, Luna parecia estar gostando e apena curtia o momento, Ayla então começa a chupar todo o corpinho da Luna até que chega na bucetinha dela, Ayla com um tesão incontrolável tira a parte de baixo do bikini da Luna, Ayla começa a chupar a bucetinha da Luna que era bem branquinha e lisinha sem nenhum pelinho pois ela só tinha 8 anos, depois de um tempo se deliciando na bucetinha da Luna, Ayla para me olha e diz ”Vamos Amélia prove a sua filha para você ver como ela é gostosinha”, eu então paro de tocar a siririca e começo a beijar a minha filha na boca com um selinho e depois vou beijando ela pra valer enquanto a Ayla continua chupando a bucetinha dela, paro de beijar a minha filha na boca e começo a chupar os peitinhos dela, Luna nessa hora já dava pequenos gemidinhos enquanto era chupada na bucetinha pela Ayla e nos peitinhos por mim, depois de um tempinho nós trocamos e eu começo a chupar a bucetinha da minha filha enquanto a Ayla volta a chupar os peitinhos dela, depois de um tempo Ayla se deita na cama e Luna se deita por cima dela e as duas voltam a se beijar enquanto eu volto a tocar uma siririca vendo elas, Luna então começa a chupar os peitos de Ayla que vai a loucura de tanto tesão, Luna vai chupando todo o corpo de Ayla até chegar na buceta dela, Luna começa a chupar a buceta de Ayla que geme alto de prazer e tesão, depois de um tempo paro de tocar a siririca e me junto a Luna e começo a chupa a buceta de Ayla junto com ela, Ayla vai a loucura de tanto tesão que está sentindo comigo e a Luna chupando a buceta dela ao mesmo tempo, depois de um tempo nós paramos de chupar a Ayla e eu me deito na cama e a Luna se deita por cima de mim e nós começamos a nos beijar, Luna então começa a chupar os meus peitos e depois vai chupando todo o meu corpo, Ayla apenas nos observa e toca um siririca, Luna então começa a chupar a minha buceta, e como era delicioso sentir aquela línguinha tão pequena na minha buceta, depois de um tempo Ayla para de tocar uma siririca e se junta a Luna e começa a chupar a minha buceta também, enquanto chupa a minha buceta junto com a Luna, Ayla coloca um dos dedos no cuzinho da Luna que nem reclama pois parece estar gostando, depois de um tempo nós paramos e Ayla e Luna começam uma bela e deliciosa tesoura, eu então começo a beijar Ayla e depois beijo Luna, e então fico apenas observando elas enquanto volto a tocar uma siririca, depois de um tempo Ayla e Luna param com a tesoura e Ayla diz que agora é a vez da mamãe, e então Luna e eu começamos uma deliciosa tesoura, Ayla primeiro beija Luna e depois me beija, ela então começa a tocar uma siririca deliciando com aquela gostosa tesoura entre mãe e filha, depois de um tempo Ayla e eu nos deitamos na cama e a Luna coloca uma das mãozinhas na buceta da Ayla e a outra mãozinha na minha buceta e começa a tocar uma siririca para nós duas que geme-mos alto de tanto tesão, depois de um tempo ali sentindo aquelas mãozinhas da Luna nas nossas bucetas nos duas enchemos as mãozinhas dela de porra que saem meladas de dentro das nossas bucetas, Luna se deita na cama no meio de nós e Ayla começa a tocar uma siririca na bucetinha de Luna, enquanto isso eu apenas vou passando a mão no corpinho da Luna, Ayla começa a beijar a Luna enquanto eu começo a chupar os peitinhos dela, depois Ayla para de beijar a Luna e começa a chupar os peitinhos dela enquanto continua tocando uma siririca na bucetinha dela, eu então começo a beijar a minha filha e depois começo a chupar um dos peitinhos dela, e ficamos Ayla e eu chupando a Luna ao mesmo tempo, eu em um peitinho e a Ayla no outro enquanto continua tocando uma siririca na bucetinha da Luna que geme bastante, depois de um tempo saí uma pequena gotinha rala da bucetinha de Luna na mão de Ayla, Luna só tinha 8 anos e meio é claro que ela não ia gozar como uma adulta, depois daquele delicioso sexo lésbico a três nós vamos ao banheiro onde tomamos um delicioso banhos na hidromassagem as três juntas e depois voltamos para o quarto onde dormimos as três juntas na mesma cama, no dia seguinte acordei primeiro e fui tomar um banho pois estava com muito calor e depois de tempo Ayla aparecesse no banheiro e entra no chuveiro comigo, ela pergunta se eu curti a nossa noite juntas e eu respondo que sim, mas que estava me sentindo um pouco culpada por ter deixado a minha filha participar e por ter ficado com ela também, Ayla então diz que eu não deveria me sentir culpada pois é super normal os pais sentirem tesão pelos filhos, e que a Luna já tem 8 anos e meio e nessa idade as meninas já sentem tesão e já se tocam, mudo de assunto e pergunto se ela já tinha ficado com outra mulher e ela diz que sim, pergunto se ela é lésbica e ela diz que não, ela diz que é bi sexual, ela diz que gosta de homens e mulheres e que deseja se casar com um homem e ter um relacionamento aberto para poder sair com umas mulheres de vez enquando e que não vai ligar se o futuro marido quiser sair com outras mulheres, falo para ela que fiquei feliz por ela ter sido a primeira mulher que eu fiquei, e ela diz que também ficou feliz por isso, pergunto a ela quanto tempo ela sente atração por mulheres, e ela diz que acha que desde os 9, 10 anos, nesse momento eu me lembro de quando nós tínhamos 10 anos, Ayla e eu eramos da mesma idade, Ayla era apenas 2 meses mais velha do que eu, me lembro de que a Ayla adorava tomar banho junto comigo quando nós tínhamos 10 anos, ela adorava esfregar o meu corpo após ensaboa-lo, a minha mãe nessa época não ligava e nem via maldade em nós duas tomarmos banho juntas pois nós eramos duas crianças, Ayla volta a falar da Luna e diz que eu não devo me sentir culpada por ter ficado com ela, pergunto a Ayla se ela já ficou com alguma outra menina além da Luna e ela diz que sim, ela conta que uma vez ficou com uma cliente lá da academia e a filha de 10 anos dessa cliente e que foi muito bom, ela então diz que tem certeza de que o meu marido também deve sentir tesão pela nossa filha, comento com ela sobre ele transar com mais vontade nas vezes que a nossa filha estava no quarto com a gente dormindo perto da gente, Ayla então diz que isso é mais uma prova de que o meu marido sente tesão pela nossa filha e me da uma ideia para ter certeza disso, ela então fala para eu esconder uma câmera na sala de casa e falar para o meu marido que eu vou sair e deixar ele em casa sozinho com a Luna, e falar para a Luna que quando estiver só ela e o pai dela em casa é para ela dar em cima dele e colocar a mão no pinto dele por cima da calça mesmo e depois ficar rebolando no colo dele, e ai se ele mandar ela parar e afastar ela é porque ele não sente tesão por ela, mas se ele não fizer nada e começar a tocar ela também é porque ele sente tesão por ela também, gosto do plano e falo que vou por em prática logo, aquele domingo foi maravilhoso nós três curtimos uma praia durante o dia e a noite nós três transamos novamente, no dia seguinte fomos embora após o almoço pois no dia seguinte a minha filha tinha escola, alguns dias depois o meu marido chegou de viagem e pergunto se a minha viagem sem ele foi boa, e eu respondi que sim mas não falei sobre a minha primeira transa com uma mulher para ele, no sábado 3 dias após ele ter chegado de viagem resolvi colocar o meu plano para saber se ele tinha tesão pela nossa filha em prática, escondi a câmera na sala num local onde ele não poderia ver, e então acordei a nossa filha e expliquei tudo o que ela deveria fazer, eram por volta de umas 14h30 e eu falei para o meu marido que eu iria sair pois a Ayla tinha me ligado e pedido para eu ir com ela ajudar ela a comprar uma roupa para ir a um casamento que ela tinha sido convidada e ele disse que tudo bem, saí e só ficaram o meu marido e a Luna em casa, e quando voltei eu assisti o que aquela câmera tinha gravado e tive a prova de que o meu marido realmente sentia tesão pela nossa filha mas isso é história para outro dia, espero que você tenha se divertido e batido muita punheta pensando em mim, na Ayla e na minha filhinha Luna em um belo sexo lésbico a três.

⏩ O melhor site de desenhos animados pornô do 🇧🇷, HQs eróticas🔥

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,36 de 11 votos)

Por # # # #
Comente e avalie para incentivar o autor

2 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Claudio ID:830zij9fic

    Não vejo a hora da continuação, essa menina vai ser bem ensinada!!!!!

  • Responder Denise ID:830xmr68rc

    Bem contado. Esperando a hora do marido participar. Será que a Luna vai aguentar?