# # # #

De video-game à putaria (parte 2)

1505 palavras | 4 |4.81
Por

Continuação do conto anterior. ALERTA: Ficou um pouco longo!

Naquela manha de domingo acordei um pouco mais cedo do que costumava acordar; a noite toda tinha sido um tormento; sonhei duas ou três vezes que meus primos me comiam, acordava suado com o corpo tremendo de tesão e passava algum tempo tentando adivinhar quem tinha feito o que comigo naquele quarto escuro.
Me levantei; peguei uma toalha e fui ao banheiro, tomei um banho morno para tentar acordar de vez, quando fui lavar meu rego senti que algumas pregas realmente se foram e esse toque em meu cuzinho arrombado me encheu de tesão.
Quando pensei em me masturbar, ouço baterem na porta:
– Quem ta tomando banho uma hora dessas?
Era voz do meu tio, respondi:
– Sou eu tio!
Meu tio sempre foi grosso:
– Cagou na cama moleque? 6 horas da manhã é hora de tomar banho?
Abre aí que quero mijar! (Gritou)
– Calma tio, já vou…
– Agora porra! Se eu mijar no chão, te cubro de porrada!
Fechei o chuveiro e abri a porta me enrolando na toalha.
Meu tio entrou sem camisa e bermuda, mas com o pau já pra fora.
Meu tio um coroa de 40 anos; corpo bem definido pelo trabalho, cintura seca e coxas grossas!
Era primeira vez que eu olhava meu tio como um homem bonito; peitoral largo e peludo, tinha um caminho de pelos que desciam do umbigo ao paraíso rsrs…diga-se de passagem: Que paraíso!
O pau dele tava meia-bomba pela vontade de.mijar; deu pra notar que era bem roliça, a cabeça de rola muito maior que a minha com certeza…
– Tá olhando o que moleque? Nunca viu um homem mijar não?
– Que isso tio, eu…eu não…
– Que não, é o caralho! Tá olhando sim, tá virando viadinho é? Kkkkkkk
– Sai fora tio! Sou ho-homem…( falei meio sem convicção e tentando esconder minha ereção).
– Uhum! Tô sabendo rsrs…
Virei para parede e comecei a me secar; nesse momento minha sanidade mental me traiu, pois fiquei secando a parte da frente do corpo e me esqueci completamente que minha bunda estava totalmente amostra.
Para completar a cagada; ao secar minhas pernas e canelas empinei minha bunda para trás, nesse momento senti um tapa ardido na nádega esquerda que até amoleci as pernas:
– Que bundona de mulher que você tem hein Fabinho? Agora que notei rsrs
– Que isso tio? Tá ficando louco?
– Fiquei sim! Você oferecendo sua bundona pra mim, não resisti kkkkk
– Não ofereci porra nenhuma tio ( sem convicção de novo!)
– Ah muleque cê tu tivesse na cadeia e dá uma dessas, tava com o cu cheio de rola uma hora dessas kkkķ ia ser mãe-de-cela kkkk
– Aham! Sei…
Me enrolei na toalha e sai marchando bravo para o quarto.
Cheguei no quarto me deitei de toalha mesmo no colchão e fiquei pensando que diabos estava acontecendo comigo, até ontem era hetero convicto, e agora, estava analisando o corpo do meu tio e sentindo tesão em ver sua rola, que merda!
Nisso, Wallace levantou; me olhou deitado de toalha e apenas disse “bom dia” e seguiu para o banheiro de pau duro…Fiquei meio chateado, achei que ia comentar algo sobre a noite…Só passou com o pau duro na mão.
Preciso me concentrar; isso não tá certo, tenho namorada e gosto de mulher, ponto final!
Wallace voltou e já veio se jogando no colchão:
– Eae dormiu bem?
– Dormi sim…
– Você tá chateado?
– Com o quê?
– Hum…nada rsrs
Ficamos em silêncio por mais alguns segundos, e Wallace quebra o silêncio com essa:
– Você tem um cuzinho muito gostoso Fabinho, sabia?
– Ah tá? Sei!
Virei de costas para ele; como se realmente estivesse bravo, no fundo eu adorei o elogio rsrs.
– Verdade primo! Nunca comi um cuzinho tão guloso como o seu…
Diz isso me encoxando com a rola dura feito ferro.
Fiquei em silêncio tentando controlar minha ereção ao sentir aquela pica que tinha me arrombado a noite passada, mais uma vez atrás de mim…
– Quero de novo sabia? Voce de 4 rebolando pra mim…(disse isso e soltou a toalha da minha cintura).
Olhei por cima dos ombros com a cara mais feia que eu consegui fazer (estando excitando rsrs):
– Nem fodendo que vai rolar de novo!
Meu primo colou seu peitoral nas minhas costas, com uma das mãos, segurou o meu rosto para trás e me deu um selinho…
Fiquei paralisado com o pau pulsando e babando…
Nisso ele abaixa a toalha e encosta sua rola no meu rego, foi só aí, que notei que ele estava sem cueca:
– Sério? (um selinho) Nem fodendo? (outro selinho) Você não disse isso ontem quando minha rola estava encravada nesse cuzinho guloso, por que? (mais um selinho e o pau melado no meu rego caçando meu buraquinho no automático)
Antes que eu pudesse responder; ele cravou a pica no meu cuzinho enquanto enfiou a lingua na minha boca e me deu um beijo molhado, a cabeça deslizou com certa facilidade para dentro do meu rabo, o que me fez soltar um gemido manhoso…
– Você quer rola? (Começou um vai e vem cadenciado e sem pressa) Quer ou não quer? (Agora com um pouco mais de vigor, enfiando até o talo)
– Ainn?…Humm…não…na…não quero…hummm (rebolando e abrindo a banda do meu cuzinho pra ele ir mais fundo)
– Não quer né? (Socando com força, fazendo até barulho das bolas na minha bunda) Então, parei! (Desgraçado! Não é que ele parou mesmo?)
Todo aquele mastro enterrado no meu rabo; pulsando, mas parado. Meu cuzinho (tadinho) piscava e mordia aquela tora com vontade, meu corpo já viciado no vai vem, continuava a rebolar e abrir a banda da bunda pra ele:
– Eu quero seu puto! É isso que você quer ouvir? Eu quero!
– kkkkkk Você quer o quê? Me fala! (Filha da puta! Não se mexia mesmo!)
– Quero rola! Quero que voce me foda! De novo, de novo e de novo! Ta bom assim? Desgraçado!
– kkkkk tá ótimo minha putinha! Mas então diz pra mim que você vai ser minha putinha, 3 vezes!
– Eu vou ser sua putinha! Eu vou ser sua puti…ahhhhh (Desgraçado! Tirou tudo e empurrou de uma vez!)
Chupava minha orelha e mordia meu pescoço enquanto socava com força aquela tora dentro de mim.
Eu já tinha perdido minha coordenação motora; apenas me tremia todo e chorava baixinho o nome do meu macho:
– Ainnn Wallace! Aí Wallace! Ainn…hummm…me fode…fod…eeeee
Gozei sem por a mão; os jatos voaram pelo quarto melando colchão, chão, chinelo…uma loucura!
Enquanto eu tinha espasmos de tesão meu primo se levanta e me põe de 4 e me dá uma surra de pica que me fazia querer que ele entrasse todo dentro de mim.
Olhei para a cama do lado o Wander sentado nos olhando e se punhetando; a visão daquela pica, me tornou mais vagabunda, fiz cara de puta pra ele e sussurrei com voz de puta:
– Vem cá vem!
Ele num salto saiu da cama e veio em minha direção; empinei meu rabo todo para trás e engoli a tora do Wander toda babada, chupava a cabeça, descia até a base, estava totalmente descontrolado!
Pra mim, quanto mais rolas tivesse, mais rolas eu queria dominar; o barulho do pau do Wallace entrando e saindo inteiro do meu cu denunciava que já tava arrombado.
O som de sexo de 3 homens com tesão é uma verdadeira orquestra:
Os barulhos dos tapas estralados na minha bunda; do pau entrando e saindo com força, os gemidos do meu algoz, eu chorando e gemendo com a pica do meu priminho na boca e o Wander gemendo a cada mamada minha até o talo…
Fez com que os 2 gozassem ao mesmo tempo!
Wallace abriu minha bunda separando as bandas; enquato enterrava com força sua rola duro feito aço no meu cuzinho judiado, despejando toda sua virilidade em forma no meu cu guloso.
Wander puxou o meu cabelo me fazendo engasgar na sua rola, jogando fartos jatos de porra dentro da minha garganta, teve espasmos de tesão ao terminar de gozar e  sentir que eu não ia parar de chupar…
Só faltava eu; me concentrei em tudo o que estava acontecendo e mais uma vez minha pica fez todo o trabalho sozinha; comevei a gozar mais uma vez, apenas apreciando aquelas picas me usando como uma puta de esquina…gozei…
Estava no auge do meu orgasmo, no segundo ou terceiro jato, quando ouço:
– QUE PORRA É ESSA QUE TA ACONTECENDO AQUI???

Continua…

⏩ O melhor site de desenhos animados pornô do 🇧🇷, HQs eróticas🔥

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,81 de 21 votos)

Por # # # #
Comente e avalie para incentivar o autor

4 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Escritor mistério ID:5vaq00tfi9

    Começou só para quando não tiver homem nenhum por perto. Passivo quando leva no cu, não consegue parar de ter vontade de dar cu ainda mais vezes. Se leva uma quer duas…

  • Responder luiz ID:dlns5khrd

    Que conto maravilhoso!!! agora vai da ao titio bem gostoso, vai conhecer pica de verdade ja pensou num churasco com titio e amigos?

  • Responder VICIADO EM.PUTARIA ID:8d5iennt0k

    Mano! Seu conto é muito excitante! Estou acompanhando desde o começo e cada parte fica melhor!
    Não demore a postar a parte 3, pfv!

  • Responder Nelson. ID:g3iwbjb0c

    Caralho. Como é que para assim? Só pode ser o titio. Que delícia agora é só chamar ele pra brincar também e vamos gozar mais.